Made in Blog

Política, curiosidades, notícias, entretenimento, blogosfera,

Idiomas que poderão garantir o sucesso

planejamento da carreira

Idiomas do Futuro

A popularidade das línguas estrangeiras entre os estudantes americanos cai a cada ano, mas um artigo do ‘The Washington Post’ faz um alerta para aqueles que perderam o interesse em  línguas – “se planejam construir uma carreira de sucesso é necessário aprender línguas”. Nesse sentido, referindo-se a vários estudos, observa que a Rússia está  ganhando importância.

De acordo com pesquisa realizada pela Associação para o Estudo de Línguas Modernas nos EUA, realizado entre 2009 e 2013, o número de alunos americanos que estudam línguas estrangeiras  caiu em 100.000. Muitos preferem cursos de economia às aulas de francês, mas “Como  se explica isso? “, pergunta Rick Noack, autor da publicação do ‘The Washington Post’.

O jornalista cita vários estudos avaliando o grau de importância das línguas estrangeiras pelo mundo e aconselha que o estudo de línguas merecem atenção para construir um futuro seguro e garantido. De acordo com o número de nativos dos idiomas,  a língua chinesa leva vantagem (com mais de um bilhão de pessoas falando chinês), seguida pelo Hindi (588 milhões), o espanhol, com 530 milhões, o Inglês com 527 milhões e árabe, que é falado por 467 milhões de pessoas. Por outro lado, o russo atualmente apresenta 254 milhões de pessoas que falam.

O autor também analisa os dados econômicos de diferentes países e análise os mercados que poderiam ser mais atraente no futuro, referindo-se ao relatório do Conselho Britânico. Este centro de pesquisa analisou 20 mercados dinâmicos da economia mundial e, em particular, destacou a dinâmica adquirida em países como o Brasil, Índia, Rússia e China.

“Em 2050, o mundo dos negócios será dominado pelo Hindi, bengali, urdu, bem como o Espanhol, português, árabe e russo. Se você quiser obter o máximo de benefício da aprendizagem de uma língua estrangeira, com a consciência tranquila pode escolher um dos idiomas que estão listados acima “, aconselha o jornalista.

Fonte: RT-TV

O processo do nascimento e desaparecimento de uma língua

Profissões do futuro

setembro 25, 2015 Posted by | curiosidades | , , , | 1 Comentário

Web 3.0 – O futuro da internet

Futuro da Internet

Web 3.0

A Web 3.0, anunciada como a terceira onda da Internet, projeta estruturar todo o conteúdo disponível na rede mundial de computadores dentro dos conceitos de “compreensão das máquinas”e “semântica das redes”.

Dados gerais

O termo Web 3.0 foi empregado pela primeira vez pelo jornalista John Markoff, num artigo do The New York Times e logo incorporado e rejeitado com igual ardor pela comunidade virtual. A principal reação vem da blogosfera. Nos diários virtuais de especialistas detratores, a crítica mais comum é a de que Web 3.0 nada mais é do que a tentativa de incutir nos internautas um termo de fácil assimilação para definir algo que ainda nem existe. Aliás, críticas idênticas já se fazem à Web 2.0.

A Web 3.0 propõe-se a ser, num período de cinco a dez anos, a terceira geração da Internet. A primeira, Web 1.0, foi a implantação e popularização da rede em si; a Web 2.0 é a que o mundo vive hoje, centrada nos mecanismos de busca como Google e nos sites de colaboração do internauta, como Wikipedia, YouTube e os sites de relacionamento social, como o Facebook e Twitter. A Web 3.0 pretende ser a organização e o uso de maneira mais inteligente de todo o conhecimento já disponível

Esta inovação está focada mais nas estruturas dos sites e menos no usuário. Pesquisa-se a convergência de várias tecnologias que já existem e que serão usadas ao mesmo tempo, num grande salto de sinergia. Banda larga, acesso móvel à internet, e a tecnologia de rede semântica, todos utilizados juntos, de maneira inteligente e atingindo a maturidade ao mesmo tempo.

Assim, se passaria da World Wide Web (rede mundial) para World Wide Database (base de dados mundial), de um mar de documentos para um mar de dados. Quando isso começar a acontecer de forma mais intensa, o próximo passo, num prazo de cinco a dez anos, será o desenvolvimento de programas que entendam como fazer melhor uso desses dados.

Adicionada a capacidade da semântica a um site, ele será mais eficiente. Ao se pesquisar algo, se terá respostas mais precisas. O usuário poderá fazer perguntas ao seu programa e ele será capaz de ajudá-lo de forma mais eficiente, entender mais sua necessidade. O conceito de ”rede semântica”, proposto pelo inglês Tim Berners-Lee, tem entre seus gurus Daniel Gruhl, um Ph.D. em engenharia eletrônica do MIT, é especializado em “compreensão das máquinas”, e o misterioso Nova Spivack, que não revela muito sobre si, nem o nome verdadeiro, e se autodefine como empresário da alta tecnologia.

Um mecanismo de busca como o Google permite que o usuário pesquise o conteúdo de cada página,: se indicar o nome de um ator ou de um filme, todos os dados sobre este ator ou este filme aparecerão na tela. Poderá ainda utilizar a “busca avançada” para restringir um pouco mais os resultados. Mas se este usuário não se lembrar do nome do ator ou do filme, dificilmente encontrará meios de localizá-los. A Web 3.0 organizará e agrupará essas páginas, por temas, assuntos e interesses previamente expressos pelo internauta.. Por exemplo: todos os filmes policiais, que tenham cenas de perseguição de carros, produzidos nos últimos cinco anos etc.

Algumas empresas do Vale do Silício, na Califórnia, Estados Unidos, desenvolvem trabalhos nesse sentido, destacando-se o Almaden IBM Research Center, a Metaweb e a Radar Networks (de Nova Spivack). No Brasil, centros universitários vêm desenvolvendo trabalhos pioneiros para a Web 3.0 com ênfase na língua portuguesa. Paralelamente, estão em curso inúmeros projetos académicos. E circula na comunidade da informática que em futuro próximo surgirão novidades nesse campo na Yahoo! e no Skype.

Também se entende por Web 3.0 que se tenha acesso a internet a qualquer hora e em qualquer lugar e em qualquer dispositivo, possibilitando a troca de dados entre dispositivos.

Fonte: Wikipedia

Aplicativo rastreia bilhões de IPs em 45 minutos

Nova geração de internet preocupa FBI

Física quântica vai revolucionar a internet

 

julho 12, 2015 Posted by | internet | , , , | Deixe um comentário

Profissões milionárias do futuro

empregos tecnológicos

Profissões Milionárias

As novas tecnologias tem conquistado completamente a juventude de hoje, até a ponto de definir suas preferências profissionais. Ao contrário da juventude anterior, que sonhava em se tornar médicos ou advogados, os filhos do novo milênio deixam bem claro que essas profissões não são de seu interesse.

Um estudo realizado pela Universidade de Cambridge (Reino Unido) descobriu que,  entre os jovens espanhóis na geração ‘Millennial’ (entre 16 e 24 anos) a implementação de novas tecnologias e sua divulgação na vida cotidiana desempenham um grande papel nas aspirações profissionais dos jovens de hoje.

Provador de games, designer gráfico, youtuber ou blogger são os postos de trabalho mais desejáveis, de acordo com os resultados do estudo. Embora profissões tradicionais, como engenheiro, médico ou policial também estejam mantidas na lista.

Veja a lista por preferências:

01 – Engenheiro 15%

02 – Provador de Games 13%

03 – Médico 9%

04 – Designer gráfico 8%

05 – Chef 8%

06 – Policial 7%

07 – Personal Shopper 6%

08 – Youtuber 5%

09 – Community manager 5%

10 – Blogger 4%

11 – Advogado 4%

Outra profissões 17%

Se antes a juventude sonhava em se tornar famoso e ganhar muito dinheiro no menor tempo possível. Esse desejo permanece, mas perde força. A maior parte da geração “milenial ‘não quer ser famoso” sob quaisquer circunstâncias “, enquanto 28% considera isto ” apenas como um mal necessário para ganhar dinheiro. “

Além disso, o “milenial” espanhol afirma ter uma melhor educação e um bom conhecimento de Inglês, no entanto, eles parecem acreditar que seu futuro será pouco desenvolvido no seu país. 84% assumiram que nos próximos anos terão de emigrar para encontrar trabalho em outros países.

Fonte: RT-TV

Piores profissões nos Emirados Árabes

Profissões sem pessoas qualificadas

Profissões do futuro – Melhores oportunidades

Empresas americanas que mais contratam estrangeiros

Salários mínimos pelo mundo

abril 30, 2015 Posted by | oportunidades | , , , | 3 Comentários

Cinco super-tecnologias do futuro segundo IBM

previsões da IBM

Futuro da IBM

01 – Tecnologias muito difundidas como os laptops e celulares formarão uma rede global de sensores capazes de fornecer uma grande quantidade de dados de observação do meio-ambiente e, além disso, poderiam salvar vidas, como nos casos de terremotos detectados o mais rápido possível.

02 – Nos próximos cinco anos haverão tecnologias com verdadeiros hologramas, como aqueles dos filmes. Em breve, todos serão capazes de conversar e interagir com as pessoas de regiões mais distantes do mundo, em seu aparelho de 3D, ou ser incomodado por uma pessoa na rua, que na verdade é apenas uma publicidade em imagem virtual.

03 – Outra grande conquista da ciência estará nas baterias. A IBM prevê que as baterias durarão 10 vezes mais, o que será mais significativo para os carros elétricos. Alguns tipos de baterias serão capazes de extrair energia a partir de partículas carregadas no ar, ou até sem a necessidade de baterias, em mecanismos pequenos que serão carregados com eletricidade estática.

04 – Desenvolvimento inovadores no uso de energia colateral como, por exemplo, energia produzida pelos centros de informática. Durante o trabalho geram muito calor que é perdido no ar, mas poderia ser aproveitado para aquecer os edifícios no inverno, ou fornecer energia para os condicionadores no verão.

05 – Grandes melhorias no sistema de tráfego, baseadas em tecnologias GPS. Eles irão apresentar informações mais completas e identificar as melhores vias para chegar a um determinado lugar. Também informarão sobre acidentes, obras em construção, estacionamentos e, se necessário, fornecer várias opções alternativas, como trens, barcos, ou o tempo estimado da viagem.

Fonte: RT-TV

Textos relacionados:

Fonte: RT-TV

Robô inseto

Top 10 ficção real

Tecnologia da invisibilidade

Jetpack – o Foguete pessoal

Teletransporte de dados

Controle mental das máquinas

Carros para cegos

Top produtos de Nanotecnologia

Robô do futuro

Computador biológico

Menor filme do mundo

Macaco com sexto sentido

Impressora de alimentos

Olhos na língua

setembro 16, 2014 Posted by | curiosidades | , , , | Deixe um comentário

Tecnologias inovadoras de ponta

tecnologias de ponta

Tecnologias Modernas

Automóveis voadores, discos rígidos de DNA, turismo espacial, missões tripuladas a Marte, teletransportes e robôs com inteligência artificial, são algumas das inovações tecnológicas que poderão ser realidade no futuro.

1 – DNA, o melhor disco rígido

No início deste ano, um grupo de pesquisadores do instituto Europeu de Bioinformática em Hinxton, Reino Unido, conseguiu armazenar pela primeira vez, informação digital em uma molécula sintética de DNA. Alguns especialistas estimam que esta tecnologia poderia permitir que toda informação do mundo, atualmente armazenada em discos rígidos, caibam na palma de sua mão.

Comentário: A nanotecnologia é assim mesmo, espetacularmente polêmica. Se a tecnologia atômica já assusta, pelo seu potencial destrutivo e pela falta de conhecimento do ser humano sobre ela, a biotecnologia se aproveita do sistema elitizado para chegar ao mercado, nem sempre de maneira legal. Os países subdesenvolvidos como o Brasil, que desconhecem a justiça, é o ambiente ideal para o seu desenvolvimento.

2 – óculos de realidade aumentada

Espera-se que o famoso Google glass chegue ao mercado mundial ainda no final deste ano. Mas o protótipo, que foi posto a venda só para alguns desenvolvedores, comprovou que viola a privacidade e a segurança dos indivíduos. Especialistas dizem que a decisão da Google de vender os primeiros protótipos dos óculos a hackers, foi intencional, já que deste modo eles se encarregariam de encontrar as vulnerabilidades do dispositivo, antes deles chegarem ao mercado popular.

Paralelamente, outros gigantes da tecnologia desenvolveram seus dispositivos para competir com o Google Glass. Contudo, estima-se que ainda precise de vários anos para obter um produto de melhor qualidade.

Comentário: Apesar da invasão de privacidade ser muito comum entre as mídias de massa no Brasil, principalmente pelas redes de TVs, e mais especificamente pela Rede Globo, que sabe que a justiça brasileira não funciona e se aproveita disso, nos países desenvolvidos esse comportamento tem revoltado as pessoas que, inteligentemente, conseguem organizar boicotes capazes de levar uma multinacional a falência,

A polêmica não impede que alguns nerds utilizem tal tecnologia, correndo o risco de expor a vida das pessoas de maneira criminosa. É claro que a Google está com um pé atrás, afinal, essa tecnologia prova estar a frente de seu tempo.

3 – Teletransporte

Um grupo de cientistas da Universidade de Cambridge, Reino Unido, disse que no início deste ano conseguiram novos avanços teóricos que poderiam abrir as portas para o teletransporte. Para isto será necessário desenvolver antes a computação quântica, uma vez que desta maneira se poderá enviar informação em velocidades hoje impossíveis. Atualmente, trabalham neste campo e acreditam que num futuro próximo conseguirão avanços nesta área.

Comentário: Na ficção científica, como em jornada nas estrelas, as naves aumentam a velocidade até desapareceram literalmente. Então, o primeiro passo é atingir tal velocidade, o que já é possível no campo da informática. Entretanto, além do mundo informático, será necessário desenvolver mecanismos de aceleração e desaceleração.

Eu ainda acho que as estradas eletromagnéticas (órbitas) sejam o melhor caminho, entretanto, é preciso muito cuidado com isso. A forma natural seria aproveitar os asteróides e meteoros para viagens a longa distância.

4 – Automóveis voadores

Nos últimos anos, várias empresas já iniciaram o desenvolvimento de carros voadores, os primeiros protótipos que tinham características não muito parecidas aos de um carro. No entanto, em maio deste ano, uma empresa informou que seu projeto de fabricar um verdadeiro carro voador híbrido (recarregável) está em sua fase final. O primeiro protótipo estará pronto em 2015.

Comentário: Essa é uma ideia interessante, e nem precisava ser um carro voador, bastava apenas uma estrada aérea, entretanto, com uma tecnologia tão avançada é possível sonhar alto, com trens suspensos, carros suspensos, etc.

5 – Cérebro artificial que funciona como um real

Alguns pesquisadores acreditam que, porque o cérebro humano é composto de bilhões de neurônios, é pouco provável que se consiga criar um cérebro artificial tão complexo antes de 2020. No entanto, não descartam que o teremos em um futuro distante. No momento, interfaces cérebro-computador (BCI) continuam a progredir significativamente.

Comentário: O cérebro artificial não é prioridade agora, até porque a manutenção é mais importante. Eu me preocuparia mais em criar um corpo biônico, mecânico.

6 – Nave espacial tripulada para Marte

Após o sucesso da aterrissagem do robô Curiosity em Marte no ano passado, os cientistas começaram a trabalhar no projeto de uma nave para garantir a segurança dos astronautas em uma viagem para o planeta vermelho. Embora inicialmente pensava-se que a viagem poderia ser só de ida, agora os cientistas estão mais otimistas e acreditam que é possível uma expedição de ida e volta. A pergunta que fica no ar é saber quando a nave estará pronta.

A NASA vai usar os campos de gravidade do lado escuro da lua, para implantar uma base tripulada lá, para servir de escala nas futuras odisseias marcianas. O projeto pode estar pronto até 2017.

Comentário: Eu não sei porque a pressa em um viagem tripulada, quando fica claro que uma operação com nave não tripulada é muito mais viável, principalmente porque o desenvolvimento nessa área está revolucionando a tecnologia.

7 – Férias em um hotel espacial

O turismo espacial não é algo tão distante quanto parece. A empresa Space Adventures afirma que em dez anos haverá o primeiro hotel em órbita, graças ao avanço da tecnologia. Space Mining, exploração espacial, também se encaixa nos planos para futuro.

Comentário: Turismo espacial eu acho muito precipitado, entretanto, para exploração o projeto poderá ser bem mais viável, principalmente se o voo for sem tribulação.

8 – Internet quântica

Pesquisadores do laboratório de Los Alamos, EUA, confirmaram recentemente que eles têm um protótipo de uma rede quântica, uma das grandes esperanças dos especialistas em segurança e criptografia. No entanto, a utilização de novos sistemas de criptografia são ainda limitadas pela tecnologia actual.

Comentário: Essa é sem dúvida uma de nossas grandes expectativas, esperamos que não haja uma conspiração por parte das grandes corporações, para impedir que essa tecnologia se desenvolva.

No Brasil nem é preciso conspiração, prova disso é o caos na telefonia.

10 – Os avanços na clonagem

Ver um mamute vivo é uma realidade cada vez mais próxima, segundo Ian Wilmut, o cientista da Universidade de Edimburgo, cuja equipe foi responsável pela clonagem da ovelha Dolly, a primeira realizada com um animal. De acordo Wilmut, se novas técnicas que permitam aos cientistas transformar células de tecidos em células tronco, as possibilidades de clonagem aumentará consideravelmente.

Enquanto isso, os pesquisadores como iranianos desenvolveram uma nova técnica que acelera protocolos de clonagem.

Comentário: Essa é uma área polêmica. Eu não vou nem comentar, prefiro indicar os melhores filmes de clonagem que tratam do assunto.

10 – Reator nuclear em casa

Os cientistas da NASA afirmaram no final de fevereiro que, no futuro, será possível a instalação de um reator nuclear em casa, em vez de o aquecedor de água, já que será pequeno o suficiente e seguro.

Comentário: Menos para o Irã, não é mesmo? Porque, aí, haverá boicote. rsrs

Continuando: Este tipo de reator não utiliza processo de fissão, em que um núcleo pesado se divide em dois ou mais núcleos menores, liberando uma enorme quantidade de energia, como em usinas nucleares existentes. Tão pouco se baseiam na fusão, processo da união de vários núcleos atômicos de carga semelhante que formam um núcleo mais pesado. Trata-se de reatores com reações nucleares de baixa energia, também conhecidos como reatores de fusão a frio.

Comentário: Foi bem isso que o Irã falou, antes do boicote. rsrsrsr

11 – Biocomputadores DNA

Um grupo de cientistas dos Estados Unidos confirmou no final de março que está desenvolvendo um computador biológico que combina tecnologia e genética. A primeira parte da pesquisa já terminou. Trata-se um transistor biológico que, dizem, funciona muito melhor que os eletrônicos, ou seja, aqueles que são encontrados em praticamente todos os computadores, televisores, rádios ou telefones.

12 – Vacinas pelo correio

Geneticista renomado, Craig Venter, trabalha para converter a informação biológica em digital, para que possa ser enviado por email, para que uma bioimpressora 3D reconstrua a sequência de nucleotídeos de acordo com os dados recebidos. A invenção poderia desenvolver drogas em muito menos tempo, ajudando a salvar muitas vidas.

Comentários: Quem poderia imaginar uma utilidade como essa para as bioimpressoras, não é mesmo?

13 – Inteligência artificial

Muitos especialistas acreditam que a ideia de máquinas super inteligentes não é infundada, e inclusive pensam que a inteligência artificial poderá igualar ou até mesmo ultrapassar a humana, algo que poderia ocorrer antes do final deste século.

Enquanto isso, os pesquisadores como iranianos desenvolveram uma nova técnica que acelera protocolos de clonagem.

Comentário: Inteligência artificial é uma realidade, combina todas as tecnologias modernas, aprimorando-as, otimizando a sua aplicabilidade. Quando usada para a guerra, não é muito bonito, não.

Fonte: RT-TV

Computador biológico

Física quântica vai revolucionar a internet

Menor filme nanotecnológico

Computador com cérebro

Filmes de clonagem

Taxi voador

Google glass mostra prisão ao vivo

Top 20 tecnologias

fevereiro 3, 2014 Posted by | curiosidades | , , , | 2 Comentários

Maiores ameaças para o mundo em dez anos

maiores ameaças

Ameaças do Futuro

Representantes de alto nível das empresas líderes do setor de defesa revelam as maiores ameaças que podem surgir nos próximos 10 anos, em um vídeo oferecido pela revista digital “NATO Review”, mídia oficial da OTAN.

Introduzir um novo produto de defesa no mercado leva até 10 anos. A situação atual não permite aos criadores de estratégias defensivas relaxar nem um só segundo – o que poderá ocorrer em um futuro próximo?

Várias ameaças, previstas pelos líderes ocidentais do setor, são apresentadas pela “NATO Review”, a revista digital oficial da OTAN, onde os especialistas analisam as principais questões relacionadas à defesa.

Em uma conferência de segurança em Istambul, que foi celebrada este mês, Jeff Kohler, vice-presidente de desenvolvimento de negócios internacionais, responsável pelos produtos e serviços de defesa da Boeing, admitiu que está muito preocupado com novas ameaças que possam comprometer os sistemas computacionais de voo e afirmou que os novos aviões necessitam de proteção contra ataques cibernéticos e, com o tempo, esta necessidade tende a crescer.

“Estamos muito preocupados com nossos aviões comerciais, porque eles se tornam cada vez mais digitais e eletrônicos. Já começamos a implantar a proteção cibernética no software de nossas aeronaves”, disse Kohler. Quando uma aeronave atinge as proximidades do aeroporto, começa a trocar muitas informações, por esta razão as empresas devem ser capazes de proteger o software da própria aeronave. “Então, há uma série de questões que surgem nesta conexão cibernética”, concluiu o vice-presidente.

A mesma opinião é compartilhada por Martin Hill, membro da equipe consultora da OTAN, que também está investigando os métodos para melhorar a segurança cibernética. “Cada dispositivo que temos depende das redes mundiais, cada transação que efetuamos é controlada por alguém”, disse o vice-presidente da empresa francesa do Grupo Thales. É a área em que devemos nos esforçar para evitar potenciais danos”, disse ele.

Vale ressaltar que as ameaças de uma guerra cibernética foram mencionadas por cada um dos seis entrevistados. No entanto, também foram citados outros fatores, como o meio ambiente, o problema da colonização do Ártico, comunicações militares e a eficácia de recursos bélicos limitados, entre outros.

Fonte: RT

Terceira guerra mundial virtual

Top sites contra espionagem

O cracker mais procurado pelo FBI

Eletrodomésticos com HI-FI

dezembro 29, 2013 Posted by | curiosidades | , , , , , | Deixe um comentário

Perspectiva política

Alternativa Política

Marina Silva

Eu não vou negar que eu seja pragmático em relação à política, mas também sei reconhecer um bom otimista, mesmo não concordando com ele.

Quando eu encontro alguém que pensa o contrário, posso não concordar à primeira vista, mas essas pessoas podem ser fontes de reflexão no futuro.

Por exemplo, quando um amigo insistiu em afirmar que o Brasil estava melhorando, eu neguei.

– Pode ser que o Brasil esteja mudando, sim, mas para pior, pois nunca se viu tantos escândalos – eu disse para ele.

– Você fala assim porque você não viveu na época da ditadura. Naquela época você via o que estava errado, mas não podia fazer nada – insistiu.

Hoje em dia você pode denunciar, criticar e talvez, num futuro não muito distante, algum criminoso do colarinho branco possa ser preso – completou.

O meu amigo aparentava ser muito calmo, mais tarde eu descobri que era por recomendação médica. Ele acabou morrendo por ataque cardíaco.

As palavras dele ainda ecoam em minha cabeça e me trazem questionamentos.

Será que o Brasil evolui tão vagarosamente que eu nem noto as mudanças?

Fraudes bilionárias como a do Grupo Sílvio Santos poderiam acabar, caso a crise afete os infernos fiscais, como o que ocorreu com o Chipre? Diz o ditado que os maiores ladrões só roubam o que podem enviar para o exterior.

A preocupação com o crescimento sustentável, tornando os países do BRICS os principais destinos dos investimentos internacionais, poderia por fim, pelo menos temporariamente, a evasão de divisas.

Renan Calheiros, José Sarney e outros políticos que parecem estar acima da lei, sofrem um desgaste imenso, ou seja, estão pagando mais caro pelos votos que recebem, já que sua péssima reputação não ajuda em nada.

O governo petista tem uma reserva cambial cada vez maior, portanto, está livre de especuladores e poderá depender menos dos lobistas aliados.

A temível presidente já não é mais adolescente, portanto, também não é tão revolucionária.

Por mais que o PT tenha sido extremista no passado, sempre haverá um partido ainda mais radical, e essa é a tendência no Brasil.

Marina Silva poderia ser uma alternativa para as próximas eleições, mas ela teria dois problemas: ou estaria amarrada por aqueles que a apoiam, ou estaria sem apoio – também há a possibilidade de eu estar completamente errado.

Enquanto isso:

Um discurso do ex-presidente Lula é usado pelo candidato de esquerda na Venezuela, mostrando que Lula continua forte no exterior.

Mais um julgamento polêmico antigo saiu da fila de espera, apesar de boa parte do processo já ter prescrito, o julgamento do Juiz Lalau.

O Banco Central já pensa em parar de reduzir a taxa de juros.

Parece que a tal medida já não está resolvendo o problema da economia. Apesar da inflação estar sob controle, a indústria não consegue se recuperar.

By Jânio

Preço dos ricos

abril 3, 2013 Posted by | Internacional | , , , | 3 Comentários

Jovens homens velhos

falta de passado

Velha Sociedade

É natural que a responsabilidade dos mais velhos passe para os mais jovens e isso deveria ocorrer gradativamente, sem traumas. O homem mais velho não precisa necessariamente ser velho para ceder o seu lugar no trabalho, nem deveria abandonar suas funções definitivamente.

Ao ler notícias políticas nos jornais, podemos notar o quanto as velhas raposas desprezam a ética, dando um bom mau exemplo de como não se deve comportar. Graças a esses velhinhos malditos, os jovens homens velhos não tem uma boa aposentadoria e acham certo continuar trabalhando, enquanto jovens de trinta anos ainda procuram o seu primeiro emprego.

Eu já pude comprovar que muitas pessoas, principalmente aquelas que trabalham à noite e plantonistas, costumam acumular cargos, para conseguir pagar a faculdade e a saúde dos filhos. Também há pessoas que trabalham até vinte horas por dia, num único emprego, e isso não é muito comum entre os escravos brasileiros.

Algumas profissões permitem que as pessoas trabalhem acima de seu limite físico, mas o seu limite psicológico nem sempre suporta essa jornada tão desgastante. Quando a saúde acaba, o jovem homem velho descobre que não planejou sua vida como deveria, e nem educou os filhos.

Jornadas dobradas de trabalho ajudam a aumentar ainda mais a desigualdade social, eu já pude ver até onde vai a degradação humana.

Cada vez que surge um novo conjunto habitacional, financiado pelo governo, eu noto como a especulação imobiliária atrai aventureiros dispostos a tudo para conseguir sua casa. Enquanto isso, pessoas sem influência políticas tem de mendigar ou se prostituir para conseguir sua vaga.

Alguns grupos de pessoas se organizam e invadem propriedades abandonadas, financiadas com dinheiro público, para em seguida sofrerem as consequências de seu ato impensado, ou mal pensado. Já surgiu até um modo de ganhar dinheiro com essas invasões, onde as supostas vítimas negociam suas terras com o governo, pelo dobro do preço, para supostamente ajudar as pessoas necessitadas.

No interior do Brasil também há pessoas que invadem as terras, nativas ou de povos indígenas, com a intenção de vender, passar para seus patrões, proporcionando um grande lucro. Essas práticas dão uma ideia de como a reforma agrária é um processo complexo.

Os seringueiros sabem como funciona essa legislação seletiva e a libertação de um dos homens presos por matar uma freira americana, mostra a política cruel do STF, além de ajudar a explicar a discriminação dos brasileiros lá fora.

A injustiça brasileira, combinada com o sistema elitizado, deixam uma pergunta: Há tanta gente importante assim no Brasil, ou será que é o crime organizado que chegou ao seu limite? Afinal, quando é que vamos todos começar roubar e matar, para conseguirmos sobreviver?

Você acredita que o Brasil está melhorando? Eu também acredito, assim como eu acredito que a inexperiência de um partido político no governo, mostrou como nosso sistema político é sujo e desprezível – Esse “crescimento” do Brasil tem provocado polêmicas lá fora.

A maioria dos meus leitores tem opiniões parecidas, relacionadas com o crescimento do Brasil: “Não foi o Brasil que cresceu, foram os outros que caíram.”

Enquanto os estrangeiros chegam para empreender e ocupar as vagas que a nossa infra-estrutura não teve competência para suprir, brasileiros embarcam rumo ao seu destino desconhecido, provavelmente para limpar privadas em países de primeiro mundo.

O crescimento brasileiro tem sido motivo de polêmicas pelo mundo inteiro, afinal, nosso país sempre foi muito rico, com um povo muito pobre, mas nunca tivemos tanta atenção das comunidades internacionais.

Essa responsabilidade com o desenvolvimento sustentável e com a economia mundial, poderá nos trazer problemas. Haverá uma exigência muito grande por parte do novo mundo globalizado – não confundir com economia globalizada.

Resta saber qual será a maior preocupação do governo, satisfazer as exigências de um desenvolvimento sustentável, economicamente e ecologicamente, ou o nosso desenvolvimento social?

Certamente, deveríamos nos preocupar com tudo o que é certo e correto, mas isso será impossível, enquanto a máfia estiver no comando.

By Jânio

A política torta do Brasil

Eu não acredito em teoria da conspiração

Mortes misteriosas de celebridades

Presidentes do Brasil

A história de José Sarney

PT acerta o próprio pé

Políticos com problemas na justiça

O massacre do sítio caldeirão

A crise da PPP

Ficha Limpa

Trinta anos de escândalos no Brasil

agosto 29, 2012 Posted by | Reflexões | , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Deep Web – Nas profundezas da internet

internet invisível

Deep Web (também chamada de Deepnet, Invisible Web, Undernet ou hidden Web, refere-se ao conteúdo da World Wide Wide (WWW) que não faz parte da Surface Web, conteúdo indexável pelos padrões dos motores de busca.

Não deverá ser confundida com a Dark Internet, redes de computadores ultrapassadas que não podem ser alcançadas via internet, ou com a Darknet, compartilhamento de arquivos, que poderia ser classificada como uma pequena parte da Deep Web.

Mike Bergman, fundador da BrighPlanet, disse que a procura na internet hoje pode ser comparada a uma navegação pela superfície, surface, de um oceano, sendo que uma grande quantidade de conteúdos pode ser rastreado na rede, pelos buscadores, mas há muito conteúdo interessante abaixo dessa superfície e, portanto, fora do alcance dos buscadores. A maioria das informações da Web estão muito abaixo da superfície, navegável pelos internautas, através dos buscadores, em sites gerados dinamicamente, e que os motores de busca padrão não pode encontrar. Motores de busca tradicionais não conseguem “ver” ou recuperar o conteúdo na Deep Web, isso porque estas páginas não existem até que sejam criadas dinamicamente conforme o resultado de uma pesquisa específica. A Deep Web está a uma magnitude maior, sob a superfície.

Estimativas baseadas em técnicas avançadas de internet, feitas em uma Universidade da Califórnia, Berkeley, no ano de 2.001, especulam que a Deep Web é constituída 91 terabytes. Estimativas mais precisas podem ser obtidas com tecnologias desenvolvidas para Deep Web: A princípio, foram detectados 300.000 Deep Sites em toda a Web, em 2.004 e, de acordo com Shestakov, cerca de 14.000 Deep Sites só na região da Rússia, em 2.006.

Sites que não foram registrados em buscadores, o que não ocorre com subdomínios gratuitos, como os blogs, não são rastreados pelos buscadores, ou seja, são invisíveis aos buscadores, portanto, conhecidos como Web invisível ou Invisible Web.

A Deep Web pode ser classificada como:

Conteúdos Dinâmicos: Páginas dinâmicas geradas automaticamente através de uma simples interação com formulários, com campos de textos, esses campos são difíceis de navegar sem o conhecimento de domínio.

Private Web: Sites que exigem registro e login (protegidos por recursos de senha).

Unlinked Content: Páginas que não estão ligadas à outras páginas, que pode impedir os sistemas rastreadores de acessar o conteúdo. Este conteúdo pode ser classíficado como páginas sem backlinks (ou inlinnks).

Contextual Web: Páginas com conteúdo variável para contextos de acessos diferentes (intervalos de endereços IP de cliente ou sequência de navegação interior).

Acesso limitado de conteúdo: Sites que limitam o acesso às suas páginas de forma técnica (por exemplo, usando o Padrão de Exclusão de Robôs, Captchas, ou cabeçalhos HTTP que proíbem a motores de busca de navegar, criando cópias do cache.

Scripted Content: Páginas que só são acessíveis através de links produzidos em JavaScript, bem como conteúdo baixado dinamicamente a partir de servidores Web de Flash ou Ajax.

Non-HTML/text content: Conteúdo textual codificado em multimídia (imagem ou vídeo) ou arquivos específicos, formatos de arquivos não manipulados pelos motores de busca. Conteúdo de texto usando o protocolo Gopher e arquivos hospedados em FTP que não são indexados pela maioria dos motores de busca. Motores de busca como o Google não indexa fora de HTTP ou HTTPS.

Para descobrir o conteúdo da Web, motores de busca utilizam Crawlers que seguem hyperlinks através de números de portas de protocolos virtuais conhecidos. Esta técnica é ideal para descobrir conteúdos na superfície da Web, mas muitas vezes é ineficaz para encontrar conteúdos da Deep Web. Por exemplo, esses indexadores não tentam encontrar páginas dinâmicas que são o resultado de consultas de banco de dados, devido ao número infinito de consultas que são possíveis.

Tem-se observado que isto poderá ser parcialmente superado, se forem fornecidos links para consultar os resultados, mas isso poderá involuntariamente inflar a popularidade de um usuário da Deep Web.

Em 2.005, o Yahoo! rastreou uma pequena parte da Deep Web, liberando para seus assinantes. Esse motor de busca rastreia através de alguns sites da Web. Alguns sites de subscrição exibem seu conteúdo completo de robôs de Search Engine, assim como vai aparecer nas buscas do usuário, mas, em seguida, mostra aos usuários uma página de login ou de subscrição, quando se clica em um link da página de resultados do motor.

Os pesquisadores tem explorado uma forma que a Deep Web possa ser rastreada de forma automática. Como resultado dessas pesquisas, vários projetos vem sendo desenvolvidos paralelamente como:

DeepPeep: Um projeto da Universidade de Utah patrocinado pela National Science Foundation, que reuniu fontes (formulários) em diferentes domínios, com base em novas técnicas de rastreamentos mais focados.

Finalmente os buscadores comerciais começaram a explorar métodos alternativos para rastrear a Deep Web. O protocolo Sitemap (desenvolvido pela Google) e o Mod Oai, são mecanismos que permitem que os motores de busca e outras partes interessadas em descobrir recursos que levem a Deep Web, em servidores específicos. Ambos mecanismos permitem que os servidores web divulguem as URLs que são acessíveis a eles, permitindo a descoberta automática de recursos que não estão ligados diretamente à Web Surface.

Deep Web do Google rastreia submissões para cada formulário HTML e adiciona as páginas HTML resultantes para o índice do motor de busca Google. São mil consultas por segundo para o conteúdo Deep Web.

Neste sistema, o cálculo pré da submissões é feita usando três algoritmos:

01) A seleção de entrada para textos de pesquisa que aceitam palavras-chaves;

02) Identifica resultados que aceitam apenas valores de um típo de dados específicos (por exemplo, data);

03) Seleção de um pequeno número de combinações de resultados que geram URLs adequadas para a inclusão no índice de buscas web.

Determinar se um resultado já faz parte da internet ou se faz parte da Deep Web é difícil. Se um resultado é indexado por um motor de busca, isso não quer dizer necessariamente que deveria estar ali, isso porque esse resultado poderia ter sido obtido através de outro método (por exemplo: Protocolo do Site Map, Mod Oai, Oaister) em vez de rastreamento tradicional.

Se um motor de busca fornece um backlink para um resultado, pode-se supor que o resultado está na web surface. Infelizmente, os motores de busca nem sempre fornecem os back links para esses recursos. Mesmo que uma backlink exista.

Não há maneira de determinar se o recurso que fornece a ligação é ele próprio ou web surface, sem rastrear toda a web. Além disso, um recurso pode residir na web surface, sem ter sido encontrado por um motor de busca.

Portanto, se temos um recurso arbitrário, não podemos saber com certeza se o recurso reside na web surface, sem um rastreamento completo da web.

Para resolver esse problema, alguns projetos estão sendo desenvolvidos, entre eles:

01) Oaister – Universidade de Michigan

02) Intute – Universidade de Manchester

03) Infomine – Universidade da Califórnia, em Riverside.

04) DirectSearch – Gary Price.

Esta classificação representa um desafio durante a busca da Deep Web, em que dois níveis de categorização são obrigatórios.

O primeiro nível é categorizar sites em tópicos verticais ( por exemplo, saúde, viagens, automóveis) e sub-tópicos de acordo com a natureza do conteúdo subjacente de suas bases de dados.

O desafio mais difícil é classificar e mapear as informações extraídas de várias fontes da Deep Web, de acordo com necessidades do usuário final. Relatórios de pesquisa Deep Web não pode exibir URLs, como relatórios de pesquisas tradicionais. Os usuários finais esperam de suas ferramentas de busca, não só encontrar o que estão procurando rapidamente, mas que seja intuitiva e amigável.

Para que sejam significativos, os relatórios de pesquisa tem de oferecer alguma profundidade à natureza dos conteúdos que estão na base das fontes, ou então o usuário final estará perdido no mar de URLs que não indicam o conteúdo. O formato em que os resultados da pesquisa devem ser apresentados varia muito de acordo com assunto específico da pesquisa e do tipo de conteúdo que está sendo exposto. O desafio é encontrar e mapear dados semelhantes em várias fontes diferentes, de modo que os resultados das pesquisas possam ser expostos em um formato unificado sobre o relatório de pesquisa, independentemente de sua fonte.

As linhas entre o conteúdo e o motor de busca da web começaram a diluir-se, com os serviços de busca começando a dar acesso a parte ou todo conteúdo de uma vez com restrição de conteúdo. Uma quantidade crescente de conteúdo da Deep Web se abre para pesquisa livre, com editores e bibliotecas fazendo acordos com grandes motores de busca.

No futuro, o conteúdo da Deep Web poderá ser definida por menos oportunidade para a busca do que as taxas de acesso ou outros tipos de autenticação.

Fonte: Wikipedia

Dark internet

Darknet – Revolução Web

Sites de busca DeepWeb

Adaptação de texto: By Jânio

junho 9, 2012 Posted by | internet | , , , , , , , | 4 Comentários

A câmera do futuro

câmera de raio x

Investigadores americanos criaram uma câmera que possibilita observar objetos fora do alcance do olho humano, por exemplo, algo que se encontra além de uma esquina.

Seus criadores, do Instituto Tecnológico de Massachusetts, afirmam que por essa câmera é possível ver o que está atrás de uma parede, porque o dispositivo, que olha através das paredes, captura imagens de objetos que estão fora da linha de visão do aparelho.

O aparelho é muito parecido com um periscópio, mas em vez de espelhos angulares para redirecionar a luz, a câmera utiliza paredes, portas e pisos, superfícies que normalmente não refletem como os espelhos do periscópio.

Entretanto, Até agora o aparelho consegue imagens apenas de objetos pequenos e também tira fotos comuns, mas criando imagens tridimencionais dos objetos fotografados.

Segundo os cientistas, no futuro, uma versão do aparelho poderia ser usado pelos serviços de emergências e bombeiros a procura de pessoas em prédios em chamas ou pela polícia para determinar se um lugar é seguro.

Ao mesmo tempo, a câmera poderia ser utilizada em dispositivos médicos endoscópicos, para produzir imagens de dentro do corpo humano e ajudar as pessoas a dirigir veículos, olhando através de esquinas onde a visão é impossível, através de muros ou paredes.

Comentário: Antes de comentar sobre essa câmera, vamos nos lembrar que as câmeras comuns já estão revolucionando a área de segurança. Por mais que a sociedade rejeite, chega-se a conclusão de que essa é a melhor forma de flagrar o crime.

Se a princípio possa parecer conveniente para a polícia, que não tem o trabalho de investigar o que já é mostrado, mostra também a condição que a população vive e isso é um escândalo administrativo.

Sobre a câmera, é bom nos lembrarmos também dos avanços científicos dos Body scanners, raio-x de aeroporto, e da lanterna de raio-x. Certamente haverá uma possível invasão de privacidade, mas, aí, entra uma questão muito mais séria, a questão da educação.

Seria interessante que fossem desenvolvidos dispositivos de controle desses aparelhos que dependem de educação e responsabilidade. O controle e o histórico das crianças também deve ser observado, evitando que possíveis distúrbios de comportamento possam comprometer sua vida social.

O computador é um exemplo de uma ferramenta que pode ser controlada através de ip e, por mais que esse sistema possa ser burlado, haverá sempre a possibilidade de haver outra forma de flagrar o delinquente.

É bom nunca nos esquecermos que a questão principal sempre será a educação, e não é só a educação do governo, já que essa nunca foi satisfatória, mas a educação promovida pela própria sociedade, através de instituições como igrejas, ONGs, famílias, etc.

Fonte: RT-TV

Visão do mundo pelo raio-x

Raio-x nos aeroportos

Lanterna de raio-x

Comentários: By Jânio

março 26, 2012 Posted by | segurança | , , , , , | 1 Comentário

O futuro decadente da raça humana

insegurança e medo

Fim da Tradição

Recentemente, em uma pesquisa feita na América latina, constatou-se um assustador aumento de jovens em idades bem avançadas e que nunca haviam trabalhado. Esses números poderiam ocultar um grande problema, o número de desempregados, já que quem nunca trabalhou não poderia ser considerado desempregado.

O Boston Consulting Group publicou o resultado de um estudo que mostra números sob outro ponto de vista e muito mais assustadores, ou seja, as empresas estão contratando cada vez menos pessoas com idade um pouco mais avançada, entre 50 e 64 anos.

Avanços tecnológicos, como automação e informática, tem contribuído para essa diminuição de mestres empregados. Isso poderá se tornar um grande problema, já que uma situação nova começa a se apresentar, onde as tecnologias não passam de geração para geração.

O problema começa a ficar sério, como mostram os números: No setor da educação, apenas 38% estão nessa faixa e, na Itália e EUA, apenas 36% estão nessa faixa de idade.

Enquanto isso, a tendência de aumento de pessoas mais velhas, dentro do grupo economicamente ativo, deverá aumentar.

Até há algumas décadas atrás, ser mais velho significava sabedoria, sensatez, qualidade, segurança, o oposto da juventude, que não se preocupava com nada disso. O problema é que estamos caminhando para um mundo controlado por jovens geniais, capazes de controlar redes de computadores, destravar um equipamento sofisticado, como um tablet, invadi-lo, enfim demonstrar a arte hacker.

Basta lembrarmos como foi feito o primeiro download da história, para termos uma idéia do que poderá acontecer no futuro. O homem que possibilitou a transferência do primeiro arquivo, não ganhou nada com isso, mas demonstrou uma criatividade incrível.

Nesse processo de evolução, poderemos ter a combinação quase perfeita do “Planeta dos Macacos” e dos humanoides da “Máquina do Tempo”, ou seja, não precisaremos construir um robô, pois seremos como eles. Estaremos rejuvenescendo a sociedade e, nesse processo, estaremos mais despreocupados e menos humanos.

Isso ocorrerá depois dos conselhos serem extintos, depois de banirmos os mais velhos para fora da sociedade, só aí nos lembraremos que eles não queriam nada de nós, pelo contrário, nós é que precisávamos dele.

Texto de introdução: RT-TV

By Jânio

fevereiro 17, 2012 Posted by | Reflexões | , , , , , , , , , | 1 Comentário

O despertar para a superconsciência

superconsciência

Homem do Futuro

A psiquiatra Shafica Karagulla tinha uma ideia ambiciosa, a busca de resposta para as perguntas que a atormentavam. Se a ideia já era difícil de realizar, ser reconhecida seria ainda mais difícil.

Formada em 1.940, depois de dezesseis anos de profissão, a doutora ousou lançar um olhar ao obscuro universo da ciência oculta, propondo-se a estudar a paranormalidade.

Depois de milhares de anos de existência, o homem ainda desconhece a sua natureza obscura. Revelar-se ao mundo, na Idade Média, poderia levar uma pessoa paranormal à fogueira.

O mundo mudou muito desde a Idade Média, mas não está mais tolerante, pelo menos em alguns casos.

Os conhecimentos ocultos são muito mais numerosos que os divulgados às pessoas comuns, podem ser usados como ferramentas de controle da sociedade, para curar pessoas ou em benefício próprio.

As sociedades secretas são exemplos de tradições milenares cujos conhecimentos são um mistério, assim como os artistas de circo. Há tradições hebraicas, egípcias e uma infinidades de outras que nem sequer imaginamos.

Os paranormais estão por toda a parte, mesmo assim não são muitos. Falta um elo de ligação entre a ciência e a ciência oculta, termos como ocultismo podem gerar ainda mais preconceito.

Insatisfeita com os tratamento de choque, muito comum até a década de cinquenta, essa psiquiatra, Karagulla, tornou-se cientista. Estudou a epilepsia no Canadá e tomou conhecimento da paranormalidade através de um livro de Joseph Millard, em New York, Mente Aberta, onde era narrada as experiências de um sensitivo chamado Edgar Cayce.

Cayce, o misterioso homem dos milagres, despertou em Karagulla o desejo de estudar o “sentido superior de percepção”.

Depois de um estudo inédito com várias pessoas sensitivas, publicou seus primeiros livros sobre o tema.

A psiquiatra afirmava que o homem não se limita a matéria, citando os impulsos elétricos – a possibilidade de o cérebro emitir impulsos elétricos, ideia que surgiu na década de 20, sendo medidos, hoje, pelos encefalogramas.

Foi desenvolvido um aparelho que constatou um campo energético ao redor da forma material. Toda essa energia estaria relacionada com as glândulas pineal, pituitária, hipófise, tireóide, gônadas, supra renais e timo, essa energia estaria interligada à espinha e ao sistema nervoso.

Segundo a doutora, os sensitivos não são extra sesoriais, possuem, sim, uma percepção superior, ou seja, alguns sentidos são mais desenvolvidos que a média.

“O campo energético tem três níveis: o físico, o emocional e o mental. O corpo etérico é o campo de integração que, como o gene, é a soma total do que a pessoa é. Como o gene, também é o padrão do nosso corpo fisico, do emocional e do mental. Esses padrões determinam a qualidade da pessoa que somos ou vamos ser. Tudo o que até há pouco tempo considerávamos manifestações exclusivas do corpo físico é, primeiramente, manifestação do corpo etérico.

Assim, as perturbações em qualquer nível se revelam no corpo etéreo e podem ser detectadas antes que passem ao corpo fisico.”

Segundo a doutora, o homem não estaria limitado apenas à matéria, mas a toda a energia que o cerca.

A doutora também afirma que não se deve utilizar meio artificiais para fazer experiências, apenas pessoas equilibradas podem se desenvolver naturalmente.

Na sociedade em que vivemos, ser equilibrado é quase impossível. Talvez um retiro temporário para equilibrar nossa mente, fosse a solução.

Segundo a médica, a energia do corpo pode ser abastecida pela natureza, pessoas centradas em si mesmas sugam a energia das outras, ao invés de obter essa energia naturalmente.

A médica ainda revela que os homens dos milagres seriam doadores de energia, os supernormais. Essas pessoas ultrapassam a dimensão da consciência, atingindo a superconsciência.

Estamos prestes a presenciar o nascimento do homem do futuro, talvez um homem capaz de equilibrar a sua mente até mesmo em meio ao ambiente conturbado em que vivemos, onde o inconsciente seria o passado, o consciente é o presente e o superconsciente será o futuro.

Pessoas dotadas de superconsciência podem ser narcisistas, egocentricas ou concentradas em si mesmas, essas pessoas devem interagir com outras mentes, facilitando o processo de crescimento, ajuda mútua e a busca de si próprio(a), isso possibilitará o equilíbrio mental.

Fonte: Wikipedia

By Jânio

maio 29, 2011 Posted by | Ciências | , , , , , , | 12 Comentários

A guerra ao narcotráfico no Rio

 

violência

Guerra do Rio

Costuma-se dizer, entre os comentaristas e sociólogos, que a guerra travada entre a polícia e o narcotráfico não é o cartão postal que a cidade do Rio gostaria de divulgar.

Não são só as notícias ruins que espalham rápido, as imagens e vídeos também.

Sérgio Cabral será conhecido, pela história, como o homem que declarou querra ao tráfico de drogas. O Governador que conseguiu unir as polícias, apesar das denúncias constantes de corrupção, relacionadas ao quadro policial do país.

A criminalidade, assim como vários outros problemas, estão diretamente ligados a gestão pública.

É cansativo repetir sempre a mesma coisa, mas o que está efetivamente sendo feito, para que outras guerras não venham a ocorrer no futuro?

O mais assustador, quando assistimos essas imagens de guerrilha urbana, é imaginar que essa violência está se espalhando por todo o país. A violência do Rio já se tornou violência das regiões metropolitanas.

Uma organização que, segundo algumas notícias vindas do Paraguai e Colômbia, ultrapassaram fronteiras.

Evidentemente que não podemos criticar o Governador que mais combate o crime nas comunidades dos morros, mas sim o sistema. Tanto em São Paulo, quanto no Rio, nota-se que a violência está muito acima dos partidos.

Será que há interesses envolvidos à essas guerras? – …à julgar pela incompetência de nossos políticos, e pelas análises notadamente parciais de nossos jornalistas, nota-se que o problema não é só político.

Eu tenho notado que  a cada medida enérgica, por parte do sistema, o povo mais pobre sempre é o primeiro a sofrer as consequências. Foi assim no primeiro congelamento do Governo Sarney, Collor, Itamar, FHC e Lula.

Sempre houveram críticas da oposição, mas sempre ficou claro que essa era a maneira mais cômoda de governar.

Os arquivos secretos do Governo são capazes de assustar até o mais perigoso bandido do mundo.

Recentemente, alertamos para a falta de controle de armas da própria polícia, um problema crônico, onde a arma é fornecida pelos policiais corruptos, e recuperada pela própria polícia, durante a prisão do marginal, voltando a se tornar mercadoria a ser comercializada.

A corrupção no Brasil pode ser medida pelo impostômetro, o maior símbolo da vergonha nacional. A conclusão é de fácil assimilação: Quanto mais impostos, mais corruptos.

Não há nenhum plano de redução de impostos, nunca houve, o que prova que a corrupção está acima dos partidos, está nas mãos dos coronéis da política e das mídias de massa,  aliados dos banqueiros e empresários, patrões dos políticos corruptos.

A saída passa pelas alternativas oferecidas pelas eleições, a pergunta que sempre fica é: Quais são as chances dos pequenos partidos, e quais as possibilidades de governabilidade?

Movimentos populares, como o Ficha Limpa, podem ser um bom começo, mas não a solução.

Quanto menos corruptos na política, menor a possibilidade de manipulação, menor a força da máfia.

Eu não participei do Ficha Limpa, simplesmente porque não acreditava  que poderia resultar em bons resultados, já que os grandes políticos, e envolvidos em esquemas de manipulação, raramente são detectados pela justiça.

Apesar disso, todos nós notamos que o Ficha Limpa funcionou, e foi apenas a ponta do iceberg, muitos políticos cairam, não pelo Ficha limpa, mas por vontade do próprio povo. Se a memória do povo era curta, com a ajuda da internet, ela se refrescou.

Tentaram inclusive criar projetos para controlar a informação na rede, além de descobrirem que é impossível esse tipo de controle, descobriram também que os internautas são muito mais informados que eles pensavam.

Essa guerra no Rio, não deverá solucionar os problemas da Cidade Maravilhosa, muito menos do país inteiro. A solução é muito mais complexa, principalmente quando falta boa vontade.

Muita gente morrerá, chegando ao ponto de os próprios traficantes  incitarem essa violência, já que normalmente é a polícia que começa o barulho.  Pode ser que a logística sofisticada, dos poderosos traficantes, já tenha detectado os benefícios dessas guerras tolas e inglórias.

Quanto menos traficante vivo, maior o lucro, já que acabar com o tráfico é praticamente impossível. O tráfico é um reflexo de nosso sistema.

Como disse o grande filósofo Geraldo Alckmin: “Durante os ataques do PCC, foi a época em que se registrou o menor índice de criminalidade em São Paulo”.

A organização do crime, ironicamente, impossibilita que todos os marginais pratiquem o crime em seu território, já que o policiamento nunca será suficiente para conter a criminalidade.

A “PPP” continuará o seu joguinho sujo pelo poder, enquanto isso, o povo assiste a tudo sem poder participar, a não ser em época de eleições.

Muitos políticos “sujos” caíram, muitos ainda haverão de cair, desde que o povo veja o lado bom de seu voto, deixando muitos políticos veteranos sem mandato.

https://icommercepage.wordpress.com/2009/10/20/violencia-do-rio-vista-de-fora/

https://icommercepage.wordpress.com/2010/09/15/a-crise-da-ppp/
By Jânio

novembro 28, 2010 Posted by | divulgação gratis | , , , , , , , , , , | 8 Comentários

Como surgiu o blog

conhecimento e pensamento

Futuro da Informação

Tecnicamente, o blog, contração do termo Web Log, que por sua vez significa diário virtual, é uma evolução dos antigos diários. Em países da Europa, os diários ainda são muito comuns, como na França, onde há muitos “Semanários”.

Na prática, eu vejo muito mais que isso. Vejo toda os sistemas de internet evoluindo constantemente, rumo à “Xanadu”, de Ted Nelson, o grande inspirador da internet.

Essa evolução de todos os sistemas numa só direção, não era exatamente o desejo dos Web Masters, mas é um processo irreversível. Qualquer pessoa pode criar um blog automaticamente, ter seu espaço com direitos autorais, mas seguindo as leis que regem outros meios de comunicação.

Além dos diários virtuais, haviam também os sites prontos, onde a pessoa montava seu site a seu gosto, exatamente como os blogs. Na minha modesta opinião, esse foi o principal motivo da profissionalização dos blogs.

Assim como os blogs, esses sites “pré-montados”, tipo “geocities”, permitiam a criação, usando principalmente o html. Para quem não conhecia o html, havia a possibilidade da utilização de templates prontas, montando automaticamente o site a partir de uma plataforma.

Outro elemento que eu destaco, seria os antigos fóruns, os blogs são muito utilizados com a função dos fóruns, para que se possa discutir temas institucionais.

O sistema de comentários, criado pelos hackers (favor não confundir com crackers, nem lammers) foi um dos grandes motivos do crescimento do uso de blogs, até jornalistas renomados, escritores, analistas e críticos especializados, aderiram a essa ferramenta. Houve um novo passo, via Web 2.0, que pode até indicar novos rumos para o blog, o chamado microblog, mas, ao que tudo indica, o microblog deverá ser mais uma, entre várias ferramentas que interagem com os blogs.

O que me leva a acreditar que o blog veio para ficar, é o fato de estarem ligados a noventa por cento de toda a internet, via web 2.0, além disso, o processo de permalinks, ou urls permanentes, o que transforma cada post em uma página exclusiva, possibilitando o acesso a conteúdos antigos de um blog, apontam para um investimento de conteúdos a longo prazo.

Facilidades de edição e profissionais dispostos a criar inúmeras ferramentas interativas, criando uma verdadeira revolução em termos de comunicação, são outro indicador de que a blogosfera deverá ter vida longa.

O blog, a meu ver, foi a primeira ferramenta para “amadores” em programação a atrair os “profissionais” da área, obrigados a aderir a essa ferramenta devido a facilidades de interação com outros grandes sites.

Em grandes plataformas para blogs, pode-se incluir textos, imagens, vídeos ou músicas, esse conteúdo será de propriedade do autor do blog, mas poderá ser organizado, indexado, agregado e/ou lincado por terceiros, otimizando ainda mais a internet.

WIKIPEDIA: “O termo “weblog” foi criado por Jorn Barger em 17 de Dezembro de 1997. A abreviação “blog”, por sua vez, foi criada por Peter Merholz, que, de brincadeira, desmembrou a palavra weblog para formar a frase we blog (“nós blogamos”) na barra lateral de seu blog Peterme.com, em abril ou maio de 1999. Pouco depois, Evan Williams do Pyra Labs usou “blog” tanto como substantivo quanto verbo (“to blog” ou “blogar”, significando “editar ou postar em um weblog”), aplicando a palavra “blogger” em conjunção com o serviço Blogger, da Pyra Labs, o que levou à popularização dos termos.

No dia 31 de agosto, comemora-se o Dia do Blog (devido a semelhança da data 31.08 com a palavra blog, onde 3 seria um B, o 1 seria um éle, zero seria um o e o oito seria um g), que se propõe a promover a descoberta de novos blogues e de novos blogueiros.

A blogosfera, termo que representa o mundo dos blogs, ou os blogs como uma comunidade ou rede social, cresceu em ritmo espantoso. Em 1999 o número de blogs era estimado em menos de 50; no final de 2000, a estimativa era de poucos milhares. Menos de três anos depois, os números saltaram para algo em torno de 2,5 a 4 milhões. Atualmente existem cerca de 112 milhões de blogs e cerca de 120 mil são criados diariamente, de acordo com o estudo State of Blogosphere.”

Os blogs são, ao lado dos miniblogs e dos sites de compartilhamentos, as maiores fontes de conteúdo da internet.

Como surgiu a internet

Quando surgiu a Google

Como surgiu a twitter

A história da Wikileaks

By Jânio

setembro 25, 2010 Posted by | blogosfera | , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | 23 Comentários

Brasil – Um povo dividido entre o presente e o passado

O que deu errado

Homem Chave

Esse tema já virou clichê, aqui no madeinblog/icommercepage, eu não quero esquecer de como funciona a sociedade brasileira, nem de como somos enganados.

Estamos sempre a procura do maior, ao invés do melhor, esse sentimento tem sido muito utilizado pelos institutos de pesquisas, principalmente no caso de intenção de voto.

Esse é um sentimento que vem do tempo da Monarquia, passando pela Proclamação da República, Regime militar, e até pelo movimento de Diretas Já.

Com sistemas de controle favoráveis para si, a classe média alta se tornou preguiçosa e irresponsável, em relação ao social. Não podemos, de maneira alguma, achar que o sistema é dispensável, isso seria utopia anarquista.

Quando se trata de anarquismo, eu sei do que eu estou falando, de certa forma eu sempre tive uma certa tendência ao anarquismo, nunca segui esses pensamentos porque assim não seria anarquismo.

“Se hay gobierno, yo soy contra” – Você faz ideia de quem disse essa frase? – Além dele, só o Mestre, Jesus, foi mais revolucionário.

A questão básica é: Um povo não pode se prostituir diante de sua própria sociedade ou ideologia, esse povo precisa se dar o valor, através do qual o sistema decidirá o que nós merecemos.

Nós nunca nos mobilizamos para nos dar o valor; quando isso ocorreu, ocorreu de forma errada, ou seja, fomos manipulados pelo sistema elitizado, quando nosso objetivo deveria ser uma mobilização contra o próprio sistema. Essas mobilizações, em prol do sistema,  ao invés de aumentar o nosso valor em relação a ele, diminuiu.

Não é difícil saber onde estão localizadas as principais peças dessa engrenagem, local onde deverá ser feito o ajuste; também não é preciso guerra ou revoluções, as guerras implicam em decisões arbitrárias, portanto elitista.  Mudanças radicais, sem a identificação do povo, nunca poderão se sustentar; a satisfação do povo sempre deverá ser o objetivo final.

Quem matou Jesus? – As instituições  costumam afirmar que quem matou Jesus foi o povo, na realidade, essas instituições transferem para o povo a sua própria responsabilidade. O povo, de fato, eram aquelas pessoas que o seguiam, as pessoas que abandonavam a produção de seu próprio alimento de sobrevivência, para ouvirem as verdades proferidas pela boca daquele homem santo.

A elite tem escolhido o sistema de governo que é melhor para o povo; desde o seu descobrimento, o Brasil nunca mudou, na área política.

Durante muito tempo, foi bom para as classes dominantes, viver como colônias, sob o poder paternal do governo Português. Passados séculos, esse sistema deixou de agradar às classes poderosas da colônia, foi proclamada a Independência.

A independência, de fato, não ocorreu, foi apenas uma forma de acalmar o manipulado povo brasileiro.

O sentimento de independência, criado pela elite, foi vencido pela demagogia da monarquia, assim o poder se sustentou por mais algum tempo.

Não satisfeita com o processo de transferência de poder, dentro da família real, a elite conspirou novamente, criando o sentimento de República. Foi proclamada então a República Federativa “Militar” do Brasil.

Desde então convivemos entre a Democracia e o Regime Militar, entre as mudanças manipuladas e os interesses elitistas.

O último período de Regime Militar, a que fomos submetidos, parecia interminável, e seria se o poder conseguisse se sustentar por mais tempo, atendendo aos interesses das classes médias altas.

As peças a serem ajustadas, dentro do sistema, são as mídias de massa. São essas instituições que criam as suas próprias verdades, são essas instituições que precisam ser controladas, e criticadas, por terem o poder de controlar as massas.

Não confunda o poder de controle e manipulação, com o processo de formação de opinião pública, esse último é inteligente, dinâmico e possui uma capacidade considerável de autocrítica, acompanhando suas doutrinas. Na formação de opinião pública, a lógica e todas as ideias que seguem nessa mesma direção, são agregadas, inclusive com a capacidade de redirecionar a linha matriz desse pensamento.

A partir do momento em que o Regime Militar não conseguiu se sustentar, fez se necessário a criação, através das mídias de massa, de um novo sentimento para o povo, as Diretas Já.

O movimento das Diretas Já, foi um sucesso, mas o seu processo, em si, foi um fracasso.

Articulado por um homem considerado mestre na arte da política, ele conseguiu quase unanimidade, conseguiu até convencer o Governo Militar que o seu partido teria chance. Segundo as más línguas, teria pago para alguns políticos votarem contra, criando um ambiente de competitividade.

Depois da vitória massacrante, esse homem, chamado Tancredo Neves, morreu sem tomar posse. Esse foi apenas o início de um processo, desencadeado por sua morte.

Seu vice, todos nós sabemos, bebeu da fonte da ditatura durante muito tempo, antes disso, e depois disso também, ele mostrou uma habilidade incrível de mudar de lado. Essa capacidade de mudar de lado, dos políticos brasileiros, deixa-me em dúvida sobre a real ideologia deles.

Em todos os países do mundo, a ideologia de esquerda é relacionada com os partidos populares, socialistas, etc.  A ordem dos fatores é clara, são simpatizantes dos democratas americanos, sem necessariamente serem democratas; se houvesse uma disputa entre os democratas e um terceiro partido socialista ou trabalhador, os democratas perderiam a preferência, esse é o conceito de esquerda.

No Brasil, isso até funciona parcialmente, ou hipocritamente. Todos os partidos socialistas e trabalhistas, com exceção do PDT, tendem a apoiar o PT. O PT é o partido de esquerda, e o fato de ele estar no poder não muda isso, sua formação é socialista – ou deveria ser.

Se o PT é um partido de esquerda, o que José Sarney faz no governo. Aqui começa a grande confusão chamada bipartidarismo, em outras palavras, um bolo repartido ao meio, sem a participação do povo.

A lei da governabilidade, em sistemas bipartidários, é cruel.

Quando se especulou que o PSDB poderia se aliar ao PT, em seu fim de mandato, isso se deveu ao fato de o PT ter uma tendência anarquista, ou seja, contra tudo.  FHC ajudou nessa especulação, afinal de contas, ele foi uma peça fundamental, talvez até contra sua própria vontade, ao dizer: “Se Lula ganhar o Brasil não vai quebrar, isso é coisa de estrangeiros que querem mandar no país.”

O que se sabe, é que entre as poucas operações da Polícia Federal, autorizadas pelo Governo FHC, houve uma que chamou a atenção, foi a apreensão de uma fortuna, não declarada, na casa da família Sarney antes da possível candidatura de sua filha. Isso tornou impossível a convivência do PMDB e PSDB do mesmo lado do bolo.

O primeiro Presidente a desafiar o sistema internacional foi o próprio Sarney. Ele tirou das mãos do Regime Militar a dura tarefa de dar o calote na dívida, além da dura missão de realizar algumas mudanças que o desgastado Regime Militar não poderia realizar. Mais uma vez o povo foi enganado, foi o próprio Regime Militar quem apoiou o Governo de Sarney, ninguém poderia dar o calote na dívida externa e criar um congelamento em fase de transição política, sem o apoio militar.

O governo seguinte, de Fernando Collor, tinha tudo para dar certo, tinha até um  perfil presidencialista linha dura. O grande problema é que ele não tinha um grande partido, não tinha apoio; a corrupção foi a alternativa para convencer políticos a aderirem a causa, tudo deu certo, pelo menos por algum tempo.

Quando Collor criou medidas protegendo os pobres, expondo a classe média alta aos efeitos devastadores do sistema, aqui, ele cometeu o primeiro erro. Não se pode atacar a classe média alta, usando uma instituição dominada por ela, como é o caso da política.

A partir daí, todos os crimes do submundo da política estavam prestes a serem expostos. Todos nós sabemos que não é possível resolver todos os problemas de corrupção, num país como o Brasil.

Era preciso um testa de ferro, alguém para responder por todos os corruptos, esse alguém foi PC Farias. Tudo teria se resolvido, se PC tivesse aceitado a dura missão; acho que na confusão, alguém esqueceu de avisá-lo.

“Todos vocês que me acusam são hipócritas”, isso soou como, todos vocês receberam dinheiro. Uma regra básica, no Brasil é: “Não ameace, denuncie!” PC cometeu esse erro, pagou caro.

Quando FHC diz que o mensalão foi pior que o Esquema de PC, isso está certo, até porque foi ele mesmo que não deixou a Polícia Federal trabalhar, durante todo o seu mandato.

Itamar Franco foi o vice  de collor, isso não foi muito bom para a sua carreira política. Durante o seu mandato trocou muitas vezes de Ministro até chegar a FHC, um político com passado socialista e que conhece muito bem os dois lados, esquerda e direita.

FHC controlou a economia, pelo menos até o final de seu mandato, foi aí, que mesmo contra a sua vontade, disse que Lula não quebraria o Brasil; Na verdade quem não quebraria o Brasil era a especulação, caso ele  agisse rápido.

Assim, a classe média alta perdeu uma grande oportunidade de se unir a classe operária, perdendo seu espaço para o clube fechado da política.

Com a vitória do PT, não houve nenhuma novidade, em relação aos governos socialistas, exceto pelo mensalão. Todo mundo ficou surpreso com o mensalão, mas há quem tenha dito: “Vocês não sabiam? – Sempre houve um caixa dois – Como vocês acham que esses megashows são pagos? – nós apenas demos maior transparência a esse processo.” 

Agora, como sempre, o passado e o presente conspiram para que o povo não tenha um futuro. É Bom que se diga: “Sempre haverá um amanhã, o problema é que, no Brasil, isso só ocorre de trinta em trinta anos.”

O brasileiro tem medo de mudanças, mesmo sabendo que elas são inevitáveis. Sabendo disso, os políticos fazem a sua parte, atendendo o desejo do povo, de sempre manter tudo do jeito que está.

By Jânio

julho 19, 2010 Posted by | Política | , , , , , , , , , , , , , , , , , , | 16 Comentários

Quem será o vice do PSDB

qual é o seu

Incerto mais Certo

O vice da chapa da candidata à presidência da República, do PT, nós já sabemos, será Michel Temer, mostrando que apesar da falta de credibilidade de fatos ligados a boataria, vale o velho ditado: “Onde há fumaça, há fogo.”

Como eu já falei em outros blogs, a indicação de Michel Temer acerta dois coelhos:

Primeiro: Resolve o problema do Próprio PT que precisa mais de um vice representativo, e de liderança, do que uma pessoa popular.

Segundo: Resolve um problema do PMDB, um partido que já anda dividido, uma parte apoiando o governo e a outra a oposição, uma incoerência no âmbito político.

Com essa escolha, o PT conseguiu uma estratégia perfeita, pelo menos em termos políticos. Agora eles só precisam torcer pela saúde de Dilma, para que ela não morra de crime passional ou de problemas do coração, mantendo a tradição e a maldição dos vices no país.

E o azarão José Serra? – quem será o seu vice? – Como sempre, o complexo de Barrichello segue ao seu lado, o PSDB já demorou para declará-lo como seu candidato, feito isso, agora é o vice que fica na poeira do PT; como se não bastasse, ainda tem a boataria que Aécio não gostaria de ser seu vice, deixando no ar: “Onde há fumaça, há fogo.”

No caso de boatos, em se tratando de política, só há uma maneira de vencê-los, assumindo uma postura firme e consciente, o PT é especialista nisso.

Foi com essa postura que o PT venceu os especuladores, atuantes no câmbio; foi com essa postura que o PT assumiu várias derrotas, quanto ao aumento de salários, pagamento de décimo terceiros e outras derrotas.

O PSDB deveria saber que brigar com o governo, em época de eleições, é pura perda de tempo. A melhor maneira de vencer um partido de governo, em época de eleições, é desacreditá-lo, mostrar seus podres, seus candidatos suspeitos, desde que seu teto não seja de vidro.

Muito se disse sobre o PT ter criado uma imagem de partido sem corrupção, coisa que os outros partidos não tinham, isso foi muito evidenciado na época do mensalão. O PSDB parecia não ter o teto de vidro, mas o ex-presidente do PSDB de Minas mostrou que havia uma telha quebrada, bastou essa telha para mostrar que, na política, não interessa quem está certo, é tudo uma luta pelo poder.

O PSDB baixou a bola e o “mensalão” acabou como se nunca tivesse existido, só Arthur Virgílio e Jefferson Peres mantiveram suas posturas firmes. O cartão corporativo de Arthur virgílio sepultou de vez o líder de oposição, enquanto Jefferson Peres teve a conta do funeral paga com verbas ilegais; quis o destino que o homem mais “acima de qualquer suspeita” fosse envolvido em corrupção, mesmo depois de morto, mantendo uma unanimidade na política, que além de burra é corrupta.

Se Aécio Neves for forçado a ser vice, ao que parece ele queria ser candidato à Presidente, pode ser que o próprio estado de Minas seja contra, como já se vê nas pesquisas para Governador, onde Hélio Costa (PMDB) Aparece isolado.

O mais curioso é que José Serra não queria ser candidato a Presidente, pelo menos segundo a boataria, ele sabia que era mais garantido como Governador de São Paulo, onde nem o antipático Kassab (nada contra a pessoa) foi suficiente para queimá-lo. O que aconteceu é que, depois da queda da ala de Alkimin, a ala de Serra ganhou força, politicamente ele está forte.

Dilma também está forte, depois de José Dirceu, ela é a pessoa mais forte do Governo. Como eu não canso de lembrar, José Dirceu é mais forte fora do Governo do que dentro.

Passamos por um momento interessante a ser analisado, quando Lula ganhou, muita gente votou nele, mesmo com medo, o próprio então Presidente FHC disse que o Brasil não quebraria se ele ganhasse, contrariando a especulação que não lhe deu trégua até o último dia.

Observação: A maioria dos especuladores era da direita. Lula venceu pela rejeição ao governo FHC, onde o salário subiu até 100 dólares, voltando aos mesmos 60 dólares do início de seu primeiro mandato, hoje está em quase 500 dólares. É o custo de vida que preocupa agora.

Nesse momento, dizem que as pesquisas estão equivocadas, segundo ela lula tem uma grande aprovação, talvez até maior do que em seu início de Governo, o que, teoricamente, elegeria qualquer indicado seu, até Dilma Rousseff.

Por outro lado, Dilma Rousseff é dez vezes mais radical que Lula, Dilma não foi “Criada” em laboratório como Lula, pelo contrário, ela escolheu ser, assim como José Dirceu, Genoíno, Gabeira, FHC, José Serra e tantos outros.

Como podemos ver, a disputa será entre socialistas, opositores do regime militar, com um pequeno detalhe, Dilma usou as armas, literalmente, mesmo que ela e Gabeira neguem isso.

Esse é um bom motivo para os capitalista e especuladores terem muito medo nas eleições, medo de Serra e dez vezes mais medo de Dilma.

Estamos em um período que lembra muito o Império Romano, onde o povo é sempre o último a saber.

By Jânio

maio 20, 2010 Posted by | Política | , , , , , , , , , , | 2 Comentários

O que acontecerá após a crise européia

Um homem influente

A origem da crise

Aqui no Brasil, não se fala muito em crise, porque sempre vivemos em crise. Hoje, mesmo sendo um país emergente, temos um IDH baixo e um dos piores sistemas de apoio aos novos pequenos investimentos do mundo.

A Europa vive um dos piores momentos de sua história, para quem conhece um pouco de história, sabe que toda a economia européia está interligada, se há instabilidade numa região, todos os países são afetados. A ajuda das instituições internacionais sempre chega tarde demais.

A França, pelas últimas notícias, sofreu a maior queda do PIB desde a segunda guerra mundial e sem o protecionismo, em era de globalização, a Europa não tem mais onde se segurar: Portugal, Espanha e Grécia, todos estão na rota do furacão econômico, mas como se chegou a isso.

Vivemos em época onde o Marketing é fundamental para toda a economia. Depois das guerras imperialistas e do período de guerras frias, agora entramos numa época em que é proibido brigar, é tudo estratégia, exceto os Estados Unidos, eles passam por cima de tudo, são capazes de morrer em guerra alheia, só para defender a estabilidade, interesse e poder econômico dos EUA.

Depois do fim da U.R.S.S, União das Repúblicas Socialistas Soviéticas, e o fim da utopia comunista, um perigo muito maior atacou o sistema capitalista ocidental, um furacão chamado China.

A china é um país preto no branco, literalmente, onde o capitalismo convive com o comunismo, a tradição com a tecnologia, a riqueza com a miséria e a justiça rígida com a marginalidade gerada pela falta de estrutura.

Um dos primeiros países europeus a sentir o poderio econômico da China, foi a Alemanha. A outrora nação rainha das empresas impecáveis por excelência, não suportou a concorrência da indústria asiática, e não era só a China. A China era só um país do futuro, com um ambiente propício para uma ditadura econômica, com mão-de-obra escrava e uma ajudinha da globalização.

Nessa guerra moderna, a miséria e os sistemas escravista de países emergentes, podem matar mais do que mil guerras, e o processo está só no início. A liberdade de mercado que culminou com a globalização, sofre seu maior impacto.

Até o ataque de 11 de setembro levantou suspeitas: Se Osama Bin Laden é, realmente, um mercenário, deve trabalhar para os mais ricos – Quem são os mais ricos? – Será que ele não fazia parte de uma conspiração, para frear a globalização, quando planejou um ataque em massa nos Estados Unidos?

Muita gente diz que a Guerra do Iraque e do Afeganistão foi apenas para encobrir os rombos que vinham sendo criados nas contas das instituições americanas.

Como a Guerra escreve errado pelas linhas certas, a pressão desencadeada pelo ataque de 11 de setembro, no mundo inteiro, sobrou até para Paulo Maluf, que agora vai ter que esperar a coisa esfriar para mexer nos milhões e milhões que ele certamente enviou para o exterior.

A pressão criada pelo ataque do dia onze de setembro, fez com que os países agissem depressa, sob pena de ficarem na mira dos americanos, mais temidos que os próprios terroristas, pelo menos pelos corruptos; eu, particularmente, acho que o Brasil tem muito mais corruptos, pegar o maluf foi discriminação.

Agora, eu tenho duas notícias para os europeus:

A notícia boa, é que, certamente, eles sairão das crise, o mercado tenderá a se adaptar a essa nova situação, voltanto a uma rota de crescimento do PIB.

A má notícia, é que haverá muita miséria, queda do IDH, um retrocesso no tempo da idade média e dos grandes senhores ricos, contrastando com uma imensa população de pessoas pobres, sem esperança de futuro, sem meios para se defender, sem nada, como no Brasil.

Obs: A teoria de conspiração não reflete necessariamente a opinião do autor, é apenas um exercício de reflexão, para que não se engula, ou digira, como diz nosso “querido” senador Fernando Collor, o que é divulgado pela mídia.

By Jânio

abril 30, 2010 Posted by | Reflexões | , , , , , , , | 7 Comentários

O futuro da indústria de entretenimento

futuro multimídia

a era streaming

O tempo passa, mas algumas coisas não mudam nunca. Recentemente, vi um artista falando: “Nós sabemos que temos que oferecer música gratuita, na internet, para quem não pode comprar, só não sabemos como o artista vai ganhar dinheiro para sobreviver.”

É triste ver um músico tão jovem como aquele, sem nenhuma noção básica de tecnologia, com o sangue capitalista fervendo nas veias. Suas palavras passam a idéia de que ele não tem acompanhado as tendências de mercado, as vantagens que há por trás disso.

O interessante é que isso acontece mais com as estrelas que estão começando. Os artistas mais famosos, deveriam reclamar, e reclamam, mas alguns sabem muito bem como a tecnologia caminha.

O cantor Lobão não via a internet como uma ameaça ao artista, ele sabia, muito bem, que cada cantor só recebia, na época, um real pelos direitos, enquanto um cd  de sucesso custava, em média, de 30 a 80 reais. Isso deu origem a uma pirataria muito grande, diminuindo a qualidade do produto.

A polícia usava frases hipócritas do tipo: “Cd pirata não tem qualidade, pode estragar seu computador, além de ser um produto de péssima qualidade.”

Primeiro temos que lembrar que produto pirata é diferente de falsificação.

Um cantor internacional tentou fazer uma brincadeira, espalhou um cd seu, gratuitamente, mas o cd era apenas um demo, acompanhado de propaganda. Os protestos foram tão grande, que ele teve que pedir desculpas pela brincadeira.

Um amigo meu chegou a dizer que o cd e dvd pirata deve ser usado em  tocadores de cd e dvd piratas, assim fica tudo certo.

O cantor Lobão foi pioneiro em disponibilizar suas músicas na internet, gratuitamente. Segundo ele, essa era a melhor forma de combater a máfia da indústria fonográfica que pagava apenas um real ao artista.

Zezé de Camargo, cantor sertanejo, achava que não se deveria comprar produtos piratas, isso porque essa indústria era comandada por bandidos, traficantes e outros tipos de criminosos. Seu conselho, para quem não podia comprar, era que se copiasse do cd do amigo, sem comprar produto pirata.

Hoje, temos a internet com sistemas especializados em downloads. Primeiro a pessoa faz o upload de um arquivo de música para um disco virtual, o Rapidshare é o favorito, a partir daí, é só espalhar a url, do arquivo, para todos baixarem.

Foi assim que começaram os perigos, mais de noventa por cento dos sites de downloads, ao invés de downloads, ofereciam vírus para os usuários, ninguém sabia no que estava clicando, uma verdadeira teoria da conspiração daqueles que dominam o mundo.

Surgiram então os buscadores inteligentes de mídia, músicas e filmes, da internet. O processo é simples, esses buscadores rastreiam as urls dos arquivos de mídia, através do código fonte do próprio site, e retorna todas as urls de sites como Rapidshare, megauploads e outros discos virtuais. O Filestube, por exemplo, alem de mostrar o tamanho dos arquivos, o endereço, ainda dá os devidos créditos ao site que está disponibilizando o arquivo, além de relacionar todos os arquivos parecidos ao buscado.

O problema ainda continua, como o artista vai sobreviver? – e é o mesmo cantor Zezé de camargo quem responde a pergunta: “O nosso maior lucro não vem dos discos, vem dos shows.”

Essa é a hora da verdade, os cds e dvds deixam de ser um produto visando lucro, para se tornar um produto de marketing, de divulgação. Quem não tiver capacidade de fazer um show ao vivo, nem precisa querer gravar um disco, pensando em enganar o consumidor, com as tecnologias modernas, já que não dará lucro algum.

Qualquer pessoa pode gravar um cd ou dvd hoje em dia, divulgar na internet, de acordo com a aceitação, ganhar dinheiro com shows e apresentações, ao vivo, em eventos diversos.

Quanto aos filmes? – Funcionará da mesma maneira, em parceria com tvs, e, em último caso, o artista ganhará fama, e poderá vir a ser um grande empreendedor do teatro, com fazem os cantores e outros artistas. O futuro da indústria de entretenimento está bem clara, qualquer cantorzinho barato que tentar enganar o consumidor, não conseguir provar ao vivo, está fadado ao fracasso.

Os sites de música, via streaming, onde a pessoa pode ouvir a música, sem baixar, ou, como o youtube, assistir, fecham esse processo divulgação multimídia moderno.

Leia mais:

https://icommercepage.wordpress.com/2009/05/30/buscadores-de-musicas-e-videos/

https://icommercepage.wordpress.com/2009/10/22/os-dez-melhores-sites-de-musicas-da-internet/

By Jânio.

janeiro 9, 2010 Posted by | Reflexões | , , , , , , , , , , , | 6 Comentários

O homem mais importante do mundo

o homem mais importante

o homem mais importante

O Presidente Lula “do Brasil” conseguiu conquistar muito mais do que sonhou, em toda a sua vida.

Enquanto ele liderava as greves, assustava os empresários, em busca de melhores salários, os brasileiros nem de longe imaginariam que, um dia, o Presidente estaria do outro lado.

Seus feitos são suficientes para que não seja esquecido tão cedo, independentemente do julgamento a respeito de seu governo no Brasil.

Todos nós sabemos do prestígio de FHC, fora do país, em seu governo, o que ninguém poderia imaginar é que  Lula faria melhor. Uma das piadas mais cruéis contra a Argentina, hoje, é o fato de Lula ser mais popular na Argentina que a própria Presidenta.

Depois que o Presidente  conseguiu sair da crise, despertou a inveja do ex-presidente do Brasil, que o acusou de copiar seu plano de Governo. A maior façanha de FHC, foi justamente no plano econômico, além de lançar algumas farpas aos países desenvolvidos, como foi o apoio ao ministro José Serra, na quebra de patentes de remédios, onde vidas estavam em riscos, além de preços exorbitantes.

Agora sabemos que as maiores conquistas de Lula estavam para vir, fora do setor econômico, apesar do setor econômico ter ajudado muito nas conquistas.

Na medida em que o dólar caiu, prejudicando as exportações, as exportações passaram a ser o menor problema do presidente, já que o país passou a atrair capital estrangeiro, sendo a economia mais blindada do planeta, com altíssimos impostos e pouco retorno em infra-estrutura.

Graças a isso, foi fácil aumentar as reservas; muita gente que achava que a queda do dólar era passageira, se decepcionou. A dívida externa foi trocada pela dívida interna, onde a dívida pública aumentou ainda mais do que era, por outro lado o Brasil pagou a dívida externa.

O aumento das reservas, combinado com o pagamento da dívida externa, aumentou o prestígio do Presidente lá fora. O prestígio culminou quando o Presidente ofereceu a bagatela de vinte e cinco bilhões de dólares, para ter as olimpíadas de 2.016.

Muita gente criticou, aquilo que deveria ser o motivo de orgulho para qualquer país do mundo; criticaram a escolha do Rio, pela sua violência urbana. O que ninguém notou, é que os Jogos Panamericanos foram um teste prévio para essa escolha

Antes disso, o Presidente Lula já havia conseguido outra grande vitória, a Copa de 2.014, mas as olimpíadas foi o seu maior êxito.

O sétimo filho, de um casal pobre e analfabeto, não tem vergonha de suas origens, também sabe, exatamente, onde é o seu lugar, sabe o que sabe fazer melhor: falar, convencer, relacionar-se. Coisa de brasileiro mesmo.

A falta de respeito, de alguns jornalista, que insistiram em chamar a maior autoridade do país de analfabeto, custou caro, hoje o jornalista não tem obrigatoriedade de ter diploma, um presente para os blogueiros que passaram a ser jornalista, da noite para o dia.

O Presitente acertou dois coelhos, agradou uma comunidade enorme de escritores, jornalistas, blogueiros, letrados e outros tantos, que não possuíam diploma, além de aumentar o direito da liberdade de imprensa.

Os próximos desafios do Presidente já estão ganhos, ele pode não conseguir o melhor acordo para controle do clima, mas é, segundo a crítica internacional, a pessoa indicada, não só estrategicamente, como o mais competente para isso também.

Sua popularidade, no Brasil, ultrapassa os 80%, o que mostra a vantagem de sua candidata às eleições de 2.010.

Nem mesmo a brincadeira  de mal gosto, na  armadilha criada pelo Presidente da Venezuela, criando uma crise internacional, foi suficiente para diminuir seu prestígio.

Durante esses dois mandatos, eu pude presenciar vários feitos da equipe do governo, todos eles são em caráter imprevisíveis, o que assusta e desarticula a oposição ao governo, que não consegue se posicionar.

O ex-ministro Antônio Palocci se revelou um gênio, no início do Governo, virou alvo da oposição, que julgava ser a forma de derrubar o Governo, estavam errados. Palocci foi substituído, a economia não mudou nada, mostrando que a microeconomia é mais complexa que a macro.

O PT perdeu sua  inocência, ao defender Sarney, perdendo vários de seus membros, quando nem o homem forte do PT, José Dirceu, resistiu à degola. Isso assustou o Brasil que descobriu, da pior maneira, que a queda de barões da política como Maluf, ACM e o próprio Dirceu, só fez aumentar o poder de José Sarney.

Como visto no texto acima, o Presidente está certo, se ele está certo, quem está errado? – Nós.

Parece que o povo precisa mudar a maneira de pensar, precisa parar de olhar para o próprio nariz e se unir, não em torno de seus próprios interesses, mas do interesse comum da nação. os problemas são claros, impostos caros, o que aumenta a corrupção, principalmente daqueles que não pagam.

A corrupção é justamente o segundo maior problema, é preciso acabar com a corrupção, para que acabem os desvios de verbas de projetos ligados a infra-estrutura, além de sua própria manutenção.

Só depois disso é que poderemos pensar em mudar nossa vida, para melhor, com melhores hospitais, escolas, penitenciárias e salários.

Para isso, a classe média alta vai ter que conquistar os pobres, precisaremos nos unir, acabar com os conflitos de classes, iniciar novamente a formação de opinião pública.

Para conseguir isso, precisamos acabar com a fome e as injustiças sociais, sem isso, ninguém ouvirá o que temos a dizer, sem isso continuaremos a ser um país do terceiro mundo, o mais rico país do terceiro mundo.

Hoje, o Brasil é o país mais importante do mundo, o país que deverá decidir o futuro da humanidade. Na frente de todos, está o Presidente lula, para bem ou para mal ele é a pessoa mais importante do mundo, para decidir o futuro do Brasil, para decidir o futuro da humanidade.

By Jânio.

dezembro 12, 2009 Posted by | Política | , , , , , , , | 33 Comentários

A evolução do homem

o coração e a razão

Até a idade medieval, acreditava-se que o coração era a parte mais importante do corpo; na realidade, até hoje, muita gente  acredita nisso.

Conta-se a lenda, que durante a execução de um condenado, pelas leis da época, ele aceitou a missão de esclarecer a dúvida que até então reinava na ciência.

No momento em que fosse guilhotinado, sua cabeça fosse separada do corpo, o condenado deveria piscar o olho, confirmando que o cérebro era mais importante que o coração. Poderíamos afirmar ser essa história fantasiosa, mas a julgar como aconteciam os fatos estarrecedores, naquela época, fruto da falta de informação das pessoas, o que levava a uma crendice sem precedentes, tudo era possível.

Uma coisa é certa, hoje, sabemos que o coração é um músculo, um dos órgãos vitais do corpo, de forma alguma poderia ser comparado com o cérebro.

Quando sentimos uma emoção forte, ou quando uma pessoa está apaixonada, o coração acelera, isso passa a sensação de ser o coração o órgão responsável pelas emoções, mas não é.

Os apaixonados ainda usam o coração como símbolo de sua emoção, mas  o significado já não é o mesmo.

O mais importante órgão do corpo humano é o cérebro, ele é responsável pelo controle de todo o corpo, também é o único insubstituível. Surgindo, daqui, uma nova expressão: “A química entre duas pessoas”.

De fato, a expressão não está tão fora de contexto assim, afinal, o corpo humano produz substâncias químicas diante de emoções. Evidentemente, todos os órgãos do corpo interagem diante de fortes emoções, cada um a sua maneira.

Acredita-se que cada emoção seja controlada por uma parte do cérebro, assim, a felicidade está relacionada ao coração, quando ele se acelera; a tristeza está relacionada ao pulmão, quando falta ar para respirar, diante de uma emoção muito forte.

Outros órgãos do corpo costumam  manifestar-se diante de situações ligadas a emoções. Cada pessoa dá a importância a determinado órgão, dependendo da emoção que lhe é mais importante.

O cérebro continua sendo uma grande incógnita. A maior delas é a suposição da existência da alma, de onde veio, para onde vai, influenciando, inclusive, no sentido da vida.

O cérebro humano, como podemos notar, pensa, mas, aí, suge a pergunta: e os animais, não pensam?

Os animais devem pensar, mas o fato de o pensamento dos animais ser menor, seu raciocínio ser mais curto, cria uma situação curiosa. Alguns animais, por terem uma história muito mais longa que a nossa, na Terra, conseguiram evoluir muito, mesmo “quase” sem pensar.

Através dos tempos, os animais pensaram trilhões e trilhões de vezes, com seu curto raciocínio, criando uma sequência lógica que os levaria a fazer coisas que homem algum imagina conseguir, cada animal tem uma especialidade própria.

O Homem, animal racional, supostamente, o animal que pensa, surpreendeu pela forma como dominou o mundo em tão curto espaço de tempo, desde seu aparecimento na Terra.

Seu raciocínio é quase perfeito, é longo, supostamente, pensa, o que é contestado pela filosofia, onde, segundo ela, nem todos pensam; poder pensar é diferente do ato em si.

Assim, o homem cria, frequentemente,  novas tecnologias, levando-o a presumir  que essas tecnologias são, de fato, a evolução, quando, na realidade, esse processo não passa de uma busca pela sobrevivência, de uma busca constante pela imortalidade do corpo, para, no fim das contas, descobrir que só a alma é imortal.

Quanto mais se estuda, mais se descobre a própria pequenez. Por mais que planetas sejam descobertos, a prova definitiva, que há vida fora da Terra, fica cada vez mais distante. Porque o anseio de se descobrir vida fora da terra?

Nosso planeta tem tudo o que nós precisamos, precisamos saber controlar nossos atos.

Pode ser que uma mudança climática venha a por fim a nossa existência na terra, pode ser que um vírus faça isso primeiro, deixando poucos sobreviventes, nos levando a regredir milhares de anos, isolados do mundo, iniciando novo processo de evolução, como aconteceu com os incas, egípcios, troianos…

Temos um grande cérebro, um raciocínio quase perfeito; só precisamos aprender a utilizá-lo, direcionar melhor nossos objetivos, sentir melhor os outros órgãos do corpo como: o coração, os pulmões, os rins, o baço …conhecer a nossa própria natureza.

By Jânio

novembro 21, 2009 Posted by | Reflexões | , , , , , , | 8 Comentários

O sonho brasileiro se torna realidade.

o Brasil dos sonhos

o Brasil dos sonhos

O funeral de Michael Jackson foi, como não poderia deixar de ser, o mais divulgado. Durante uma semana, foi o mais divulgado e o mais transmitido pela tv.

Durante as transmissões, ouvi a expressão “american dream came true”, o sonho americano se realizou. Isso fazia parte das várias homenagens recebidas por Michael, ao longo de sua carreira, incluindo celebridades e até Presidente da República.

Pelo menos em uma coisa somos parecidos com os americanos, na hora da morte, devemos ressaltar os bons momentos, as lições de vida, os exemplos que queremos divulgar aos nossos filhos.

Eu fiquei pensando em como a cultura americana é distinta da brasileira, eles sempre se lembram do “american dream”, como o grande objetivo a ser alcançado, a grande meta. Enquanto no Brasil, as pessoas tem vergonha de se assumirem ricas, chamar uma pessoa de rica, no Brasil, constitui uma grande falta de etiqueta. Nos Estados Unidos, é motivo de orgulho ser rico.

Mas, afinal de contas, qual é o sonho do brasileiro? – uma pergunta difícil de responder. Em minha infância, ir para o céu era nosso grande objetivo, até que eu descobri que para ir para o céu tínhamos que morrer primeiro, naquela idade eu morria de medo de morrer (desculpem-me o trocadilho infame), hoje nem tanto.

Na adolescência os sonhos passaram a ser outros, a religião deu lugar a rebeldia, a contestação e a ideologia, que continua até hoje comigo. Quem não tem ideologia, como disse o Antônio Regly, é um vira-lata, não cheira e nem fede. Uma pessoa pode ser má ou ser boa, nunca assumir papel de neutralidade perante a sociedade.

Eu tinha vários amigos que se reuniam em bares, sem minha presença, é claro, cujos sonhos era ver seu time campeão, o que era pouco para mim.

Nos bares, conviviam harmoniosamente: as prostitutas, estudantes, políticos, traficantes, profissionais liberais, comerciantes e todas as outras classes representativas da sociedade em que vivemos.

Era tudo muito harmonioso, com pequenos atritos naturais entre as classes. A vida continuava, enquanto cenas de suas vidas passavam em suas mentes, embriagadas pelo álcool, se esquecendo de seus verdadeiros sonhos.

Fora dali, muitos pensávam, falavam, articulavam, na maioria das vezes voltados para seus próprios interesses. A única certeza é a de que não ficaria nada para seus descendente, nem mesmo o nome, já que não temos muita tradição, manter a tradição nunca fez parte de nossa cultura.

Apesar de não terem muita tradição também, os americanos sempre trabalham e acreditam que podem vencer na vida, acreditam na sua justiça, defendem o seu Presidente e, mesmo em momentos de crise, falam menos em crise do que nós brasileiros, que falamos o tempo todo.

Os americanos gostam de lutar, mesmo que a causa não seja diretamente ligada a sua.

Os americanos acreditam que sempre haverá riqueza suficiente para todos dividirem. No Brasil, tirando o que vai para os políticos, pouco sobra para se dividir; sonhar, no Brasil, só para poucas pessoas, reclusas em manicômios, que perderam a noção da realidades e ainda são felizes.

O único vestígio de esperança  para os brasileiros veio com a internet, por mais que tentem censurar, a palavra é passada, quando a censura chega aos provedores, usam-se provedores estrangeiros de países onde reina a anarquia absoluta; se a censura chega a telefonia, há alternativa do rádio, pensa-se até em rede elétrica; até a China sofre o impacto do avanço da internet.

Os poucos meios de comunicação que dominavam o mercado, aos poucos, vão cedendo  lugar as novas tecnologias, que tem na internet o seu centro de dados.

Os poucos dinossauros que dominam a política, mostram que ainda estão fortes, que tem intenção de passar o reinado adiante, mas os novos tempos insistem em afirmar que isso não acontecerá. Tudo leva a crer que seus descendentes terão uma grande decisão a tomar, ou escondem sua cara, ou escondem seus nomes; havendo até a possibilidade de mudança, negando a própria identidade.

Pelo menos na internet isso já aconteceu, não me lembro de ter visto nenhum figurão da política que fosse reconhecido como tal, no mundo virtual. No Twitter, a febre do momento, duas celebridades se estranharam, depois de ultrapassarem 135 mil e 140 mil seguidores respectivamente.

Na internet, popularidade implica em responsabilidade, como deveria ser lá fora também, isso eles aprendem da pior maneira possível, bem lá no fundo de seus egos.

Eu tenho um sonho, o de um dia poder perguntar qual é o seu sonho, e você me responder: “Eu quero viver honestamente, acredito que o Brasil tem riqueza suficiente para todos, passarei para meu filho a riqueza que acumulei ao longo de toda a minha vida, mas o mais importante, passarei para meus filhos e netos, meu nome, minha cultura e a certeza que eles deverão manter a Justiça, moral e os bons costumes sob pena de quebrar uma longa tradição de seus antepassados”.

by Janio

julho 8, 2009 Posted by | Reflexões | , , , , | 2 Comentários

Profissões do futuro, as maiores oportunidades.

De olho no futuro

De olho no futuro

O Diretor do IEAT (Instituto de Estudos Avançados Transdisciplinares), Carlos Antônio Leite Brandão, realizou uma pesquisa com as oitenta profissões do futuro,

A pesquisa virou referência para consultas de estudantes de ensino de nível médio, estudantes que não tem uma ideia definida do que querem fazer no futuro.

A Fundação Getúlio Vargas também já havia elaborado uma pesquisa parecida, com base no ano de 2015, com o apoio do SEBRAE, órgão direcionado as micros e pequenas empresas.

A Infomoney foi além e divulgou as profissões mais procuradas:

1 – Diretor Financeiro – Especialistas em gerenciar riscos, esses profissionais são fundamentais em crises constantes, como é o caso do Brasil.

2 – Diretor Tributário – Sem nenhuma surpresa, num país com altas cargas de impostos como o Brasil, onde a burocracia reina absoluta, a presença do Diretor tributário se faz necessária.

3 – Profissionais da área jurídica – Cerca de cinquenta por cento  dos problemas de uma empresa, em minha modesta opinião, estão relacionados a processos e ao sistema extremamente burocrático. Advogados especializados podem evitar que empresas caiam nessas armadilhas.

4 – Controller (controladoria) – Back Office, este profissional está ligado a todos os departamentos administrativos da empresa. Estrategicamente podem adquirir uma maior importância em algumas empresas, quando realizam o trabalho de coleta e organização de dados, para a administração: Balanços, relatórios, demonstrativos. Constitui um centro de dados da empresa, inclusive dados fora do controle específico da contabilidade ou Financeira.

5 – Diretor de RH – Muitas empresas ainda não caíram na real, não aceitaram o fato de, ha muito tempo, a Gestão de Recursos Humanos ter adquirido tamanha importância na empresa. A qualidade do quadro de pessoal,  a maneira como os trata, atrai e retém talentos em uma empresa, especialmente em épocas de crise, pode decidir entre o sucesso e o fracasso de uma corporação.

6 – Vendas/Marketing – Na década passada, este foi um dos setores mais importantes de uma empresa, continua de extrema importância.

8 – TI (Tecnologia da Informação) – Com o avanço da tecnologia, não há mais desculpa para nada, pode-se avaliar um bom profissional com os recursos modernos, o jeitinho brasileiro para aqui. O aumento de produtividade nesta área foi muito grande.

9 – Analista de riscos de bancos – Mais uma profissão que ganhou relevância com as crises.

10 – Engenharia – Nos próximos dez anos, o Brasil estará aquecido nesta área, com ou sem crise, graças, entre outros, ao PAC, Programa de Aceleração do Crescimento, e da indústria petrolífera.  Desenvolvedor de produtos para baratear os custos, fecha as vantagens.

A Federação da Indústria de Rio também elaborou uma pesquisa baseada no ano de 2.015.

Esta pesquisa identifica as primeiras surpresas, a primeira delas é a falta de mão-de-obra especializada, a outra surpresa foi o fato da perda da relevância da Universidade, como fator obrigatório.

Entre as dez, seis são de nível técnico. Veja a lista:

1 – Engenheiro de Petróleo.

2 – Engenheiro Ambiental.

3 – Técnicos em Produção (qualidade e conservação de alimentos).

4 – Ajudantes de obras civis.

5 – Analista de Sistemas Computacionais (TI).

6 – Trabalhadores da fabricação de cerâmica estrutural para construção.

7 – Técnicos de Produção de indústria químicas, petro químicas, refino de petróleo, gás e afins.

8 – Técnicos em fabricação de produtos plásticos de borracha.

9 – Técnicos florestais.

10 – Técnicos em manipulação farmacêutica.

julho 4, 2009 Posted by | oportunidades | , , , , , , | 15 Comentários

Não deixe a Amazônia morrer.

Amazônia Forever

Amazônia Forever

Estamos aderindo a esta campanha a convite de Pedro Eninha, o site e post de se encontram no fim deste artigo.

A grande vantagem de um governo popular, é que ele tem, ou deveria ter força no Congresso e Câmara dos Deputados, por isso quando o povo pede, não tem desculpa, o Presidente tem poder de mudar as coisas.

Chegamos a um ponto onde jamais imaginamos que chegaria, e o prazo, como diz o artigo do Pedro é só até o dia vinte e cinco de junho 25/06.

Vamos mostrar nossa força, a força de nosso voto, e aderir a esta campanha. Se o futuro de nossas florestas está em nossas mãos, a verdade é que esta também em nossas mãos o futuro de nosso planeta.

Se não pudermos fazer valer nossa força em um governo popular, nosso futuro, o futuro da Terra estará em sério perigo.

Conto com o apoio de todos os leitores deste blog, da blogosfera, redes sociais e todas as pessoas sensatas e portadoras desta informação.

Faça sua parte, espalhe o número do telefone e e-mail do Presidente para o maior número de pessoas que você conhecer.

Não devemos pensar apenas em nós, devemos pensar em nossos filhos e netos, fazer com que sintam orgulho de nossas atitudes e nossa consciência.

Um grande abraço a todos os nossos leitores e amigos e fiquem com Deus.
A decisão de vetar a MP 458 está nas mãos do Presidente Lula

Telefone do Gabinete do Lula:

(61) 3411.1200 ou (61) 3411.1201

http://www.oqueeisso.blog.br/2009/06/21/futuro-da-floresta-esta-nas-maos-de-lula/

junho 22, 2009 Posted by | blogosfera | , , , , , , | 5 Comentários

   

%d blogueiros gostam disto: