Made in Blog

Política, curiosidades, notícias, entretenimento, blogosfera,

Animais extintos que os cientistas querem ressuscitar

animais extintos

Dente de Sabre

01 – Smilodon – É um gênero extinto de felinos de dentes de sabre cujos machos podiam pesar até 300 kg. Apareceu na América do Norte no final do Plioceno e extinguiram-se na América do Sul durante o Great American Interchange (grande intercâmbio americano). Eles são famosos por seus caninos grandes, tornando-se um dos mais populares mamíferos pré-históricos. Eles morreram como resultado da suposta mudança climática no final do Pteistoceno.

animal_clonagem_2

02 – Daiji ou golfinho chinês do rio Yangize que em 2.008 foi declarado completamente extinto. O fim da espécie se atribui à pesca predatória, construções de represas, degradação ambiental e aos choques de embarcações com esses animais.

animais do passado

Mamute

03 – Mammuthus primigenius – Foi uma espécie da família dos elefantidos, adaptada ao clima extremo da Idade do Gelo, tinha o tamanho de um elefante medio atual.

Peixe-Boi

Vaca Marinha

04 – Hydrodamalis gigas – Vaca marinha (peixe-boi) – tinha oito metros, chegando a 10 em alguns casos, com peso entre 4 e 10 toneladas. Apeans 27 anos depois do descobrimento da espécie, em 1.741 pelo médico Georg Wilhein Steller, integrante da espedição rusa de vitus Bering frente a península de Kamchatka, foi abatido o último exemplar.

Lobo Marsupial

Tigre da Tasmânia

05 – Lobo marsupial, lobo da Tasmânia ou tigre da Tasmânia – foi o marsupial carnívoro mais grande do mundo. Os adultos mediam entre 100 e 180 centímetros de comprimento, pesavam entre 20 e 30 kilogramas. O maior exemplar conhecido media 290 centímetros. Acredita-se que se extinguiu no século XX.

paloma passageira

Paloma Migratória

06 – Paloma migratória ou paloma passageira (Ectopistes migratorius). Em apenas um século passou de uma ave mais abundante da américa do norte, talvez do mundo, a uma espécie extinta devido a caça predatória com objetivo de aproveitar suas penas, carne, etc.

Bucardo

Capra Pyrenaica

07 – Bucardo (Capra pyrenaica). Em 05 de janeiro de 2.000 foi encontrada morta a última bucarda que vivia na Espanha. Era uma subespécie da cabra montés que foi exterminada diretamente pelos humanos.

Equua

Cunga

08 – Cuaga ou quagga – (Equus quagga). Fou uma subespécie da zebra comum, mas tinha pelos pardos. Vivia no sudeste da África do Sul. Em 1.883 morreu o último exemplar, que vivia no cativeiro de um zoo de Amsterdam. Por tudo isto, é o único animal extinto cujo DNA foi extraído, sequenciado e estudado em sua totalidade.

Heteralocha

Muia

09 – Huia (Heteralocha acutirostris). Vivia na ilha norte da Nova Zelândia, com um comprimento de cerca de 45 centímetros. Extinto no início do século XX devido à caça predatória e ao desmatamento da ilha.

Genero Moho

Moho

10 – Gênero Moho. Inclui quatro espécies de Oos, que povoaram as ilhas do Havaí, hoje estão extintos. Acredita-se em três causas principais de sua extinção: perda de seu habitat natural, caça predatória pelas suas plumas (penas), e gripe aviária.

clonagem de animais

Animais Extintos

11 – Cotorra de Carolina (Conuropsis carolinensis). Foi a única espécie de papagaios dessa espécie da América do Norte, com seu habitat natural a leste do Mississipi. Os últimos desapareceram no início do século XX. Como possíveis causas estão o desmatamento, caça por causa das plumas coloridas (utilizadas em sombreros de mulher, enquanto os agricultores os consideravam uma praga), espécies invasoras e infecções: segundo os zoólogos, é muito provável que as cotorras tenham sucumbido às enfermidades das aves de corral.

Ara tricolor

Guacamayo

12 – Guacamayo cubano (Ara tricolor). Uma espécie da família dos papagaios que habitava as ilhas de Cuba. Desapareceu no final do século XIX devido a caça predatória (eram os animais preferidos dos reis da Espanha) e pelo desmatamento.

Raphus Cuculathus

Dodo ou Dronte

13 – Dodo o dronte (Raphus cucullatus). Ave das Ilhas Maurício, Oceano Índico. Tinha relação com as palomas, mas que tinham deixado de voar e tornado-se terrestre. Essa ave ficou imortalizada em Alice no país das maravilhas, de Lewis Carroll. A propagação de novas espécies pelos colonos na ilha, inclusive cerdos, macacos, cachorros, gatos, ratos, e a aparição de novas enfermidades, acabou com a espécie: o último exemplar foi visto em 1.662.

bos primigenius

Uno Euroasiático

14 – Uno euroasiático – (Bos primigenius ou Bos taurus primigenius). Desapareceu devido a caça, desmatamento e domesticação. A última subespécie extinta era da Europa, com a morte do último em um bosque da Polônia em 1.627.

Epiomitidus

Aves Elefantes

15 – Epiomítidos ou aves elefante (Aepyornithidas). Aves de Madagascar que não voavam. Podiam pesar até 550 kilos e chegar a 3 metros de altura e 2,3 sw comprimento. Seus ovos eram excepcionais e chegavam a 30 centímetros de diâmetro, 12 kilos de peso e até nove litros de capacidade (para se ter uma idéia, equivaliam a sete ovos de avestruz). Segundo os zoólogos, a principal causa de seu desaparecimento foi a depredação de seus ovos, mais que a caça direta do animal.

labrador

Camptorbynchus Labradorus

16 – Pato Labrador (Camptorhynchus labradorius). Vivia na América do Norte. Sua população sempre foi muito pequena e se desconhecem as causas de seu desaparecimento. O último exemplar foi visto em 1.878.

gallo

Tympanuchus

17 – Tympanuchus cupido, uma subespécie do gallo (urogallo grande) vivia na América do Norte. Um dos aspectos mais famosos destas aves é o ritual de acasalamento. Sua população era abundante, mas perdeu seu habitat natural e sua extrema popularidade na gastronomia local causaram sua extinção para o ano de 1.932.

Ammodrammus Maritmus

Ammodrammus Maritmus

18 – Ammodrammus maritmus – Gorrión costero oscuro. Era uma subespécie não migratória dos gorriones sabaneros marinhos e viviam na flórida. Seu número começou a reduzir drasticamente nos anos de 1.940, quando a população local começou a usar amplamente o DDT (dicloro difenil tricloroetano) para controlar os mosquitos. Em 1.990, a subespécie foi oficialmente declarada extinta.

Monachus Tropicalis

Foca Monja do Caribe

19 – Foca monje do Caribe (Monachus tropicalis).Era a única foca que habitava exclusivamente regiões tropicais. Media entre 2,20 e 2,40 metros e pesava 130 kilos. Tinha pelo castanho em todo o corpo, menos no ventre. Era caçada pela sua pele e alimento, etc. Era considerada ameaça para os peixes, causa de seu extermínio. Sua extinção foi declarada em 2.008 pela União Internacional para a conservação da Natureza, enquanto a Convenção sobre o Comércio Internacional de Espécies Ameaçadas da Fauna e Flora Silvestres ainda a considera apenas possivelmente extinta.

Carpinteiro Imperial

Picamaderus Imperial

20 – Picamaderus imperial ou carpinteiro imperial (Campephilus imperialis). Seu habitat natural foi os bosques e pinos do México. sua extinção foi o desmatamento.

21 – Picamaderus picomarfil ou carpinteiro real (Campephilus principalis). Era um dos maiores carpinteiros (pica-paus) do mundo: media entre 48 e 53 centímetros, pesava entre 450 e 570 gramas. Devido ao desaparecimento quase total de seu hbitat natural (sudeste dos EUA) e a caça predatória, seu número reduziu a tal ponto que não se pode dizer com segurança se ainda existe.

22 – Alca gigante ou imperial (Pinguinus imnnis). Era maior alca do mundo e boa para nadar. Desapareceu em meados do século XIX, devido a caça predatória, tanto por parte dos humanos como por outros animais.

23 – Mastodonte americano, a espécie mais recente de mamutes, jamais conhecida. Acredita-se que desapareceu na América do Norte, durante a extinção em massa da megafauna do Pleistoceno, devido supostamente a mudanças climáticas.

24 – Dinornítidos ou moas (Dinorníthidas). São conhecidas dez espécies desta família, de diferentes tamanhos: desde o Eurayapteryx curtus, do tamanho de um gallo, até as moas gigantes que mediam até 3 metros de altura e pesavam 250 kilos. Sua extinção ocorreu há 500 anos devido a caça.

Fonte: RT

Animais bizarros

Animais exóticos

março 10, 2014 Posted by | Ciências | , , , | Deixe um comentário

Mistérios científicos sem solução

mistérios sem solução

Mistérios Científicos

01 – O que aconteceria se uma pessoa caísse em um buraco negro?

Recentes estudos sugerem que uma pessoa enfrentaria o “paradoxo firewall” (paradoxo das paredes de fogo de um buraco negro), e seria queimado. Essa teoria poderia fazer com que algumas leis básicas da física fossem questionadas.

02 – Por que um tomate possui mais genes que um ser humano?

Os tomates tem mais de 30.000 gene, enquanto os seres humanos tem entre 20.000 e 30.000. Este fenômeno foi objeto de numerosos estudos nos últimos anos e chegou a ser conhecido como o paradoxo do valor C, que indica a ausência de uma correlação entre o tamanho físico e a complexidade do genoma dos organismos.

03 – Onde estão os alienígenas?

Este mistério é conhecido como o paradoxo Fermi e consiste no seguinte: há bilhões de estrelas nas galáxias que são maiores que o nosso Sol. Algumas delas devem ter planetas similares a Terra em seus sistemas e, presumivelmente, em alguns deles deve ter se desenvolvido vida inteligente e algumas dessas civilizações deveria haver desenvolvido a capacidade de empreender viagens interestelares, assim, os astrônomos se perguntam como até agora os habitantes da Terra não encontraram estes alienígenas que viajam pelo espaço.

04 – Como funciona o efeito placebo?

Uma pessoa recebe um remédio fictício, como uma pílula de açúcar, fazendo parecer que é real, e o remédio causa efeito de fato.

O que faz esse mistério ainda mais estranho é que parece funcionar inclusive quando o paciente sabe que está tomando pílula de açúcar. Além disso, não se trata só de medicamentos: o efeito placebo também funciona em casos mais extremos, como quando uma pessoa pensa que fez uma cirurgia, mas na realidade não sofreu nenhuma intervenção cirúrgica.

05 – Teria a sonda espacial Viking encontrado vida em Marte nos anos 70?

A sonda viking, enviada a Marte em 1.976, realizou três experimentos para determinar a existência de vida no Planeta Vermelho. Um deles deu resultado positivos, mas os outros experimentos não, por isso o primeiro também foi descartado. Entretanto, em 2.012, uma equipe de cientistas voltou a examinar os dados do programa Viking utilizando uma nova tecnologia e chegou a desafiar o veredicto sobre a ausência de vida em Marte.

06 – Que origem tem as estranhas manchas escuras de Marte?

Aparecem nas estações quentes formando barrancos e desaparecem quando as temperaturas baixam. Os cientistas sugerem que o fenômeno poderia ocorrer por causa de água congelada que se aquece e flui para a superfície montanhosa, mas os satélites de reconhecimento em Marte da NASA não detectaram água nessas zonas do planeta vermelho.

07 – Como pode existir água líquida na era glacial da Terra?

Naquele tempo, o Sol era mais débil que agora e sua influência não era tão grande como para derreter o gelo na terra. Entretanto, as investigações geológicas mostram que havia água líquida na superfície de nosso planeta entre 3.8 e 2.4 bilhões de anos atrás. Há algumas teorias a respeito, mas nenhuma delas oferece uma explicação irrefutável sobre este mistério.

08 – Por que algumas zonas do oceano tem níveis de fitoplacton misteriosamente baixos?

Há áreas do oceano na Antártida onde o nível de nutrientes é alto, mas o nível de presença de titoplancton, capaz de se nutrir com a luz solar, é surpreendentemente baixo. Os biólogos tem duas possíveis explicações para o fenômeno, mas no momento ainda não há solução clara para esta questão, conhecida como paradoxo da Antártica.

09 – Por que as baleias azuis não adoecem de câncer com mais frequência que os humanos?

Não parece haver nenhuma correlação entre o tamanho de uma espécie animal e a velocidade que adoecem de câncer.

Este fenômeno foi batizado como paradoxo de Peto, em homenagem ao biólogo britânico Richard Peto.

Dado que o câncer começa com as mutações nas células de um animal, os cientistas acreditam que os mamíferos com mais células deveriam mostrar uma maior propensão a contrair esta enfermidade. Não obstante, isto parece não corresponder com a realidade.

10 – Por que os imãs sempre tem dois polos?

Não importa quantas vezes se divide um imã pela metade: o objeto resultante sempre terá dois polos.

A mecânica quântica diz que deve haver monopolos magnéticos, mas apesar do que recentemente havia sido descoberto em laboratório, nunca encontramos um no mundo natural.

11 – Por que a época do Eoceno era tão quente?

Entre 56 e 34 milhões de anos, as evidências geológicas mostram que as temperaturas nos polos da Terra poderiam haver alcançado entre os 15 e 20 graus centígrados. A causa de haver um clima tão quente durante esse período ainda não foi descoberto.

12 – Que longitude tem exatamente a costa do Reino Unido? Os contornos das ilhas britânicas formas de um padrão peculiar e até agora sua longitude não foi bem definida.

13 – Por que a atmosfera do Sol é muito mais quente que sua superfície?

A atmosfera do Sol conhecida como coroa (corona), estende-se por mais de um milhão de kilômetros de sua superfície e alcança temperaturas de dois milhões de graus centígrados. Não há explicação para a temperatura ser tão alta em comparação com os 5.000 graus da superfície de nossa estrela.

14 – De onde vem os raios cósmicos mais energéticos?

O GZK é o limite superior teórico da energia dos raios cósmicos e está estabelecido pela teoria da relatividade de Einstein. Mas os físicos do Observatório Akeno, Japão, descobriram raios cósmicos que superam este limite.

Não há fontes que possam estar produzindo-os próximo da Terra, por isso sua origem é um verdadeiro mistério.

Fonte: RT

março 3, 2014 Posted by | Ciências | , , , , | 3 Comentários

Palinopsia transforma o cérebro em Matrix

palinopsia

Efeito Matrix

“A palinopsia é um sintoma pouco frequente, embora de difícil diagnóstico, já que não pode ser facilmente identificado através de clínica geral e, portanto, não se aprofunda no tratamento”, opina o neurologista espanhol Eduardo de Pablo, que descreveu recentemente um caso observado no Hospital 12 de Outubro, em Madrid, Espanha.

Sua paciente, uma jovem de 23 anos, via imagens superpostas de objetos em movimento, “como os agentes do filme “Matrix”, esquivando-se das balas de Neo”, segundo descreveu a jovem.

Além disso, um professor venezuelano relatou que via imagens que já havia visto minutos ou horas antes, e que voltavam a aparecer da mesma maneira, mas em locais diferentes. O professor foi diagnosticado com palinopsia, provocada por um tumor benigno que detectaram em seu cérebro.

Rafael Muci, membro da Academia Nacional de Medicina da Venezuela, salienta que “é um sintoma que os médicos não estão dispostos a se aprofundar, tampouco os pacientes se queixam. Principalmente se estão intactos neurologicamente, sentindo-se bem, mesmo sem tomar medicamentos.

Tecnicamente, esta multiplicação de imagens com um único estímulo visual “é geralmente considerado um desequilíbrio transitório do cérebro, incapaz de afetar a informação espacial e visual de maneira consistente”, explica De Pablo. Este sintoma estranho também tem sido observado em pessoas que receberam golpes na cabeça e que estavam sob a influência de antidepressivos e quimioterapia, como drogas como a marihuana e o ácido lisérgico (LSD).

“Estes sintomas e sua associação com os diferentes tipos de lesões, são muito úteis para compreender melhor tanto as funções das diferentes áreas do cérebro, como as associações entre elas, as vias de comunicação e os neurotransmissores, as moléculas para transmitir informações entre neurônios”, explica o neurologista espanhol.

“Esses mecanismos são comuns à várias doenças, o que pode proporcionar tratamentos comuns, dependendo da causa”, acrescenta.

Os cientistas dizem que estudo palinopsia, sintoma de que uma imagem observada reaparece depois de horas ou na vida parece em ‘Matrix’, poderia ser muito útil para entender melhor as funções das diferentes áreas do cérebro.

Fonte: RT

Sonambulismo

Em estado de transe

O mistério do sonambulismo

A obscura natureza da mente humana

O que uma pessoa com epilepsia sente

Epilepsia – Quando a mente tem um ataque

O despertar para a superconsciência

fevereiro 10, 2014 Posted by | Ciências | , , , , , | 4 Comentários

Médico descobre que é louco

Pesquisa sobre a loucura

Médico Louco

Um professor americano de Neurologia descobriu que era psicopata enquanto realizava uma investigação sobre psicopatia. Em vez de ficar desesperado e ocultar o fato, decidiu continuar o estudo e acaba de publicar um novo livro.

James Fallon, professor emérito de Anatomia e Neurobiologia na Universidade da Califórnia, durante 40 anos, dedicou-se a estudar os problemas da psicopatia e comportamento violento. Depois de conhecer a longa história da delinquência entre seus pacientes, entre os quais pelo menos sete suspeitos de assassinato, incluindo a famosa assassina Lizzie Borden, decidiu estudar também os membros da família. Durante uma pesquisa às cegas, examinou as imágens PET (Tomografia por emissão de positrons) de vários assassinos, esquizofrênicos, Psicopatas e outros intercalados com pessoas normais, entre os estavam scanners cerebrais de sua família e o seu próprio exame.

Entre as tomografias cerebrais que pertenciam aos membros de sua família, encontrou uma imagem que demonstrava uma atividade reduzida nas áreas do lóbulo frontal e temporal, responsáveis pela empatia e moral, bem como do auto-controle, que normalmente está relacionada com o comportamento psicopático. Ele decidiu romper o lacre que o impedia de saber a quem pertencia e assim foi como descobriu que o psicopata era ele, já que o exame era de seu próprio cérebro.

Primeiro decidiu voltar a comprovar a hipótese de estas áreas específicas eram realmente as responsáveis pelo comportamento dos psicopatas, mas depois de um exame minucioso neurológico, genético e comportamental, confirmou que definitivamente era um psicopata. Decidiu continuar com o estudo e finalmente publicou, no mês passado, um livro intitulado “Psychopath Inside” (Psicopata Interior), onde explica que uma pessoa normal que nunca matou ou estuprou alguém, pode ter os mesmos sinais anatômicos que os assassinos em série.

Fallon se auto-denominou “psicopata pró-social”, um tipo de psicopata bom que, apesar de não sentir empatia, é capaz de corresponder a às normas sociais e até mesmo ser bem sucedido em seu trabalho e ter boas relações com outras pessoas, como é o seu caso, um cientista extraordinário e bem casado.

Atualmente a psicopatia é um transtorno mental que requer uma investigação aprofundada. Não aparece na lista de enfermidades do Manual Diagnóstico e Estatístico de Transtorno Mentais, porque nada tem a ver necessariamente com um comportamento instável ou violento. Ser um psicopata não equivale a ser um assassino, no entanto, pode determinar outro tipo de comportamento perigoso.

Faltam por estudar os fatores que determinam os diferentes tipos de comportamento entre pessoas com os mesmos tipos de cérebros, apesar de que os indivíduos que nascem e crescem em áreas perigosas, como em zonas de conflitos militares, correm o risco de se tornar delinquentes violentos, adverte.

Fallon acredita que seu sucesso se deve a uma infância feliz, graças ao amor e atenção de seus pais. No entanto, ele admite que não é uma “boa pessoa”. “Eu sou irritantemente compulsivo. Não deixo meus netos ganhar nos jogos”, confessa. Entretanto, ele sabe moderar seu comportamento, inclusive se sentir agredido. Prefiro brigar com palavras a dar golpes”, diz o cientista.

Fonte: RT-TV

Nossa própria cura

Mentes perturbadas

Extremista político

A história de Wellington Menezes

Lavagem cerebral

Descobertas interessantes sobre o cérebro

Cérebro que mente

Piores experimentos americanos com humanos

novembro 24, 2013 Posted by | Ciências | , , , , , , , | Deixe um comentário

Acelerador nanotecnológico de partículas

Universo num grão de arroz

Acelerador de Partículas

Cientistas americanos criaram um chip-laser capaz de acelerar os elétrons a uma velocidade dez vezes maior que a tecnologia convencional, tudo em dimensão nanotecnológica.

As dimensões do Large Hadron Collider (LHC em inglês) que é o mais potente acelerador de partículas do mundo, são extraordinárias. O acelerador está localizado em um túnel em forma de circunferência de 27 quilômetros, enterrado sob a fronteira franco-suíça. Com ele foi possível realizar experimentos sofisticados que já estão ajudando a decifrar os mistérios da física e compreender as origens do universo.

Poderia tudo isso ser reduzido ao tamanho de um grão de arroz? Cientistas do Centro de Stanford Linear Accelerator (SLAC em inglês) e da Universidade de Stanford, EUA, mostraram que é possível, segundo o portal científico Tendências21.

Os cientistas conseguiram introduzir em um chip de vidro nanoestruturado de uns 3 milímetros, um laser capaz de acelerar os elétrons a uma velocidade de dez vezes maior que a tecnologia convencional consegue.

Em seu potencial máximo, o novo acelerador pode alcançar 30 metros, o mesmo poder de aceleração que alcança o acelerador linear SLAC em dois quilômetros, e emitir um milhão a mais de pulsos de elétrons por segundo.

Segundo os autores do experimento, fabricar este chip é fácil e barato, por isso, em sua opinião, essa conquista abre caminho para novas gerações de aceleradores de escritório, como foram chamados pelos pesquisadores.

“Todavia temos vários desafios a serem superados, antes que esta tecnologia se torne acessível no mundo real, mas poderia ajudar a reduzir substancialmente o tamanho e o custo dos futuros aceleradores de partículas para explorar o mundo das partículas e forças fundamentais”, explica Joel England, físico do SLAC que dirigiu os experimentos.

Além disso, este novo acelerador poderia ser utilizado para obter fontes de raios X portáteis para melhorar a segurança e assistência médica, e fornecer imagens (chapas) mais econômicas para hospitais e laboratórios, segundo seus criadores.

Fonte: RT-TV

Desafios da nanotecnologia

Computador biológico

Nanotecnologia – O limite humano

Top produtos de nanotecnologia

outubro 6, 2013 Posted by | Ciências | , , , | Deixe um comentário

Fatos importantes da semana

Energia Solar

Energia Renovável

01) Nicolás Maduro denuncia conspiração para assassinar Henrique Capriles

Nicolás Maduro foi às redes de TVs e denunciou um complô para assassinar Capriles e torná-lo culpado, fato que o comprometeria nas eleições nos próximos dias. Além de fazer a denúncia, o presidente interino deu o nome dos bois: “Roger Noriega, Otto Reich, funcionários do pentágono e da CIA”.

Extremistas americanos de direita, ligados ao grupo de Noriega, com o ex-embaixador dos EUA na OEA, e Reich, embaixador americano na Venezuela, estariam querendo promover um caos até o próximo dia 14 de abril, quando Nicolás tem grande chance de legitimar o seu cargo, através do voto popular.

Texto completo: RT-TV

02) Inaugurada nos Emirados Árabes a maior obra para geração de energia solar do mundo

O maior projeto de energia solar foi inaugurado hoje em Abu Dabi, pelo presidente, Jalifa bin Zayed al Nahyan, com um custo de aproximadamente 600 milhões de dólares e participação da empresa espanhola Abengoa.

O projeto “Shams 1” (Sol 1) foi construído no deserto de Madinat Sayed, numa das regiões mais ensolaradas e quentes do mundo. Localizada a cerca de 120 Km ao sudoeste de Abu Dabi, capital dos Emirados Árabes Unidos.

A obra foi construída por um consórcio internacional formado por Masdar (60%), Emirados Árabes unidos; Total (20%), França; Abengoa (20%), Espanha, encarregada de operar a central.

Os números são impressionantes: 10% da energia solar do mundo, 2,5 Km quadrados, 768 coletores, capacidade de produzir 100 megawats

Texto completo: RT-TV

03) Arábia Saudita e ìndia se unem criando uma das maiores forças econômicas do mundo

Os dois países possuem duas das maiores reservas de ouro do mundo, além disso, a Índia é uma das maiores potências mundiais em telecomunicações, desenvolvimento de redes elétricas e tecnologias informáticas.

A Arábia Saudita anunciou que pretende investir pelo menos 624 milhões de dólares na economia da Índia, uma das economias que já recebe mais investimentos do mundo.

O comércio entre os dois países, que já está em cerca de 37 milhões de dólares, poderá aumentar muito mais, caso a Arábia Saudita renuncie ao petróleo do Irã, devido as Sanções impostas pelos EUA. O Irã, por sua vez, perderia os atuais 11,5 milhões de dólares de exportação de petróleo.

Com isso a Arábia Saudita fortaleceria sua importância no Oriente Médio, conteria a expansão da China, maior concorrente da ìndia, e ainda poderia diminuir a influência do Irã na região.

Texto completo: RT-TV

04) Novo presidente chinês faz discurso moderado

Em seu primeiro discurso, desde a posse em 14 de março, Xi Jinping, o novo presidente chinês falou em resurgimento da China; luta pela classe média; fortalecimento do socialismo, respeitando as características da China.

O presidente também disse que precisa reforçar o exército e melhorar o sentimento de patriotismo dos chineses.

Texto completo: RT-TV

05) Argentina e Brasil tomam posturas protecionistas

A Europa já estava preocudada com as decisões que a Argentina vinha tomando nos últimos anos, também começa a ficar preocupada com a postura protecionista do Brasil.

Diante da crise, países como o Brasil sentem os efeitos, principalmente na indústria. Apesar do país ser auto-sustentável, tem o problema de falta de patriotismo, como na China. Com isso, os gastos no exterior aumentam, obrigando o governo a aumentar as restrições.

Texto completo: RT-TV

março 19, 2013 Posted by | Ciências | , , , , , | Deixe um comentário

Primeiro voo europeu em gravidade zero

Avião sem Gravidade

Viagem Espacial

Os passageiros do Airbus A330 Zero-G foram os primeiros europeus a desfrutar de um voo especial sem gravidade. Vôos comerciais como estes já haviam sido registrado nos EUA e Rússia.

Avião no Espaço

Avião no Espaço

Ao longo da viagem que partiu do aeroporto Bordeaux-Merignac de Burdeos (França), as quarenta pessoas que estavam a bordo do avião, apenas um cientista, tiveram quinze sessões de 22 segundos cada, durante 5 minutos. A gravidade chegou a zero devido a uma série de manobras que eliminaram a gravidade.

Estes exercícios permitem descender o ar de maneira controlada para que se consiga um estado livre de vácuo no interior do avião, permitindo criar um efeito de microgravidade durante curtos períodos de tempo.

Na prática, o avião foi elevado até 8.500 pés, por 20 segundos, com um ângulo máximo de 47 graus, mantendo-o nessa altitude durante 22 segundos. Depois deixaram o avião cair, com um ângulo de 42 graus, chegando até os 6.000 pés.

Manobra Gravitacional

Manobra Gravitacional

A primeira manobra colocou a tripulação em “gravidade marciana”, gravidade que permite sentir apenas um terço da massa corporal, seguido de mais duas manobras em “gravidade lunar”(1/6 da massa do corpo), e, finalmente, 12 outras manobras sem gravidade.

Segundo descreveram os organizadores do experimento, a partir de agora os vôos deste tipo serão regulares. Além disso, eles disseram que todas as passagens para os anos 2.013 e 2.014 já estão esgotados, apesar do valor, 6.000 euros cada.

Fonte: RT-TV

Lotação do futuro

março 17, 2013 Posted by | Ciências | , , , , | Deixe um comentário

É preciso ver para acreditar

Ciência e Religião

Ciência e Religião

Uma expressão aparentemente simples, poderia ser considerada a máxima dos ateus, mas analisando mais de perto, podemos nos surpreender.

Até um discípulo de Jesus Cristo entrou em conflito e protagonizou um dos momentos mais emocionantes dos livros sagrados.

É preciso ter muita sensibilidade para acreditar, e há quem diga que a verdade está em tudo o que você sente. Acontece que nem tudo o que sentimos pode ser visto, e é justamente nesse ponto que a humanidade perde o sentido da verdade sentida.

Normalmente as pessoas tendem a acreditar no que vêem e sentem, mas isso baseado em seus sentidos vitais, cientificamente falando. Entretanto, a própria ciência já detectou falhas nos chamados sentidos vitais.

Durante alguns experimentos, não me lembro onde e nem quando, algum cientista louco separou os bebês de suas mães, a ideia era provar que os bebês poderiam aprender a sobreviver. O experimento foi um fracasso, devido a falta de algo que o os cientistas ignoravam, amor materno, mas há relatos de bebês que sobreviveram com a ajuda de animais, os mais famosos são os lendários fundadores de Roma.

Quando sonhamos, vivemos uma experiência virtual de vida, vendo, ouvindo, sentindo, etc. Os sonhos maus são considerados pesadelos, mas na realidade são os mesmos sonhos.

Não dá para dizer o que é sonho e o que é pesadelo, simplesmente porque não lembramos da maioria deles.

Entretanto, em sonhos leves, ou pesadelos leves, lembramos das experiências vividas. Tudo se torna mais real, impressionante e, em caso de pesadelos, assustador.

É aqui que vivemos o despertar para a superconsciência, numa região do cérebro em que a realidade e a fantasia estão por um fio. Pessoas que tem sonhos lúcidos, podem acordar em seus próprios sonhos, tornando-os ainda mais reais.

Quando um mágico realiza os seus truques, supostamente não passa de uma ilusão ou trapaça com a nossa percepção, mas, será que é isso mesmo?

Os cientistas são aceitos e admirados, não só por terem criado ou descoberto algo, mas também por provarem o que já se conhece. Qualquer pessoa que revele ou realize uma atividade que não possa ser provada, será considera uma bruxa, ou bruxo, e terá sérios problemas.

Essa limitação da percepção humana, não é explorada só por mágicos e cientistas. Muitas pessoas estudam essas fronteiras atrás de respostas, outras tem interesse em controlar as massas com esses conhecimentos.

Alguns animais, como os cães, possuem super sentidos e foram muito importante para as conquistas dos seres humanos, ao longo de suas jornadas na Terra. Mais raramente, alguns seres humanos surpreenderam o mundo com sua capacidade extra-sensorial.

Não seria surpresa se algum dia descobríssemos vestígios de alguém que pudesse ter controlado toda uma nação de pessoas ignorantes, apenas porque possuía uma percepção superior.

Os cães podem ter seus sentidos vitais super desenvolvidos, mas é entre os seres humanos que são constatadas curiosidades muito além dos sentidos vitais. Ciganas, videntes, artistas de circo e alquimistas, só para citar alguns exemplos, além dos líderes religiosos.

Talvez por ter uma capacidade de processamento cerebral maior, o ser humano se destaque, não no campo dos sentidos vitais, mas no poder da mente.

Pessoas poderosas manipulam e forjam meias verdades, no intuito de ganhar muito dinheiro. Manipulação tornou-se um jogo perigoso, nos realities shows, mas cobaias não faltam.

Poucas pessoas deixam de acreditar no que ouvem e vêem, mas se esquecem que mesmo os sentidos necessários a sua sobrevivência, poderá enganá-los. Entretanto, não há dúvidas sobre o mal caratismo político e, mesmo descobrindo a verdade, não fazemos nada, falta-nos a crença de que podemos vencê-los.

As religiões apresentam uma realidade além de nossa percepção vital, mas não além de nosso sentimento. Até a PPP se aproveita disso: enquanto os políticos procuram insistentemente nos convencer de que são confiáveis, fingimos acreditar que pelo menos um esteja falando a verdade, que esteja sendo sincero.

Se votamos baseado no que sabemos, votamos às cegas, já que não sabemos nada. Entretanto, há uma pequena diferença entre os políticos corporativos – aqueles ligados as grandes empresas e bancos multinacionais, que conseguem tomar posse de nossas riquezas, mesmo sem cometer nenhum crime, e os políticos socialistas, aqueles que subestimam o poder e acabam revelando suas intenções.

Com a liberdade de acesso as informações através da internet, estava bem mais difícil ocultar verdades e crimes, mas ficou bem mais fácil conspirar. Para evitar serem responsabilizados pelos seus atos, organizações foram criadas, sites onde as verdades inconvenientes, ou convenientes eram divulgadas.

A censura da internet acabou com esse sonho de mudanças e favoreceu os poderosos que ainda podem manipular de maneira anônima, já que são eles que policiam o mundo.

Entretanto, há pessoas que não estão sujeitas às manipulações e que já enlouqueceram devido a tantas verdades que conhecem, é preciso estar atento para essas pessoas, de fato elas conseguem ver o que não podemos.

By Jânio

Ciência cega

Milagres existem

Ciência social insensível

Deus existe

Fantasmas existem

Espírito da alma

Profissões em baixa em Portugal

Obscuro universo do átomo

fevereiro 23, 2013 Posted by | Ciências | , , , , , , | 3 Comentários

Cientistas criam uma pele quase perfeita

pele de laboratório

Pele Artificial

Um grupo de físicos criou um material super flexível que serve como condutor de eletricidade e é capaz de se reestabelecer por si só de cortes e arranhões.

Com esses atributos, a invenção pode ser utilizada como base para o couro sintético. A equipe de cientistas, dirigida por Zhenan Bao da Universidade de Stanford, EUA, passou 20 anos tentando reproduzir um tipo de material artificial com as características principais da pele humana: flexibilidade, resistência, sensibilidade e capacidade de curar-se de lesões. Assim, em 2.010, Bao e seus colegas criaram um material flexível capaz de sentir o contato e a pressão.

Nesse novo trabalho, publicado na revista “Nature”, os autores decidiram imcorporar à pele artificial, propriedades da pele viva. Ao utilizar um polímero especial e nanopowder níquel de hidrocarbonetos, os físicos foram capazes de dar a sua invenção a capacidade de se reestabelecer em “apenas alguns segundos”.

Os autores ficaram orgulhosos com a criação do incrível material, considerando-se que a pele humana normalmente levaria vários dias para curar-se de uma ferida.

Os pesquisadores acreditam que seu invento despertará a atenção dos médicos e cientistas que desenvolvem próteses de pernas e braços. Segundo eles, “o escopo deste material não é limitado”, porque ele também pode ser adaptado para ser usado como um “sensor para as telas de dispositivos móveis e outros equipamentos. “De acordo com eles, nos últimos anos, os cientistas têm inventado vários outros materiais com esta capacidade, mas que não conduzem eletricidade e têm vários inconvenientes.

Fonte: RT-TV

novembro 13, 2012 Posted by | Ciências | , , , , , , | Deixe um comentário

Física quântica vai revolucionar a internet.

revolução informática

Teletransporte de Informações

Desde 1.993, quando o pesquisador da IBM, Charles Bennet, confirmou que o estado quântico de um objeto, ou seja, sua estrutura básica poderia teoricamente ser transportada. A partir de então, começou uma intensa luta para desenvolver essa tecnologia.

Vários países do mundo investem milhões na tecnologia que usará satélites espaciais para transmitir a informação quântica digitalizada, o que poderá mudar profundamente a comunicação a nível global.

Em primeiro lugar, essa tecnologia representa segurança. O teletransporte quântico dará um forte impulso ao desenvolvimento de criptografia e computação quântica, assim como nos sistemas de telecomunicações, capazes de obter transmissões instantâneas de dados. Isso é o que sonham os serviços secretos de todo o mundo, pela simples razão de que esses canais de comunicação serão 100% resistentes a escutas e piratas da informação.

Desde o início foi concebido, com base nas leis da física quântica, que uma substância muito pequena poderia ser transportada de um lugar para outro, sem sair de sua posição original. Não se trata de transportar a matéria mas, sim, a estrutura de um objeto. A ideia é separar uma partícula subatômica de seu estado quântico.

“Uma vez alterado o estado de uma partícula, uma cópia sua poderá ser recriada remotamente”. Afirmou Charles Bennett, cientista que trabalhou para a IBM, autor da teoria do teletransporte quântico.

Desde que foi descoberta essa possibilidade, cientistas de vários países vem desenvolvendo experiências cada vez melhores, relacionadas ao teletransporte de partículas.

Este ano, duas equipes: uma da China e outra composta por cientistas da Áustria, Canadá, Alemanha e Noruega, conseguiram transferir propriedades físicas de uma partícula de luz (fótons) via raio laser 97 e 143 km, respectivamente. Assim, tais experimentos ficaram bem além do recorde anterior, de 16 milhas, estabelecido por uma equipe chinesa em 2.010.

Os fótons da física moderna são partículas elementares portadoras de todas as formas de radiação eletromagnética. Tem massa invariante zero e são capazes de se mover a velocidade da luz.

A tecnologia desenvolvida inclui dois links ópticos, um convencional e outro quântico, fontes gêmeas de fótons emaranhados e muitas vezes não correlacionadas com frequência e detectores de fótons individuais de níveis de ruídos ultra-baixos.

Com essas conquistas, vários cientistas já estão pensando na fase seguinte: canalizar a informação em partículas de um satélite em órbita da Terra.

Traduzindo: esta tecnologia permitirá que espiões transmitam grandes volumes de informação ou desenvolver uma codificação que não se poderia “hackear”.

Se desenvolvidos, os tais computadores quânticos seriam mais potentes e pequenos, exigindo “teletransporte” para uni-los a uma versão quântica da internet.

A China já planeja lançar um satélite com teleportador experimental deste tipo em 2.016, enquanto as agências espaciais da Europa, Japão e Canadá também esperam lançar seus próprios projetos de teletransporte, via satélite, nos próximos anos.

É digno de nota que os EUA ficarão para trás por razões burocráticas, já que essas experiências não tem o apoio do estado desde 2.008.

Comentário: Não dá nem para comentar um assunto de nível tão complexo mas sempre há algumas observações que se pode fazer.

Quando falamos em teletransporte, pensamos em algo muito mais fictício e absurdo que o que é informado aqui.

Já era de se esperar por uma nova corrida por tecnologias de informação mais baratas e econômicas, essa nova tecnologia irá revolucionar a informática, além de melhorar os serviços que já usamos. A questão é saber se o ser humano estará preparado para essa nova revolução.

Como podemos notar no final do texto, publicado pela RT, os EUA estão emperrando essa tecnologia no país, burocraticamente.

Isso é compreensível, afinal, os serviços secretos sempre foram monopolizados pela CIA.

Todos nós sabemos que os verdadeiros hackers utilizam a mesma tecnologia que as grandes corporações para nos espionar. Essa nova tecnologia poderia bloquear as invasões hackers, por outro lado, tornaria os sistemas da Web 2.0, desenvolvida pelos hackers, mais segura.

Resumindo: as pessoas teriam privacidade em suas atividades e dados, num futuro bem próximo, mas será que isso interessa a elite americana, já que o governo não manda nada por lá.

As grandes corporações não medem esforços para desenvolver tecnologias de busca que possam rastrear conteúdo de Deepweb, Darknet e Dark internet, etc., além disso, o novo sistema de IP já tem preocupado a polícia secreta americana, devido a possibilidade de aumento de endereços virtuais e cada vez que uma tecnologia permite o aumento de conteúdo, mais dor de cabeça para o serviço secreto americano.

Fonte: RT-TV

Comentário, tradução e adaptação do texto: By Jânio

Nova internet preocupa FBI

Darknet – Internet Secreta

outubro 7, 2012 Posted by | Ciências | , , , , , | 15 Comentários

As partes do cérebro são independentes

desenvolvimento mental

Independência Cerebral

Uma equipe de biólogos publicou os resultados de um estudo de 15 anos mostrando que o cérebro não evolui em conjunto.

O estudo de uma equipe internacional de biólogos, liderada pelo Dr. Reinmar Hager (Manchester University (EUA)) encontrou evidências de que as partes do cérebro podem desenvolver-se independentemente uma da outra.

O objetivo da investigação, que já dura quinze anos, foi descobrir se as distintas partes do cérebro podem responder separadamente ao estímulo ou se o cérebro responde como um todo, segundo um artigo publicado na revista “Nature”.

Os investigadores dizem ter contrastado sua hipótese, usando uma abordagem de genética quantitativa graças a um estudo de mais de 10.000 camundongos. Ao contrário de estudos anteriores, os pesquisadores compararam as medições cerebrais de uma única espécie.

Os cientistas tentaram examinar se as diferentes partes do cérebro-cerebelo, hipocampo, bolbo olfactivo, cortex ou o corpo estriado, tem um desenvolvimento independente ou se o cérebro se desenvolve como um todo.

Sete amostras de cada cérebro foram medidas segundo seu peso e volume. Além disso, Hager comparou as medições para cada rato com tamanho das partes do cérebro, encontrando correlação muito pequena entre o tamanho das partes do cérebro e o tamanho total deste.

“Se todas as partes do cérebro se desenvolveram como um todo, teríamos esperado encontrar o mesmo conjunto de influências genéticas em todas as partes. No entanto, encontramos muitas variações do gene para cada parte do cérebro”. disse o cientista.

Fonte: RT-TV

Esse artigo é muito interessante, principalmente porque já tratamos de assuntos relacionados ao cérebro, seguindo vários pontos de vistas diferentes.

A visão de que o cérebro funcione com partes separadas, não é nova, pelo menos que eu me lembre: pensamento, memória, raciocínio, sentidos vitais do corpo, sentimentos, etc., cada um funcionando em uma região específica do cérebro – Mas será que é isso mesmo?

Eu diria que independente não deve ser visto como separado. Isso já pôde ser comprovado em caso de derrames cerebrais, durante as terapias, onde uma parte do cérebro passou a assumir as funções da outra, incapacitada.

Já ficou comprovado que um hemisfério do cérebro trata de algumas funções, enquanto a outra metade cuida de outra, mas isso não é necessariamente uma regra. O cérebro consegue não só se adaptar, com a ajuda de terapias, como pode funcionar de maneira inversa.

Isso também pode ser comprovado em cirurgia de epilepsia grave e avançada, onde um hemisfério ficou isolado de outro. Apesar da capacidade de adaptação do cérebro, essas experiências mostraram que o cérebro funciona melhor junto e naturalmente, independente de uma pessoa ser canhota ou destra, aliás, o ambidestro tem mais habilidade que uma pessoa comum.

Aqui, é preciso separar também a inteligência do genial. A inteligência domina várias áreas e tem um controle melhor sobre todo o ambiente que o cerca, entretanto, o genial para ser superior, mas apenas em uma área, sem conseguir controlar o que acontece a sua volta e muito menos prever as consequências de seus atos e criações.

Há vários estudos a respeito do controle da mente, inclusive um desses estudos é desenvolvido por um brasileiro, tratando da interação entre o cérebro e a máquina.

Esse brasileiro foi um dos primeiros cientistas a ver o cérebro com um todo e não em partes separadas, e foi assim que ele conseguiu ligar as máquinas ao cérebro mas, como eu disse no texto acima, é mais provável que ambos estejam corretos, ou seja, o cérebro funciona de maneira independente e não separado.

Comentário: By Jânio

Quando a mente tem um ataque

Com os dois lados do cérebro

Dispositivo permite controlar as máquinas com o cérebro

O controle do cérebro

A zona cega do cérebro

A memória inconsciente

setembro 30, 2012 Posted by | Ciências | , , , , , | 2 Comentários

Algas que combatem o aquecimento global

pesquisas de geoengenharia

Controle do CO2

Ao ser fertilizado com ferro, cresce o fitoplâncton nos oceanos que logo absorve o dióxido de carbono que provoca as mudanças climáticas.

Um estudo oceanográfico mostra que fertilizar os oceanos com ferro, faz crescer o fitoplancton que ao morrer absorve grande quantidade de dióxido de carbono, esfriando a Terra.

Isto conclui um estudo oceanográfico recentemente publicado na revista Nature.

Desde 2.004, os cientistas realizaram experimentos para o desenvolvimento, em grande escala, de algas no Oceano Antártico e descobriram que o ferro ajuda na fertilização, ajudando no crescimento rápido do fitoplâncton que ao morrer, absorve o dióxido de carbono responsável pelo aquecimento global.

A equipe do professor Victor Smetasek, do Instituto de Pesquisa Polar e Marinho, Universidade de Wegener, Alemanha, espalhou sete toneladas de sulfato de ferro em várias partes do Oceano Antártico, onde o nível de ferro era muito baixo. Em apenas uma semana havia já havia um grande crescimento de fitoplâncton. Três semanas mais tarde, começaram a morrer e seus restos foram para o fundo do mar onde absorveram dióxido de carbono (CO2).

De acordo com o oceanólogo John Cullen, este estudo serve para melhorar a compreensão dos processos bioquímicos que o clima influencia.

A equipe de Smetasek ressalta que este método de geoengenharia, no futuro, poderia absorver pouco mais de um giga toneladas (ou bilhões de toneladas) de CO2 por ano, quatro dos quais se acumulam na atmosfera. No entanto, apenas o bloqueio de parte do CO2 poderia afetar de forma significativa a mudança climática, alertam os especialistas.

Além disso, os investigadores opinam que o uso de ferro para esse fim seria muito mais barato que outros possíveis métodos de geoengenharia e reconhecem a necessidade de haver mais experiências para se obter resultados mais precisos.

Fonte: RT-TV

Geoengenharia

julho 22, 2012 Posted by | Ciências | , , , , , | 4 Comentários

Tecnologia da invisibilidade

tecnologia da invisibilidade

Especialistas da Universidade de Saint Andrews (Escócia) desenvolveram um método para tornar os objetos invisíveis, sem nenhum equipamento especial. Segundo eles, bastam dois lasers bem dirigidos para ativar o efeito de transparência eletromagnética induzida (TEI).

O TEI é um fenômeno ótico que consiste em criar um ambiente transparente no que diz respeito a um certo registro de frequências determinadas, dentro de uma linha de absorção. Dentro desta janela de transparência também é gerado uma dispersão extrema, o que diminui consideravelmente a velocidade da luz.

Segundo os cientistas britânicos, ativar esse fenômeno para que esconda o objeto da visão, não é uma tarefa difícil. Os elétrons nos átomos estão localizados em níveis energéticos diferenciados, quando os elétrons passam de um nível para outro, o átomo absorve ou irradia fótons. Se dois lasers que irradiam ondas curtas a qualquer matéria, pode-se carregar os eletrons até um nível em que eles não serão capazes de absorver e irradiar fotões, pelo menos para as ondas que sejam do mesmo comprimento (frequência) que o dos lasers.

Isso é tudo. Para uma luz recebida nesse ambiente, será transparente, sem necessidade alguma de recorrer a metamateriais caríssimos (materiais artificiais que apresentam propriedades eletromagnéticas incomuns, derivadas da estrutura projetada, e não os constituintes).

Para aumentar a eficácia do efeito da TEI, é sugerido agregar ao material, átomos onde os electrons podem ser posicionados a cinco níveis energéticos diferentes.

Para controlar a invisibilidade, é necessário para controlar o nível de refração de aplicação de um campo magnético externo. Se a densidade do campo é distribuída corretamente, o material torna-se invisível e esconderá também todos os objetos abrangidos por esta. Ligar e desligar o campo magnético, poderá ativar e desativar a invisibilidade.

Fonte: RT-TV

junho 25, 2012 Posted by | Ciências | , , , , , , , | 6 Comentários

Escoceses poderão curar cegueira hereditária

cegueira social

Médicos escoceses transplantaram células-tronco para os olhos de dois pacientes, em uma clínica, com o objetivo de curar cegueiras, incluindo cegueira genética.

Sylvia Paton, uma das pessoas envolvidas em uma pesquisa do governo, sofre de aniridia, uma doença rara que danifica a córnea e é acompanhada por doenças como glaucoma, catarata e insuficiência límbico com fotofobia. A visão desses pacientes é quase impossível de corrigir.

Até agora, todas as operações de transplante de córnea podiam ser realizadas somente utilizando material biológico de pessoas mortas mas, graças a este projeto, será possível pela aplicação de células-tronco criadas pelo Serviço de Transfusão de Sangue Nacional Escocês, não necessitando de doadores.

A doença grave de Paton se traduz na ausência de iris, diminuição da acuidade visual de 10% e fotofobia. Durante o procedimento cirúrgico eles removeram tecidos mortos da córnea, pelo método genérico em operações com células-tronco e eliminaram a catarata. Depois os médicos colocaram as células-tronco sobre as células do olho que permaneciam saudáveis.

Ao serem implantadas junto com o tecidos saudáveis, as células-tronco começaram a desenvolver uma córnea sã. O problema é que o processo é muito lento, os médicos acreditam que possa demorar cerca de 12 meses.

Como Paton foi operado em fevereiro, nem os médicos e nem a paciente sabem se o procedimento será efetivo.

O estudo envolve mais 18 pacientes, oito dos quais já passaram por um transplante de células-tronco. Desse mesmo grupo, dez serão tratados com métodos tradicionais, o que permitirá aos cientistas avaliar os resultados pelo seu método.

Em caso de êxito, os escoceses irão revolucionar o tratamento da cegueira, causada pela falha da córnea danificada, a segunda principal causa de falta de visão, depois da catarata, da qual padecem cerca de vinte milhões de pessoas em todo o mundo.

Fonte: RT-TV

Comentário: Aos poucos a ciência vai vencendo as barreiras do preconceito e ficando bem próxima da Idade Média, quando todas as ciências se misturavam, inclusive com as ciências ocultas, não comprovadas cientificamente. Do outro lado está a religião, que é tão importante para nos aconselharmos e moderar nossos atos.

Desde as primeiras experiências médicas sempre houveram muitas polêmicas, isso foi importante para que houvesse o equilíbrio entre a morar, a lei e a ética, principalmente em época de mudanças.

Enquanto os banqueiros concentram noventa por cento de todas as riquezas do mundo, hesitamos em aprovar investimentos em pesquisas espaciais.

No caso da genética, a questão fica muito mais interessante e polêmica, mas a polêmica perde a força com os avanços da nanotecnologia, experiências cerebrais e descobertas que deverão revolucionar o nosso modo de vida, como é o caso da impressora de alimentos.

… mas as questões mais importantes para a nossa vida, como a globalização e a reação do primeiro mundo, quando os Bilderbergers decidirem investir em mercados consumidores em desenvolvimento, como o BRICS, essa ainda é imprevisível.

Adaptação do texto e comentários: By Jânio

junho 11, 2012 Posted by | Ciências | , , , , , , , , , | 5 Comentários

Laser que permite rasgar o vácuo

Necessidades Fúteis

No Reino Unido, planeja-se construir um laser poderoso o suficiente para ser capaz de isolar as partículas efêmeras que, supostamente, surgem em um vácuo e, portanto, revelar a verdadeira estrutura do Universo, incluindo a misteriosa matéria escura.

Seguindo os passos do projeto de LHC (Grande acelerador de partículas), planeja-se a construção do laser mais potente do mundo. Este seria capaz de produzir um feixe de luz tão intenso que poderia ser comparado ao impacto que teria recebido a Terra de toda a luz solar, concentrada em um ponto menor do que uma cabeça de alfinete, relata o jornal britânico The Telegraph.

Acredita-se que o vácuo seja desprovido de matéria, mas no campo da teoria quântica, não é assim: No campo da teoria quântica, o vácuo é cheio de partículas e antipartículas que aparecem constantemente mas duram um tempo tão curto que praticamente não podem ser registrados.

Com este dispositivo, chamado de “The Extreme Light Infrastructure Ultra-Hight Field Facility, poderia-se gerar esses raios laser intensos que podem “rasgar” o tecido do vácuo, o que ajudaria a revelar essas partículas. Além disso, os pesquisadores acreditam que com a ajuda dessa equipe, seria possível verificar se existem outras dimensões, de ordem superior que a nossa.

Segundo os cientistas, esse laser será 200 vezes mais potente que o laser mais poderoso do mundo. Com ele será possível explorar as áreas ainda inacessíveis da física. A construção poderá ocorrer ainda nessa década e custará um bilhão de libras.

A Comissão Européia aprovou planos para construir outros três equipamentos com lasers poderosos para servir como um protótipo. O Equipamento instalado na República Checa, Hungria e Romênia, ao custo aproximado de 200 milhões de libras, será lançado em 2.015, segundo suas previsões. Por sua vez, o laser de Campo Ultra-High 10 é composto de feixes, cada um dos quais é duas vezes mais potente do que os lasers protótipo e pode gerar energia 200 petawatts, 100.000 vezes a produção mundial de electricidade, por menos de um bilionésimo de segundo.

A intensidade da luz no centro desse laser, ocorrerá em condições tão extrema que não existem nem no centro do sol. Espera-se que sob essas condições, as partículas de matéria e antimatéria sejam separadas, permitindo aos cientistas detectar pequenas cargas elétricas que estejam ocorrendo. O experimento poderia resolver um enigma: Porque o Universo contém mais matéria do que foi detectado, ao revelar o que realmente é a chamada matéria escura.

Atualmente, os especialistas do Centro de Tecnologia e Aplicações Avançadas de Lasers em Oxfordshire, Reino Unido, estão desenvolvendo uma tecnologia que permitiria construir esses lasers poderosos. Este centro é um dos candidatos para sediar o novo dispositivo, mas terão que competir com outros centros científicos na Rússia, França, Hungria, Romênia e República Checa.

Comentário: O custo desse projeto é insignificante, se compararmos com a corrupção brasileira, onde os peixes pequenos, Sílvio Santos e Chico da Fossa, somam juntos mais de 11 bilhões de reais.

Uma pergunta que não quer calar é: Será que os cientistas sabem o que estão fazendo, dessa vez? Não, porque da última vez, arrasaram o Japão e eu não me surpreenderia se aquelas bombas não estivessem provocando eleitos colaterais na Terra até hoje.

Eu espero que nenhum político inescrupuloso tenha acesso a esse tipo de tecnologia pois, comparada com outras, tornaria a vida de todos os terráqueos insegura, ninguém mais estaria a salvo.

Também não dá para parar os avanços tecnológicos, ou seja, frases malditas, como a de Hitler, soam apocalípticas até hoje: “Se tiver que acontecer, que seja agora!”

Esse tipo de experiência deve ser bem pensado e, de preferência, com o mínimo de risco, ou seja, não devem tirar o máximo da experiência, mas o mínimo. Contudo, a julgar pelos números do texto acima, acho difícil de controlar tal tecnologia.

Estamos muito próximo de um novo passo de nossa evolução e eu espero estar sendo pessimista, ao imaginar que o homem, visto do espaço como uma simples bactéria, sem condições de abandonar a fruta-mãe, esteja bem próximo de estragar tudo.

Boa sorte para todos nós!

By Jânio

março 11, 2012 Posted by | Ciências | , , , , , , , | 1 Comentário

O homem mais inteligente do mundo

maior QI

Caso Raro

Kim Ung-Yong foi convidado a ingressar em uma universidade aos 4 anos, concluiu o doutorado com a idade de 15 anos. Seu QI de 210, é o mais alto do mundo.

Kim Ung-Yong (nascido em 8 de março, 1962) é um coreano, ex-criança prodígio. Kim entrou para o Guinness Book of World Records como altíssimo QI; o guiness estimou seu QI em 210.

Logo após o nascimento, Kim começou a aprender línguas de maneira extraordinária, aprendeu, além do coreano, sua língua, japonês, alemão e Inglês até os dois anos. Além disso, ele levou cerca de um mês para aprender uma língua estrangeira.

depois de oito meses, ele aprendeu os conceitos de Álgebra e conseguia entender cálculos complexos. Aos quatro anos de idade, em 02 de novembro de 1967, ele resolveu complexos problemas de cálculo integral na televisão japonesa. Ainda na infância, começou a escrever poesia e foi um pintor surpreendente.

Kim foi um estudante de física convidado pela Universidade Hanyang, cursos de auditoria, dos 4 anos de idade até completar 7 anos. Em 1970, na idade de 8 anos, ele foi convidado para ir aos Estados Unidos, pela NASA, onde terminou seus estudos universitários. Em 1974, durante seus estudos universitários, ele começou seu trabalho de pesquisa na NASA e continuou esse trabalho até o seu retorno à Coréia em 1978.

De volta a Coréia, ele decidiu mudar de física para engenharia civil e recebeu um doutorado nessa área. Ele acabou publicando cerca de 90 trabalhos em hidráulica, em revistas científicas. A partir de 2007, ele também passou a trabalhar como professor-adjunto da Universidade Nacional Chungbuk.

Comentário: Não, Kim Ung-Yong nunca se tornou rico. Passou a vida fazendo o que mais sabia e que lhe ensinaram, aprender, por isso nunca pensou em dinheiro, especificamente falando.

Deve ser muito feliz, afinal, ninguém aprende tanto com a mente bloqueada.

Kim Ung-Yong nos faz lembrar dos grandes gênios da música, que aprendiam precocemente. Sua facilidade em aprender, levava as pessoas próximas a investir em seu aprendizado.

Isso faz a gente pensar e a especular: Talvez a forma como nós nascemos ainda seja muito primitiva, isso poderia explicar o fato de algumas pessoas nascerem com dons raros, distintas da maioria.

Eu acho normal uma pessoa ter facilidade de aprendizagem em uma área específica, enquanto outra pessoa tem facilidade em outra; eu também acho normal uma pessoa ser destro, enquanto outra é canhota; mas em casos raros como esse, há pessoas que desafiam a lógica e nascem com um dom inexplicável.

Essas pessoas mostram que de alguma forma, elas nasceram com um cérebro quase perfeito.

Ainda não é possível explicar, mas essas pessoas de alguma forma não tiveram seus cérebros comprometidos no nascimento, como aconteceu com a maioria de nós, talvez por isso seu rendimento seja tão superior.

No caso específico dos músicos, que são ambidestros, já que tocam com as duas mãos, essa tese fica bem mais forte.

Nós ainda somos muito primitivos em quase todos os nossos hábitos, por mais que pensemos o contrário, em muitos casos nos parecemos com os homens das cavernas.

Nossas casas se parecem com as cavernas, nossa comunicação programada por palavras é primitiva, nossas formas de alimentação são rústicas, etc.

Nascimentos e quedas constantes de reinos nos impediu de evoluir e, quando nossa evolução parecia que iria acontecer, tornamo-nos escravos do capitalismo.

Há pessoas que chegam a confundir o capitalismo com a democracia, mesmo sendo dois conceitos tão antagônicos; há pessoas que realmente acreditam que há democracia, pior, acreditam que a democracia já funcione sem nenhum esforço ou participação de nossa parte.

Talvez a internet nos leve a democracia mas, para isso, haverá uma grande batalha contra os donos do poder e será o resultado dessa batalha que mostrará se merecemos a verdadeira democracia.

Fonte: Wikipedia

Comentário: By Jânio

fevereiro 26, 2012 Posted by | Ciências | , , , , , , | 17 Comentários

Linguagens mentais

biotecnologia

Leitura de Pensamentos

Nós sabemos que a comunicação só será identificada como tal, se alguém emitir uma mensagem e outra pessoa responder a tal mensagem. Seguindo por essa regra básica, identificamos várias formas de comunicação, algumas das quais eu lamento nunca ter tido tempo, interesse e material suficiente para o aprendizado.

A leitura dos lábios, combinada com a linguagem dos sinais; o método de Braille; fumaça; tambor; cordas; símbolos; ideograma; tudo isso são formas interessantes de linguagens e, como conhecemos pouco de nosso passado, desconhecemos o grau de conhecimento das civilizações antigas. Resumindo: Se o homem não tivesse aprendido falar, isso talvez não fizesse tanta falta como poderíamos pensar.

Na realidade, quando mais fácil se tornou a vida, pior ficou a criatividade do ser humano.

Eu até concordaria com a ideia de analistas que afirmam que, sem a fala e a escrita, o ser humano ainda estaria nas cavernas, o problema é que eu tenho minhas dúvidas sobre os supostos humanos pré-históricos, na pele de rudes seres humanos selvagens.

A teoria faz sentido, é claro. Se o ser humano escreve palavras, pensa com as palavras, certamente ele se desenvolverá mais rápido…

… mas isso apenas teoricamente, e também no sentido do desenvolvimento das massas (pessoas), individualmente falando, essas teorias caem por terra.

Cada vez que eu penso, escrevo ou falo sobre as linguagens, novas idéias surgem e torna-se inevitável uma reescrita sobre assunto.

Então, nós supomos que a evolução do homem possa ter se dado através da fala e da escrita, mesmo admitindo que individualmente, algumas pessoas poderiam ter evoluído sem o auxílio desses sistemas. De certa forma, os primeiros registros de escrita e fala, ocorreram já com a existência da sociedade.

Além disso, ainda há sociedades vivendo em cavernas, o que torna o termo caverna uma simples metáfora.

Aqui, nós podemos ultrapassar o limite das ciências e entrar no campo das ciências ocultas, onde a paranormalidade registra alguns casos reais e outros não comprovados.

Nostradamus usa a astrologia a Bíblia, seus conhecimentos e o melhor que a ciência oculta apresentava no momento, para eternizar de vez uma parte da cultura que, de outra forma, já estaria esquecida há muito tempo.

Os nomes mais conhecidos da história voltaram no tempo, para encontrar respostas e evoluir seus conhecimentos. Em alguns casos, como o de Hitler, ele se perdeu em meio a tantos sistemas políticos, científicos, religiosos, antropológicos, etc., em outros, como os casos de Copérnico e Maquiavel, foi possível resgatar verdades que seriam aproveitadas mais tarde, para revolucionar o mundo.

Se pelo menos um ser humano pudesse ler pensamentos, isso poderia mudar completamente o nosso modo de pensar, mas, se de fato isso acontecesse e se os humanos não conhecessem a escrita e a fala, qual seria o resultado. Será que o pensamento teria uma comunicação programada, como a escrita e a fala, ou estaria além do tempo e do espaço, como em nossos sonhos?

Nossos sonhos possuem uma linguagem peculiar e desafia o conceito básico de comunicação, onde uma pessoa fala e outra deve entender, para que se estabeleça de fato tal comunicação. Nos sonhos, podemos ser um ou, em alguns casos, dois, o que abre uma possibilidade infinita de existência virtual, onde poderíamos ser vários – por favor, não façam isso em casa.

Nesse momento, meus amigos, vocês já devem ter entendido que, nos sonhos, podemos virtualmente nos comunicar com nós mesmos.

… e, por falar em linguagem virtual, uma nova técnica de informática tem chamado muito a atenção na internet, a linguagem das tags.

Através das tags, os internautas tem abolido palavras menos importantes na escrita e que podem ser entendidas, subentendidas ou simplesmente ignoradas, sem que isso faça tanta falta. Essa informalidade faz um retrocesso no tempo, e pode resultar em novos sistemas de comunicação.

Lembra muito os ideogramas orientais e a escrita cuneiforme, numa época em que a criatividade era fundamental e valorizada. Enquanto os chineses ignoravam as técnicas de guerra, os arcádios/babilônicos combinavam a cultura e a arte da guerra.

Essa segunda forma não teve muito sucesso, já a primeira, sobreviveu até a chegada de Gengis Khan, um dos homens mais (des)importantes na globalização dos costumes através da guerra.

É na internet também que podemos observar as abreviações e o internetês, e isso é só o começo. Para quem já fez cursos online, ou off-line por DVD, sabe como são infinitas as possibilidades de criação, através da informática.

Os ambientes gráficos, 3D e 4D, poderão demonstrar novos gênios da criação e, quem sabe, revelar-nos a nossa própria, obscura e verdadeira face, fazendo nos conhecer os nossos medos mais íntimos, os mesmos que nem sempre é possível se conhecer através de sonhos lúcidos, pesadelos, psicoterapia, hipnose, etc.

… e, se a natureza do homem é má, chegou a hora de todos saberem, antes que cometamos mais erros imperdoáveis.

By Jânio

dezembro 31, 2011 Posted by | Ciências | , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Vida noturna

pesadeos mortais

Pesadelos Anormais

Eu nunca tinha ouvido falar de terror noturno, e só fiquei sabendo depois de fazer outros tipos de consultas.

Primeiro eu achei que se tratasse de uma variante dos sonhos lúcidos, mas não é, nos sonhos lúcidos o portal para o despertar é muito mais claro, fácil e rápido.

Outro detalhe que distingue o terror noturno é o fato da pessoa não se lembrar de nada, o que nos leva a uma semelhança maior com os pesadelos comuns e/ou sonhos.

Obs: Os sonhos lúcidos podem ser divididos entre reais e artificiais, sendo os sonhos lúcidos reais mais comum em pessoas sensíveis, apesar de todas as pessoas passarem por isso pelo menos uma vez. No sonho lúcido artificial, ele é induzido pela química, podendo ser muito perigoso e levar a morte.

Em ambos os casos, reais e artificiais, artistas encontram inspirações para compor, idéias para escrever livros e todo tipo de criatividade possível. No caso do sonho lúcido artificial, o cérebro pode ficar mais criativo, mas também vai se destruindo até levar a pessoa a demência.

voltando ao tema de pânico noturno, ele se identifica claramente com pesadelos comuns, o que os diferencia, naturalmente é a intensidade.

Em crianças, 10% a 15%, em adolescentes, de 5% a 10%, não passando de 1% a 5% de casos nos adultos.

O que nos leva a tirar inevitáveis conclusões especulativas em relação a esses distúrbios do sono, são as semelhanças e relações entre si. Apesar de apresentarem suas distinções, apresentam muitas semelhanças também.

No caso de terror noturno, ele está ligado ao estresse e aos conflitos psicológicos. Conflitos psicológicos eu pude identificar em cada um desses temas, inclusive epilepsia.

O fato de afetar mais as crianças, o que é comum em todos esses casos, deixa claro os conflitos e as situações de desamparo.

Wikipédia: “O “terror noturno” é um severo distúrbio do sono, consistindo de ataques de terror agudo, emergindo do sono profundo após o primeiro REM (entre 15 minutos a 2 horas após começar a dormir). É acompanhado por violentos movimentos corporais, agitação extrema, gritos, gemidos, falta de ar, suor, confusão e, em alguns casos, fuga da cama ou do quarto, comportamento destrutivo e agressão dirigida a objetos ou contra eles mesmos ou outras pessoas. No momento de pânico, ferimentos, fraturas e lesões podem ocorrer caso não sejam tomadas precauções.”

Em relação aos outros temas ligados à mente, o terror noturno é o mais prejudicial, podendo coincidir com sonambulismo, provocar taquicardia e o pior de tudo, problemas pessoais e sociais, como medos, fobias, síndromes.

Caso os ataques de terror noturno sejam frequentes, o ideal é que a pessoa e a própria família procurem por tratamento médico imediatamente.

Deve-se evitar:

Ambiente hostil, algumas famílias mudam-se até de cidade;

Dormir no escuro;

Manter a regularidade do sono;

Alimentos gordurosos, carnes, café, laticínios e outros alimentos de difícil digestão devem ser evitados a noite;

No caso em que o paciente está tomando qualquer droga pré-disponente, ela deve ser suspensa gradualmente;

Psicoterapia a longo prazo frequentemente é necessária;

Algumas pessoas podem utilizar técnicas de hipnose, mas isso deve ser de livre escolha do paciente. Biofeedback também podem ajudar.

Todas as precauções citadas em sonambulismo devem ser adotadas, inclusive o fácil acesso a luz.

Fonte: Wikipedia

Textos Relacionados:

O mistério do sonambulismo

A obscura natureza da mente humana

O que uma pessoa com epilepsia sente

Epilepsia – Quando a mente tem um ataque

O despertar para a superconsciência

Texto: By Jânio

outubro 19, 2011 Posted by | Ciências | , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Para que servem os pelos

protegendo o corpo

Funções dos Pelos

Algumas partes do corpo humano intrigam qualquer pessoa que esteja em busca de repostas, isso ocorre porque nem sempre as ciências tem interesse em tais pesquisas. Esse é o caso das funções do pelo.

Apesar de nem sempre serem tão visíveis, os pelos sempre estão lá, no lugar de onde nunca deveriam sair. Como muita gente depila o corpo, surgiu uma questão, com a presença de biólogos, naturalmente – A depilação pode comprometer a saúde?

Talvez as ciências não tivessem uma resposta à altura, ou talvez tenham respostas insatisfatórias, de certo, o que eu sei é que o biólogo preferiu a minha resposta na prática.

Uma bióloga até arriscou a lembrar da importância dos pelos para aquecer o corpo, naturalmente, eu achei muito simplória essa função, eu vejo uma função para os pelos, muito mais sofisticada.

Se fosse para um gato, cachorro ou qualquer outra espécie de animal que possua pelos por todo o corpo, eu até acharia suficiente a observação da biólaga, ela inclusive me ajudou a descobrir que a minha gata estava doente.

Quando ela disse que cachorros e gatos não sentem frio, eu fiquei pensando no porquê de minha gatinha tremer tanto, não demorou muito para eu concluir que aquela gata só podia estar com alguma doença.

…mas eu continuava insistindo em uma função mais importante para os pelos. Lembrei para um biólogo o fato do couro cabeludo apresentar alergias, quando não cuidado.

Eu sempre vi a alergia como uma forma de sensibilidade, uma reação do corpo a elementos estranhos.

Quando uma pessoa alérgica, sensível, encontra-se num ambiente empoeirado ou úmido, a tendência é que ela comece a espirrar.

Não é exagero exclamar saúde, quando uma pessoa espirra, de certa forma seu organismo está identificando elementos nocivos, está se protegendo.

Dentro do nariz, há pelos capazes de detectar um grão de pó milhares de vezes menor do que seríamos capazes de sentir em outras partes do corpo. Por isso eu considero o pelo do nariz uma espécie de antena, um radar biológico quase infalível.

Quando espirramos, livramo-nos de impurezas, poeira e micro-organismos que se proliferam entre eles. Quando esses micro-organismos conseguem passar pela primeira barreira, encontrando-se dentro de nosso corpo, os espirros continuam.

Se os espirros continuam, mesmo quando os micro-organismos se encontram no interior do corpo, isso significa que os pelos tem a função de aumentar o tato somente fora do corpo. Dentro do corpo, os pelos não são necessários, devido a sensibilidade natural no interior de nosso corpo, além de outras formas de defesas.

Os espirros podem significar o início de uma gripe, mas também podem significar o fim dela. Grande parte dos medicamentos são desenvolvidos a partir de conhecimentos de nossa fisiologia.

E no resto do corpo, a barba no homem significa que ele está mais protegido que a mulher?

Talvez não, mas a mulher tem muito mais cuidado com a pele, no rosto, que a maioria dos homens, principalmente aqueles que trabalham em ambiente de pouca higiene.

O fato da cabeça ser coberta por cabelos e o cérebro ser protegido por uma espécie de armadura óssea, não deve ser apenas coincidência. Dizer que Deus fez o homem, nesse caso, também não é uma expressão exagerada.

Segundo a ciência, os pelos surgem, naturalmente, em regiões estratégicas, com a função de proteger e/ou preservar a espécie. Em todos os casos, os pelos detectam elementos estranhos.

É certo que algumas pessoas necessitam mais da proteção dos pelos, enquanto outras necessitam menos, talvez, por esse motivo, a depilação não tenha acarretado grandes problemas, até porque quem depila, normalmente tem um estilo de vida bem mais higiênco e feminino. Não trabalha sob o sol, não se expõe tanto.

By Jânio

agosto 19, 2011 Posted by | Ciências | , , , , , , , | 13 Comentários

O que uma pessoa com epilepsia sente

Adaptação Mental

Posição Correta


Conviver com pessoas com epilepsia, deixa-nos com a sensação de peixes dentro d’água, quando o tema é relacionado a esse transtorno.

A família inteira era epiléptica, então, a minha pergunta era: Quando isso vai acontecer comigo?

Sendo o mais velho, eu me perguntava porque eu não era epiléptico, todos os meus irmãos mais novos eram.

Eu sentia uma necessidade muito grande de entender esse distúrbio, e deu trabalho para convencer o caçula a me revelar alguns detalhes de suas convulsões.

Claro que eu andava observando ele bem de perto, eu imaginava que esses ataques fossem uma forma de desabafo do cérebro.

Eu notei que antes de ter um ataque epiléptico, ele ficava completamente “aéreo”, introspectivo. Seus olhos ficavam fixos em um ponto e sua consciência o abandonava aos poucos.

Observando a epilepsia, é difícil não lembrarmos do transe, superconsciência, sono e até de uma pessoa descontrolada, histérica, mas, nesse caso, é um processo inverso. Enquanto uma pessoa histérica explode, uma pessoa epiléptica torna-se introspectiva, ausente.

Enquanto o meu irmão tinha uma crise epiléptica, eu observava a sua agitação. Na minha idade, entre dez e onze anos, seria difícil não imaginar que aquele menino de apenas quatro anos, não estivesse em uma espécie de desabafo, descarregando um sentimento, uma emoção gerada por um conflito, antes presa no inconsciente.

Não foi difícil também imaginar porque as mulheres tem menos ataques epilépticos.

Quando uma mulher tem um ataque histérico, ela consegue se livrar desse sentimento negativo que tanto atormenta o homem.

Não demorou muito para que eu tivesse os mesmo sintomas, olhar fixo e ausência. Como eu estudava numa das piores classes da escola, carinhosamente falando, eles sempre me livravam do transe, com suas bagunças.

– Acorda dorminhoco! Vá dormir em casa! Como você consegue dormir acordado?

A sensação de alívio, durante a ausência, durante o transe, era indescritível, mas eu não tinha um ataque, meus amigos não deixavam.

Nessa época, eu descobri, na prática, a possibilidade de abortar uma convulsão, em seu estágio inicial. Era como tirar uma pessoa de uma hipnose, difícil era descobrir uma maneira adequada, aos dez anos de idade.

Eu não tinha nenhuma dúvida, enquanto eu estivesse junto aquele bando de loucos, meus amigos, não haveria a menor chance de eu ter uma convulsão.

Eu passei, então, a acompanhar o meu irmão de perto. Quando ele ficava com o olho parado, eu tratava de acordá-lo do transe, só não sei se isso era bom ou mal.

Para mim, estava claro que a epilepsia era um mal necessário, uma forma de descarregar todos os conflitos psicológicos que atormentavam minha mente.

Uma mulher pode ter um ataque de histeria, mas um homem fica sempre com os conflitos mal resolvidos. Pelo fato de eu ser tão explosivo, eu havia sido poupado da epilepsia, pelo menos até aos nove ou dez anos.

Eu tentei passar isso para o meu irmão, mas não era fácil. Fugir de um transe, exigia concentração constante, coisa que nós não tínhamos.

A saída era dar alguns tapinhas no rosto, tentar despertar do transe. Junto aos amigos era fácil, mas quando eu estava só era difícil; se fosse hoje, certamente eu teria usado água fria.

Eu me lembro de um dia em que o meu amigo começou a me bater no rosto, foi o meu transe mais forte. Quando eu estava quase acordando, a professora pediu que ele parasse de bater no meu rosto, justamente quando eu estava acordando.

Enquanto as lágrimas desciam no meu rosto, eu consegui vencer o transe, mesmo sem os tapinhas.

A professora me perguntou se estava doendo muito, respondi que não – Por que as lágrimas? – perguntou-me ela.

– Por um momento, eu achei que seria vencido pelo transe e eu ainda não aprendi a perder – respondi.

Depois de algumas semanas, eu me livrei totalmente daquela falta de concentração, eu nunca mais dormi acordado. Acho que meus irmãos também não, pelo menos em casa, na escola eu não tinha muita certeza.

O tempo passou e, dez anos depois, meu irmão morreu.

Durante a guarda do corpo, todo tipo de gente apareceu. Até as pessoas mais velhas pareciam dispostas a atormentar minha alma. Alguns contavam piadas, outros tentavam chamar a minha atenção.

Na madrugada, a baixaria tomou conta da noite, piadas sujas, meninas que pareciam prostitutas. Muita gente achava que o velório era uma festa, enquanto o meu primo me dizia que estava vendo uma mulher muito “boa” perto da porta.

Foram duas noites sem dormir, na noite anterior eu havia tido um pressentimento, quando me avisaram que ele estava na UTI.

Quando o corpo saiu, eu me recusei a ir até o cemitério, seria preciso muito tempo para eu assimilar a morte dele.

Tranquei a porta do quarto, e senti a minha consciência se esvaindo, enquanto eu estava deitado. Debruçado na cama, eu não conhecia as técnicas de pessoas epilépticas, comecei a me afogar na saliva, mas eu não me importava mais.

Foi quando começaram a arrombar a porta.

– Ele está tendo um AVC – gritava a minha tia.

– Já não basta uma morte nessa noite – gritava a vizinha.

Talvez pela capacidade de controle que eu tinha sobre a epilepsia, mesmo me entregando a ela, ela não me dominou totalmente, daí o motivo de acharem que eu estava com um AVC, na realidade era um princípio de epilepcia parcial e voluntária.

Existem vários tipos de convulsões, minha família tinha convulsão parcial. Eu havia vencido a epilepsia a minha vida toda, mas naquela noite eu não fugi dela, eu precisava sair dali, ir para muito longe.

Depois de passado a crise, alguém me avisou para ir a igreja e ajudar a levar o caixão ao cemitério.

Algumas pessoas, sob pressão, matam, outras se entregam e morrem, mas há também um tipo de pessoa que entra em conflito profundo, sem se decidir, há pessoas que, sob pressão, tem um ataque.

By Jânio

Epilepsia – Quando a mente tem um ataque

agosto 9, 2011 Posted by | Ciências | , , , , , , | 88 Comentários

Epilepsia – Quando a mente tem um ataque

Limite da Mente

Famosos Epilépticos

Wikipedia – “Epilepsia é uma alteração na atividade elétrica do cérebro, temporária e reversível, que produz manifestações motoras, sensitivas, sensoriais, psíquicas ou neurovegetativas (disritmia cerebral paroxística). Para ser considerada epilepsia, deve ser excluída a convulsão causada por febre, drogas ou distúrbios metabólicos, já que são classificadas diferentemente. A palavra epilepsia vem do grego epilepsia – doença que provoca repentina convulsão ou perda de consciência.”

Vamos começar esse estudo – baseado na prática e não na teoria, apesar das especulações serem baseadas nas teorias – da melhor maneira, ou seja, com uma pergunta: Se a epilepsia não é uma doença, porque deve ser tratada?

Aqui, iniciamos as nossas especulações.

Considerando-se a epilepsia como um estado psicológico alterado, notamos que as pessoas com um “ataque epiléptico”, passam por certos conflitos, antes desses ataques.

Talvez as pessoas com eplepsia sejam algumas das que mais sofrem preconceitos da sociedade, pior, por vergonha, a própria pessoa passa a negar essa condição.

Vamos começar com os cuidados que devem ser tomados com pessoas epilépticas, lembrando que não estamos mais na Idade Média, longe disso, na era digital Torna-se imperdoável a falta de informação.

Segundo os especialistas, entre os primeiros 2 a 3 minutos, a pessoa que tem um ataque epléptico está em fase aguda, portanto, não deve ser removida.

As próprias pessoas com epilepsia garantem que, durante um ataque epléptico, não necessitam de cuidados especiais. Essas pessoas deitam de lado, para não se afogarem na saliva, já que seus reflexos motores encontram-se debilitados.

Uma pessoa próxima, ou não, poderia ajudar, retirando um possível excesso de saliva de sua boa, com um lenço, evitando que a pessoa se afogue, além de facilitar sua respiração.

O preconceito da sociedade e a vergonha da própria pessoa com ataque, tendem a piorar a situação, visto que a eplepsia está claramente ligada a um possível conflito psicológico.

Segundo os especialistas, diabetes, drogas e alcoolismo podem agravar a eplepsia – Nesse caso é uma questão de lógica, não é mesmo?

Os médicos também apontam como prováveis causas da epilepsia, traumas e/ou problemas no parto, infecção, tumor, derrames, parasita, meningite etc.

Há probalidade de se abortar um ataque epiléptico antes de seu início, isso será abordado em outro artigo sobre o tema.

A epilepsia não é contagiosa, essa é a notícia boa, a notícia má é que a epilepsia é sintomática, ou seja, é uma consequência de outra doença, como a meningite, nesse caso pode ser transmitida, inclusive de pais para filhos, não a eplepsia, mas a meningite. Lembrando que a meningite tem cura, portanto, não há problema de contaminação.

Pessoas epilépticas, com dificuldade de aceitação, ou caso a função social exija, podem fazer tratamento, mas, nesse caso, poderão ter de tomar remédios a vida toda. A aceitação da eplepsia, como um estado psicológico alterado, e a simples adaptação a essa situação, tendem a ser o melhor caminho.

O fato da epilepsia não ter cura, mas simplesmente desaparecer em algumas pessoas, reforça a minha teoria de uma condição psicológica.

Mulheres grávidas devem seguir orientação médica, como qualquer outra pessoa faria, com uma probalidade de o bebê nascer saudável em mais de 90%.

O fato de os especialistas afirmarem ser a epilepsia um excesso de atividade do cérebro, deixa-me intrigado e disposto a relacionar a epilepsia ao transe.

A epilepsia pode ser parcial, em apenas uma parte do cérebro, ou total. Isso descarta a inconsciência, já que fica comprovada que pode haver vários níveis de ataques, com inconsciência ou não.

A doutora que formulou “O despertar da superconsciência“, chegou a esse nível depois de passar por um estágio de estudo em crises de eplepsia. O que eleva a eplepsia a um estágio de estudo avançado, inclusive relacionado as teorias de expansão natural da mente.

O percentual de pessoas eplépticas varia de região para região: Nos países desenvolvidos, entre 40 e 50 pessoas em cada grupo de 100.000 habitantes; países em desenvolvimento, 120 a 190 pessoas por 100.000 habitantes; cerca de 50 milhões de pessoas já tiveram pelo menos uma crise epiléptica; países em desenvolvimento concentram cerca de 85% dos casos; eplepsia é mais comum até os 25 anos e depois dos 65, apesar de ocorrer em qualquer idade; há mais homens que mulheres com epilepsia.

Vamos analisar esses números: Países desenvolvidos tem melhor qualidade de vida; países em desenvolvimento tem acesso a produtos de má qualidade; países pobres são menos expostos a alimentos industrializados, justamente por não ter possibilidade de industrializar ou importar tais produtos; entre os 25 e 65 anos, as pessoas tem menos problemas, portanto, menos conflitos emocionais; você tem alguma dúvida de que o homem tem mais conflitos psicológicos que a mulher?

Estudo realizado no Brasil, mostrou que há uma variação muito grande de ocorrências da epilepsia, de 1/1000 a 18,6/1000 – Sabem aquele velho problema de desigualdade social…?

Fatores que poderiam desencadear crises epilépticas: Mudanças na intensidade luminosa, luzes a piscar; computador, televisão, discotecas; falta de sono; àlcool; febre; ansiedade; cansaço; drogas e medicamentos; verminoses; nervosismo.

Pessoas famosas que tiveram epilepsia:

01 – Alexandre o Grande, Imperador da Macedonia.

02 – Alfred Nobel, criador do prêmio Nobel.

03 – Caio Júlio César, estadista romano.

04 – Arquiduque Carlos da Áustria (1771 – 1847)

05 – Fiódor Dostoievski, escritor russo.

06 – Gustave Flaubert, escritor francês, autor de Madame Bovary. Um caso avançado de eplepsia que apresentava sintomas como terror, pânico, alucinações, pensamentos forçados e fuga de idéias.

07 – Hermann von Helmholtz, físico alemão (1821 – 1894)

08 – Ian Curtis, roqueiro inglês. O vocalista da banda Joy Division (criada em 1977, época seguinte ao estouro do movimento punk) teve a primeira crise convulsiva logo após a estreia em Londres. O show foi decepcionante e a crise o abalou. Devido ao trauma, tinha crises constantes nos shows.

09 – Moreira César, coronel das forças Armadas brasileiras teve um ataque durante a expedição do exército a Canudos.

10 – Machado de Assis, escritor brasileiro.

11 – Margaux Hemingway, atriz americana (1955 – 1996), cometeu suicídio ainda jovem, assim como seu avô, o famoso escritor Ernest Hemingway.

12 – Napoleão Bonaparte, imperador francês.

13 – D. Pedro I, imperador do Brasil.

14 – Maria Isabel de Alcântara Brasileira, segunda condessa do Iguaçu, foi a terceira filha do imperador D. Pedro I.

15 – Richard Burton, ator inglês.

16 – Saul, rei bíblico.

17 – Sócrates.

18 – Van Gogh, pintor holandês.

19 – Lenin, revolucionário russo (1870-1924).

20 – Eric Clapton, guitarrista.

Fonte: epilepsia+wikipedia

Texto: By Jânio

Textos relacionados:

O que uma pessoa com epilepsia sente

julho 19, 2011 Posted by | Ciências | , , , , , , , , , | 89 Comentários

Criatividade na prática

desenvolvimento técnico

Liberdade de Criação

Segundo a filosofia popular, todo ser humano é inteligente, mas isso não basta para manter um sistema de elite. É preciso criar sistemas separatistas onde poucos possam passar no teste, qual a melhor forma senão metódos de ensino onde a memória possa ser testada ao limite.

Assim, ao invés de ensinar, criam uma infinidades de fórmulas, fazendo com que um número reduzido seja considerado inteligente.

Na realidade são técnicas desenvolvidas, privilégio de poucas pessoas do sangue azul. Essa suposta inteligência é posta à prova, quando são exigidas habilidades criativas.

Todas as profissões da burguesia moderna evoluem na medida em que suas técnicas vão sendo desenvolvidas, quando suas técnicas centenárias falham, um desafio à sua criatividade é lançado.

Poderíamos dizer que há uma inteligência teória e outra prática, assim como criatividade. Naturalmente, a inteligência teórica é a menos inteligente, vem sendo desenvolvidas em Laboratórios, grupos, Universidades, repassadas aos alunos de acordo com seu poder aquisitivo.

No caso da inteligência prática, ela é desenvolvida através da criatividade de pessoas inteligentes.

A criatividade é autônoma, empreendedora e surge em decorrência de uma determinada necessidade.

Naturalmente, essa inteligência prática pode ser transformada em inteligência teórica, reunida em Universidades com recursos suficientes para desenvolvê-la e pesquisá-la, passando então a ser privilégio de um determinado grupo.

Poderíamos dizer até que esses conhecimentos práticos são codificados, organizados de um modo que poucas pessoas tenham acesso aos conhecimentos práticos.

Foi desenvolvida uma maneira de testar a inteligência, através do QI, mas a tentativa de criar um método de testar a habilidade criativa falhou.

Tanto o QI, quanto os vestibulares e concursos, podem avaliar uma boa porcentagem de pessoas, quanto a sua competência, mas em uma parcela de pessoas, esse método falhou.

A criatividade já foi associada a um dom dos deuses, outras vezes à loucura – Talvez isso ocorra porque a criatividade não pode ser controlada, não obedece sistemas padrão.

Quanto maior o controle sobre uma determinada pessoa, menor será a sua criatividade. A criatividade não pode ser desenvolvida em laboratórios, suas técnicas sim.

A criatividade não pode seguir um padrão, ela não tem limites de tempo e espaço, nem sempre as idéias criativas podem ser aproveitadas, ficando limitadas ao campo da filosofia. Outras vezes, podem ser aproveitadas, mas sem o devido controle, expondo o planeta ao ego de cientistas malucos.

No caso da criatividade em grupo, eu não diria que é uma criatividade em equipe. Eu diria que cada membro dessa equipe trabalha sua criatividade individualmente, apesar de ser assessorado pelo resto do grupo, o processo criativo é individual.

Exemplo de criatividade organizacional: Identificação do problema, teorização do problema (modelo Mental), solução do problema (1% de inspiração e 99% de transpiração). Isso acontece pela falta de experiência prática, ou experiência pouco desenvolvida.

Segundo exemplo teórico de criatividade: “Criar só é possível quando o cérebro detém uma grandiosa e alargada variedade de conhecimentos e informações” – Esse é o grande problema de teorizar o que deveria ser prático, na prática o processo é inverso.

Essa confusão é natural, afinal, o trabalho em equipe passa a idéia de que a criatividade é coletiva, o que é um erro de interpretação.

Uma idéia que está bem consolidada é o fato da motivação ser essencial para o processo criativo – Cabeça quente é sinal de pouca inteligência, portanto, vamos esfriá-la um pouco.

Arte e Cultura – É o campo onde o conceito da criatividade pode ser melhor estudado, sendo a liberdade fundamental.

Pesquisa e desenvolvimento – Nesse caso, eu considero teoria a partir da criatividade. Novidade, inventividade, aplicação prática (técnica, teoria), trabalho em equipe.

Fica muito difícil identificar a diferença entre técnica teórica e criatividade, a não ser para quem convive no setor. Quando um artista é mais popular, vende milhões de álbuns de música, ele desenvolveu a técnica.

Quem criou o ritmo, esse era de fato criativo, mas ele certamente morreu na miséria.

A curiosidade (pesquisa) e a prática (experiência) são a base para o desenvolvimento do conhecimento, base da criatividade. Definitivamente o raciocínio é mais importante que a memória.

Ter boa memória não quer dizer ter maior capacidade mental, significa ter boa memória somente. Da mesma forma, ser criativo não significa ter maior capacidade mental, significa ser criativo.

Cada pessoa tem o seu campo de atuação, sua importância dentro de uma equipe, isso não quer dizer criatividade em equipe. Ter boa memória não significa ser criativo, mas pode significar criatividade em estratégias de memorização.

Ter uma boa capacidade de memorização já foi muito importante, hoje o computador assumiu essa função, já no caso da “burrocracia”…

“Aumentar a criatividade é exercitar o pensamento” – Concordo, desde que hajam estratégias bem definidas, raciocínios inteligentes.

Fonte: Wikipedia

By Jânio

junho 11, 2011 Posted by | Ciências | , , , , , | 7 Comentários

O despertar para a superconsciência

superconsciência

Homem do Futuro

A psiquiatra Shafica Karagulla tinha uma ideia ambiciosa, a busca de resposta para as perguntas que a atormentavam. Se a ideia já era difícil de realizar, ser reconhecida seria ainda mais difícil.

Formada em 1.940, depois de dezesseis anos de profissão, a doutora ousou lançar um olhar ao obscuro universo da ciência oculta, propondo-se a estudar a paranormalidade.

Depois de milhares de anos de existência, o homem ainda desconhece a sua natureza obscura. Revelar-se ao mundo, na Idade Média, poderia levar uma pessoa paranormal à fogueira.

O mundo mudou muito desde a Idade Média, mas não está mais tolerante, pelo menos em alguns casos.

Os conhecimentos ocultos são muito mais numerosos que os divulgados às pessoas comuns, podem ser usados como ferramentas de controle da sociedade, para curar pessoas ou em benefício próprio.

As sociedades secretas são exemplos de tradições milenares cujos conhecimentos são um mistério, assim como os artistas de circo. Há tradições hebraicas, egípcias e uma infinidades de outras que nem sequer imaginamos.

Os paranormais estão por toda a parte, mesmo assim não são muitos. Falta um elo de ligação entre a ciência e a ciência oculta, termos como ocultismo podem gerar ainda mais preconceito.

Insatisfeita com os tratamento de choque, muito comum até a década de cinquenta, essa psiquiatra, Karagulla, tornou-se cientista. Estudou a epilepsia no Canadá e tomou conhecimento da paranormalidade através de um livro de Joseph Millard, em New York, Mente Aberta, onde era narrada as experiências de um sensitivo chamado Edgar Cayce.

Cayce, o misterioso homem dos milagres, despertou em Karagulla o desejo de estudar o “sentido superior de percepção”.

Depois de um estudo inédito com várias pessoas sensitivas, publicou seus primeiros livros sobre o tema.

A psiquiatra afirmava que o homem não se limita a matéria, citando os impulsos elétricos – a possibilidade de o cérebro emitir impulsos elétricos, ideia que surgiu na década de 20, sendo medidos, hoje, pelos encefalogramas.

Foi desenvolvido um aparelho que constatou um campo energético ao redor da forma material. Toda essa energia estaria relacionada com as glândulas pineal, pituitária, hipófise, tireóide, gônadas, supra renais e timo, essa energia estaria interligada à espinha e ao sistema nervoso.

Segundo a doutora, os sensitivos não são extra sesoriais, possuem, sim, uma percepção superior, ou seja, alguns sentidos são mais desenvolvidos que a média.

“O campo energético tem três níveis: o físico, o emocional e o mental. O corpo etérico é o campo de integração que, como o gene, é a soma total do que a pessoa é. Como o gene, também é o padrão do nosso corpo fisico, do emocional e do mental. Esses padrões determinam a qualidade da pessoa que somos ou vamos ser. Tudo o que até há pouco tempo considerávamos manifestações exclusivas do corpo físico é, primeiramente, manifestação do corpo etérico.

Assim, as perturbações em qualquer nível se revelam no corpo etéreo e podem ser detectadas antes que passem ao corpo fisico.”

Segundo a doutora, o homem não estaria limitado apenas à matéria, mas a toda a energia que o cerca.

A doutora também afirma que não se deve utilizar meio artificiais para fazer experiências, apenas pessoas equilibradas podem se desenvolver naturalmente.

Na sociedade em que vivemos, ser equilibrado é quase impossível. Talvez um retiro temporário para equilibrar nossa mente, fosse a solução.

Segundo a médica, a energia do corpo pode ser abastecida pela natureza, pessoas centradas em si mesmas sugam a energia das outras, ao invés de obter essa energia naturalmente.

A médica ainda revela que os homens dos milagres seriam doadores de energia, os supernormais. Essas pessoas ultrapassam a dimensão da consciência, atingindo a superconsciência.

Estamos prestes a presenciar o nascimento do homem do futuro, talvez um homem capaz de equilibrar a sua mente até mesmo em meio ao ambiente conturbado em que vivemos, onde o inconsciente seria o passado, o consciente é o presente e o superconsciente será o futuro.

Pessoas dotadas de superconsciência podem ser narcisistas, egocentricas ou concentradas em si mesmas, essas pessoas devem interagir com outras mentes, facilitando o processo de crescimento, ajuda mútua e a busca de si próprio(a), isso possibilitará o equilíbrio mental.

Fonte: Wikipedia

By Jânio

maio 29, 2011 Posted by | Ciências | , , , , , , | 12 Comentários

Amnésia – A zona cega do cérebro

apagão cerebral

Perdido na Escuridão

Quando uma pessoa sofre distúrbio(s) na memória, pode perder a capacidade de reter informações novas ou evocar informações antigas.

Esses distúrbios podem ser provocados por traumas físicos (acidente, queda, pancada, derrames, envelhecimento, etc) ou psicológico (emoções fortes), recebendo o nome de amnésia.

Até há pouco tempo atrás, havia apenas a memória cerebral, hoje temos também a memória digital. Quanto mais analisamos a memória digital, mais ela se parece com a memória cerebral, inclusive na caso da perda de informações; isso nos passa uma ideia prática daquilo que seria apenas teórico.

Tudo o que os médicos estudam e tratam, é baseado nos relatos e informações fornecidas pelos próprios pacientes, dando um caráter teórico a esse processo. Já no caso da memória digital, isso é muito mais prático.

Isso já pôde ser verificado por Freud, ao hipnotizar sua paciente, ela jamais teria revelado espontaneamente suas relações incestuosas. Além disso, mesmo sob hipnose, as experiências podem não ter ocorrido, ficando apenas no imaginário, transe, sonho lúcido.

A perda da memória digital, lembra muito a amnésia, assim como a dificuldade de acesso a “arquivos” de informação.

Muita gente chega a dizer que o ser humano é uma máquina perfeita, devido a sua eficiência, tanto na funcionalidade dos órgãos, quanto no desenvolvimento para a proteção desses órgãos, como é o caso do cérebro.

A região onde está a memória, é uma das partes mais protegidas do cérebro, raramente é afetada totalmente. Quando isso ocorre, pode ocorrer a amnésia permanente ou temporária, mas a memória não deixa de funcionar.

A amnésia pode ser anterógrada, quando a pessoa não lembra de fatos recentes, após o trauma, lembrando dos fatos antigos.

No caso da amnésia retrógrada, a pessoa não consegue lembrar de fatos antigos, antes do trauma, lembrando dos mais recentes.

Há cinquenta anos atrás, um neurocirurgião americano fez uma cirurgia para retirar partes do cérebro de um paciente com convulsões, a cirurgia propiciou a cura que não era obtida pelos remédios, mas provocou uma amnésia anterógrada forte. Recentemente, foi inventado um dispositivo que ajuda a controlar a mente, objetivando o controle de algumas doenças.

Uma amnésia global ou transitória, pode durar de duas a vinte e quatro horas, depois desse tempo, ela se recupera, o indivíduo passa a ter um comportamento normal, permanecendo um espaço em branco nesse período – Isso é o que eu chamaria de desfragmentação do disco, quando o assunto é computação.

Esse tipo de amnésia é de difícil diagnóstico, por apresentar características tanto de amnésia anterógrada, quanto retrógrada. Acredita-se que possa ser ocasionada por baixo fluxo sanguíneo, seu diagnóstico pode ser complexo, mas a cura é simples.

Além da amnésia global transitória, há a amnésia global, esse caso não é tão simples, provoca a demência. Pode ser provocado por traumas graves, ou intoxicações por monóxido de carbono.

A amnésia psicogênica ocorre após traumas psicológicos, volta ao normal após alguns dias, mas pode apresentar falhas. Caso as falhas sejam comprometedoras, pode ser usado terapias cerebrais para a recuperação dessas informações.

Nesse tipo de amnésia, a própria mente pode criar obstáculos subconscientes, devido as emoções serem muito fortes. Sendo retrógrada e anterógrada, exige um tratamento adequado.

Síndrome de Korsakoff – Amnésia anterógrada grave provocada pelo alcoolismo crônico, o que leva a falta de vitamina B1 no cérebro. A pessoa lembra o que já aprendeu, mas tem dificuldade de coordenação e novos aprendizados, não sente os dedos dos pés ou das mãos.

Amnésia alcoólica – Ocorre quando a pessoa bebe demais ou em pessoas que bebem apenas socialmente. Nesse caso a pessoa permanece consciente, mas não se lembra de nada (quando estava alcoólica) depois que o efeito passa.

OBS: Apesar dos dados científicos aqui citados, esse texto não representa necessariamente a opinião do autor. Em casos como amnésia psicogência, por ser demasiadamente teórica, ou no caso do alcoolismo, onde eu tenho notado casos de lembranças claras.

Pessoas bêbadas preferem não se lembrar, mas há uma exceção, no caso de um amigo meu. Ele é um alcoólico assumido, além de ser muito bravo – Mexer com ele bêbado, pode trazer sérias consequências.

Há outros casos, mas esse eu estudei bem de perto.

Fontes:

Wikipedia

Brasil Escola

Texto: By Jânio

abril 21, 2011 Posted by | Ciências | , , , , , , | 7 Comentários

O processo da memória inconsciente

instinto básico

memória inconsciente

Todo o processo mental, em animais racionais e irracionais, é muito complexo. Há muitos elementos que o compõe e o mais estudado, sem sombra de dúvidas, é a memória.

O homem já conseguiu criar artificialmente a memória, no princípio esse processo era muito rudimentar, mas adquiriu qualidade e capacidade, possibilitando ao homem simular fórmulas complexas artificialmente, antes mesmo de testá-las.

A memória, natural e artificial, tem como principais funções adquirir, armazenar e recuperar informações para possíveis estudos e análise. Essas funções são fundamentais para acelerar o processo de aprendizado do homem.

A memória pode ser classificada, segundo psiquiatras, psicólogos e neurologistas, em declarativa e não-declarativa. Na memória declarativa, são armazenadas nomes, fatos, acontecimentos, etc. Essa parte da memória armazena dados fáceis de serem adquiridos, fáceis de serem esquecidos também.

Na memória não-declarativa, implícitas, inclui-se procedimentos como andar de bicicleta, dirigir. Nesse tipo de memória, as informações demoram mais tempo para serem desenvolvidas, mas são muito mais duradouras.

Décadas atrás, a memória não-declarativa era também chamada de involuntária, inconsciente, sendo a primeira informação adquirida, a respiração. A respiração é a primeira ação involuntária que o ser humano adquire, quando nasce.

Com o passar dos anos, a memória declarativa ou consciente, fica mais fraca, nomes e datas começam a se perder. A memória não-declarativa, responsável pelos movimentos e outras habilidades, base de nossa sobrevivência, continua a funcionar perfeitamente, desde que a pessoa tenha saúde, naturalmente.

É por isso que a maioria dos estudiosos e cientistas insistem no método inconsciente de aprendizado, e não são só eles, os orientais desenvolvem seus próprios métodos, através dos quais pretendem aumentar os movimentos de seus alunos, trabalhando a inconsciência, o reflexo.

Alguns professores insistiam no aprendizado inconsciente, como aprender inglês dormindo.

Note que não se trata, aqui, de aprender a falar, trata-se, sim, de um simples processo de tradução, adaptação a uma nova língua, mesmo assim, é um processo involuntário a ser trabalhado.

Quando você estiver assistindo a um filme, em inglês, e dormir, não lamente, você acaba de passar por uma aula grátis e inconsciente.

Conscientemente as pessoas encontram inúmeros obstáculos, inclusive comportamental, no aprendizado. Por isso a necessidade de se desenvolver novos métodos que tornem esse processo mais inconsciente, mais preciso.

Aprender línguas pode até parecer um processo consciente, mas não é. Note que uma pessoa aprende a andar, antes de aprender a falar.

No fim da vida, excluindo as doenças, a fala também será a última informação a se apagar de nossa memória.

Quando alguém disser que gosta de cantar no banheiro, acredite, ela está desenvolvendo uma habilidade de maneira inconsciente.

A zona cega da memória

By Jânio

abril 1, 2011 Posted by | Ciências | , , , , , , , , , , | 14 Comentários

Sonhos lúcidos

sonho lucido

Exploradores de Sonhos

Até onde pode chegar o nosso conhecimento a respeito de nossa mente? – A resposta para essa pergunta não é tão fácil de se obter, mas os meios para a busca dessa resposta, estão ao nosso alcance.

Como nós sabemos, os sonhos são a chave para vencermos os nossos medos. Durante os sonhos, em nossa mente, é travada uma luta entre nossa auto censura, superego, e a inconsciência pura, sem nenhum limite.

O problema é que quando nós acordamos, não nos lembramos de nada, pior, nossos medos podem surgir em forma de pesadelos, impedindo a resolução de nossos problemas, ou nos fazendo acordar. Dessa forma, esse processo pode demorar mais tempo do que deveria.

A solução para os problemas mais graves, estão nos sonhos lúcidos. Os sonhos lúcidos são conhecidos no Oriente, há muito tempo.

Praticantes do sonho lúcido também são conhecidos como onironautas, ou exploradores de sonhos – Talvez você seja um onironauta e nem esteja sabendo.

Como você poderia saber se é um onironauta? – É muito simples, mas primeiro vamos explicar o que é um sonho lúcido.

O sonho lúcido, também conhecido como semiconsciência, é o estágio em que uma pessoa se encontra no limiar do sono profundo, ou seja, adormecendo.

Esse estágio costuma ser muito rápido, mas só quando a pessoa está com muito sono. Aqui, deciframos a charada: Quem dorme sem sono, dorme demais, gosta de uma soneca, esses estão mais sujeitos ao chamado sonho lúcido.

Para se tornar um bom explorador de sonhos, faz-se necessário que essa pessoa seja muito sensível, mas essa sensibilidade também pode ser desenvolvida.

Ao contrário dos usuários de drogas e pacientes de sanatórios, expostos a produtos químicos, um bom onironauta consegue isso com um simples relaxamento.

Há vários procedimentos através dos quais costuma-se entrar em uma paralisia do sono, período em que a pessoa não atinge o sono profundo, mas também não está totalmente acordada. Há um ponto de equilíbrio entre a vigília e o sono, nesse ponto a pessoa tem os sonhos lúcidos.

Uma pessoa que dorme em média oito horas ao dia, quando dorme acima desse tempo, costuma sonhar. Se a pessoa dormir oito horas, levantar-se da cama, em seguida deitar-se novamente, seu sono será leve, nesse período poderá ocorrer o chamado sonho lúcido.

Apesar da situação citada acima, o sonho lúcido é mais comum quando a pessoa está adormecendo, até por razões óbvias. Durante as sonecas despretensiosas, a pessoa pensa muito.

Quando uma pessoa está tirando uma soneca, normalmente está feliz; quando se está feliz, seus pensamentos são positivos – Felicidade, aqui, não implica em comer, beber e dormir, refiro-me à meditação, reflexão, relaxamento. Uma pessoa pode refletir sobre uma guerra, mesmo assim estar relaxada – durante esse período, a pessoa pode começar a sonhar.

Eu tenho notado que o processo se inicia com pensamentos comuns, num momento de sonolência, esses pensamentos passam a ser mais reais, tornando-se os sonhos lúcidos.

Voltando a pergunta acima – Como saber se você é um onironauta? – é simples. Em um sonho normal, você nunca, em nenhuma hipótese duvidará que está sonhando, se isso acontece, você é um onironauta, esse é o portal de saída do sonho lúcido, portal para a lucidez total, pelo qual você poderá acordar.

Nesse momento, você terá duas alternativas: Você poderá sair, fugir dessa situação, mantendo o medo que oculta um problema psicológico mais grave, como vimos nos artigos anteriores. Você também poderá ficar e enfrentar essa situação, mas esse caso é diferente do sonho comum, que deverá ser interpretado.

No sonho lúcido, a partir do portal de saída, se você opta por ficar, você tem o controle sobre esse sonho, podendo controlar o próprio sonho, esse medo passa a ser reflexivo. Pelo menos durante esse sonho, ou pesadelo, você terá poderes supremos, vencendo qualquer tipo de conflito.

A vitória sobre os seus demônios interiores, torna-se um motivacional muito importante, não só para encarar a realidade, mas também para acreditar na possibilidade de se vencer tudo, já que ficará implantado em sua mente. É como se fosse um planejamento psicológico para a vida, um planejando virtual, mas com elementos orgânicos e realidades envolvidos.

Durante os sonhos lúcidos, foi constatado, cientificamente, que a realidade é muito superior a nossa realidade comum. Essa hiper-realidade é explicada pelo fato de ela já estar dentro do cérebro, não necessitar de nenhum elemento “periférico” – sentidos vitais – para captar essas sensações.

Um dos objetivos da prática do sonho lúcido é o auto conhecimento, isso faz com que a mente se torne muito mais criativa, sem essa limitação natural da auto censura. Com isso, escritores escrevem melhor; compositores compõe; problemas “insolúveis”, pessoais, profissionais, ou psicológicos, são resolvidos.

Quando uma pessoa acorda de um sonho, e desde que essa pessoa não esteja sob choque – esteja sonolenta – ela deverá relaxar e permanecer em uma posição na qual ela não tenha sonos profundos – algumas pessoas não conseguem ter sono profundo dormindo de costas no colchão.

Caso a pessoa acorde, durante um sonho lúcido, não deve se agitar, nem se mexer, nem se preocupar. Deve procurar pensar sobre o próprio sonho, relaxar e voltar para ele.

Durante os sonhos lúcidos, é normal que a pessoa tenha visões, alucinações e sensação de asfixia. Isso pode ser devido ao sono leve que a pessoa está tendo, onde os sons externos podem influenciar e atrapalhar o controle correto do sonho.

Três características essenciais para a identificação de um sonho lúcido, pode ser:

Diferenças – A diferença, algumas vezes exagerada, entre o sonho e a realidade – a percepção dessas diferenças faz com que a pessoa se sinta segura, consciente de que tudo não passa de um sonho, sabe que poderá acordar a qualquer momento.

Controle – Quando a pessoa, notando o absurdo da situação, passa a se adaptar a essa situação, passando a controlá-la.

Semi-consciência – A pessoa passa a ter consciência de que tudo não passa de um sonho, melhor, poderá sonhar como quiser.

Durante o Sonho lúcido, é normal, algumas vezes, a sensação de loucura, quando a pessoa perde a noção entre o real e o imaginário. Nesse momento a pessoa pode ter a impressão, durante algum tempo, que vai enlouquecer, vai morrer, está asfixiado, e, em caso extremos, no caso de fanáticos, que está possuída.

A paralisia do sonho, sonho lúcido, não deve ser confundido com desmaios, ou outros casos patológicos. Sonho lúcido é como pensar dormindo, ou sonhar acordado.

No caso dos portais para lucidez, há também casos em que a pessoa sonha que acordou, aumentando a hiper realidade do sonho, como se estivesse passando para um novo nível de dificuldade. Nesse caso, mesmo não tendo acordado de fato, havia a consciência de que aquilo era um sonho, tornou-se fácil demais, por isso houve a necessidade de acordar para um novo sonho.

http://pt.wikipedia.org/wiki/Sonho_l%C3%BAcido

By Jânio

Caçadores de sonhos perdidos

Descobertas através dos sonhos

fevereiro 14, 2011 Posted by | Ciências | , , , , , , , , , , , , , , | 42 Comentários

Em estado de transe

alucinações e paranóia

transe auto-induzido

O transe possui dois significados, mas vamos nos concentrar no transe mais conhecido, aquele que pode ser obtido através de hipnose ou outros recursos. Vocês podem se surpreender com as várias formas de transe que existem.

Levando-se em conta que o transe implica em manipulação voluntária ou involuntária da mente, seria evidente imaginar também que a filosofia, a religião e a ciência estivessem presentes.

Primeiro vamos deixar bem claro que o transe é distinto do sonho, sendo portanto trabalhado na consciência da pessoa.

Determinados tipos de transe podem implicar em domínio completo da consciência de uma pessoa. Dos três tipos de transe, o leve e o médio são de estudo da psicanálise, e o terceiro, profundo, é muito eficiente em odontologia

No budismo, o êxtase pode “elevar” uma pessoa ao nirvana, ou seja, ausência total de sofrimento.

Também identificada como consciência cósmica, pode ser associada ao prazer, orgasmo, encantamento divino e  meditação. Parece até um trabalho de otimização ou texto de Nostradammus, talvez seja isso mesmo, já que as palavras exercem forte influência na hipnose voluntária.

Na igreja católica, o transe pode ser identificado de maneira mais complexa. Quando dizemos igreja católica, estamos nos referindo a católicos americanos.

Nos EUA, a igreja católica é menor, menos popular, portanto possui mais liberdade de rituais, podendo fazer uso de rituais clássicos da idade média, como a cura, exorcismo e outros procedimentos religiosos.

No Brasil, até pouco tempo, por ter um número muito maior de praticantes, esses rituais não eram bem-vindos na igreja católica. Esses rituais eram mais comuns em igrejas evangélicas, com menos praticantes e com mais liberdade.

Além do efeito anestésico, o transe pode ser identificado em números circenses, hipnoses, e são proibidos  de maneira involuntária. Apesar disso, são usados clandestinamente em experiências, interrogatórios secretos, e  estudos experimentais.

O transe por hipnose é voluntário, necessita da ajuda da própria pessoa (técnica de relaxamento), não é comum em involuntários, nesse caso o transe é mais difícil, exceto em pessoas muito sensíveis.

Pode-se obter o transe quimicamente, isso já foi testado com drogas alucinógenas, na década de sessenta. O soro da verdade também é proibido, mas em países como o Brasil, isso não seria de se duvidar.

Acredita-se que o etileno ou o dióxido de carbono, de origem vulcânica, poderiam induzir ao transe, sabemos também que nostradammus inalava vapores de ervas, em receitas milenares, para entrar em transe e fazer suas profecias.

O filme “Abra los Ojos”, Vanila Sky, faz referências ao transe induzido, sonho lúcido, enquanto o soro da verdade é muito comum em filmes políciais. Apesar de ser um pouco diferente, a ideia do transe por indução química se faz presente.

Na década de sessenta, além do LSD, concebido pelo governo americano como forma desastrada de expandir a mente, outras drogas se tornaram conhecidas. A maioria dos artistas tiveram acesso a essas novas “terapias”.

Apesar de proporcionarem uma maior inspiração, devido ao relaxamento e transe, as drogas logo mostraram seu poder destrutivo, na forma de efeitos colaterais terríveis.

Enteógenos e outras substâncias psicoativas, religiões de possessão, terapia de choque elétrico, choque de insulina. todos foram ineficazes e deixaram uma dúvida sobre quem são os loucos.

Quem sobreviveu, e foram poucos, podem contar essa história.

Xamanismo, danças sagradas, tantra yoga, privação do sono e controle do sonho, samhadi yoga, essas são apenas algumas formas de induzir ao transe.

Note que nem todas as formas de transe são químicas, algumas também são auto-induzidas.

Escritores e poetas, além de terem o hábito de escrever, trabalhar a noite, tem mais inspiração também. Esse caso pode ser incluído na privação do sono e controle do sonho.

Pessoas mais sensíveis tem muito mais facilidade em controlar o sonho.

By Jânio

fevereiro 10, 2011 Posted by | Ciências | , , , , , , , , , , , , , , , , , | 15 Comentários

Qual é o significado dos sonhos

sonhos e pesadelos

Interpretação dos sonhos

Seguindo a análise do funcionamento do cérebro, vamos aos poucos passando para uma área muito sensível de nossa mente, o inconsciente (subconsciente). A grande realidade é que a mente, consciente ou não, é obscura; sob certos aspectos a consciência é mais obscura que a própria inconsciência, já que a inconsciência funciona naturalmente.

Em alguns casos, a psicanálise ameaça usar a hipnose para ajudar a desvendar os mistérios de nossa mente, o problema é que nem todos estão dispostos a abrir mão de sua privacidade. Se alguém entra em sua mente, invade o mais intimo de sua existência.

No mais tradicional processo da psicanálise, a pessoa conversa consigo mesma, vai se revelando aos poucos, enquanto o psicanalista  vai motivando, convencendo essa pessoa de que não há nada anormal em sua vida, tudo pode ser lembrado e resolvido, para que a consciência pare de ser incomodada pela inconsciência. A consciência pesada, aqui, seria o peso de algo que atormenta a pessoa, o processo da inconsciência para aliviar esse problema.

Conscientemente tudo pode ser (des)controlado, mas, inconscientemente, tudo é muito instável e natural, sem noção de tempo e espaço.

Durante os sonhos, essa instabilidade da inconsciência chega ao limite. Isso acontece porque tudo o que é reprimido pela consciência, sob pressão da sociedade ou autocensura, durante os sonhos é liberado.

Enquanto o cérebro mantém todo o corpo em repouso, durante o sono, a mente é liberada em todo o seu potencial, podendo resolver os problemas mais impossíveis. Aqueles problemas que a consciência  mantém reprimidos, nos sonhos, eles são manifestados em formas disfarçadas pelo super ego, num universo que só a inconsciência entende o seu significado.

Nem todo sonho é disfarçado ou complexo, alguns são bem conhecidos das pessoas, comum a todos. Muita gente já sonhou que estava voando, esse sonho, segundo especialistas, leva a uma interpretação de que a pessoa é ambiciosa, sonhadora, mas, por associação poderia levar a interpretações de que essa pessoa deseja independência, liberdade, isso poderia ser revelado por qualquer amigo que a ouvisse, nem precisa ser um psicanalista.

A combinação do sonho de voar, com a queda, é uma manifestação clara dos riscos da ambição, liberdade e poder.

Na religião, José, no Egito, interpretava sonhos dos egípcios. Sua interpretação mais famosa foi para o faraó, o sonho das vacas gordas e das vacas magras.

“Haviam sete vacas gordas e sete vacas magras pastando no campo, de repente, as vacas magras e feias comeram as lindas vacas gordas.”

Nesse sonho, josé avisava ao faraó que deveria guardar mantimentos durante os sete anos de fartura (tempos de vacas gordas). Durante os sete anos de seca no Egito (tempos de vacas magras), o faraó teria mantimentos para saciar a fome do povo, não fica claro se havia a vontade de Deus, apenas implicitamente.

Essa é uma das tradições que bate de frente com a história de Moisés e do revolucionário Jesus Cristo: Segundo  Jesus, Deus sempre proverá seus filhos. Isso também ficou evidente no deserto, quando Moisés levou o povo para um lugar isolado, sem comida nem água.

Um homem muito rude que sonhe que é uma mulher, poderia significar sua busca de equilíbrio, uma necessidade de compreender as pessoas frágeis, o oposto de si, algo que se mantém inconsciente, mas que conscientemente seria inaceitável.

Há pessoas que acreditam que o sonho é uma forma de prever o futuro, por isso sonhar com animais, para elas,   pode significar o que vai dar no “jogo do bicho”.

Sonhar que está caindo, poderia significar uma fobia de altura. Como nós dissemos no outro artigo, a fobia está relacionada a um evento  ao qual não queremos nos lembrar, encarando esses medos poderíamos nos lembrar de algo que não queremos.

Esse é um grande dilema: Como poderíamos saber o nível de gravidade daquilo que não queremos lembrar? – Será que vale a pena lembrar esse fato? – Se a fobia está se manifestando, inconscientemente, estamos tomando a decisão de que está na hora de enfrentarmos esses temores.

Quando passamos a sonhar que estamos caindo, seguidamente, todas as noites, então não devemos ser acordados, para que percamos o medo e estejamos preparados para enfrentar determinadas situação.

Segundo o site “O Guru”,  sonhar com corvo pode significar pessoas de olho no que é seu, querendo “infernizar sua vida”, mas também pode significar pureza do ambiente.

Como nós podemos notar no sonho do corvo, há dois níveis de sonho: Um mais vulgar e direto, e outro muito mais sofisticado e complexo, influenciado pelo nível de formação da pessoa.

http://www.oguru.com.br/sonhos/significados.php?busca=Voar

O sonho também pode ser uma simples realização de nossos desejos. Ao contrário de nossos pesadelos, nesse caso, nossa mente se encontra em total harmonia.

Sonhar com cobras, tanto pode significar nossa falta de confiança em um determinado grupo ao nosso redor, como poderia ser algo mais complexo, mas é preciso sonhar até o fim, para vencer esse medo.

Conclusão: O  mais importante não é necessariamente interpretar o sonho, mas sonhá-lo até o fim.

Principal fonte: Wikipedia

fevereiro 9, 2011 Posted by | Ciências | , , , , , , , , , , , , , , , , , , | 25 Comentários

Com os dois lados do cérebro

right intelligence

Lado Certo

Essa pesquisa era para ser sobre os ambidestros, ou seja, pessoas que tem habilidades com os dois lados do corpo, mas é muito difícil falar em ambidestro sem falar do canhoto. Na realidade, o canhoto é um assunto muito mais interessante para se estudar, o canhoto enfrenta mais problemas.

Quando nascemos, apesar das aparências, não temos preferências por nenhum lado do cérebro. O cérebro é dividido em dois hemisférios, onde o hemisfério esquerdo controla o lado direido do corpo, e o hemisfério direito controla o lado esquerdo, portanto, cada hemisfério controla o lado oposto.

Essa constatação foi feita quando, em indivíduos com lesão no lado esquerdo, apresentavam paralisação do lado direito.

Como tudo o que se observa na sociedade, a simples observação de um canhoto pode gerar muito preconceito, podendo chegar até a religião ou superstições e crendices.

Quando as crianças nascem, elas não tem muita preferência, podem usar tanto a mão direita quanto a mão esquerda. Com o passar do tempo, a criança passa a sentir a necessidade de desenvolver sua habilidade, então, sente a necessidade de escolher um dos lados.

Escolhendo o lado direito, tudo bem, a grande maioria das pessoas são destras, portanto ela se encaixa perfeitamente. Quando a criança escolhe o lado esquerdo, aí, começam os seus problemas.

Segundo relatos de pessoas canhotas, quando eram crianças, foram forçadas a usar o lado direito, mas resistiram e continuaram a usar o lado esquerdo. Algumas famílias não são tão pacientes, exigem que a criança use a mão esquerda, isso provoca transtornos que vão desde falta de habilidade parcial, confusão, até traumas permanentes.

Há ainda, casos de pessoas que desenvolvem a ambidestria, habilidade com ambas as mãos:

WIKIPEDIA: “Ambidestria é a capacidade de se ser igualmente habilidoso com ambas as mãos direita e esquerda (ou, de forma mais limitada, com ambos os pés). A palavra “ambidestro” tem origem no Latim: ambi significa “ambos” e dext significa “certo”.

Quando eu era jovem, minha irmã, já falecida, sempre insistia para que eu pegasse tudo com a mão direita, isso era um problema, já que o lado direito do cérebro estava sempre controlando o lado e esquerdo do corpo, sempre estava mais ativo. Pessoas com esse tipo de transtorno, acabam apresentando insegurança na hora de escolher o lado “certo”, podendo ter problemas, devido a confusão dos lados.

Segundo a minha irmã, aprendendo a usar o lado direito, eu teria mais facilidade na sociedade, inclusive para aprender na escola. Alunos canhotos tem dificuldades para aprender a escrever, além da possibilidade de terem problemas de postura, caso os professores não sejam pacientes.

“Falsos destros” podem confundir a mão esquerda com a direita,  isso pode fazer com que um motorista entre pela contramão, podendo causar até acidentes. Isso acontece pela confusão provocada pelo cérebro, onde o direito não significa exatamente  o certo.

Eu sempre usei o lado direito, mas havia problemas, por exemplo: Para chutar a bola com força, eu sempre tinha distensão no perna direita. Descobri, logo, que para chutar com força, teria que chutar com a perna esquerda.

Depois de uma acidente de carro, ainda na infância, onde o lado direito ficou ainda mais comprometido, o lado esquerdo passou a ser ainda mais importante. Apesar disso, eu continuava sendo destro.

Quando me convidaram para participar de um jogo amistoso, contra a seleção brasileira master, desenvolvi um drible quase perfeito. Com a dificuldade com a perna direita, principalmente para chutar forte, desenvolvi um drible quase perfeito, com as duas pernas. 

Um drible normal, as pessoas estão sempre em igualdade de condições, mas, para marcar um canhoto, é preciso mudar o jeito de marcar. Quando a pessoa é ambidestra, fica quase impossível de ser marcada.

Cada vez que eu executava esse drible, eu perdia um amigo, ninguém parava em pé, o drible sempre era executado no contrapé do adversário. Fiquei conhecido como falso canhoto, na realidade, eu sempre fui um falso destro; quando eu começo a usar o lado esquerdo, meus amigos sabem que não devem chegar perto.

É muito comum o desenvolvimento da ambidestria em canhotos forçados a utilizarem a mão direita, apesar disso, é muito estimulada em esportes, como natação, lutas e instrumentos musicais.

A melhor forma de observar se uma pessoa é falso destro ou falso canhoto, é observar quando ela vai olhar um microscópio, o lado mais ativo do cérebro passa a dominar.

Canhotos tem reclamado da exclusão social a que são submetidos, onde tudo é feito para destros, até fechadura de portas. Alguns canhotos são forçados a desenvolver habilidades inversas ao funcionamento de seu cérebro, principalmente no trabalho.

Em uma pesquisa realizada entre crianças, destras e canhotas, o resultado foi:

Entre os destros, 72% apresentavam superioridade na mão direita, enquanto 12% não tinham preferênca.

Entre os canhotos, 55% apresentavam mais habilidade com a mão esquerda, 30% não apresentavam diferênça.

Como podemos notar, as circunstâncias sociais a que são submetidos os canhotos, levaram eles a desenvolverem uma habilidade na outra mão também. Há uma idéia polêmica de que os canhotos são mais inteligentes que os destros.

Apesar de todas as pesquisas feitas, não foi possível descobrir as causas do canhotismo. Parece ser natural, já que o fator genético também não foi comprovado.

Ambos os pais são canhotos.

50% dos filhos são canhotos.

Um pai canhoto e o outro destro.

17% dos filhos são canhotos.

Ambos os pais são destros.

2% dos filhos são canhotos.

Até para desenhar, nota-se uma diferença, o canhoto desenha o perfil voltado para a esquerda, o destro para a direita. Caso isso não ocorra, então é um falso destro.

FAMOSOS CANHOTOS

No esporte brasileiro:

Ayrton Senna – Melhor piloto brasileiro de todos os tempos na Fórmula 1. Tricampeão mundial, sendo campeão em 1988 com o recorde de vitórias numa temporada.

Pelé – Atleta do século, melhor jogador de futebol de todos os tempos no mundo. Tricampeão mundial pela seleção brasileira. Ele e o presidente dos Estados Unidos da América são as pessoas mais conhecidas no planeta.

Romário – Grande craque de futebol e o atacante mais consagrado atualmente no futebol. Teve grande participação na conquista do Copa do Mundo em 1994.

Fernando Meligeni – Argentino naturalizado brasileiro. É o segundo melhor tenista brasileiro na atualidade.

Esporte Internacional:

Bill Russell, Chris Mullen, David Robinson, Goran Ivanisevic, John McEnroe, Larry Bird, Lenny Wilkins, Marcelo Rios, Martina Navratilova, Monika Seles, Thomas Muster.

Literatura:

HG Weels – Romancista e ensaísta inglês. Ganhou nomeada como auotor de livros de ficção científica.

Machado de Assis – Escritor brasileiro, um dos maiores da língua portuguesa de todos os tempos. Sua obra inclui romances como Dom Casmurro e Quincas Borba. Foi um dos fundadores e primeiro presidente da Academia Brasileira de Letras.

Líderes Mundiais:

Alexandre – o Grande – Um dos maiores generais da história. Foi rei da Macedônia em 356 a.C. Venceu os persas e estendeu seu império até a Índia. Fundou Alexandria, no Egito.

Fidel Castro – Líder revolucionário e estadista cubano. É o atual presidente de Cuba.

Mahatma Gandhi – Líder nacionalista indiano, expoente da doutrina da não-violência.

Napoleão Bonaparte – General e estadista, imperador dos franceses.

Bill Clinton – ex-presidente dos Estados Unidos da América.

Há ainda outros líderes como Júlio César, Príncipe Charles (Ing), Elizabeth II, George Bush, John D. Rockefeller.

Música:

George Michael (Wham!), Glenn Frey (the Eagles), Jimi Hendrix, John Lydon a.k.a. Johnny Rotten (Sex Pistols), Kurt Cobain (Nirvana), Ludwig van Beethoven, Natale Cole, Paul McCartney (the Beatles; Wings), Phil Collins (Genesis), Phil Everly (The Everly Brothers), Robert Plant (Led Zepplin), Tony Iommi (Black Sabbath).

Arte:

Pablo Picasso – Pintor espanhol radicado na França, considerado o maior do século vinte.

Leonardo da Vinci – Artista e pensador italiano, um dos maiores gênios da história. Foi pintor, escultor, arquiteto, engenheiro e cientista. Criador do quadro mais famoso do mundo “Mona Lisa”

Miguelângelo e Raphael.

Atores:

Bruce Willis, Charlie Chaplin, Jerry Seinfeld (comediante), Julia Roberts, Keanu Reeves, Marilyn Monroe, Nicole Kidman, Peter Fonda, Robert DeNiro, Robert Redford, Sarah Jessica Parker, Tim Allen, Tom Cruise, Whoopie Goldberg.

Outros canhotos famosos:

Albert Einstein – Físico de origem alemã, naturalizado norte-americano. Teve grande contribuições com suas leis para a humanidade. Recebeu o Prêmio Nobel de fisiologia ou medicina em 1908.

Aristóteles – Filósofo grego, um dos maiores pensadores de todos os tempos.

Bart Simpson – personagem de desenho, escolhido entre as 100 maiores personalidade do século.

Bill Gates – O homem mais rico do mundo. Dono de uma das maiores empresas de informática do planeta “Microsoft”.

Neil Armstrong – Astronauta norte-americano, o primeiro homem a pisar na Lua.

Isaac Newton – Matemático e físico inglês, um dos maiores célebres sábios de todos os tempos.

Billy the Kid (William Bonney), David Rockefeller (banqueiro), Dwight F. Davis (criador da Copa Davis, no tenis), Jack o Estripador, Joana D’arc (Heroína francesa), Matt Groening (cartunista criados dos Simpsons), Ramses II (Faraó Egípcio).

CRENÇAS E SUPERSTIÇÕES:

As roupas de homens e mulheres são abotoados de lados contrários. Segundo Fincher (1977), o costume veio do período Vitoriano, quando uma mulher nobre era usualmente vestida por sua empregada, e pelo fato das empregadas serem geralmente destras, era mais fácil para elas, abotoarem da esquerda para direita. Ao contrário, um nobre senhor usualmente se vestiam sozinhos e não precisavam de ajuda para fechar os botões.

As alianças de casamento são usadas no terceiro dedo da mão esquerda. No início, os egípcios acreditava que a Vena amoris (veia do amor) ia do terceiro dedo da mão esquerda para o coração e por isso colocavam o anel de casamento neste dedo que proveria uma relação mais próxima com o coração da pessoa.

Chineses e europeus acreditam que se alguma pálpebra esquerda for arrancada algo muito ruim acontecerá, e algo bom irá acontecer quando alguém arrancar uma pálpebra direita.

Os irlandeses acreditam que quando você está numa viagem e vê três pega ou pica-pica (uma espécie de corvo) na sua esquerda, você estará com azar. Dois pegas na sua direita, porém, significa sorte. Você terá um ano inteiro de sorte quando você ouvir um cuco na sua direita.

Se sua palma direita coçar, você ira receber algum dinheiro; se sua palma esquerda coçar, você perderá dinheiro. Esta superstição pode ser encontrada na Europa, América, algumas partes da África, e entre alguns ciganos.

Quando você entrar numa casa da Escócia e pisar primeiro com o pé esquerdo você estará trazendo demônio ou mal azar para dentro de casa. Esta é o famoso costume “primeiro passo” que pode ser encontrado na Europa.

Esquimós acreditam que todos os canhotos sejam poderosos feiticeiros.

Em Marrocos canhotos são considerados como demônios ou pessoas malvadas.

No passado (talvez isto continue se manifestando nos dias atuais), todos judaicos tinham que estar longe de algum dos “cem defeitos físicos” listados por Maimonides. Inclui-se na lista cegos, mancos, anões, etc… e canhotos.

No budismo, Buda descreve que o caminho para o Nirvana (o estado de purificação e salvação) se divide em duas partes. Um é o caminho da mão esquerda que é o jeito errado de se viver, e que as pessoas deveriam evitar e seguir o caminho da mão direita porque este é o caminho digno para a purificação da alma.

Nos países islâmicos e na Índia, as pessoas são proibidas de comer com sua mão canhota porque isto é considerado sujo – literalmente. As pessoas destes países certa vez já usaram a mão esquerda para limpar o corpo, de maneira incorreta, depois de defecarem, uma vez que o papel higiênico é uma invenção recente. Esta restrição é um jeito fácil de se destinguir a mão suja da mão com que se deve comer (eles usam a mão para comer) para propostas higiênica.

No Irã, os ladrões capturados têm suas mão direitas decepadas como punição. O motivo é simples: sem a mão direita, o ladrão precisa usar a esquerda. Usar a mão

esquerda, no Irã, é considerada uma atitude desonrosa. Essa mão é usada apenas para fazer higiene anal.

O preconceito destro está em todos os lugares como superstição e herança de costume: fazer o sinal da cruz com a mão direita, entrar em casa no Ano Novo com o pé direito, quando alguém está infeliz dizemos que ele acordou com o pé esquerdo.

CONCLUSÃO:

Uma criança, a partir dos seis anos, tem definido o lado mais desenvolvido do cérebro, então, ela poderá escolher a mão, pé e olho que irá usar com mais frequência; não deve ser corrigida.

Os professores, principalmente os pedagogos, devem estar atentos à postura dessas crianças. Um pedagogo mal preparado poderá levar a criança a adquirir maus hábitos.

Os pais devem deixar as crendices e superstições de lado e observar que se seu filho não se tornar um gênio, como esses acima citados, certamente já tem a personalidade igual, ou superior à deles.

Com o tempo, a criança desenvolverá suas habilidades com as mão direita, usando-a somente em caso de última necessidade.

Fonte: Wikipedia

By: Jânio

outubro 17, 2010 Posted by | Ciências | , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | 55 Comentários

Autodidata – Faça você mesmo

Descobertas e necessidade

Aprendizado Natural

É curioso como em pessoas, com um certo grau de formação, são verificados interesses pelo tema autodidática, também conhecido como autodidaticismo. Talvez por necessidade de continuar aprendendo, mas com liberdade de pensamento.

Esse tema, como tantos outros, apresenta muita contradição quanto a sua essência e filosofia.

Uma pessoa autoditada é aquela que aprende algo sozinha, sem formação específica na área, curiosamente, é muito mais comum do que parece.

Através da autodidática, podemos ver como as pessoas escolhem mal suas profissões, formando-se em uma área, mas atuando em outra.

Vejam bem: Em grandes centros urbanos, é possível fazer um curso técnico no colegial, isso poderia indicar a vocação de uma pessoa, mesmo antes do vestibular; em pequenas cidades isso já não é possível.

Apesar disso, mesmo em grandes centros urbanos, não é o que acontece. A busca por profissões de acordo com o mercado acaba prevalecendo.

Para se saber qual a nossa vocação, é preciso voltar no tempo: Ver quais foram os professores que mais nos elogiaram; quais foram nossas melhores notas na escola; quais foram os nossos melhores trabalhos; maior interesse, etc.

Apesar dessas regrinhas básicas, ainda tem o problema financeiro. Em algumas profissões, é quase impossível ter um rendimento satisfatório.

Por esse e por outros motivos, a lei da oferta e da procura, as pessoas não escolhem a profissão em que mais se adaptam e dominam, escolhem aquelas que tem mais retorno.

Qualquer profissão poderia ser a ideal, desde que sua educação  tornasse o processo de ensino prazerosa, compensando a baixa remuneração, o que raramente acontece.

Assim, temos fazendeiros formados em medicina, cientistas trabalhando no serviço público, políticos trabalhando no comércio, etc.

É fácil  observar notícias de pessoas que inventaram algo simples, fora de suas áreas, mas que será tão desenvolvido que dificilmente alguém notara seu princípio básico e o seu inventor.

A área de informática, por ser muito dinâmica, passou por essa fase. No início não haviam faculdades, tudo era criado por profissionais autodidatas, até hoje isso pode ser observado.

Hoje, encontramos mais informações em blogs ou pequenos portais que em sites das grandes corporações. Fica evidente que a profissionalização da informação manipulou sua essência, a de informar e mostrar a verdade.

A autodidática tem influenciado muito a própria didática, pela sua liberdade de criação, ausência de métodos e técnicas rígidos, levando a descobertas de novos rumos para o conhecimento. Se por um lado o autoconhecimento pode encontrar um limite para o seu autodesenvolvimento, por outro lado é extremamente criativo, útil e empreendedor.

O empreendedorismo possui uma relação muito direta com a autodidática, assim como possui uma certa relação com o pioneirismo também. Se o processo do pioneirismo aumenta os riscos no empreendedorismo, a autodidática diminui.

É sabido que quanto mais conhecimentos em áreas diversas o empreendedor possua, maior será a facilidade com que resolverá problemas essenciais para o seu crescimento.

Estudiosos afirmam que o autodidata deveria concluir sua formação, com a qual teria as portas abertas no mercado tradicional, onde é fundamental um título.

No mercado tradicional, os títulos são mais importantes que a ideologia, a filosofia e a capacidade de cumprir metas de um bom autodidata. Poderíamos dizer que as faculdades são centros preparatórios de empregados, profissionais que não pensam, apenas obedecem e executam suas funções com as tecnologias que lhe são passadas.

A autodidatica não deve ser confundida com ensino alternativo, também não pode ser visto como um aprendizado isolado. O autodidata se vale de livros e pessoas com sabedorias suficientes para passar algum conhecimento,  as bibliotecas são seu lugar favorito.

Um autodidata pode aprender sozinho, por tentativas e erros, mas a consulta e acompanhamento por conhecimentos externos são constantes. Autodidatas são responsáveis por esclarecer muitas teorias, ou partes delas, que não foram totalmente entendidas.

Aqui notamos, novamente, a presença do autodidata na informática. O hacker, que não deve ser confundido com lammers ou crackers, são pessoas que desafiam constantemente as estruturas de programação de sistemas, sendo responsáveis pelo sucesso da web 2.0 e a criação de vários softwares, além de sua presença frequente em fundações de tecnologia.

A autodidática promove o desenvolvimento natural do autodidata, propiciando o aprendizado natural em várias áreas diferentes.

Mesmo na informática, podemos notar que em alguns setores há profissionais que controlam suas funções, mas não dominam totalmente, muitas vezes sendo vítimas de suas próprias ferramentas. Isso acontece porque as escolas ensinaram a fazer, mas não explicaram totalmente a funcionalidade do processo aprendido.

A internet foi um passo importante na evolução dos autodidatas, informações que poderiam levar dias, semanas ou meses para serem acessadas, hoje podem ser acessados à distância de um clique. Todas as pessoas que usam a internet, devem dar o máximo de importância a otimização.

A lincagem através dos sites, acelera muito o acesso às informações. Não se deve ter medo de incluir links de sites e portais, nem subestimar a real importância deles.

A maioria dos internautas aprende rápido; aprende a aprender rápido; desenvolve uma aptidão autoditática muito grande. Eu considero a interação uma filosofia de vida, a melhor forma de encontrar respostas que poderiam levar anos para serem encontradas.

Cada processo na rede, interativo ou não, leva a busca de autoconhecimento, força a memória. Assim como é difícil para uma pessoa adaptar-se ao computador, é difícil adaptar-se a internet, mas no fim todos aprendem, sem exceção; a dificuldade de se adaptar não implica em dificuldade de aprender.

Assim como a autoditática não contradiz a ditática, a didática não contradiz a autodidática; um Doutor pode se tornar um autodidata, tanto quanto um autodidata pode se tornar um Doutor. Qualquer forma de pensamento contrária a esse preceito, tende a retardar a evolução do conhecimento.

Motivados por descobertas constantes, os autodidatas seguem uma linha de pensamento paralela ao pensamento acadêmico, mas por incrível que possa parecer, ele sempre será muito mais crítico, não aceitará respostas fáceis, terá em seu caminho das pedras,  palavras interrogativas: Como?; por que?; onde?; quando?; quem?…

Muitas perguntas são respondidas ainda na infância de um autodidata. Experiências da descoberta do fogo, densidade da água, presença do ar e a importância da Terra, são inevitavelmente descobertas na prática.

Quando a pessoa se torna autodidata na vida adulta, a sensação pode ser como se finalmente tivesse encontrado vida inteligente na Terra, onde a vida e o aprendizado estão lado a lado, sem nenhuma regra, movidos pela necessidade de fazer, ter, viver, sentir e ser feliz.  

Dizer que um gênio da música, como Bethoven, Bach, Mozart, Vivaldi, aprenderam a tocar com quatro anos, criaram sua primeira sinfonia aos sete anos, tornando-se conhecidos mundialmente aos dez, contraria qualquer método conhecido de didática, está mais próxima da autodidática, mas também não pode ser confundida com essa.

A genialidade e a inteligência são diferentes. Ainda não foram descobertos os princípios da genialidade, só o que se sabe é que não há explicação para tamanha facilidade de aprendizado, ou assimilação de conhecimentos.

Um gênio possui conhecimentos infinitos em uma determinada área, é como se o seu cérebro encontrasse respostas imediatas para todas as perguntas cabíveis, relevantes, com o acompanhamento de um tutor. A princípio, esse tutor também encontrará suas respostas, através de seu pupilo, mas, com o tempo, o gênio estará só em busca de seu próprio aprendizado.

Naturalmente, em algumas áreas, a sociedade não vê com bons olhos esses gênios. A partir do momento em que o raciocínio de um gênio evolui acima  do conhecimento de sua época, passa a ser uma ameça ao poder, passa a representar uma espécime de animal racional superior, quase um mutante.

Contrariamente ao gênio, a inteligência segue por dois caminhos diferentes, didática e autodidática, onde ambas deverão ter controle do que fazem, não necessariamente o domínio que está presente apenas na autodidática.

Grandes nomes, como Albert  Einstein, devem ser vistos como gênios, apesar de serem também autodidatas. Autodidata no aprendizado da matemática e da física, capaz de encontrar explicações convincentes para outras áreas, mesmo sem dominá-las completamente. A bomba atômica foi consequência dessa falta de domínio.

Nostradammus pode ser considerado um homem inteligente, tanto pelas várias áreas que ele conhecia, quanto pelo domínio dessas áreas até certo ponto, suficiente para não ser desacreditado e criar sua própria lenda. Também não há evidências sobre seu aprendizado autodidata.

Mecânicos desenhistas, carpinteiros, músicos, são apenas algumas áreas onde se pode verificar a autodidática. A maioria das faculdades surgiu da autodidática, da oferta e procura.

Bill Gates é considerado um autodidata, pelo menos no aprendizado, não na filosofia, contrastando diretamente com seus inimigos mortais, os hackers.

Autodidatas famosos:

Gottfried Wilhelm Leibniz – Matemático e Filósofo alemão – Criador da Arte combinatória, precursora da computação.

Jack London – Escritor americano autor de Chamado selvagem.

Bill Gates –  Americano fundador da Microsoft.

Alexander Grahan Bell –  Inventor escocês.

Stanley Kubrick – Cineasta americano.

Woody Allen – Cineasta americano.

Henry Ford  – Americano fundador da Ford,

Charles Dickens – Romancista Inglês.

Walt Disney – Cineasta americano.

Albert Einstein – Fisico alemão.

Jimi Hendrix – Músico americano.

José Saramago – Escritor português.

Machado de Assis – Escritor brasileiro.

Como podemos ver, pelo menos a metade dessa lista de celebridades, não seguia a filosofia autodidata, era sangue “ruim mesmo”.

Podemos notar os egocêntricos: Como Einstein, que queria saber o que Deus pensava; Walt Disney, que deu seu próprio nome a empresa; Grahan Bell, empresário e inventor envolvido em brigas por patentes, etc.

Fora esses, não dá para negar que há nomes consagrados, bons exemplos a serem seguidos.

Fonte: Wikipedia

By Jânio

outubro 12, 2010 Posted by | Ciências | , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | 17 Comentários

Karmas e DNA.

Direitos autorais: Fernanda vaz.

Academia New Star Fitness

A fine WordPress.com site

Gramofone Lunar

Músicas, Versos e Outras Histórias

baconostropicos

Documentário "Baco nos Trópicos"

relutante

leve contraste do sentimentalismo honorário

entregue a solidão

é oque me resta falar e oque me sobra sentir

RB Solutions

Soluções em informática, comunicação e tecnologia

Bora' para Ireland

Smile! You’re at the best WordPress.com site ever

sarahrosalie

A topnotch WordPress.com site

Suburban Wars

"Let's go for a drive, and see the town tonight"

Made in Blog

Política, curiosidades, notícias, entretenimento, blogosfera,

%d blogueiros gostam disto: