Made in Blog

Política, curiosidades, notícias, entretenimento, blogosfera,

París: La Policía abre fuego contra un hombre que intentó atacar con un martillo a un agente

Transmitido ao vivo há 8 horas

Este 6 de junio, un hombre ha atacado con un martillo a un agente de la Policía cerca de la catedral de Notre Dame en París, Francia. Las fuerzas de seguridad respondieron a la agresión abriendo fuego y, según los datos preliminares, han herido al atacante

SEPA MÁS: https://es.rt.com/55mq

¡Suscríbete a RT en español!
http://www.youtube.com/user/Actualida…

RT en Twitter: https://twitter.com/ActualidadRT
RT en Facebook: https://www.facebook.com/ActualidadRT
RT en Google+: https://plus.google.com/+RTenEspanol/…
RT en Vkontakte: http://vk.com/actualidadrt

Vea nuestra señal en vivo: http://actualidad.rt.com/en_vivo

RT EN ESPAÑOL: DESDE RUSIA CON INFORMACIÓN

junho 6, 2017 Posted by | Internacional | , , , , | Deixe um comentário

Defesa de Rodrigo Loures (PMDB) entrega à Polícia Federal mala com R$ 465 mil

deputado do PMDB

PF na República de Curitiba

André Richter – Repórter da Agência Brasil

A defesa do deputado afastado Rodrigo Rocha Loures (PMDB-PR) entregou ontem (22) à Polícia Federal (PF),  em São Paulo, uma mala com R$ 465 mil. Em abril, Loures foi filmado pela PF recebendo a mala, que, segundo as investigações, continha R$ 500 mil, e foi enviada pelo empresário Joesley Batista, dono da JBS. No documento em que atestaram a apreensão, os policiais contaram 9.300 notas de R$ 50.

Os documentos que comprovam a entrega foram enviados nesta manhã ao gabinete do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Edson Fachin, que, na semana passada, determinou o afastamento de Rocha Loures do mandato após pedido da Procuradoria-Geral da República (PGR). Os advogados não se manifestaram sobre a falta de R$ 35 mil.

Pela denúncia, Loures aparece ainda em uma das conversas gravadas com Ricardo Saud, ex-diretor de Relações Instituições da J&F, concordando em apresentar uma prévia do relatório da Medida Provisória do Refis, que ainda não era público. Na conversa, os dois falam sobre esconder o que a JBS queria no texto, incluindo os pontos como sugestão da Associação Brasileira das Indústrias Exportadoras de Carnes.

Posteriormente, Rocha Loures foi filmado recebendo R$ 500 mil enviados por Joesley Batista. Loures é apontado como intermediário do presidente Michel Temer para assuntos do grupo J&F com o governo, de acordo com denúncia do Ministério Público Federal (MPF), com base em áudio de conversa gravada por Joesley.

Edição: Valéria Aguiar
 
 

maio 23, 2017 Posted by | Política | , , | Deixe um comentário

Disturbios entre manifestantes y la policía en Río de Janeiro

Transmitido ao vivo há 1 hora

En Brasil, se ha paralizado gran parte del transporte público debido al llamado de los principales sectores sindicales del país a una huelga general. Los manifestantes han bloqueado las carreteras y se han enfrentado con la Policía. Esto, para protestar contra las medidas de austeridad del gobierno de Michel Temer. Se trata del primer paro nacional desde 1996

SEPA MÁS: https://es.rt.com/5300

¡Suscríbete a RT en español!
http://www.youtube.com/user/Actualida…

RT en Twitter: https://twitter.com/ActualidadRT
RT en Facebook: https://www.facebook.com/ActualidadRT
RT en Google+: https://plus.google.com/+RTenEspanol/…
RT en Vkontakte: http://vk.com/actualidadrt

Vea nuestra señal en vivo: http://actualidad.rt.com/en_vivo

RT EN ESPAÑOL: DESDE RUSIA CON INFORMACIÓN

abril 28, 2017 Posted by | Espanhol, Política | , , , , | Deixe um comentário

Enfrentamientos entre la policía y los manifestantes que protestaron contra la reunión del G7

abril 10, 2017 Posted by | Espanhol | , , | Deixe um comentário

STF veta greve de servidores de todas as carreiras policiais

STF

Felipe Pontes – Repórter da Agência Brasil

O plenário do Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu hoje (5), por 7 votos a 3, que todos os servidores que atuam diretamente na área de segurança pública não podem exercer o direito de greve, sob qualquer forma ou modalidade, por desempenharem atividade essencial à manutenção da ordem pública.

Pela tese aprovada, fica vetado o direito de greve de policiais civis, federais, rodoviários federais e integrantes do Corpo de Bombeiros, entre outras carreiras ligadas diretamente à segurança pública. Essas carreiras, no entanto, mantêm o direito de se associar a sindicatos.

A decisão, que teve repercussão geral reconhecida e serve para balizar julgamentos em todas as instâncias, foi tomada no julgamento de um recurso extraordinário do estado de Goiás, que questionou a legalidade de uma greve de policiais civis.

No julgamento, prevaleceu o entendimento do ministro Alexandre de Moraes, para quem o interesse público na manutenção da segurança e da paz social deve estar acima do interesse de determinadas categorias de servidores públicos. Para Moraes, os policiais civis integram o braço armado do Estado, o que impede que façam greve.

“O Estado não faz greve. O Estado em greve é um Estado anárquico, e a Constituição não permite isso”, afirmou Moraes.

A maior parte dos ministros considerou ainda ser impraticável, por questões de sua própria segurança e pela obrigação de fazer prisões em flagrante mesmo fora de seu horário de trabalho, que o policial civil deixe de carregar sua arma 24 horas por dia.

Isso impediria a realização de manifestações por movimentos grevistas de policiais civis, uma vez que a Constituição veda reuniões de pessoas armadas. “Greve de sujeitos armados não é greve”, afirmou Gilmar Mendes.

Também votaram a favor da proibição da greve a presidente do STF, ministra Cármen Lúcia, e os ministros Luís Roberto Barroso, Dias Toffoli, Ricardo Lewandowski, Gilmar Mendes e Luiz Fux, que destacou o que considerou consequências nefastas de greves anteriores de policiais civis e militares, como o aumento do número de homicídios. “O direito não pode viver apartado da realidade”, afirmou.

A Advocacia-Geral da União (AGU) e a Procuradoria-Geral da República (PGR) manifestaram-se pela impossibilidade de greve de policiais civis, contra o Sindicato dos Policiais Civis de Goiás (Sindipol-GO).

Relator

O relator do caso, ministro Edson Fachin, votou para que fosse garantido o direito de greve dos policiais civis, embora com restrições. “No confronto entre o interesse público de restringir a paralisação de uma atividade essencial e o direito à manifestação e à liberdade de expressão, deve-se reconhecer o peso maior ao direito de greve”, disse.

Para conciliar o direito fundamental à greve e o direito fundamental à segurança pública, Fachin propôs como saída que paralisações de policiais civis fossem autorizadas previamente pelo Judiciário, estabelecendo-se um porcentual mínimo de servidores a serem mantidos em suas funções.

Acompanharam o relator os ministros Rosa Weber e Marco Aurélio Mello, para quem, com a decisão, o STF ” afasta-se da Constituição cidadã de 1988″.

Edição: Juliana Andrade
 
 

abril 5, 2017 Posted by | Política, Policia | , , | Deixe um comentário

Picciani presta depoimento durante três horas na Polícia Federal

Presidente da Assembléia Deputados

Picciani Alerj

Flávia Villela – Repórter da Agência Brasil

O presidente da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj), Jorge Picciani (PMDB), saiu da Superintendência da Polícia Federal (PF), no Rio de Janeiro, zona portuária, cerca de três horas depois de ser conduzido coercitivamente para depor. O deputado saiu sem falar com a imprensa.

Picciani foi conduzido para depor em meio à Operação Quinto da Coroa, deflagrada nesta manhã, que também cumpriu mandados de prisão contra cinco conselheiros e um ex-conselheiro do Tribunal de Contas do Estado do Rio (TCE-RJ). Os seis presos estão na Superintendência da PF e, após depoimento, serão levados para o Instituto Médico-Legal, segundo a assessoria da PF.

Picciani foi conduzido para depor em meio à Operação Quinto da Coroa, deflagrada nesta manhã, que também cumpriu mandados de prisão contra cinco conselheiros e um ex-conselheiro do Tribunal de Contas do Estado do Rio (TCE-RJ). Os seis presos estão na Superintendência da PF e, após depoimento, serão levados para o Instituto Médico-Legal. Segundo a assessoria da PF, de lá, eles serão encaminhados a unidades do sistema prisional ainda não divulgadas.

Os conselheiros detidos tiveram bens e valores bloqueados.

De acordo com nota da Polícia Federal (PF), os presos são investigados por fazerem parte de um esquema de pagamentos de vantagens indevidas relacionadas a contratos com órgãos públicos para agentes do Estado, em especial membros do TCE-RJ e da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj).

As investigações da PF indicam que agentes públicos teriam recebido valores indevidos para viabilizar a utilização do fundo especial do TCE-RJ para pagamentos de contratos do ramo alimentício atrasados junto ao governo. Esses agentes receberiam uma porcentagem do contrato faturado.

As investigações tiveram origem em uma colaboração premiada feita por dois investigados na Operação Lava Jato à Procuradoria-Geral da República.

O nome da operação – Quinto da Coroa – é referência a um imposto cobrado por Portugal dos mineradores de ouro no período do Brasil Colônia.

A Agência Brasil procurou a assessoria de Jorge Picciani, mas não recebeu retorno até a publicação da matéria.

Edição: Lílian Beraldo

março 29, 2017 Posted by | Política | , , , | Deixe um comentário

Denúncias de abusos cometidos por policiais aumentam 78% em São Paulo

justiça moderna

Extremista

Flávia Albuquerque – Repórter da Agência Brasil*

As denúncias de abusos cometidos por policiais civis ou militares em São Paulo passaram de 531 em 2015 para 947 em 2016, de acordo dados do relatório anual da Ouvidoria da Polícia do Estado de São Paulo, o que representou alta de 78% na comparação. As queixas que mais cresceram foram as de constrangimento ilegal, que passaram de 242 para 562, um aumento de 132,23%.

Em seguida aparece o abuso de autoridade com agressão, que passou de 241 para 301, o que significa 24,90% a mais do que no ano anterior. Já a invasão de domicílio cresceu 75%, ao passar de 48 em 2015 para 84 em 2016.

“Realmente existem abusos de ordem crescente por parte dos policiais. Hoje o cidadão tem consciência plena do exercício da cidadania e perdeu o temor de denunciar os maus policiais. A Ouvidoria se consolidou com essa tranquilidade do cidadão que sabe que deve denunciar a atitude errada do policial. Eu acredito que haja algum reflexo e que a polícia deve tomar alguma iniciativa”, disse o ouvidor da polícia paulista, Júlio César Neves.

Em entrevista coletiva no final da tarde de hoje (24), o secretário de Segurança Pública de São Paulo, MáginoAlves Barbosa Filho, contestou os números da Ouvidoria, dizendo que não há, nos números passados, uma “distinção muito clara sobre o que é ou não denúncia”.

“Temos que depurar um pouco melhor os números da Ouvidoria, que considera como denúncia contra policiais uma série de fatores, tal como solicitação de informação de ocorrência – foram feitas 106 e isso entra no campo de denúncia. Solicitação de informação sobre homicídios também entra no campo de denúncia e foram 623 casos. Solicitação de policiamento em determinada área foram 86 e [também] entra como denúncia”, disse.

Barbosa Filho explicou que a Secretaria de Segurança, por meio da Corregedoria, também controla esses dados. No entanto, questionado pela reportagem, ele disse que não tinha, naquele momento, os dados sobre abusos cometidos por policiais e também os dados sobre policiais que foram afastados por conta desses abusos.

“Quando se fala em denúncia e denúncia por agressões, toda e qualquer denúncia de atividade irregular policial civil ou militar que chegue à ouvidoria é repassada para a corregedoria e ela vai ser apurada. O resultado pode ser a expulsão do policial civil ou militar ou pode resultar também no arquivamento se não tiver evidência concreta da prática de um ilícito pelo policial. Mas o que não se pode é generalizar e colocar tudo dentro de um mesmo grupo”, disse o secretário.

* Colaborou Elaine Patricia Cruz

Edição: Augusto Queiroz

março 25, 2017 Posted by | Policia | , , | Deixe um comentário

Polícia Federal indicia pastor Silas Malafaia em inquérito da Operação Timóteo

Ivan Richard Esposito – Repórter da Agência Brasil

A Polícia Federal (PF) indiciou 49 pessoas, entre as quais, o pastor Silas Malafaia no inquérito decorrente da Operação Timóteo. Deflagrada em dezembro do ano passado, a operação investiga um esquema de corrupção na cobrança de royalties da exploração mineral. A informação foi publicada ontem (23) pela revista IstoÉ e confirmada pela Agência Brasil.

Pastor Silas Malafaia
 Malafaia  diz  que  dinheiro  recebido  era  doaçãoFabio Rodrigues Pozzebom/arquivo/Agência Brasil

Pelas redes sociais, Malafaia atacou a revista e disse que se tratava de “notícia requentada”. Segundo o pastor, o indiciamento ocorreu no dia 16 de dezembro. Na ocasião, Malafaia foi conduzido coercitivamente pela PF para explicar a existência de um depósito, na conta dele, de um cheque do escritório de advocacia de Jader Pazinato, um dos alvos da operação, no valor de R$ 100 mil.

Para a PF, Malafaia foi beneficiado com recursos ilícitos do esquema de corrupção. O pastor afirma que recebeu uma doação. À época, também por meio das redes sociais, Malafaia disse que recebe ofertas de inúmeras pessoas e que declara todos os valores no Imposto de Renda. “Quer dizer que, se alguém for bandido e me der uma oferta, sem eu saber a origem [do dinheiro], sou bandido?”, questionou o pastor em post publicado em dezembro no Twitter.

De acordo com as investigações, a organização criminosa usava contratos firmados com prefeituras para desviar recursos de arrecadação da mineração. Responsável pelo inquérito, o delegado Leo Garrido de Salles Meira, indiciou Malafaia pelo crime de lavagem de dinheiro.

Por envolver pessoas com foro privilegiado, o inquérito foi remetido ao Superior Tribunal de Justiça. De acordo com a revista IstoÉ, os autos chegaram no dia 17 de janeiro e foram distribuídos ao ministro Raul Araújo. As investigações estão sob a responsabilidade do vice-procurador geral da República, Bonifácio de Andrada.

Edição: Fábio Massalli

Agência Brasil

 

fevereiro 25, 2017 Posted by | Policia | , , , , | Deixe um comentário

Autoridades norte-americanas prendem imigrantes sem documentos em seis estados

Tabu X Migração

Tabu X Migração

José Romildo – Correspondente da Agência Brasil

As autoridades de imigração norte-americanas prenderam centenas de imigrantes sem documentos em pelo menos seis estados ao longo desta semana em uma ofensiva que aparentemente marca o início da aplicação em grande escala da ordem executiva do presidente Donald Trump, assinada em 26 de janeiro, destinada a deportar cerca de 11 milhões de imigrantes ilegais, inclusive 3 milhões, supostamente com antecedentes criminais.

Em janeiro, seis dias após tomar posse, Donald Trump assinou uma ordem executiva que ampliou as categorias de imigrantes sem documentos a serem incluídos na listas para deportação, cumprindo assim sua promessa de campanha para combater a imigração. Centenas de prisões foram confirmadas pelas autoridade de imigração de vários estados, mas a Casa Branca ainda não divulgou oficialmente o início da vigência da ordem executiva para deportações em massa.

Uma ordem executiva é uma norma que coloca em prática as políticas do governo a serem executadas pelas agências e departamentos oficiais. O ato se resume a uma ação de governo e não tem o poder de reverter uma lei aprovada pelo Congresso. Desde que tomou posse, Trump assinou 12 ordens executivas.

A ordem executiva de 26 de janeiro é ampla e não se resume a medidas para deportar imigrantes. Ela também prevê a contratação de mais de 10 mil agentes de imigração para fiscalizar as fronteiras e o interior do país, além de uma fiscalização das chamadas “cidades santuárias”, ou seja, dos municípios que se recusaram a transferir imigrantes sem documentos para o âmbito das autoridades federais.

Invasão

Funcionários da imigração confirmaram que agentes federais invadiram esta semana casas e locais de trabalho em Atlanta, Chicago, Nova York, Los Angeles e também em algumas cidades da Carolina do Norte e da Carolina do Sul, em busca de imigrantes sem documentos. No entanto, Gillian Christensen, porta-voz do Departamento de Segurança Interna, o órgão norte-americano que supervisiona os setores de imigração e de alfândega, não quis usar a palavra “invasão” para se referir às operações realizadas e falou em “ações direcionadas de rotina”.

Gillian disse que a ofensiva, que começou na segunda-feira (6) e terminou sexta-feira (10), prendeu imigrantes sem documentos provenientes de 12 países latino-americanos. “Estamos falando de pessoas que são ameaças à segurança pública ou uma ameaça à integridade do sistema de imigração”, disse. Segundo ela, a maioria dos presos eram criminosos sérios, incluindo alguns que haviam sido condenados por assassinato e violência doméstica .

Ativistas que combatem a repressão a imigrantes porém afirmam que as prisões não se resumiram a criminosos. Disseram também que a ação das autoridades envolveu uma área bem maior do que a admitida, uma vez que cidades dos estados da Flórida, Kansas, Texas e Virgíniaque também registraram prisões.

“Esta é claramente a primeira onda de ataques [a imigrantes] sob o governo Trump, e sabemos que não vai ser a única”, disse Cristina Jimenez, diretora-executiva da United We Dream, uma organização de jovens imigrantes, em entrevista à imprensa.

Agentes de imigração em Los Angeles, no estado da Califórnia, detiveram dezenas de pessoas em casa ou a caminho do trabalho. Em uma teleconferência nesta sexta-feira (10), o diretor de imigração para a área de Los Angeles, David Marin, disse que 160 pessoas foram presas. Segundo ele, desse total, 75% tinham condenação por crime. Os demais realizaram pequenos delitos ou estavam ilegalmente nos Estados Unidos. Entre as pessoas presas em Los Angeles, 37 foram deportadas para o México.

Emissoras de rádio em língua espanhola e a afiliada local da NPR (uma rádio pública dos Estados Unidos) vêm divulgando, em Los Angeles, anúncios sobre os direitos dos imigrantes. As emissoras estão convidando os imigrantes a participar de seminários para tomarem consciência das medidas que podem tomar na Justiça caso estejam sob ameaça de prisão ou deportação.

Edição: Denise Griesinger
José Romildo – Correspondente da Agência Brasil

As autoridades de imigração norte-americanas prenderam centenas de imigrantes sem documentos em pelo menos seis estados ao longo desta semana em uma ofensiva que aparentemente marca o início da aplicação em grande escala da ordem executiva do presidente Donald Trump, assinada em 26 de janeiro, destinada a deportar cerca de 11 milhões de imigrantes ilegais, inclusive 3 milhões, supostamente com antecedentes criminais.

Em janeiro, seis dias após tomar posse, Donald Trump assinou uma ordem executiva que ampliou as categorias de imigrantes sem documentos a serem incluídos na listas para deportação, cumprindo assim sua promessa de campanha para combater a imigração. Centenas de prisões foram confirmadas pelas autoridade de imigração de vários estados, mas a Casa Branca ainda não divulgou oficialmente o início da vigência da ordem executiva para deportações em massa.

Uma ordem executiva é uma norma que coloca em prática as políticas do governo a serem executadas pelas agências e departamentos oficiais. O ato se resume a uma ação de governo e não tem o poder de reverter uma lei aprovada pelo Congresso. Desde que tomou posse, Trump assinou 12 ordens executivas.

A ordem executiva de 26 de janeiro é ampla e não se resume a medidas para deportar imigrantes. Ela também prevê a contratação de mais de 10 mil agentes de imigração para fiscalizar as fronteiras e o interior do país, além de uma fiscalização das chamadas “cidades santuárias”, ou seja, dos municípios que se recusaram a transferir imigrantes sem documentos para o âmbito das autoridades federais.

Invasão

Funcionários da imigração confirmaram que agentes federais invadiram esta semana casas e locais de trabalho em Atlanta, Chicago, Nova York, Los Angeles e também em algumas cidades da Carolina do Norte e da Carolina do Sul, em busca de imigrantes sem documentos. No entanto, Gillian Christensen, porta-voz do Departamento de Segurança Interna, o órgão norte-americano que supervisiona os setores de imigração e de alfândega, não quis usar a palavra “invasão” para se referir às operações realizadas e falou em “ações direcionadas de rotina”.

Gillian disse que a ofensiva, que começou na segunda-feira (6) e terminou sexta-feira (10), prendeu imigrantes sem documentos provenientes de 12 países latino-americanos. “Estamos falando de pessoas que são ameaças à segurança pública ou uma ameaça à integridade do sistema de imigração”, disse. Segundo ela, a maioria dos presos eram criminosos sérios, incluindo alguns que haviam sido condenados por assassinato e violência doméstica .

Ativistas que combatem a repressão a imigrantes porém afirmam que as prisões não se resumiram a criminosos. Disseram também que a ação das autoridades envolveu uma área bem maior do que a admitida, uma vez que cidades dos estados da Flórida, Kansas, Texas e Virgíniaque também registraram prisões.

“Esta é claramente a primeira onda de ataques [a imigrantes] sob o governo Trump, e sabemos que não vai ser a única”, disse Cristina Jimenez, diretora-executiva da United We Dream, uma organização de jovens imigrantes, em entrevista à imprensa.

Agentes de imigração em Los Angeles, no estado da Califórnia, detiveram dezenas de pessoas em casa ou a caminho do trabalho. Em uma teleconferência nesta sexta-feira (10), o diretor de imigração para a área de Los Angeles, David Marin, disse que 160 pessoas foram presas. Segundo ele, desse total, 75% tinham condenação por crime. Os demais realizaram pequenos delitos ou estavam ilegalmente nos Estados Unidos. Entre as pessoas presas em Los Angeles, 37 foram deportadas para o México.

Emissoras de rádio em língua espanhola e a afiliada local da NPR (uma rádio pública dos Estados Unidos) vêm divulgando, em Los Angeles, anúncios sobre os direitos dos imigrantes. As emissoras estão convidando os imigrantes a participar de seminários para tomarem consciência das medidas que podem tomar na Justiça caso estejam sob ameaça de prisão ou deportação.

Edição: Denise Griesinger
 

fevereiro 12, 2017 Posted by | Migração | , , | Deixe um comentário

Perdendo amor a vida

novembro 24, 2016 Posted by | Política | , | Deixe um comentário

O mundo repercute prisão de Sérgio Cabral

O Brasil no mundo

Imprensa Internacional

José Romildo – Correspondente da Agência Brasil

A imprensa estadunidense deu hoje (17) amplo destaque à prisão do ex-governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral, como parte de uma investigação sobre suborno e desfalque em projetos de construção no Brasil. Entre os pontos ressaltados sobre o ex-governador, os jornais americanos lembram que ele ajudou a levar os Jogos Olímpicos para o Rio.

O The New York Times (NYT) noticiou que Cabral foi preso no âmbito de um inquérito destinado a investigar o desvio de US$ 64 milhões (R$ 224 milhões) em obras públicas. O jornal observa que ele foi governador do estado do Rio de 2007 a 2014, quando renunciou em meio a suspeitas de corrupção e crescentes manifestações de rua.

A prisão de Cabral, segundo o NYT, reflete o avanço das investigações sobre setores da classe política brasileira que ficaram à margem das principais denúncias e casos recentes de corrupção. No início, as investigações atingiram com mais intensidade o Partido dos Trabalhadores (PT), da ex-presidente Dilma Rousseff, afastada do cargo em agosto depois de ser acusada de manipulação orçamentária. O PT, lembrou o jornal, sofreu grandes perdas nas últimas eleições municipais.

Outro importante jornal americano, o The Wall Street Journal (WSJ), informou que Sérgio Cabral, preso hoje, é suspeito de liderar um plano para inflar contratos em troca de contratos públicos de construção, incluindo a renovação de um contrato de mais de R$ 1 bilhão  (US$ 294 milhões) do estádio do Maracanã, antes da Copa do Mundo de 2014. Segundo o WSJ, a polícia brasileira informa que, ao todo, R$ 220 milhões foram desviados de obras públicas pelo esquema.

Outros países

Jornais de todo o mundo também repercutiram a notícia. O indiano The Indian Express publicou que o ex-governador do Rio foi preso como parte de uma investigação de corrupção ligada a projetos da Copa do Mundo. Segundo o jornal, Cabral é um dos políticos de maior importância a ser preso nos últimos meses no âmbito da Operação Lava Jato e sua prisão pode “alimentar mais instabilidade política no Brasil”. Os promotores, de acordo com o jornal indiano, acusam Cabral de liderar um grupo que desviou US$ 64 milhões de esquemas de construção pública.

O site da BBC, de Londres, diz que a prisão de Cabral faz parte uma investigação que começou com a denúncia de dois diretores de empresas de construção de que o ex-governador recebeu propinas em troca de contratos lucrativos, como a reforma do Maracanã.

O jornal britânico The Guardian informa que a prisão ocorreu depois que procuradores federais acusaram o ex-governador de liderar uma organização criminosa. Além do Maracanã, o jornal também cita o recebimento de propinas por Cabral em obras em algumas das maiores favelas do Rio e em uma rodovia no entorno da cidade.

Edição: Augusto Queiroz

novembro 19, 2016 Posted by | Policia | , , | Deixe um comentário

Novo chilique de Garotinho

novembro 18, 2016 Posted by | Política | , , , | Deixe um comentário

Chilique de Garotinho ao ser preso

novembro 18, 2016 Posted by | Política | , , | Deixe um comentário

Polícia ataca secundaristas em protestos

Início da Ditadura

Início da Ditadura

Elaine Patricia Cruz – Repórter da Agência Brasil

A Polícia Militar tentou encerrar o protesto de estudantes secundaristas com bombas de gás lacrimogêneo na região central da capital paulista, na tarde de hoje (6). Os manifestantes pedem a criação de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para apurar desvios na merenda escolar, além de protestar contra decisão do governo do estado de determinar como será feita a eleição dos grêmios estudantis.

Os estudantes começaram o ato na Praça da República, em frente a Secretaria Estadual de Educação, chegaram a fechar um trecho da avenida Ipiranga, seguiram pela avenida São João e pegaram a Rio Branco. Durante o trajeto, a polícia deteve um estudante, porque ele usava máscara e estava com uma mochila, segundo a corporação. Após ser revistado, nada foi encontrado e ele foi liberado.

Ainda na Rio Branco, próximo ao Largo do Paissandu, a tropa de choque da PM estava preparada para interromper a manifestação, que seguiu pacífica durante todo o caminho, e não deixou que o grupo seguisse. Os manifestantes tentaram continuar a passeata, mas a polícia jogou bombas de gás lacrimogêneo. Ao menos uma estudante desmaiou devido às bombas e dois ficaram feridos por estilhaços.

Os estudantes correram e gritaram “fascista”, em referência à Polícia Militar. A polícia deteve mais um rapaz e o levaram para a delegacia. Um policial disse à reportagem da Agência Brasil que foi encontrada droga na mochila do manifestante.

Por volta das 17h, os estudantes estavam na esquina das avenidas Rio Branco e Ipiranga tentando voltar com a manifestação de forma pacífica.

Edição: Beto Coura
 

abril 6, 2016 Posted by | Política | , , , | Deixe um comentário

PF investiga contas de João Santana no exterior

Prisão de Empresário

Lava a Jato

Pedro Peduzzi – Repórter da Agência Brasil*

A nova etapa da Operação Lava Jato, deflagrada hoje (22), teve oito mandados de prisão decretados, entre eles estão o do publicitário João Santana e de sua mulher, Mônica Moura. O casal está fora do país, em viagem à República Dominicana. Os mandados deles são de prisão temporária.

Em entrevista na Superintendência da Polícia Federal (PF) no Paraná, os investigadores informaram que a nova fase iniciou a partir da abertura de um inquérito em setembro.

Leia o texto completo no site da Agência Brasil

02 – Lava a jato: Empresário é preso no Rio

O empresário Zwi Skornicki foi preso hoje (22) na 23ª Fase da Operação Lava Jato, denominada Acarajé. Ele é representante oficial no Brasil do estaleiro Keppel Fels, de Cingapura, e é acusado de pagamento de propinas em negócios com a Petrobras. Skornicki foi preso em casa em um condomínio da Barra da Tijuca, zona oeste do Rio, em cumprimento a um mandado de prisão preventiva e foi levado para a superintendência da Polícia Federal (PF), na Praça Mauá, na região portuária da cidade.

Leia o texto completo no site da Agência Brasil

03 – Brasil é o décimo maior cotista do  FMI

Da Agência Brasil

O Brasil passou a ser o décimo maior cotista do Fundo Monetário Internacional (FMI), informou hoje (22) o Banco Central (BC). O país subiu quatro posições após a integralização do aumento de sua cota, na semana passada.

As cotas são um componente central dos recursos financeiros do FMI. Para cada país membro é atribuída uma cota, de acordo com sua posição na economia mundial. Quanto mais forte o país, maior sua cota e seu poder de influência no fundo.

Leia o texto completo no site da Agência Brasil

04 – Suiços compram banco controlado pelo BTG Pactual

Kelly Oliveira – Repórter da Agência Brasil
O grupo suíço EFG International anunciou hoje (22) a compra do banco italiano BSI, controlado pelo BTG Pactual, em uma operação que envolve dinheiro e ações. O valor do negócio, que inclui lucros futuros estimados do BSI, deve ficar entre 1,5 bilhão e 1,6 bilhão de francos suíços (R$ 6,1 bilhões a R$ 6,5 bilhões), informou o BTG Pactual. O banco também disse que receberá um pagamento em dinheiro de aproximadamente 1 bilhão de francos suíços (R$ 4,085 bilhões).

Com a emissão de papéis, o BTG deverá fechar a operação com participação entre 20% e 30% no BSI. O BTG Pactual lembra que a conclusão da aquisição está sujeita à aprovação dos acionistas e dos órgãos reguladores.

Lei o texto completo no site da Agência Brasil

05 – Economistas divergem sobre a trajetória da dívida pública

Wellton Máximo – Repórter da Agência Brasil

Os desempenhos fiscais ruins dos últimos anos e os sucessivos rebaixamentos pelas agências de classificação de risco retomaram as atenções para uma variável que há muito tempo não preocupava a economia brasileira: a dívida pública. Depois de passar muitos anos estabilizado, o indicador voltou a subir fortemente nos últimos tempos, fazendo economistas divergirem sobre a trajetória do endividamento do país.

Com o déficit primário recorde – resultado negativo antes do pagamento dos juros da dívida pública – no ano passado, a Dívida Bruta do Governo Geral saltou de R$ 3,252 trilhões no fim de 2014 para R$ 3,927 trilhões no fim do ano passado. Em relação ao Produto Interno Bruto (PIB, a soma dos bens e serviços produzidos no país), o endividamento passou de 57,2% em 2014 para 66,2% no fim de 2015.

Leia o texto completo no site da Agência Brasil

 

fevereiro 22, 2016 Posted by | Política, Resumos Semanais. | , , , , , | Deixe um comentário

Sistema elitizado

covardia política

Massacre dos Professores

Beto Richa conseguiu demonstrar como a governabilidade pode ser cruel com pessoas desfavorecidas que ganham cerca de 1.900 reais mensais, os professores que participavam das manifestações contra a votação na assembleia dos deputados que pretendia tirar dinheiro dos professores para cobrir o rombo de sua própria administração anterior.

O governador Beto Richa disse haver baderneiros em meio aos manifestantes e lembrou o discurso de Álvaro Dias quando os professores foram massacrados pela polícia do Paraná para cumprir suas ordens. Álvaro Dias acabou com sua carreira no executivo, e não será diferente com Beto Richa.

Enquanto o governador tentava se explicar, a televisão mostrava meio a contragosto as imagens de um cão atacando um cinegrafista da TV. Somado às outras imagens de pessoas feridas, bomba de efeito moral e tiros de borracha com pessoas sangrando por todos os lados, ficou caracterizado uma violência que não se via há muito tempo no Paraná, mais precisamente desde o governo de Álvaro Dias, outro político do PSDB.

É claro que a televisão não tem nenhuma intenção de repetir essas imagens, já que o objetivo da mídia é atacar o PT e trazer de volta o PSDB, esquecendo-se que PT e PSDB são dois lados de um mesmo sistema, o sistema bipartidário. Enquanto o governo opta pelo populismo, voto de cabresto, a direita mostra sua força, passando autoridade de um sistema elitizado que pretende se apoiar na classe média alta, ricos modernos.

Fora isso, vale lembrar que os professores precisam ajudar a informar aos eleitores das responsabilidades do PT e PSDB, já que muita gente acha que a falta de água é culpa do governo federal.

By Jânio

Assembleia dos deputados vira zona de guerra no Paraná

Curitiba – Capital da lavagem de dinheiro

Política anti-democrática do Paraná

Governadores aposentados

maio 2, 2015 Posted by | Política | , , , , | Deixe um comentário

Assembleia dos deputados vira zona de guerra no Paraná

Da Agência Brasil Edição: Fábio Massalli
Prefeitura atende feridos em manifestação de servidores no Centro Cívico.Curitiba, 29/04/2015Foto: Gabriel Rosa/SMCS
A sessão da Assembleia Legislativa foi interrompida por cerca de dez minutos e retomada mesmo com o barulho de bombas e gritos do lado de foraGabriel Rosa/Divulgação/Prefeitura de Curitiba

Professores em greve e policiais militares entraram em confronto nesta tarde em Curitiba. A confusão começou por volta das 15h, no Centro Cívico, em frente à Assembleia Legislativa do Paraná, quando os deputados estaduais começaram a sessão para votar um projeto de lei (PL) que altera a previdência estadual.

Os professores, que estão acampados desde segunda-feira (27) no local, tentaram romper perímetro de segurança que a Polícia Militar (PM) traçou em torno da Assembleia Legislativa. A PM reagiu com bombas de gás, balas de borracha e jatos de água. Os manifestantes recuaram, mas os policiais continuam jogando bombas de efeito moral.

No caminhão de som, dirigentes do Sindicato dos Professores do Paraná relataram que servidores ficaram feridos. O sindicato estava transmitindo o protesto na internet pelo caminhão de som, mas o veículo foi rebocado pela polícia. Agora as informações dos representantes dos professores são transmitidas apenas pelo Facebook.

O prefeito de Curitiba, Gustavo Fruet, informou pelo Twitter que a prefeitura foi evacuada para atender aos feridos, que também estão recebendo os primeiros socorros no Tribunal de Justiça. Seis escolas que ficam na região suspenderam as aulas. “Parece uma praça de guerra!”, escreveu Fruet na rede social.

A sessão da Assembleia Legislativa foi interrompida por cerca de dez minutos e retomada mesmo com o barulho de bombas e gritos do lado de fora.

O projeto de lei em votação na Assembleia foi encaminhado pelo Executivo para alterar a Previdência Estadual. O governo paranaense quer tirar 33 mil aposentados com mais de 73 anos do Fundo Financeiro, sustentado pelo Tesouro estadual e que está deficitário, e transferi-los para o Fundo de Previdência estadual, pago pelos servidores e pelo governo, que está superavitário.

Fonte: EBC

Curitiba – Capital da lavagem de dinheiro

Política anti-democrática do Paraná

Governadores aposentados

abril 30, 2015 Posted by | Política | , , , | 2 Comentários

MC Daleste é mais uma vítima da violência

vítima da violência

Cantor Assassinado

MC DaLeste não foi o primeiro cantor de Black Music a ser morto, infelizmente, também não será o último – dessa vez a tragédia foi em campinas.

Eu já falei sobre a onda de assassinatos de cantores no litoral, considerados pela polícia, crimes comuns, mas que chamou a atenção dos sociólogos e antropólogos. Eu também não me surpreendi quando um delegado comentou a morte de MC Leste: “A morte desses cantores não tem ligação entre si, podem ser por crimes passionais, brigas ou tráfico de drogas”.

O comentário preconceituoso é natural em sistemas elitizados como o nosso, mas ver a televisão divulgar esse tipo de comentário é repugnante.

Durante a última onda de assassinatos de cantores de black music, houve uma verdadeira guerra entre a polícia e os extremistas que gostavam, que eram fãs dessas músicas.

A black music é uma forma das classes marginalizadas expressarem seus sentimentos de revolta, apesar de falarem também de amor e outros temas. São essas verdades sobre os crimes e a violência que acabam atraindo a atenção de pessoas que não querem nenhum negro ou representante dessas comunidades tornando-se celebridade.

A liberdade de expressão é distorcida pelas mídias, pela elite, resultando numa verdadeira conspiração midiática contra essas comunidades.

O racismo não declarado ocorre também em outros países, como os EUA, um país no qual toda a sociedade ocidental se inspira. Esse racismo também ocorre devido a resistência em aceitar culturas afros em nosso meio.

Surgiu até uma teoria de conspiração, que nem deveria ser apenas uma teoria mas, sim, uma realidade.

Segundo essa teoria, há forças que conspiram contra negros famosos, como teria acontecido com Michael Jackson, Mike Tyson, Whitney Houston, O. J. Simpson, etc. Entretanto, na black music, no esporte ou qualquer outra atividade em que os negros se destaquem, a cultura afro continuará sempre muito influente.

Apologia – Mc DaLeste

Matar os polícia é a nossa meta
Fala pra noís quem é o poder
Mente criminosa coração bandido
Sou fruto de guerras e rebeliões
Comecei menor já no 157
Hoje meu vício é roubar, profissão perigo
Especialista formado na faculdade criminosa
Armamento pesado ataque soviético e que esse
É o bonde do mk porque quem manda aqui
É o 1 p e 2 c fala pra nois que é o poder

Se tu quer ouvir apologia eu te apresento nosso
Arsenal uma AK, pistola Glock, G3, mini-use
762 fundador parafal, a R15 a R baby, Magno Macs, fuzil
Holandês, mp5, 762 semi automática M 16 a Colt
190 Galac Torrents, Meiota e 50 especialista
Em assaltos bancários, formado na faculdade criminosa
Sub use, Aim check, Flatclonos ponto 40 tipo
Guerrilha
São Paulo SP a grande capital é toda nossa meu nome
Você quer saber pra me denunciar pros verme da d*
Quer me rastrear e toma lá, dá cá bate de frente faz sua parte
É nois que soma e nois que tá forma de expressão pra mim
Não interessa estamos embraçado na mesma missão matar os polícia
É a nossa meta se tu quer ouvir apologia eu te apresento
Nosso arsenal (ham) esse é o kit do mal

Fala pra nois quem é o poder matar os policia é a nossa meta
Fala pra nois quem é o poder

Mente criminosa coração bandido
Sou fruto de guerras e rebeliões
Comecei menor já no 157
Hoje meu vício e roubar profissão perigo
Especialista formado na faculdade criminosa
Armamento pesado ataque soviético e que esse
É o bonde do mk porque quem manda aqui
É o 1 p e 2 c fala pra nois que e o poder

Fala pra nois quem é o poder
Fala pra nois quem é o poder

Se tu quer ouvir apologia eu te apresento nosso
Arsenal uma AK, pistola Glock, G3, mini-use
762 fundador parafal, a R15 a R baby, Magno Macs, fuzil
Holandês, mp5, 762 semi automática M 16 a Colt
190 Galac Torrents, Meiota e 50 especialista
Em assaltos bancários, formado na faculdade criminosa
Sub use, Aim check, Flatclonos ponto 40 tipo
Guerrilha
São Paulo SP a grande capital é toda nossa meu nome
Você quer saber pra me denunciar pros verme da d*
Quer me rastrear e toma lá, dá cá bate de frente faz sua parte
É nois que soma e nois que tá forma de expressão pra mim
Não interessa estamos embraçado na mesma missão matar os polícia
É a nossa meta se tu quer ouvir apologia eu te apresento
Nosso arsenal (ham) esse é o kit do mal

Se tentar tu sai furado!

Vídeo clip link 01

Video clip Link 02

julho 12, 2013 Posted by | Cinema | , , , , , , , | 2 Comentários

Brasil usa duas naves não tripuladas nas fronteiras

avião não tripulado

Aviões Espiões

A Força aérea usou pela primeira vez, aviões não tripulados na fronteira com a Bolívia, segundo autoridades.

Os militares usaram duas unidades não tripuladas em uma operação de treinamento conjunto com a Polícia Rodoviária Federal, nas imediações da cidade de Cáceres (Mato Grosso), fronteira com a Bolívia.

Essas imagens obtidas permitiram que a polícia interceptasse um veículo suspeito que tentou furar o bloqueio montado na estrada pelo Exército, combinado com a Força Aérea. O exercício se desenvolveu no marco da “Operação Agata IV”, que mobilizou 7.500 soldados nas fronteiras com o Peru e a Bolívia para reforçar as operações contra o narcotráfico e o contrabando.

O VANT, veículo aéreo não tripulado, tem uma autonomia de voo de 16 horas e pode obter imagens de alta resolução, dia e noite, em uma altitude de até 5.500 metros.

Fonte: RT-TV

Comentário: Aviões não tripulados já se tornaram a febre tecnológica do momento, tem sido utilizadas por serviços secretos do mundo inteiro e enquanto estiverem carregando apenas filmadores, não haverá problemas.

Esse tipo de operação está tornando o serviço de fronteira mais eficaz e poderá evoluir ainda mais com as naves supersônicas, por outro lado, nós sabemos que o tráfico e o contrabando tem apoio ilegal de autoridades legais e que entram no país com facilidade.

Essa dura realidade mostra que os avanços tecnológicos isoladamente não serão muito úteis, caso não haja um acompanhamento da infraestrutura nacional. Passa até a impressão de que o verdadeiro interesse não é exatamente o combate de contrabando e narcotráfico mas, sim, o controle político do território nacional.

Entretanto, para as forças armadas é importante, pelo menos eles fazem a sua parte. Eu imagino que essas naves seriam muito úteis no controle do desmatamento da Amazônia.

By Jânio

outubro 21, 2012 Posted by | curiosidades | , , , , | 1 Comentário

Polícia controla favelas mais violentas do Rio

salve-se quem puder

Paz no Rio

Polícia ocupa favelas mais perigosas do Rio.

Cerca de 1.500 soldados que participaram da operação, permanecem controlando uma área que concentrava grande parte da venda de crack.

Quatro das favelas mais perigosas do rio foram ocupadas: Manguinhos, Mandela, Varginha e Jarazinho, que eram controladas pelos traficantes.

Entre os 1.500 homens que participaram da operação, estão soldados da polícia e da infantaria naval, que tiveram apoio de helicópteros e blindados da Marinha. Eles também usaram escavadeiras para remover as barreiras que os traficantes de drogas construíram nas entradas das favelas.

O Batalhão de Operações Especiais da Polícia (Bope), realizou operações anteriores as incursões para evitar a fuga de criminosos. Numa das favelas houve um choque que matou cinco supostos traficantes que fugiam de Manguinhos.

No Jacarezinho funcionou o maior “crackódromo” da cidade, como são conhecidos os lugares onde o crack, derivado da cocaína, é vendido e consumido. Cerca de cem drogados foram transferidos para centros especializados.

As favelas do Jacarezinho e do Manguinhos, onde cerca de 75 mil pessoas vivem, são consideradas as mais perigosas do Rio de Janeiro, onde o tráfico de drogas ocorre em plena luz do dia. Numa região de comércio varejista, era comum pessoas armadas nas ruas. Essas pessoas permaneciam lá pela venda do Crack, droga que é consumida por pelo menos meio milhão de brasileiros.

O governo do Rio de Janeiro pretende instalar nas favelas recuperadas, as chamadas Unidades de Polícia Pacificadora (UPP), como são conhecidos esses postos permanentes da polícia. Eles estão localizados em áreas onde a polícia já recuperou áreas dominadas por quadrilhas de traficantes.

A instalação das UPP é parte de uma política de segurança iniciada pelo governo do Rio de Janeiro em 2.008, para expulsar os traficantes das favelas da cidade, antes da cidade sediar os Jogos Olímpicos de 2.016.

Esta política de redução de crimes está sendo estudada por países da região.

A polícia do Rio de Janeiro é considerada a mais corrupta da América do Sul. Nos últimos ano, pelo menos 2.000 pessoas foram demitidas por ligações com redes de corrupção e crime organizado.

Comentário: Eu vou começar pelo final do texto: A corrupção da polícia do Rio de Janeiro não impede que esta seja a polícia mais bem preparada do mundo, para operações especiais, conflitos ou guerras urbanas. A corrupção também passa longe dessas tropas de elite.

Eu não posso dizer qual é o salário pago pelo governo, o que poderia ser a causa dessa corrupção, mas posso dizer que os bombeiros ganham muito mal, o que já dá uma idéia. Entretanto, o descaso de décadas conta.

Se a quantidade de marginais e políticos corruptos sempre foi maior que a quantidade de pessoas que os combatiam, parece natural que muitas pessoas tenham se transferido para o lado que paga mais. Prova disso é que as pessoas que são expulsas não intimidam outras que seguem pelo mesmo caminho.

Além disso, esse é um problema que está sendo tratado de maneira elitizada desde o início dessas operações, sem verificar as causas ou combatê-las.

A política sempre será a origem da corrupção no alto escalão do sistema, o que se está combatendo são apenas trombadinhas que tem suporte maior, inclusive entre os políticos.

Eu sinceramente espero que a polícia tenha estrutura para se manter nesses locais e torço para que o crime não se transfira para a cidade.

Parece muito bonito ver a polícia executando essas operações em regiões específicas, mas fica claro que não dá para fazer isso em toda a cidade, em todo os estado, em todo o país.

Talvez seja por isso que temos tantas igrejas e sejamos tão religiosos.

Deus nos ajude!

Comentário: By Jânio

Fonte RT-TV

Violência do Rio

Falta de respeito no morro

outubro 15, 2012 Posted by | Policia | , , , , , , , | Deixe um comentário

STF liberta grupo de presos

polícia política

Os contraventores Aniz Abrahão David, o Anísio, patrono da Beija Flor, Ailton Guimarães Jorge, o Capitão Guimarães, e Antônio Petrus Kalil, o Turcão, foram beneficiados por alvarás de soltura, expedidos pelo Supremo Tribunal Federal (STF), no último dia 1. Eles haviam sido presos no dia 13 de março, na operação Hurricane, da Polícia Federal.

Outros contraventores também foram beneficiados pelo STF, a decisão é de 2.007, mas a vergonha se renova, graças ao ministro Marco Aurélio.

Segundo a Polícia Federal, os outros beneficiados são Júlio César Guimarães Sobreira, sobrinho do Capitão Guimarães, José Renato de Ferreira, Jaime Garcia Dias, Marcos Antônio dos Santos Bretas, Nagib Teixeira Suaid, João Oliveira de Farias e Marcelo Calil Petrus. Todos deverão responder ao processo em liberdade, assim como aquele jornalista que matou a amante, sendo preso quando já não tinha mais condição de cumprir a pena, devido a velhice.

O advogado de Anísio, Ubiratan guedes, criticou o andamento do processo e a forma como ele é conduzido, criticou também o fato de a justiça querer julgar réus com mais de 70 anos.

“Anísio, Capitão Guimarães e Turcão são acusados de chefiar o Clube Barão de Drummond, uma espécie de tribunal do crime, responsável por julgar quem explora o jogo do bicho em vários territórios da quadrilha.

Comentário: Eu não sei onde a Polícia Federal ainda encontra motivação para prender criminosos. No caso desses réus, nem podem ser presos, pela sua idade avançada.

Se o STF esperasse os réus morrerem de velhice, pouparia-nos dessa vergonha. Depois de os réus mortos, a sentença poderia ser muito mais rígida.

Por outro lado, além de contraventores, os réus são respeitáveis cidadãos, pelo seu dinheiro ou poder, para burgueses que vivem de aparências. Para os burgueses, esses crimes não representam nenhum perigo.

Lembrando que o ex-governador garotinho publicou fotos do governador Sérgio Cabral, aquele que gosta de prender e expulsar bombeiros, em situações suspeitas com Cachoeira.

Agora já são três os governadores com problemas na justiça, mas com o poder que eles tem, dificilmente os Bilderbergers brasileiros deixaram o processo seguir em frente.

By Jânio

Fonte: Site da Polícia Federal

maio 14, 2012 Posted by | Policia | , , , , , | 1 Comentário

Bombeiros são presos e expulsos no Rio

Vergonha Brasileira

Hoje, eu vou falar sobre uma notícia antiga, a prisão e expulsão dos bombeiros do Rio.

Depois da primeira prisão, em que eu escrevi um texto e falei poucas e boas, eu pensei que o fato não iria voltar a se repetir, mas aconteceu novamente. Os bombeiros foram presos e expulsos.

Depois da primeira prisão, além de mostrar para o mundo inteiro a nossa vergonha, os responsáveis pelas decisões disciplinares descobriram algo muito importante para eles, que os bombeiros não poderiam ficar preso. Não faria sentido prender os heróis mundiais, principalmente quando por trás de tudo isso, tem a mente criminosa dos políticos, que nunca são presos.

O pensamento burguês age rápido, cria situações, simulações e pode até mostrar que o errado está certo. Isso acontece toda vez que há uma paralisação, o que incomoda o burguês, que não dá a mínima para a fome dos outros, mas não fica constrangido de pedir apoio quando precisa.

Primeiro, apareceram na TV, imagens isoladas de um bombeiro em situações impróprias a sua condição, depois, foram divulgadas opiniões do tipo: “Quando alguém faz um concurso público, sabe o salário que vai ganhar, sabe que será pouco, portanto, não tem o direito de fazer greve.”

Situações como essa dos bombeiros, ou da greve dos caminhoneiros em São Paulo, devem irritar muito os políticos. São classes das quais eles não esperam uma reação, são problemas inesperados para eles.

Greve de professores, médicos, motoristas de ônibus, eles já estão acostumados. Não gostam, mas aceitam.

Quando uma greve insólita, como essa dos bombeiros, além de ser inconveniente para eles, é a hora de mandar um recado para quem está pensando em parar e eles agem com rigor nessas horas.

Qualquer argumento formado por algum burguês idiota, pode até iludir os desavisados, mas nenhum meio de comunicação diz o salário dos bombeiros, pois isso seria suficiente para que seus argumentos ficassem desacreditados.

Isso é muito interessante, já que todo funcionário público ganha um salário de fome e, ao menor descontrole, irá morar embaixo das pontes. O problema é que divulgar o salário dos bombeiros, iria incitar mais gente às greves, seria como jogar um balde de água fria na cara das pessoas que estão em transe, sem noção da realidade.

O salário é a grande questão e deve ser divulgado na frente das greves e nas manchetes dos jornais também.

Os bombeiros foram acusados de vandalismo e articulação, entre outros supostos crimes, aí, eu fiquei me perguntando, mas o que eles pensam que é uma greve?

Eu não tenho a menor dúvida que uma greve à japonesa, onde as pessoas trabalham dobrado, com faixas de protestos amarradas na cabeça, não iria funcionar no Brasil. É capaz até dos políticos acharem que tudo está bem, a PPP só conhece uma lei, a do calibre 38.

A única saída é parar tudo: ou para todo mundo, ou não para ninguém. Fazer greves isoladas, pensando nos interesses de uma única categoria, não irá resolver nenhum problema.

O Rio perdeu grandes homens que arriscavam a vida por pessoas que eles nem conheciam, mas eles precisaram salvar a sua própria vida, pior, nós sabemos quem estará disposto a pagar mais por atos de bravura.

By Jânio

Sérgio Cabral prende bombeiros

março 24, 2012 Posted by | Política | , , , , | 2 Comentários

Demóstenes Torres é flagrado pela Polícia Federal

Políticos Corruptos

Sendo um partido de direita, o DEM já era um partido contraditório, ao adotar o termo democratas. O mensalinho de Brasília tirou qualquer pretensão que o partido pudesse ter na presidência do país.

Ainda no mensalinho de Brasília, José Roberto Arruda já era um corrupto antigo, acusado de quebrar o sigilo dos votos dos senadores. Receber propinas ao vivo, decretou o fim da carreira política do ex-senador corrupto, levando-o a prisão.

Após a morte de Jefferson Peres e a saída de Arthur Virgílio do Senado, Demóstenes Torres (DEM-GO) era um dos líderes mais fortes da oposição ao governo, ficando atrás apenas do alcoólico anônimo Aécio Neves e do governador aposentado Álvaro Dias. Seu envolvimento no escândalo, envolvendo seu relacionamento com o bicheiro Carlinhos Cachoeira, mostra porque a oposição é tão fraca no país.

Muitos eleitores do PT e aliados estão comemorando o resultado da operação Monte Carlo, da Polícia Federal, mas se esquecem que quanto mais fraca a oposição, mais liberdade os corruptos do governo tem.

Demóstenes Torres, Presidente da Comissão de Constituição e Justiça, foi derrotado no jogo da política. A operação Monte Carlo identificou centenas de ligações entre Demóstenes e o “Professor”, como ele chamava seu amigo Carlinhos Cachoeira.

A direita sempre teve relacionamentos com mafiosos, isso pôde ser observado no escândalo PC Farias, mas a decisão em libertar o banqueiro Daniel Dantas, irritou o país inteiro e foi um dos fatores responsáveis pela vitória da esquerda no Brasil.

Com a vitória da esquerda, pouca coisa mudou. Continuaram os mesmos ministros do STF, os mesmos líderes políticos e o mando político continuou na mão da máfia.

Cada político que é desmascarado, é uma vitória para obscuro grupo que age no submundo do poder, cheio de lobistas, consultores e banqueiros de fachada. Quanto mais fichas sujas, maior o poder do submundo do crime político

Eu ainda não sei o que deveríamos comemorar, deveríamos estar de luto pela morte de algo que nunca existiu, nossa ilusão de que algum político esteja lutando por interesses que não sejam os seus próprios.

A cada dia que passa, fica claro que quanto mais rígido se torna um líder de oposição, mais valioso ele se torna para os mafiosos. Álvaro dias e Requião, governadores aposentados paranaenses, são bons exemplos disso.

Veja mais dados do DEM

By Jânio

março 13, 2012 Posted by | Política | , , , , , , , | 13 Comentários

Polícia invade a USP e prende alunos

polícia na usp

Prisão de Estudantes

Eu sempre fui um crítico do regime militar, aliás, eu critico tudo, principalmente se houver político envolvido.

Naquela época, há muitos anos atrás, a professora avisava: “Se os militares te pegam falando isso, você está morto.”

Mas eu fazia questão de avisar que os militares respeitavam seus limites, escolas e igrejas estavam fora de seus limites.

Hoje, 08 de novembro de 2.011, ficou marcado pelo dia em que os militares passaram de seus limites, não por invadirem a USP, eles já estavam fazendo isso há algum tempo, mas por prenderem os estudantes que protestavam contra a presença deles lá.

Uma das atitudes que eu sempre critiquei, é o fato dos policiais militares andarem com dois revólveres a tiracolo, exibindo-os para todo mundo ver. Essa é uma atitude imperialista que nos leva de volta há milhares de anos atrás, nem os romanos toleravam pessoas armadas em áreas urbanas.

– Nós andamos armados para impor respeito – dizia-me um policial – algum bandido que já prendemos pode querer se vingar de nós…

Vejam bem, eu não estava criticando o fato da polícia militar andar armada, mas de andarem com essas armas à mostra. Isso até me fez lembrar de uma reclamação burguesa: “A polícia não precisa vir com metralhadoras em mãos, não somos bandidos.”

Pobre está acostumado com isso em seu dia a dia, só não estávamos acostumados com polícia nas escolas.

É bom nos acostumarmos com isso, porque isso acontecerá frequentemente agora. Claro que nas faculdades particulares isso não acontecerá, nesses casos, dependeremos de outras malucas como Geisy arruda para nos mostrar o que essas incubadoras de bandidos estão criando.

A burguesia sempre disse que os pobres precisavam de seus empregos, dependiam deles. Acontece que a burguesia depende dos pobres também, pelo menos na política, e era essa dependência recíproca que mantinha a estabilidade do sistema.

Os estudantes que protestaram na USP são pessoas bem informadas, e mostraram a instabilidade do sistema. Essa é uma questão que não terá solução, assim como não tem solução os tiroteios nas comunidades dos morros.

Quantas pessoas morrem todos os dias nesses tiroteios, mas dessa vez a vítima foi da imprensa e vocês viram a repercussão que deu.

Em minha opinião, a imprensa só deveria mostrar imagens com objetivos claros, mostrar tiroteios todo santo dia, só para conseguir audiência, não leva a nada. E as causas dessas doenças? E a cura? Será que isso é o inferno ou é só a nova Idade Média?

Durval Barbosa foi o primeiro mafioso high tech do Brasil, mas parece que a moda pegou, olhem só outro lobista gravando suas atividades ilícitas em Brasília. Se você disser que é falta de vergonha, você estará certo, mas é falta de educação também.

A educação perdeu o sentido nos dias de hoje, ninguém mais sabe porque estuda e a educação terceirizada parece não estar funcionando.

Levar uma criança para a creche, enquanto os pais trabalham dez ou doze horas por dia, parece não estar funcionando.

Parece que os mafiosos ainda se sentem protegidos, dentro de seus castelos, e por isso não tomam atitude, mas até quando essa situação irá continuar?

By Jânio

novembro 9, 2011 Posted by | Reflexões | , , , , , , | 7 Comentários

Família Sarney escapa da cadeia

foras da lei

Valor da Ética

As tragédias na justiça brasileira continuam a ocorrer, só que o povo brasileiro já sabe antecipadamente dos resultados e nem se importa mais.

Dessa vez o processo nem chegou ao STF, já no STJ as provas da operação da Polícia Federal “Boi Barrica” foram anuladas. Baseando-se no caso Daniel Dantas, a família Sarney escapou do processo.

O grupo de comunicações Mirante, da família Sarney, estava sob investigação da polícia Federal, mas parece que a lei é mais importante que a ética no Brasil.

Como a quebra de sigilo telefônico, bancário ou na internet é considerado ilegal pelos bilderbergers brasileiros, é natural que o bando do STJ considere a Polícia Federal contrabando.

Agora ficamos sabendo que o STJ, STF, Senado, câmara, todos estão acima da ética, todos conhecem as normas da casa e da família.

Resumindo: A PF efetua operações, como grampo telefônico, e descobre crimes contra o povo, como lavagem, desvio, formação de quadrilha, dinheiro na Suíça, etc., mas não pode prender ninguém porque seus direitos foram feridos.

Será que o “crime” da PF é maior que o crime dos políticos e banqueiros investigados? Por quê insistem tanto na ética, se o que vale são as leis tortas que eles mesmos criam para se proteger?

A família Sarney é especialista em movimentar dinheiro, além dos problemas na Suíça, com Fernando Sarney, Roseana Sarney já vem arrumando encrenca com a PF desde os tempos de FHC, quando era pré-candidata a presidenta. Depois como governadora, mas sempre passando por cima de tudo, até do ficha limpa, o problema é que tudo um dia sempre acaba

Lembrando que o processo contra Gilmar mendes, do STF, também foi arquivado. Gilmar Mendes foi o ex-presidente do STF que deu liberdade ao banqueiro Daniel Dantas, baseado na lei.

Gilmar Mendes era acusado de ter ligações com escritório de advocacia, o que seria proibido por lei. Seus amiguinhos o inocentaram.

By Jânio

setembro 18, 2011 Posted by | Política | , , , , , , , , , , | 3 Comentários

STF condena seguranças de PC Farias

Vitória da Hipocrisia

Caso PC Farias

Recebi a notícia da decisão do STF, sobre o assassinato de PC Farias, com muita desconfiança.

Notícias como essa trazem velhos fantasmas de volta, pior, analisando a notícia, os detalhes sórdidos causam-nos um mal-estar dispensável.

Eu entenderia se você decidisse parar a leitura por aqui, afinal, uma coisa é transformar a informação em um monte de notícias cheias de detalhes bizarros e teorias de conspiração, mas no Brasil conspiração é fato. É preciso estômago forte para ler sobre esse assunto.

Normalmente, eu prefiro reunir todas as notícias sórdidas da política em um único texto, como na história de todos os presidentes do Brasil.

Como nós sabemos, o processo do assassinato de PC Farias já tem 15 anos, então, vamos começar com os motivos que levaram o STF a tomar essa decisão certa na hora errada. Quais Os seus interesses?

Partindo do básico em conspiração policial, nós sabemos que a cena do crime foi alterada, para reforçar a história forjada do duplo homicídio. A história forjada possibilitou aos conspiradores ganhar um tempo precioso, foram 15 anos para apagar qualquer ligação com políticos poderosos.

Para quem, como eu, acha que só o Sarney sabe usar os fichas sujas, é bom não esquecermos que Fernando Collor foi o único político punido no esquema de corrupção do caso PC Farias, tendo seu mandato cassado. A morte de PC Farias foi útil para interromper um processo que já estava nos depoimentos, ele foi morto dias antes de prestar um novo depoimento.

A oposição faz o seu papel de atacar o governo e seus aliados, faz isso tão bem que as vezes subestima seus adversários. Esquece que seus adversários sempre terão um ás na manga.

Em entrevistas, FHC afirmou que o vice-presidente de Collor, Itamar Franco, nunca foi um homem de meias palavras, sempre foi um homem corajoso. FHC também afirmou que sempre aconselhava Itamar Franco a não mudar seus ministros com tanta frequência, apesar dos problemas enfrentados por eles.

Quando o Governo de Itamar/FHC enviou Badan Palhares para forjar a história do homicídio seguido de suicídio, estavam encobrindo provas, até que os laços envolvendo políticos poderosos fossem apagados.

A esposa de PC Farias era quem mais temia a morte do marido, além da sua própria, acabou morrendo do coração. Tancredo Neves também morreu do coração.

Há milhares de formas de matar uma pessoa, sem deixar vestígios do crime, mas no caso de PC Farias não era tão simples assim. Ele estava envolvido demais com gente importante, um simples crime passional seria fundamental para ocultar a conspiração.

Tancredo Neves foi o maior político de todos os tempos, ao contrário de Getúlio Vargas que precisava utilizar a força, ele conseguiu uma articulação perfeita contra o governo e seus aliados.

PC Farias foi o maior corrupto da história, além de ser fraco e mulherengo, o que o tornava um homem perigoso. O que não dá para negar é que ele era um grande “empresário político”.

Naturalmente, haviam pessoas dando suporte ao esquema de PC, pessoas que não queriam sujar as mãos.

Vamos analisar: Badan Palhares forjou o homicídio seguido de morte, a mando dos aliados do governo Itamar/FHC. O único político cassado foi Collor, todos os outros foram protegidos pela morte de PC Farias.

Hoje, Collor é aliado do PT e Sarney. Sarney assumiu depois da morte de Tancredo. Causa Mortis: Coração.

Collor teve seu tesoureiro morto, e foi o único punido. PC Farias não morreu do coração, apesar de dizerem que sim, mas sua mulher morreu do coração, liberalmente.

A cena do crime, com a adúltera em “posição estratégica”, parecia dizer: “Não chorem por eles, eles tiveram o que mereceram”.

Isso poderia funcionar muito bem há duzentos anos atrás, mas hoje não funciona mais, mesmo assim, foi suficiente para se ganhar tempo, livrando a cara de muita gente, além de apagar qualquer vestígio telefônico ou bancário, o que não é um processo tão simples.

Essa história parece um joguinho bipartidário, quase uma briga de comadres.

Eu tenho notado que cada vez que algum político importante cai de um lado, há uma série de escândalos políticos que vem à tona.

Os supostos assassinos de PC Farias teriam sido seus seguranças – Seguranças, polícia, política, milícia, não dá para confiar em mais ninguém.

O depoimento que PC Farias daria para a justiça, envolvendo as empreiteiras, supostas financiadoras do esquema de corrupção, teria sido a causa de seu assassinato.

Entre os envolvidos na farsa do crime passional, além dos políticos, estão a Polícia Federal e empresas de comunicação.

O fato do ministro Joaquim Barbosa, STF, ter decidido que PC foi assassinado, não causa tanto espanto quanto o fato dos seguranças Adeildo dos Santos, Reinaldo Correia de Lima Filho, Josemar dos Santos e José Geraldo da Silva, ainda estarem trabalhando para a família de PC Farias.

Na época do assassinato de PC, em 1.996, a maioria dos especialistas e jornalistas do Brasil contestaram a decisão da justiça, mas as grandes empresas de comunicação, aliadas aos aristocratas que governavam o país, conseguiram impor a farsa.

Muita gente de visão deve ter gravado opiniões pagas em telejornais ou revistas, e isso deverá comprometer muita gente, mesmo agora, depois de quinze anos.

Família Farias, Polícia Federal, perito em balística, empresas de comunicação e telecomunicação, jornais e revistas, todos serão envolvidos a partir de agora, mas isso não é o mais importante.

Toda a rede de corrupção, financiamentos e esquemas fraudulentos de caixa 2, tudo virá à tona.

O PT não conseguiu aprender a roubar, nesses mais de oito anos de governo, por isso não tem mais nada a perder. Todos os malandros do PT já sabem que não há nenhuma chance de ninguém ser preso, com a nossa in(justiça), portanto, não há motivos para temer a verdade, não agora que toda cúpula já está com o nome sujo.

PC Farias morreu no dia 23 de junho de 1.996, deixando uma frase maldita que parece se voltar, agora, contra o STF: “Vocês são todos hipócritas”.

By Jânio

A política torta do Brasil

Eu não acredito em teoria da conspiração

Mortes misteriosas de celebridades

Presidentes do Brasil

A história de José Sarney

PT acerta o próprio pé

Políticos com problemas na justiça

O massacre do sítio caldeirão

A crise da PPP

Ficha Limpa

junho 26, 2011 Posted by | Política | , , , , , | 1 Comentário

Polícia investiga a própria polícia

polícia x polícia

Investigação Criminal

A PPP – política, polícia e pilantras – sofreu um duro golpe nessa semana, e foi em seu maior reduto, no eixo Rio-São Paulo.

Enquanto no Rio o diretor da polícia civil pedia afastamento, em meio a escândalos. Em São Paulo, até a corregedoria se vê em apuros.

Acontece que a nossa sociedade tem uma hierarquia arbitrária, ditadora, isso há 500 anos. Com o crescimento acelerado da tecnologia, toda a cúpula das instituições brasileiras tem enfrentado problemas de adaptação aos novos tempos.

Parece coincidência, o fato dessas investigações, no Rio e em São Paulo, terem culminado em grandes escândalos em torno de si próprios, mas não é.

Em São Paulo, depois de uma policial civil ter sido revistada violentamente – A policial ficou nua na frente de vários homens – as imagens foram parar na tv, um veículo de comunicação de massa.

A mulher era suspeita de ter recebido propina, e, aparentemente recebeu, mas as imagens deixam dúvidas.

Então vamos ao comentário: Aparentemente, eu não vi nada demais, nada além do que eu esperaria da polícia. O que chama a atenção, aqui, é o fato da suspeita ser uma mulher.

Sendo uma mulher, e sabendo que estava sendo filmada, a policial se desesperou, isso também é normal – Certamente, ela não esperava que passaria pelo tratamento de seus colegas homens.

O que é normal na cena:

01 – O delegado avisa que ela deveria se despir, na presença de seis homens e duas mulheres.

02 – O delegado avisa que se não obedecesse, seria dada ordem de prisão.

03 – A policial se recusa, achando que teria direito a tratamento diferenciado, pelo fato de ser mulher. Não teve.

04 – Se fosse um homem, passaria pelo mesmo tratamento, mas seria considerado normal, mesmo se só houvessem mulheres presentes.

Será que pelo fato de ser mulher, ela é menos culpada, é diferente?

O fato é que a TV se interessou pelas imagens, e as imagens em mídia de massa são uma arma poderosíssima.

Comentário do apresentador: “A propina recebida pela policial, não é nada, perto da agressão sofrida, onde toda a cúpula da polícia torna-se cúmplice, diante dessas imagens.”

Em primeiro lugar, é preciso que se diga que essa denúncia precisa ser investigada. Sim, há muitas injustiças como essas sendo praticadas pelo Brasil, e não, a policial não é diferente, pelo fato de ser mulher.

Outro detalhe: Receber propina não é um crime menor, assim como vender o voto não torna um eleitor menos covarde, diante da sociedade, mesmo estando passando fome. A necessidade não muda o crime, mas pode amenizar a pena.

Rio – No Rio, a Polícia Federal finalmente chega na etapa final das investigações contra a polícia civil, não sem antes revelar escândalos no processo dessas investigações.

Há suspeitas de vazamento de informações sigilosas, reveladas por laudos técnicos. É claro que a tecnologia não poderia ficar de fora dessas investigações, não é mesmo?

São pelo menos 30 policiais civis, entre eles delegados, o próprio diretor da polícia civil – Chefe dos delegados – pediu afastamento.

Não foi descoberto nada que uma pessoa comum não suspeitasse, há muito tempo, mas porquê isso não ocorreu antes?

A primeira parte da charada, eu já respondi: A tecnologia se desenvolveu acima da (in)capacidade da polícia.

Então, vamos a segunda parte: Se Maquiavel já dizia “A natureza do homem é má”, nós também sabemos que Maquiavel não imaginaria os “ratos” que habitariam por essas terras.

Ora, o rato, animal muito sujo, covarde e contagioso, foge ao menor sinal de perigo. Ele também sabe quando está na hora de abandonar o barco.

Voltando ao caso: As novas gerações sabem que não tem controle sobre as novas tecnologias, assim, preferem permanecer à distância, até terem certeza de poderem habitar no mesmo barco da corrupção.

Quando as novas gerações escolhem seu lado, tem liberdade para cumprir sua verdadeira missão na polícia, policiar.

NOTA: A computação é como matemática, quem conhece, domina, não explica, apenas passa as fórmulas. Quem tem boa memória, pode fazer uso dessas fórmulas, mas a sua memória ficará tão ocupada com essas fórmulas, que essa pessoa nem saberá a cor das meias que usava ontem, possibilitando uma forma perfeita de manipulação,

Quem comete um crime, deverá saber que mais cedo, ou mais tarde, deverá prestar contas perante a sociedade.

By Jânio

fevereiro 20, 2011 Posted by | Policia | , , , , , , , , , , | 3 Comentários

Falta de respeito no complexo do alemão

noticias da guerrilha

Guerra do Rio

Depois que a polícia assumiu o controle do complexo do alemão, a paz voltou, mesmo que temporária, um convite para que pobres mortais comprem briga com os traficantes, desafiando-os.

Como eu disse no artigo passado, essa é uma briga pelo poder, entrar numa briga como essa, para pessoas normais é uma grande encrenca.

Muitas comunidades dos morros nasceram e cresceram de maneira informal, fora do mapa, onde o poder público se manteve alheio a tudo isso.

Numa região com aproximadamente 350 mil habitantes, sendo 100 mil apenas no complexo do alemão, o poder público se viu com um “governo paralelo”, numa região de excluídos. Para o Governo, eles supostamente não tinham nada à oferecer.

Com o tempo, essas comunidades passaram a assumir sua representatividade, dentro de um sistema democrático. Através de jornais tendenciosos, programas idiotas e novelas estúpidas, a maior ferramenta de comunicação do Brasil, a TV, foi suficiente para controlar corações e mentes, até agora.

Se a internet já era um grande problema para o controle elitizado da sociedade, as minorias excluídas se juntaram a essas citadas, para reclamar seu lugar de direito.

Nem mesmo as mídias de massa foram suficientes para passar a idéia de que tudo estava bem, o melhor de tudo, é que os políticos já sabem que essa população está relativamente fora do controle tradicional, tanto capitalista, como socialista.

Em meio ao controle criado pelas antigas mídias, muita gente sequer reparou que o Brasil já está sendo governado por políticos socialistas, por antigos militantes de esquerda. Algumas pessoas nem repararam que vários tabus foram quebrados.

Mas as mudanças de sistemas de governo, no Brasil, não são suficientes para indicar mudanças. Foi assim com a colônia, monarquia, república, governo militar,  diretas e com o socialismo que deverá completar, pelo menos, vinte anos no poder.

Em todas essas mudanças, houve a participação da elite, incomodada com os rumos que o sistema estava tomando. A elite sempre teve as ferramentas de mudanças em suas mãos, até agora.

Até na Venezuela, as grandes redes de tv foram fechadas, um grande erro, em se tratando de um país onde a democracia era tão importante. Apesar disso, a internet não sofreu qualquer ataque por parte do governo, isso levanta uma grande questão a ser discutida.

Algumas táticas das mídias estão ficando ultrapassadas, facilmente identificadas pelos leitores ou telespectadores. A opinião pessoal deixou de ser relevante, dando lugar ao ponto de vista resultande da observação de várias pessoas e/ou classes da sociedade, onde ninguém é dono da verdade.

Algumas velhas notícias que parecem técnica de otimização, usadas como se fossem notícias novas, com as mesmas finalidades, induzir à um determinado pensamento.

“AS AULAS SÃO SUSPENSAS NO MORRO DO ALEMÃO”

Grande novidade, apesar de as pessoas estarem acostumadas com os tiroteios e mortes no morro, o “instinto” de sobrevivência leva as pessoas a pensarem em salvar suas próprias vidas.

Nas reformas da casa, observei que matando uma formiga, as outras continuam vivendo alheias as mortes dessas, mas quando pressentem o perigo, lutam para sobreviver. Se até as formigas lutam pela sobrevivência, imaginem as pessoas.

Observação: O fato das casas estarem nos morros, não significa que as pessoas sejam formigas.

“AUTORIDADES INFORMAM QUE A POLÍCIA DEVERÁ PERMANECER ATÉ 2.011, NO COMPLEXO DO ALEMÃO”.

Levando-se em conta que estamos no último mês de 2.010, Dezembro, essa notícia parece ter sido encomendada por alguém que conhece a força das palavras.

Isso pode trazer sérias consequências para os moradores dos morros, a falsa impressão de que estariam seguros eternamente, isso não é verdade.

“HOMEM DENUNCIA QUE POLICIAIS ENTRARAM EM SUA CASA PARA FAZER REVISTA, E LEVARAM CERCA DE TRINTA E CINCO MIL REAIS EM DINHEIRO”.

Bom, primeiro vamos analisar a denúncia em si:

O que é que um homem estaria fazendo com trinta e cinco mil reais em dinheiro, numa região considerada de alta periculosidade?

Talvez esse homem não considere essa região tão perigosa assim, por isso guardar uma quantia tão grande de dinheiro em casa, seria considerado normal – eu não pagaria para ver.

Grande parte da população tem alertado para a falta de respeito dos policiais, que invadem as casas, arrombam, como se todos os moradores fossem traficantes. Como pode ser comprovado, a saída dos moradores foi bastante criativa e inteligente.

Os moradores deixaram escrito em papéis, recados para que não derrubem as portas, “apesar do clima de guerra, estamos no Brasil, procurem a chave no vizinho”.

Vamos imaginar a época em que o PCC levou o pânico aos moradores de São Paulo, nenhum policial invadiu a casa de burgueses da elite procurando armas ou bandidos.

Não é à toa que o govenador esperou as eleições passarem para iniciar as operações. Aqui surge outra pergunta: Será que o governador está interessado em trazer a paz aos moradores, depois de cem anos de guerra,  ou será que foi o medo do surgimento de um sistema paralelo, capaz de controlar trezentos e cinquanta mil pessoas?

Só para lembrar, na época do combate a dengue, as mansões fechadas dificultava o serviço dos agentes de combate à epidemia. Nenhuma mansão foi arrombada.

POLICIAIS APOSENTADOS SE OFERECEM PARA PARTICIPAR DA OPERAÇÃO NO COMPLEXO DO ALEMÃO:

Para quem tinha alguma dúvida de que havia uma guerrinha particular aqui, agora não há mais dúvida. Não há melhor momento para acertar “velhas contas” do que com a ajuda das forças armadas e toda as forças policiais juntas. No caso de escãndalos envolvendo a polícia, e agora até o exército, são apenas detalhes de uma sociedade eternamente decadente chamada Brasil.

By Jânio

dezembro 4, 2010 Posted by | Policia | , , , , , , , , , , | 14 Comentários

Casos políciais mais comentados e polêmicos

crimes polêmicos

Assassinato de Mércia

Quando a justiça deixa de funcionar num país, as pessoas também deixam de acreditar nela.

Há um ditado popular que diz: “A ocasião faz o ladrão”. Quando as pessoas ficam indefesas, numa terra sem lei, num regime de canibalismo, onde noventa por cento da renda vai para os dez por cento mais ricos, hipoteticamente falando, fatos bizarros começam a acontecer.

As classes mais pobres vivem como crianças indefesas, diante da criminalidade. Os jovens ricos e sem nenhum escrúpulo, são os maiores beneficiados pela sociedade que protege os ricos.

Nos últimos anos, as famílias ricas  tem sentido na pele a violência gerada em seu próprio meio, em alguns casos tem sido feita a justiça.

Dizem que um bandido de classe privilegiada só será condenado, exclusivamente, quando atentar contra sua própria classe, essa é a única lei que não atinge os pobres. Assim, o bandido que mata outro bandido, será condenado, mesmo que ninguém denuncie; filhos que matam pais, ou o contrário; políticos que roubam dos próprios políticos, etc.

A cultura latina, apesar de grandes líderes populares ou revolucinários, como Simon Bolívar, San Martin, Che Guevara, não conseguem se adaptar a um sistema satisfatório de distribuição de renda. Fazer política, distribuindo cesta básica, é diferente de se criar leis que valorizem as classes operárias.

Para nossos ricos, não importam o que seus filhos façam, eles podem.

Recentemente, tem ocorrido crimes que tem origem nessa falta de noção de nossos ricos. Eles tem sido vítimas em seu próprio meio, uma realidade que começa a ser desvendada pelas novas tecnologias.

Na maioria dos casos, o dinheiro resolve o problema mas, vez por outra, uma tragédia acontece.

Os casos mais curiosos são aqueles que acontecem na instituição mais forte da sociedade, a família.

A seguir, vamos relacionar os casos que mais repercutiram na mídia:

Caso Suzane von Richthofen: Acompanhada dos irmãos Daniel e Christian Cravinhos, namorado e irmão dele, antagonizaram um dos maiores escândalos da alta sociedade brasileira, a mídia tentou inutilmente associá-los ao famoso Barão Vermelho, oficial nazista responsável por abater vários aviões aliados, na época da segunda guerra.

A velha estratégia de transformar pessoas normais e mal educadas em monstros, não deu certo, a própria família do antigo oficial negou o parentesco.

O motivo de Suzane ter planejado o assassinato de seus próprios pais, teria sido a impossibilidade de continuar o namoro, além da herança que fecharia o romance com chave de ouro.

Diz o ditado que o diabo manda cometer o pecado, mas não diz como, há até quem diga que Deus e o Diabo estão em nós mesmos. em nossa própria consciência, cabe a nós decidirmos o destino a ser traçado. Ninguém pode afirmar ao certo o que acontece, em crimes como esse, o que se sabe é que há o envolvimento e há consequências.

Tudo fica na mão do  promotor e advogado de defesa: Como os assassinos entraram, quem abriu a porta, como foi o planejamento, etc. É um caso clássico de paixão violenta, onde a falta de estrutura familiar é responsável para que essa paixão realize o que outros apenas pensam ou falam.

http://pt.wikipedia.org/wiki/Suzane_von_Richthofen

Isabella de Oliveira Nardoni – Outro caso clássico de falta de estrutura familiar. A gravidez indesejada de Ana Carolina, a separação prematura, quando Isabella ainda era bebê.

O que aconteceu naquele apartamento, só a própria Isabella soube, mas levou a verdade junto com ela.

Ao contrário do caso anterior, nesse o réu não confessou, continuou uma família unida. Segundo uma opinião, no post mais comentado da história do madeinblog/icommercepage, havia uma pressão provocada pelo atrito entre o casal Nardoni e a ex-mulher.

O casal não mostrou arrependimento, isso explica a frieza com que enfrentaram o julgamento, do início ao fim.

No processo, conclui-se que Isabella teria sido jogada do sexto andar do prédio London, todo o processo foi baseado no horário do telefonema, horário registrado pela câmera, etc. A justiça dos homens se tornou a justiça das máquinas, nada mais irônico e compatível com os novos tempos, numa sociedade fria e desumana.

O casal foi sentenciado de acordo com suas idades, não se sabe se foi involuntário ou de propósito, o fato é que se tiraram uma vida, toda sua vida também ficou perdida. Ficarão na cadeia por um período igual ao que tinham vivido, antes de tirar a vida de Isabela – A pergunta continua – Quem matou? – Seria preciso um casal para matar a menina?

Segundo o processo, a menina teria sido agredida no carro, então levada para cima e sido atirada. Se a menina estava inconsciente e o pai pensou que ela estava morta, atirando-a; se a rede já havia sido cortada; se houve participação da madrasta; se foi a madrasta quem matou; nada disso nunca será exclarecido. A única certeza é que o casal não confessou e foram ambos presos, revelando-se um caso atípico: De um lado uma família que deveria viver de acordo com a lei, educada; De outro, o próprio símbolo que deveria representar a justiça na sociedade, dominada por essa classe social, a Lei.

http://pt.wikipedia.org/wiki/Caso_Isabella_Nardoni

Caso Mércia – Esse caso ainda não foi solucionado, mas as semelhanças com os outros é evidente.

A mídia dificilmente deixará de acompanhar o caso escolhido para ser o reality da vez.

Mércia era sócia de seu namorado Mizael Bispo de Souza, que também era ex-policial – Todo mundo sabe que amor e negócios não combinam.

Na época do desaparecimento de Mércia, ela teria recebido um telefonema do ex-namorado, ex-sócio e ex policial, quando seu carro foi visto jogado no lago, a história ficou mais misteriosa – ou menos.

Agora, o ex-namorado é o principal acusado pela morte da advogada. Toda a polícia e a mídia ficará mobilizada para esse caso, especulando e julgando, enquanto o resto do mundo ficará esquecido.

Todos as pessoas que tiverem paciência para assistir televisão, enquanto esse caso é investigado, serão envolvidos e convidados a acompanhar esse reality até o seu fim, podendo inclusive votar pelo seu desfecho.

 http://pt.wikipedia.org/wiki/Caso_M%C3%A9rcia_Nakashima
Caso Eliza – Quis o destino que outro caso surgisse, antes mesmo que o caso Mércia fosse desvendado. Teria sido um caso comum, sem repercussão, se um dos principais envolvidos no assassinato não fosse goleiro do time de futebol do Flamengo, segundo time mais popular do Brasil, um dos maiores do mundo.

Eliza teria engravidado do goleiro, que não teria gostado nada – mais um caso de gravidez indesejada – Eliza teria, inclusive.  dado entrevista afirmando que seria morta.

Um terceiro elemento, não menos importante no caso, era o amigo de Bruno. Segundo Bruno, era seu amigo que cuidava de seus assuntos pessoais, seu mais que secretário, tendo até tatuagens de seu nome no corpo.

O caso ainda não foi desvendado, mas deverá ser o principal concorrente  do caso Mércia.

Pelo visto, tão cedo, será difícil de assistir aos telejornais.
http://pt.wikipedia.org/wiki/Caso_Eliza_Samudio
Caso Daniela Perez – Esse foi um caso raríssimo, onde a novela estava em horário nobre, literalmente falando.

Daniela Perez desapareceu, sendo seu parceiro na trama, o principal acusado. Pelo visto, foi o último a ver a vítima.

Também nesse caso, a namorada do acusado estava envolvida.

Uma realidade poucas vezes visto na TV, o processo de investigação revelou que a vítima foi submetida a práticas de magia negra, tortura, seguida de morte.

A autora da novela iniciou então uma campanha, não para que ele fosse condenado, mas para que se instituísse  a lei do crime hediondo.

O réu era primário, foi tratado como qualquer condenado da justiça. A lei do crime hediondo foi discutida amplamente, mas pouco se pode fazer.

Pelo que parece, não há tanto interesse em se alterar as leis no país, se bem que as alterações só valeriam para as pessoas da alta sociedade.

Os pobres sequer tem dinheiro para contratar um advogado, ficam anos na cadeia por roubar um pacote de leite.

http://pt.wikipedia.org/wiki/Caso_Daniela_Perez

Altos impostos => corrupção => desvio de verbas => falta de infra-estrutura => falta de justiça => falta de educação => alta criminalidade.

… e a história se repete

By Jânio

julho 24, 2010 Posted by | Policia | , , , , , , , , , , , , , , , | 17 Comentários

Violência do Rio, vista de fora

Além do cartão postal

Além do cartão postal

È  certo que o conflito entre traficantes e policiais, no Rio, teria mais credibilidade se visto sob ponto de vista próprios cariocas. Por outro lado a visão externa do conflito, além de mostrar dados que são noticiados no país, acrescenta a visão que se tem de fora, através de correspondentes internacionais, aqui no Brasil.

Alguns números que estão sendo divulgados lá fora, sobre o Brasil são:

Falta de controle sobre armas no país – A se julgar pela forma como as armas estão chegando até os traficantes nas favelas, mostra a falta de um controle central dessas armas, ou seja, um banco de armas onde se possa controlar a circulação das armas desses policiais.

População armada – Outro dado assustador, divulgado pela imprensa internacional, é o fato da população estar cada dia mais armada, bastando apenas uma ocasião para que um cidadão se transforme num perigo para a sociedade, cerca de 90 por cento das armas estão nas mãos da população civil.

Nesse ponto, eu diria que a legislação centralizada é um grande problema, porque uma lei aplicada no Rio e uma lei aplicada na Amazônia, são completamente diferentes. Leis criadas para coibir, controlar, isentar, não deveriam jamais ser editadas em nível federal, esse medo do separatismo, trauma brasileiro, deixa a todos numa situação delicada, como recentemente, sobre as leis de armas.

A ideia de que as armas tem vindo de fora do Brasil, pode até ter fundamento, mas a maioria são conseguidas no próprio país.

Outro dado interessante, é a triste notícia de que a polícia do Rio está se tornando a mais bem preparada polícia, em situação de guerrilha urbana, do mundo. Talvez isso explique tantas mortes, não haverão mortes fora da população da favela, a ideia é encurtar o campo de atuação dos traficantes, em seu próprio reduto, como acontece em países como a Colômbia.

Por número de habitantes, o Brasil está perdendo apenas para El Salvador, Venezuela e África do sul, em homicídios por armas de fogo. Por outro lado o Brasil é o país onde mais morrem pessoas por arma de fogo no mundo, em números absolutos.

A situação é tão trágica que um Militar americano, atuando no Afeganistão, veio conhecer as táticas de guerrilha urbana no Rio, como são conhecidas as operações da polícia no exterior.

Em contra partida, a única coisa que tem resultados positivos, partem de projetos de ONGs, onde há um trabalho de conscientização e alerta,  abrindo a mente dos jovens para uma alternativa de vida longe do crime.

A queda de helicóptero da polícia, abatido por criminosos do Rio, deixou uma certeza: Filmes sobre favelas, ficam cada dia mais próximos do cinema de Hollywood do que para cinema nacional. Isso as ONGs terão que combater também, essa visão glamourosa do caos urbano não ajuda em nada.

By Jânio.

outubro 20, 2009 Posted by | Internacional | , , , , , , , , | 12 Comentários

   

Made in Blog

Política, curiosidades, notícias, entretenimento, blogosfera,

Marca Livro

A arte de criar histórias em prosa ou verso

bastet - protetora dos gatos

todos os animais merecem o céu e os gatos principalmente

Blog CIN 5018

Informatização de Unidades de Informação

The Promise Carrier

Ebrael's official website in English.

detudosobretudoblog

Este site vai aborda todos os temas voltado para as mulheres

Letícia Giacometti Ribeiro

O diário de uma estudante de Jornalismo

Caminho Alternativo

Geopolítica, atualidades e opinião

Escrita em Foto

Colunas, textos, fotografias; a vida de alguém que busca mais do que apenas viver.

%d blogueiros gostam disto: