Made in Blog

Política, curiosidades, notícias, entretenimento, blogosfera,

MC Daleste é mais uma vítima da violência

vítima da violência

Cantor Assassinado

MC DaLeste não foi o primeiro cantor de Black Music a ser morto, infelizmente, também não será o último – dessa vez a tragédia foi em campinas.

Eu já falei sobre a onda de assassinatos de cantores no litoral, considerados pela polícia, crimes comuns, mas que chamou a atenção dos sociólogos e antropólogos. Eu também não me surpreendi quando um delegado comentou a morte de MC Leste: “A morte desses cantores não tem ligação entre si, podem ser por crimes passionais, brigas ou tráfico de drogas”.

O comentário preconceituoso é natural em sistemas elitizados como o nosso, mas ver a televisão divulgar esse tipo de comentário é repugnante.

Durante a última onda de assassinatos de cantores de black music, houve uma verdadeira guerra entre a polícia e os extremistas que gostavam, que eram fãs dessas músicas.

A black music é uma forma das classes marginalizadas expressarem seus sentimentos de revolta, apesar de falarem também de amor e outros temas. São essas verdades sobre os crimes e a violência que acabam atraindo a atenção de pessoas que não querem nenhum negro ou representante dessas comunidades tornando-se celebridade.

A liberdade de expressão é distorcida pelas mídias, pela elite, resultando numa verdadeira conspiração midiática contra essas comunidades.

O racismo não declarado ocorre também em outros países, como os EUA, um país no qual toda a sociedade ocidental se inspira. Esse racismo também ocorre devido a resistência em aceitar culturas afros em nosso meio.

Surgiu até uma teoria de conspiração, que nem deveria ser apenas uma teoria mas, sim, uma realidade.

Segundo essa teoria, há forças que conspiram contra negros famosos, como teria acontecido com Michael Jackson, Mike Tyson, Whitney Houston, O. J. Simpson, etc. Entretanto, na black music, no esporte ou qualquer outra atividade em que os negros se destaquem, a cultura afro continuará sempre muito influente.

Apologia – Mc DaLeste

Matar os polícia é a nossa meta
Fala pra noís quem é o poder
Mente criminosa coração bandido
Sou fruto de guerras e rebeliões
Comecei menor já no 157
Hoje meu vício é roubar, profissão perigo
Especialista formado na faculdade criminosa
Armamento pesado ataque soviético e que esse
É o bonde do mk porque quem manda aqui
É o 1 p e 2 c fala pra nois que é o poder

Se tu quer ouvir apologia eu te apresento nosso
Arsenal uma AK, pistola Glock, G3, mini-use
762 fundador parafal, a R15 a R baby, Magno Macs, fuzil
Holandês, mp5, 762 semi automática M 16 a Colt
190 Galac Torrents, Meiota e 50 especialista
Em assaltos bancários, formado na faculdade criminosa
Sub use, Aim check, Flatclonos ponto 40 tipo
Guerrilha
São Paulo SP a grande capital é toda nossa meu nome
Você quer saber pra me denunciar pros verme da d*
Quer me rastrear e toma lá, dá cá bate de frente faz sua parte
É nois que soma e nois que tá forma de expressão pra mim
Não interessa estamos embraçado na mesma missão matar os polícia
É a nossa meta se tu quer ouvir apologia eu te apresento
Nosso arsenal (ham) esse é o kit do mal

Fala pra nois quem é o poder matar os policia é a nossa meta
Fala pra nois quem é o poder

Mente criminosa coração bandido
Sou fruto de guerras e rebeliões
Comecei menor já no 157
Hoje meu vício e roubar profissão perigo
Especialista formado na faculdade criminosa
Armamento pesado ataque soviético e que esse
É o bonde do mk porque quem manda aqui
É o 1 p e 2 c fala pra nois que e o poder

Fala pra nois quem é o poder
Fala pra nois quem é o poder

Se tu quer ouvir apologia eu te apresento nosso
Arsenal uma AK, pistola Glock, G3, mini-use
762 fundador parafal, a R15 a R baby, Magno Macs, fuzil
Holandês, mp5, 762 semi automática M 16 a Colt
190 Galac Torrents, Meiota e 50 especialista
Em assaltos bancários, formado na faculdade criminosa
Sub use, Aim check, Flatclonos ponto 40 tipo
Guerrilha
São Paulo SP a grande capital é toda nossa meu nome
Você quer saber pra me denunciar pros verme da d*
Quer me rastrear e toma lá, dá cá bate de frente faz sua parte
É nois que soma e nois que tá forma de expressão pra mim
Não interessa estamos embraçado na mesma missão matar os polícia
É a nossa meta se tu quer ouvir apologia eu te apresento
Nosso arsenal (ham) esse é o kit do mal

Se tentar tu sai furado!

Vídeo clip link 01

Video clip Link 02

julho 12, 2013 Posted by | Cinema | , , , , , , , | 2 Comentários

   

Karmas e DNA.

Direitos autorais: Fernanda vaz.

Academia New Star Fitness

A fine WordPress.com site

Gramofone Lunar

Músicas, Versos e Outras Histórias

baconostropicos

Documentário "Baco nos Trópicos"

relutante

leve contraste do sentimentalismo honorário

entregue a solidão

é oque me resta falar e oque me sobra sentir

RB Solutions

Soluções em informática, comunicação e tecnologia

Bora' para Ireland

Smile! You’re at the best WordPress.com site ever

sarahrosalie

A topnotch WordPress.com site

Suburban Wars

"Let's go for a drive, and see the town tonight"

Made in Blog

Política, curiosidades, notícias, entretenimento, blogosfera,

%d blogueiros gostam disto: