Made in Blog

Política, curiosidades, notícias, entretenimento, blogosfera,

Site para criar banners

ferramentas para blogs

Banner 3D

Criador de Banners

Banner Animado

A seguir eu vou postar o link para um site criador de banners. É o criador de banners mais simples da internet, para quem não tem muito tempo.

Outros sites podem criar banners mais trabalhados, mas esse é muito útil caso o parceiro exija um banner.

Entre no site

01 – 3Dtextmaker

02 – CLICK HERE TO CREATE 3D TEXT – Click aqui para riar um texto em 3D

03 – Serif – Escolha, por exemplo, century school e a palavra aparece logo abaixo. Você pode experimentar outros tipos de fontes.

04 – Select a color – Escolha a cor

05 – Set your dimensinons – Coloque os tamanhos. Dois formatos prontos podem ser escolhidos, entretanto, para parcerias é necessário um padrão específico que deve ser digitado nas caixas de texto (largura e altura).

07 – Set other variable – Coloque outras variáveis, ou mantenha a que está. Nesse passo você pode mudar o tamnho da fonte (fonte size) caso necessário, e o looping (executa o efeito e para (run) time (tempo de duração), ou continua executando sem parar (run forever).

08 – Finalmente, coloque o texto.

09 – Click em Make the Text para testar o que foi criado.

10 – O ideal é criar mais de um, para escolher o melhor.

By Jânio

Editor de imagens

Ferramentas para blogueiros

maio 7, 2013 Posted by | blogosfera | , , , | Deixe um comentário

Imagens para blogs

Atores de 007

Imagem Redimensionada

Quando o Google resolve retirar o buscador de imagens em formato exato, é um problema. Quem tem muitas imagens, pode até se virar com seus arquivos, mais e quem não tem?

A não ser que você seja um bom programador em lógica booleana, você terá de buscar um bom site para formatar uma imagem no tamanho certo.

Há vários sites para redimensionamento de imagens na internet, mas esse é bem rápido e fácil, ideal para quem utiliza muitos agregadores de blogs.

Step 1 – Entre no site do link abaixo – Click the link below

Step 2 – Escolha uma imagem em seu computador. Select your image

Step 3 – Quando a imagem carregar no site, basta usar o mouse para redimensionar a imagem para o tamanho desejado, arrastando as bordas.

Step 4 – Click no pequeno disco amarelo – Resize your image

Step 5 – Aguarde alguns instantes e, em seguida, clique com o botão direito do mouse sobre a imagem e salve a imagem para o computador com extensão jpg, caso tenha usado esse formato.

Click back. Agora você pode redimensionar a mesma imagem para outros tamanhos, seguindo os mesmos passos.

Redimensione sua imagem: resizeyourimage

Ferramentas blogueiras

Melhores agregadores de blogs

By Jânio

abril 23, 2013 Posted by | blogosfera | , , , | 1 Comentário

Google + atinge o objetivo da Facebook

Rede Social para blogueiros

Google +

Hoje foi a minha primeira experiência na Google+, sinceramente, gostei. A Google+ conseguiu acertar no ponto onde suas duas maiores concorrentes queriam.

A Twitter sempre pecou pelo excesso, interagir com internautas do mundo inteiro em um único canal, provocando uma sobrecarga do sistema.

Tanto a Facebook, com a sua Facebook lite, quanto a Twitter, com a sua plataforma de microblog, tinham objetivos de conseguir os usuários uma da outra, já que a Orkut parecia ultrapassada.

A Facebook acabou se tornando uma rede de campanhas publicitárias, além disso, as ferramentas e o uso que fazem dessa rede ocupam muito tempo.

Não há dúvidas que a Google Mais deixa a desejar quanto ao seu design, se comparada com a Facebook, mas a sua velocidade e o seu objetivo compensam isso.

Eu ainda nem tive tempo de fazer amigos na Google +, mas já descobri algumas utilidades que me fazem pensar que a Google mais foi criada para blogueiros e pessoas que gostam de compartilhar informações.

Até agora eu tinha dificuldade para gerenciar os botões Google +1, acontece que a publicação de posts na Google + são tão simples e rápidos que até para publicar posts de terceiros ficou mais fácil.

Através da Google + é possível acompanhar as indicações de nossos post, e a interatividade com o buscador Google fica muito mais fácil. É possível até salvar nossas próprias buscas.

Para publicar na Google +, basta copiar a url do post e colar, navegar pela rede é muito rápido.

Quem sabe se agora eu não começo a usar uma rede de maneira decente?

By Jânio

outubro 17, 2011 Posted by | Google + | , , , , , , | 9 Comentários

Divulgando blogs em Pings

divulgar com pings

Pinger em Massa

Eu estava vendo a quantidade de links externos do MadeInBlog, através do Bizinformation.org e fiquei surpreso, essa é uma das únicas categorias onde o MadeInBlog consegue superar grandes portais, inclusive indexadores conhecidos. Isso serve apenas como parâmetro de reputação e nível técnico, não é um caso de concorrência direta.

Lembram-se quando eu disse que o meu sonho era cadastrar o Icommercepage/MadeInBlog em pelo menos mil agregadores automático? – Então, esse sonho continua.

Também há os pings, aqueles sites que não tem função especifica de gerar visitas, mas acabam gerando tráfego. Toda vez que eu recebo uma visita de um ping, eu vou logo cadastrando  o blog, seguindo a teoria, se o tal visitante visitou o site sem que eu me cadastrasse, vale a pena arriscar, não é mesmo?

A Web 2.0 permite que tudo se ligue à tudo, assim, se uma pessoa gosta de seu site, ela cadastra seu RSS em um site de ping e recebe suas notícias em sua conta, assim como recebe as notícias de vários ontros sites de seu interesse.

O Page Rank da Google sempre deu muita importância aos links externos, principalmente quando vindos de sites de boa reputação. Algumas ferramentas de internet sempre são de boa reputação, devido a forma como são utilizados.

Eu já falei  aqui no blog, sobre os buscadores inteligentes, sites que fazem busca baseado em  RSS, isso se tornou muito importante, principalmente depois que a Google diminuiu o tamanho dos textos, nos resultados de suas buscas. Olhando nas buscas da Google, antes dava até para obter informação através do próprio buscador, mesmo sem visitar o site, hoje, além de não ser possível obter informações através do buscador, tornou-se mais difícil saber o que será encontrado, caso o site seja visitado, devito ao tamanho dos textos.

Graças as Redes Sociais, essas mudanças para economizar servidores, não afetaram tanto a produtividade da internet. Além das Redes Sociais, que agregam comunidades confiáveis, o site Wikipedia completou esse trabalho. Vale lembrar dos buscadores de vídeos e músicas, que evitam que as pessoas fiquem visitando sites de reputação discutível: RapidLibrary e Filestube são apenas alguns exemplos.

Vamos compartilhar, hoje, mais alguns sites muito importante para a divulgação de seu blog:

Friendfeed: O destaque é para o Friendfeed. O FriendFeed é muito mais que um ping, daqueles em que podemos espalhar links pela internet, possui algumas ferramentas que mostram que ele deve crescer em importância, adaptando-se aos grandes portais.

Feedage: O Feedage se supera, quando o assunto é integração. Até agora, ele já está integrando, pelo menos 15 portais.

http://www.feedage.com/feeds/17559268/made-in-blog    

Texto relacionado:

Os melhores agregadores de blogs

By Jânio

fevereiro 5, 2011 Posted by | internet | , , , , , , , , | 18 Comentários

Os virais conquistam os internautas

Conquista ou manipulação

Marketing Inteligente

Os virais são uma ótima forma de marketing, mas começaram na marginalidade. No início da internet, era o ambiente propício ao marketing viral, os virais foram usados a exaustão pelos lammers (crackers iniciantes querendo se aparecer).

O tempo passou e os virais encontraram seu espaço. Apesar disso, muita gente com grande força na mídia, tem dificuldade em direcionar seus virais.

Para se criar um bom viral, não basta ter uma boa ideia na cabeça, é preciso criatividade para conquistar as pessoas, e sensibilidade para saber o que as pessoas estão pensando, sentindo, sua reação.

Um bom criador de virais tem que ter estilo, ideologia, princípios, isso evita que o profissional cometa excessos, infrinja a lei ou irrite seu público alvo.

A maioria dos virais são bem humorados, carismáticos, procuram uma identificação com o seu público. Esse é o tipo de viral mais simples, mais comum, mas há o viral inteligente, resultado da evolução do marketing, muito presente na internet.

Um profissional que envia spam para todo mundo, na tentativa de atingir um novo público, é considerado ultrapassado, em época de web 2.0.

É nas redes sociais onde o viral ganha mais força, dependendo, é claro, da reputação de seu criador. A Twitter é o melhor exemplo de rede social para a criação de virais.

Não basta ter uma ideia na cabeça para se criar um bom viral, um viral mal administrado pode ser um risco à reputação de um usuário.

O viral “Cala boca Galvão”, fez um grande sucesso, apesar de eu não achar uma grande idéia, mandar alguém calar a boca. Virais que surgem de programas sensacionalistas de televisão, possuem um grande potencial, apesar de não serem bons; o sucesso acontece porque a popularidade do programa ajuda a espalhar o viral.

O Tiririca pode ser considerado um dos maiores guerrilheiros do brasil, não é de hoje que ele tem incomodado muita gente. Tiririca já teve um disco apreendido, por fazer piadas de gosto duvidoso e racistas.

Nem tudo o que começa com marketing de guerrilha se torna um bom viral, Tiririca é um bom mau exemplo disso.

Eu acredito que seja preciso um objetivo ideológico, socio-econômico, filosófico, político, etc. Um viral não precisa necessariamente prejudicar alguém, para ser um bom viral, também não precisa visar lucro, mesmo que isso ocorra, não deve ser o seu objetivo principal.

Os melhores virais surgem naturalmente, e eles se espalham rapidamente também, alheios a vontade de seu criador. Pessoas criativas e sensíveis, tem facilidade para criar virais, tem facilidade para administrá-los.

Um caso como o de Geisy Arruda, por exemplo, poderia ter começado como marketing pessoal, combinado com marketing de guerrilha, caso fosse censurado, traria alguns resultados, mas a longo prazo. Quando atingiu a internet, tornou-se um viral, com consequências inesperadas, tanto para Geisy, quanto para a instituição onde ela estudava.

Nesse caso específico, a hipocrisia da sociedade foi a arma usada para o sucesso da ideia. Funcionou, mas … e depois?    

Sem objetivo certo, toda a ideia fica perdida. Se a menina não quer terminar a faculdade, mas estuda teatro,  cursos, aula de canto, aula de interpretação, fica difícil. Ter um objetivo antes de criar toda a confusão, torna tudo mais fácil.

As regras da vida são simples: Posturas arrojadas, corajosas, pretensiosas,  exigem capacidade e preparo dessas pessoas. O planejamento antecipado dessas estratégias, definirão o sucesso ou o fracasso no futuro, é preciso estar preparado.

Pensar, ter ideologias, objetivos, ajudam muito, caso as consequências de um viral sejam desastrosas.

Quando um famoso apresentador, de uma grande rede tv, fingiu entrevistar o chefe do PCC, cometeu um grande erro, marketing de guerrilha é para quem não  tem dinheiro para investir, para quem não tem nada a perder; o viral que surgiu a partir daí, foi catastrófico, o apresentador teve sorte da internet não ser tão forte naquela época.

Quando o patrão do mesmo apresentador espalhou a história que tinha morrido, foi menos agressivo em sua ideia, mas não menos idiota, muita gente chegou a afirmar que o apresentador estava louco.

Na internet, agregadores de notícias a base de imagens, tem sido grandes promotores de virais, em seguida vem os indexadores de artigos, com a possibilidade de “amarrar” o texto aos sistemas de buscas, através de tags (etiquetas, palavras chaves). A rede Twitter fica restrita a celebridades reais, ou virtuais, no caso de usuários engajados  em comunicação, interativos.

Assuntos atuais são grandes fontes para virais e audiência dos sites e blogs, isso acontece porque a tv não consegue dar a cobertura que o fato merece, assim os telespectadores passam a pesquisar na internet. A TV é um universo diferente da internet, muito conteúdo que não tem procura na tv, vira febre na internet.

Em todos esses casos citados, os virais tem época para perder a força, são a curto prazo.

Virais de longa duração são os mais inteligentes, envolvem mais ideologias e conhecimentos. Esses tipos de virais não são tão difíceis de se criar, desde que a pessoa tenha uma base mínima de conhecimento; pode-se aproveitar desde temas censurados nas mídias de massa, denúncias, até assuntos que fazem parte de nossas próprias experiências.

Temas discutidos nas escolas são ótimos assuntos para se criar virais de grande duração, isso porque já foram devidamente testados, estão prontos para serem disseminados.

Sabe aquele ditado: “Em Terra de cego, quem tem um olho é Rei”? – Essa é uma ideia que eu sempre aproveitava na escola, para criar meu marketing pessoal.

Vocês podem não acreditar, mas com um simples espanhol, nível iniciante, eu conseguia conquistar corações e mentes, tanto de professores de inglês, quanto de português. Para fechar com chave de ouro, bastava fazer algumas traduções de tupi-guarani, latim ou francês, para conseguir a glória.

Nessa época, eu conheci alguns meninos-gênios,  daqueles que gostam de se autopromover, infelizmente, sem nenhuma sensibilidade.

È preciso saber o que dizer e a hora certa para isso; é preciso saber o que as pessoas sentem, descobrir as suas carências, para aproveitar a hora exata. Não é à toa que a internet tornou-se o ambiente ideal, para a criação de grandes virais.

Sites como Delícious, Google, Alexa, WordPress, apresentam um raio-x da internet, o que as pessoas gostam e o que elas procuram. Podem mostrar mais que isso: O que elas pensam, as palavras mais fortes, usadas pelos sites famosos, etc.

E você, já criou um viral?

By Jânio

outubro 20, 2010 Posted by | divulgação gratis | , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | 5 Comentários

Como surgiu o blog

conhecimento e pensamento

Futuro da Informação

Tecnicamente, o blog, contração do termo Web Log, que por sua vez significa diário virtual, é uma evolução dos antigos diários. Em países da Europa, os diários ainda são muito comuns, como na França, onde há muitos “Semanários”.

Na prática, eu vejo muito mais que isso. Vejo toda os sistemas de internet evoluindo constantemente, rumo à “Xanadu”, de Ted Nelson, o grande inspirador da internet.

Essa evolução de todos os sistemas numa só direção, não era exatamente o desejo dos Web Masters, mas é um processo irreversível. Qualquer pessoa pode criar um blog automaticamente, ter seu espaço com direitos autorais, mas seguindo as leis que regem outros meios de comunicação.

Além dos diários virtuais, haviam também os sites prontos, onde a pessoa montava seu site a seu gosto, exatamente como os blogs. Na minha modesta opinião, esse foi o principal motivo da profissionalização dos blogs.

Assim como os blogs, esses sites “pré-montados”, tipo “geocities”, permitiam a criação, usando principalmente o html. Para quem não conhecia o html, havia a possibilidade da utilização de templates prontas, montando automaticamente o site a partir de uma plataforma.

Outro elemento que eu destaco, seria os antigos fóruns, os blogs são muito utilizados com a função dos fóruns, para que se possa discutir temas institucionais.

O sistema de comentários, criado pelos hackers (favor não confundir com crackers, nem lammers) foi um dos grandes motivos do crescimento do uso de blogs, até jornalistas renomados, escritores, analistas e críticos especializados, aderiram a essa ferramenta. Houve um novo passo, via Web 2.0, que pode até indicar novos rumos para o blog, o chamado microblog, mas, ao que tudo indica, o microblog deverá ser mais uma, entre várias ferramentas que interagem com os blogs.

O que me leva a acreditar que o blog veio para ficar, é o fato de estarem ligados a noventa por cento de toda a internet, via web 2.0, além disso, o processo de permalinks, ou urls permanentes, o que transforma cada post em uma página exclusiva, possibilitando o acesso a conteúdos antigos de um blog, apontam para um investimento de conteúdos a longo prazo.

Facilidades de edição e profissionais dispostos a criar inúmeras ferramentas interativas, criando uma verdadeira revolução em termos de comunicação, são outro indicador de que a blogosfera deverá ter vida longa.

O blog, a meu ver, foi a primeira ferramenta para “amadores” em programação a atrair os “profissionais” da área, obrigados a aderir a essa ferramenta devido a facilidades de interação com outros grandes sites.

Em grandes plataformas para blogs, pode-se incluir textos, imagens, vídeos ou músicas, esse conteúdo será de propriedade do autor do blog, mas poderá ser organizado, indexado, agregado e/ou lincado por terceiros, otimizando ainda mais a internet.

WIKIPEDIA: “O termo “weblog” foi criado por Jorn Barger em 17 de Dezembro de 1997. A abreviação “blog”, por sua vez, foi criada por Peter Merholz, que, de brincadeira, desmembrou a palavra weblog para formar a frase we blog (“nós blogamos”) na barra lateral de seu blog Peterme.com, em abril ou maio de 1999. Pouco depois, Evan Williams do Pyra Labs usou “blog” tanto como substantivo quanto verbo (“to blog” ou “blogar”, significando “editar ou postar em um weblog”), aplicando a palavra “blogger” em conjunção com o serviço Blogger, da Pyra Labs, o que levou à popularização dos termos.

No dia 31 de agosto, comemora-se o Dia do Blog (devido a semelhança da data 31.08 com a palavra blog, onde 3 seria um B, o 1 seria um éle, zero seria um o e o oito seria um g), que se propõe a promover a descoberta de novos blogues e de novos blogueiros.

A blogosfera, termo que representa o mundo dos blogs, ou os blogs como uma comunidade ou rede social, cresceu em ritmo espantoso. Em 1999 o número de blogs era estimado em menos de 50; no final de 2000, a estimativa era de poucos milhares. Menos de três anos depois, os números saltaram para algo em torno de 2,5 a 4 milhões. Atualmente existem cerca de 112 milhões de blogs e cerca de 120 mil são criados diariamente, de acordo com o estudo State of Blogosphere.”

Os blogs são, ao lado dos miniblogs e dos sites de compartilhamentos, as maiores fontes de conteúdo da internet.

Como surgiu a internet

Quando surgiu a Google

Como surgiu a twitter

A história da Wikileaks

By Jânio

setembro 25, 2010 Posted by | blogosfera | , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | 23 Comentários

Top ferramentas para Twitter

Melhor do Twitter

Ferramentas da Twitter

Friend ou follow – Ferramenta para gerenciamento de contas, para saber quem está seguindo, ou não está seguindo também.

http://friendorfollow.com/

TinyUrl –  Esse também é um ótimo redirecionador, otimiza o espaço na Twitter, apresentando um detalhe importante: Quando se redireciona uma notícia,  com o TinyUrl, pode-se escolher um título dentro da url, isso otimiza a própria url redirecionada.

http://tinyurl.com/

TweetValue – Como tantas outras ferramentas da Twitter que só prestigiam as celebridades, essa tem o objetivo de avaliar quanto está valendo o seu perfil nessa rede. A força da influência que o seu perfil representa. Só é útil para quem usa muito essa rede, ou tem muitos amigos por lá.

http://tweetvalue.com/

Desde o aparecimento da Twitter, a real importância da Google foi confrontada pela primeira vez. Pela primeira vez na história do software, a Google reconheceu a superioridade de outra empresa, na performance de um software, fato que a Microsoft sofreu para admitir diante da Google, algum tempo atrás.

Com tanta importância, a Twitter virou uma fogueira de vaidades, começando a limitar a quantidade de mensagens no banco de dados, relativos a cada perfil, como foi o controle de spam; na realidade o próprio conceito de “spam” sofreu uma forte transformação.

Se a Google já tinha nos backlinks a medida exata da importância dos internautas, a Twitter ganhou o seu próprio medidor, os backtweets.

 

Topsy – Seguindo a mesma linha  backtweets, a Topsy apresenta uma vantagem de manter mais dados, durante mais tempo, em seu sistema, apresentando opções de dia, semana, mês, etc.

É sem dúvida uma boa maneira de avaliar um bom formador de opinião, não aquele que envia a mensagem, mas aqueles que reenviam essas matérias, aqueles que reuniriam melhor conteúdo em seus perfis, além de criarem uma certa identificação com o seu blog.

http://topsy.com/site/icommercepage.wordpress.com

Há muitas outras ferramentas, inclusive brasileiras, ou ferramentas de busca, baseados em dados da Twitter, infelizmente não consegui observar grandes vantagens nelas.

As ferramentas pagas, como a Ubervu, ou outras que oferecem várias utilidades agregadas, serão tratadas oportunamente em outros temas.

By Jânio

agosto 20, 2010 Posted by | twitter | , , , , , , , , , , , , | 5 Comentários

Como conseguir assuntos interessantes e relevantes para seus posts

Melhor da net

Seleção de Sites

Depois de um certo tempo na rede, não é preciso mais correr atrás de bons conteúdos, de assuntos interessantes para postar. O Delicius, combinado com WordPress e Google, é o meu favorito.

Por falar em Google, esse buscador sempre foi uma grande fonte de tráfego para o icommercepage, mas nunca assumiu uma parceria tão forte como agora. Sempre bom lembrar que estou falando da filial brasileira www.google.com.br

Continuando: Os usuários do Delicious mostram muito do que está acontecendo na internet, isso facilita muito a nossa pesquisa.

Fora isso, depois de cerca de duzentas e dez mil visitas, chegamos a um ponto em que podemos buscar nosso próprio link no Google, e, mesmo assim, encontrar outros conteúdos agregados ao nosso. Isso acontece, geralmente, porque há muitos usuários de internet que não produzem textos, não criam conteúdo, ao invés disso agregam e organizam tudo em seus perfis.

Aqui, notamos a importância do esforço que muitos blogueiros tem feito em busca de pesquisas e criação de textos de qualidade.

Um exemplo que devemos destacar, é o caso do Twitter, seu espaço não permite a criação de grandes textos, assim, as pessoas preferem linkar, ou retwitar. Os backtweets já se tornaram tão poderosos quanto os backlinks.

Na lista abaixo, vejo a internet como ela me vê, através de links. O resultado tem sido muito bom.

Quando eu vi o link do icommercepage/madeinblog no site da RT, rede mundial de TV, com sede na Espanha, fiquei muito emocionado, afinal a RT é uma rede de TVs com filiais no mundo inteiro, ter um link lá foi muito importante para nós.
Mesmo com uma certa experiência em blogosfera, a sensibilidade bateu mais forte. A vida é feita de altos e baixos, esse foi um dos links mais importantes que recebemos, desde a criação do blog.
O tema Club Bilderberg foi muito discutido na Espanha em época de crise, curiosamente, ganharam a copa apesar de toda a crise. Os espanhóis são mesmo duros na queda.
Quando eu disse que los hermanos poderiam ganhar a copa, eu estava falando da Argentina – É sério! – parabéns aos espanhóis, e obrigado pelo link.
http://actualidad.rt.com/economia/global/issue_9504.html

A onda de ferramentas de buscas baseadas no banco de dados da Google, virou uma febre, esse aqui é baseado no Yahoo, o que não é muito comum.

http://avantfind.com/search.asp?uil=eng&so=toolbar&keywords=icommercepage.wordpress.com&x=69&y=14

Site de política que pega pesado quando o assunto é corrupção. Raramente encontramos um site tão bom com esse tema.
jurutiense.blogspot.com/

Os melhores sites e blogs da internet foram reunidos em um só lugar. Pra quem se interessa pelo melhor da internet, através de fontes confiáveis, é só visitar esse site.
http://www.ficgs.com/Lista-dos-melhores-blogs-na-Internet-f8407_pt.html

Tomei conhecimento do FriendFeed através da Eulália. Trata-se de um agregador de conteúdos através de feeds.
Valeu Eulália, espero que continue a agregar muito conteúdo. Fiquei muito feliz de ser um dos premiados.
http://friendfeed.com/eulaliaeguiguren/550aab10/protatipo-de-veaculo-para-cegos-as

By Jânio

julho 13, 2010 Posted by | divulgação gratis | , , , , , , , , , , , , , , | 10 Comentários

Por que evitar a ferramenta Open Id

comunidades fechadas

Moderação às avessas

O título desse artigo bem que poderia se “Eu odeio o Open Id”, mas não podemos chegar a esse extremo, sob risco de criarmos um novo conflito.

Já faz algum tempo que eu estou evitando esse assunto, o problema é que todo pensamento acaba, mais cedo ou mais tarde, sendo realizado.

Acho que já aconteceu com todo internauta, entrar num site, ler todo o artigo, pensar por algum tempo, escrever um bom comentário e na hora de enviar, nada de envio. Esse problema é até estranho para um iniciante, não saber o motivo pelo qual não consegue comentar.

Depois de algum tempo, a pessoa fica sabendo da existência do tal “Open Id”, onde o sistema pede: Entre com a sua conta da Google, WordPress ou afins.

Hoje eu tenho todas essas contas, mesmo assim, no momento em que eu estou mais disposto a comentar e interagir, nada acontece, ou seja, eu não estou logado. Essa reclamação não é minha, muita gente já tem reclamado desse inconveniente.

A maioria dos blogueiros pensa antes de mudar a configuração, isso porque raramente mudamos a configuração.

Quando uma pessoa cria um blog, na minha modesta opinião, a pessoa deveria optar por moderação, isso porque a administração fica muito mais personalizada. O blogueiro pode receber o comentário, analisar, editar, e, se for o caso, finalmente liberá-lo.

Ao invés disso, se mantivermos o “Open Id”, perdemos assinaturas importantes, inclusive de pessoas diretamente ligadas à questão proposta, o que não é raro de acontecer, principalmente para quem atualiza regularmente seu blog, apresentando uma melhor indexação de suas páginas.

As celebridades podem ser: Ministro da Saúde, assessores de imprensa, representantes comerciais, consultores e especialistas, inclusive internacionais, além de outras autoridades diretamente interessadas no assunto.

É por isso que eu digo, antes de fechar seu blog, apenas para algumas comunidades, lembre-se que a quantidade de spam não é tão grande assim, no WordPress inclusive tem uma ferramenta para detectar spam. A ferramenta não é perfeita, nem tem essa pretensão, algumas vezes falha, mas funciona.

Quando a pessoa envia o mesmo comentário duas vezes, o segundo comentário é bloqueado; Quando a pessoa envia mais de um comentário em um curto espaço de tempo, essas mensagens serão bloqueadas automaticamente, mesmo que não sejam spam. Isso evita que spammers usem robots, programas para enviar a mesma mensagem pra milhares de endereço ao mesmo tempo, caracterizando o que poderíamos chamar de Spam.

Por tudo isso, eu não recomendo o “Open Id”, você pode até não querer o comentário do Presidente Lula, ou do Presidente do Banco Central Henrique Meirelles, mas com certeza você há de concordar que seriam comentários extremamente importantes e relevantes à matéria, você não acha?

Segundo o Site www.alexa.com meu site é acessado, principalmente, por mulheres com curso superior, entre 40 e 50 anos de idade, isso não significa que não haja outros importantes leitores. Há pelo menos duas leitores de 15 anos que me chamaram a atenção pelos seus comentários, motivos suficientes para eu não publicar matérias mais adultas, que apesar de trazerem mais audiência, poderiam constranger essa parcela de público.

OBS: A maioria nem tem blogs, são leitores mesmo. Apesar de alguns terem conta no Orkut, Twitter ou Facebook.

A interatividade entre blogueiros é essencial para o avanço da Web 2.0, mas o objetivo principal ainda são os leitores.

By Jânio

maio 16, 2010 Posted by | blogosfera | , , , , , , , | 6 Comentários

Ferramentas blogueiras para Twitter, Facebook, SEO

analise de popularidade

Ferramentas para SEO e busca

Os blogueiros, iniciantes ou profissionais, sempre tiveram uma grande preocupação em saber se seus esforços estão sendo reconhecidos. Para quem tem blog no WordPress, pode dispor de várias estatísticas, num painel administrativo quase perfeito; para quem não tem, há outras formas de verificar a evolução e a credibilidade do site.

Uma das formas de se verificar a qualidade de um site, é verificar seu page rank. Apesar de, nos últimos meses, esse sistema ter sido menos falado, esse é um dos sistemas mais difícil de ser manipulado.

A fórmula do pagerank é guardada à sete chaves pela equipe da Google, mas não é difícil notar a relevância dos backlinks, para a elaboração dessa referência de qualidade. Para quem tem interesse em saber a evolução de seu site, é só procurar entre os principais sites que passaremos a listar.

É sempre bom lembrar que comentar nos blogs, aumenta os backlinks, só não pode fazer spam.

Outra ferramenta, com qualidade e defeitos, muito procurada, é o sistema da alexa: www.alexa.com

Apesar de ser manipulado por alguns, já que a quantidade de visitas não representa, necessariamente, a qualidade do site, tem muito mais valor para o blogueiro consciente de seu propósito.

Uma equipe brasileira que tem se dedicado, intensamente, com o propósito de análise e otimização de sites, é a Mestreseo,  com várias ferramentas de análise do potencial de um blog grátis.

http://www.mestreseo.com.br/ferramentas-seo/pagerank/

O site Wholinkstome, literalmente, “Quem linka para mim”, mostra a que veio, além de mostrar os backlinks da Google, não se esquece de outros sistemas de buscas, como o ótimo Yahoo.com, e isso é muito bom.

http://wholinkstome.com/url/icommercepage.wordpress.com

Apesar dos pings terem perdido a força no buscador Google, alguns evoluíram e tornaram-se redes de comunidades.

Divulgando os blogs em pings

by Jânio

janeiro 1, 2010 Posted by | Web 2.0 | , , , , , , , , | 14 Comentários

A busca que assustou a Google.

ferramenta assustadora

ferramenta assustadora

Que o site da Twitter  é o site do momento, todo mundo já sabe, só falta todo mundo aprender a usá-lo da melhor maneira possível, ou da maneira mais produtiva. Uma sugestão, em época de web 2.0, seria uma maior integração de ferramentas como gerenciadores de blogs, agregadores de ferramentas para o usuário leigo.

Aliás, por falar em usuário leigo, a maior parte dos internautas se encaixam nesta definição, são o ponto chave, em termos de estratégia, quem conseguir maior usabilidade terá mais sucesso na web, um exemplo claro disto é o crescimento vertiginoso da blogosfera.

A nova ferramenta da Twitter, pelo menos para mim é nova, é a ferramenta de busca em  tempo real, ou real time, que assustou a Google.

Hoje, eu fui correr atrás de informação, como sempre, em primeiro lugar vem a Wikipedia, enciclopédia livre, como costumam chamá-la.

Veja a definição para real-time:

É um protocolo de redes utilizado em aplicações de tempo real como, por exemplo, entrega de dados áudio ponto-a-ponto, como Voz sobre IP.

Parece que a Google não foi a única a ser pego de surpresa com o buscador da Twitter, alguém precisa atualizar a Wikipedia, eu é que não sou louco de me meter nesta.

Não uso muito a Twitter, pelo menos por enquanto, tenho poucos amigos por lá, só estou indexando as notícias do blog, direto do Dihitt para a Twitter.

Parece que a Twitter deixou de ser uma grande sala de bate-papo há muito tempo.

Desde o início, os blogueiros mais experientes já chamavam a atenção para a Twitter, devido a sua boa performance, com o reconhecimento da Google, isto ficou mais evidente.

Podemos avaliar o potencial de um site ou ferramenta de várias maneiras, uma delas seria a Google trends, desde que a comparação não seja com a própria Google, como é o caso.

Uma outra forma de se avaliar uma ferramenta, é pelo investimento que os internautas fazem nela, quando os usuários que apostam nela aumentam muito rapidamente.

O aumento de usuários que acreditam na ferramenta de busca, em tempo real é tão grande, que já surgiram as primeiras buscas especializadas em Twitter.

Através do site da Dihittiana Crissoara, do Hephesto, pude descobrir o mais novo buscador especializado em Twitter e Google juntos, o Twoogle http://twoogle.browsys.com/.

É bom ver a nova ferramenta da Twitter, que mal foi criada, de igual para igual com o buscador que reina absoluto há mais  dez anos.

Leia mais diretamente no post da Crisoara. http://www.hephesto.com/agrega/?p=5225

Link da busca da Twitter – http://search.twitter.com/

By Jânio.

julho 6, 2009 Posted by | twitter | , , , , , , | 4 Comentários

Melhores ferramentas da internet.

melhores ferramentas da web

melhores ferramentas da web

Gostaria de dizer, antes de começar esta lista, que não se trata de uma lista dos maiores sites, ela é especial, é uma lista dos mais amados pelos seus usuários, uma lista de bons sites, onde se encontram bons conteúdos ou serviços. Falar mal destes sites pode sempre gerar polêmica, o Noronha que me perdoe mas esta coisa de lista dos piores, para um cara que detesta brigas, apesar de brigar de vez em quando, é fria.

Como tenho dito aos amigos, a qualidade de empresas, como Google e Microsoft, nunca deve ser questionada, apesar de umas alfinetadas de vez em quando, elas são grandes exemplos de sucesso, não importa o que tenham feito para conseguir isso, estas são as regras do capitalismo.

A lista, leva em conta a utilidade que eles, os sites, tem para seus usuários, além da paixão por parte de outros.  Na lista só entram sites que eu estou participando, ou já participei, merecem pelo menos uma boa análise.

10 – Orkut –  Vamos começar da última para a primeira, para criar um suspense.

O site de relacionamentos Orkut, anda meio esquecido por mim, tem sito muito criticado; há muito tempo vem caindo pelas tabelas, devido a grande quantidade de usuários, gerando uma falta de controle de seus usuários. Administração não existe.

Apesar de todos os seus problemas, há muitos usuários no site, nem sempre usado como deveria, muita gente sonha com o dia que a Google deixará de ser tão cabeça dura e tomará uma providência para melhorar isso, mesmo que tenha que anunciar nas páginas principais de cada perfil.

http://www.orkut.com.br

09 – Hotmail –  Com tantos e-mails grátis por aí – ainda bem né? – fica uma concorrência muito boa. O Hotmail, da Microsoft, já foi bem pior, apesar deles só darem bola fora. Essa ideia de ficar integrando demais as ferramentas enche o saco, até a Google tem esta mania. Colocar todos aqueles conteúdos dentro das caixas de correio, foi uma ideia muito idiota. Ficar fazendo propaganda de outras ferramentas e serviços é coisa do passado.

Apesar de tudo isso, a Hotmail vai se segurando, tem muitos usuários, evoluiu bastante, apesar de suas manias.

http://login.live.com

08 – Yahoo – Pelo conjunto de ferramentas e por ter suportado a concorrência da Google por tanto tempo, a Yahoo não pode ficar fora de minha lista, o grande barato da Yahoo é que todas suas ferramenta estão em seu portal, ou seja, eles assinam em baixo.

http://www.yahoo.com

07 – MSN – O programa de mensagem instantânea da Microsoft, apesar de eu não utilizar, já utilizei, é a melhor ferramenta da Microsoft, a marca é muito valorizada e conta muito aqui.

http://download.live.com/messenger

06 – Rapidshare – O disco virtual mais utilizado da internet. A quantidade de buscadores de arquivos apontando seu banco de dados mostra o tamanho de sua importância.

http://www.rapidshare.com

05 – Bloggger – O gerenciador de blogs, comprado pela Google, é uma das ferramentas mais utilizadas da internet, a quantidade de ferramentas que podem ser utilizadas em suas plataformas são um caso a parte. A maioria de meus amigos utilizam o gerenciador.

https://www.blogger.com

04 – WordPress – Gerenciamento de blogs é a única categoria que vale um repeteco. Apesar da maioria dos internautas utilizarem a blogspot/blogger, eu fico com a WordPress.

Além de plataforma ser super fácil de utilizar, para iniciantes, a WordPress presta um serviço didático incomparável na internet, convidei muita gente, poucos atenderam meu pedido. Seu painel administrativo é uma referência para qualquer Webmaster que se preze.

http://pt-br.wordpress.com

03 – Dihitt – Dentro da internet, a Web 2.0 fez uma revolução, trouxe com ela muitas ferramentas inovadoras como: Agregadores, gerenciadores de conteúdo, bookmarking, redes sociais e indexadores de notícias. O Dihitt é o site ideal para fugir de armadilhas pela internet, aprender, fazer amigos, mostrar o que você pensa. É a melhor rede em língua portuguesa.

http://www.dihitt.com.br

02 – Youtube – A lei da oferta e da procura para, quando o assunto é Youtube, é o maior sistema feito para vídeos da web, talvez hajam outros, e há,  mas quem se importa, ele chegou primeiro, a Google comprou e a marca pesa.

http://www.youtube.com

01 – Twitter – A menina dos olhos da internet, hoje, fez a Google reconhecer que, pela primeira vez, foi superada por outra empresa, ao contrário da Youtube, Orkut e Blogspot, desta vez a Google deu uma grande mancada, deixou de comprar quando teve chance. Hoje, valendo 700 milhões de dólares, vinte cinco milhões de usuários,  a própria Google abriu o bico. Se a Google não pode comprar, quem é que pode não é.

Por isso a Twitter passa a ser a ferramenta número um, em nossa lista. Parabéns para os caras.

http://twitter.com

Observação: Deixamos a busca da Google fora da lista pela quantidade de sistemas de buscas de qualidade do mercado, como o Yahoo, o mais parecido em indexação, o veterano altavista, o MSN … etc

As ferramentas pagas, como UOL e GLOBO, também ficaram de fora.

by Janio.

junho 16, 2009 Posted by | internet | , , , , , , | 6 Comentários

   

Karmas e DNA.

Direitos autorais: Fernanda vaz.

Academia New Star Fitness

A fine WordPress.com site

Gramofone Lunar

Músicas, Versos e Outras Histórias

baconostropicos

Documentário "Baco nos Trópicos"

relutante

leve contraste do sentimentalismo honorário

entregue a solidão

é oque me resta falar e oque me sobra sentir

RB Solutions

Soluções em informática, comunicação e tecnologia

Bora' para Ireland

Smile! You’re at the best WordPress.com site ever

sarahrosalie

A topnotch WordPress.com site

Suburban Wars

"Let's go for a drive, and see the town tonight"

Made in Blog

Política, curiosidades, notícias, entretenimento, blogosfera,

%d blogueiros gostam disto: