Made in Blog

Política, curiosidades, notícias, entretenimento, blogosfera,

Sistemas de magia

Conhecimento Antigo

Magia do Egito

Sistemas de magia

Magia Contemporânea e Teosofia

A magia contemporânea encontra raízes no trabalho de iniciados como Eliphas Levi e Papus. A teosofia, ou a moderna teosofia, tem, como um de seus fundadores, Helena Petrovna Blavatsky, que foi buscar, no oriente, a fonte de seu importante sistema filosófico. Este sistema não se apresenta exatamente como os sistemas utilizados pelos estudiosos de magia, mas, antes, pretende transmitir o conhecimento esotérico universal que estaria contido em toda e qualquer tradição filosófica ou religiosa. Blavatsky considera, por exemplo, que todos os homens são magos no sentido último da palavra, pois todos podem utilizar o divino poder criador, seja através do pensamento, palavra ou ação.

Magia Universal

A magia universal pode ser definida como: ato de manipular energias espirituais, utilizando-se de toda e qualquer forma de magia existente, independente de sua origem, através de objetos de qualquer natureza, ações ou reações, com objetivo de alcançar desejos próprios ou de terceiros.

  • Objetivos na magia universal de acordo com seus seguidores: autoconhecimento, autocontrole, elevação espiritual e intelectual, equilíbrio social e emocional, domínio do próprio destino, tanto nomundo carnal quanto no futuro mundo espiritual;
  • Código de Ética da Magia Universal: sinceridade, verdade, humildade, respeito aos seus fundamentos e práticas religiosas e aos demais segmentos religiosos independente de sua origem, respeito à todo ser humano ou espiritual independente de sua posição social, raça ou crença; proteger os fundamentos secretos da magia universal e a todos ligados a ela, direta ou indiretamente quando assim solicitarem sigilo; não influenciar terceiros em sua decisão de iniciar-se ou não na magia universal;

Sempre que citamos o sujeito como masculino, também nos referimos ao feminino, ou seja: qualquer degrau da magia universal pode ser ocupado tanto por homens quanto por mulheres, independente de sua cor, raça, ocupação social ou orientação sexual.

Nesta doutrina, os adeptos são conhecidos como:

  • Mestre: aquele que é chefe de seu clã, ou seja, o mago;
  • Discípulos: aqueles que seguem as orientações e ensinamentos de seu mestre.

O mestre chama todos os integrantes de seu clã de discípulos, jamais chama-os de “filhos”. Os discípulos chamam o mago do clã de mestre, jamais de pai ou mãe; Não existem padrinhos ou madrinhas, apenas testemunhas de ritual; Não existem beijos nas mãos como “pedido de benção”: a forma de saudação entre os integrantes, independente de seu degrau, é um aperto de mão estendido, ou seja, a mão de um aperta o antebraço do outro; Em virtude de não haver o tratamento e simbolismo de “família” dentro da magia universal, podem existir relações de qualquer natureza entre seus integrantes, tanto de discípulos com discípulos quanto de discípulos com mestre;

Magia sexual

Agrupam-se, neste item, diversos sistemas (Thelemita, gnóstico etc.) que representam uma versão ocidental da Tantra. A base destes sistemas é a concepção que o sémen do homem e a vulva da mulher são sagrados.

A magia sexual divide-se em diversos sistemas diferentes e conflitantes, a maioria deles derivados do sistema originalmente desenvolvido por Paschal Beverly Randolph e depois por Theodore Reuss na Ordo Templi Orientis (O.T.O.) Podemos considerar os diversos sistemas de magia sexual:

  • Ansariético: criado pelos Ansarichs ou Aluítas (em inglês: Ansaireth ou ainda Nusairis) na Síria antiga
  • Eulis: criado por Pascal Beverly Randolph, um iniciado entre os Aluítas;
  • Sistema da 0. T. 0.: sistema de magia sexual que foi a base daTantra ocidental;
  • Sistema da Fraternitas Saturni: é derivado da O.T.O.;
  • Sistema Maatiano: criado por dissidentes da O.T.O.;
  • Sistema da 0. T. O. A.: derivado da O.T.O., faz uso de práticasastrais de magia sexual;
  • Caos: sistema mágico baseado em “automagia sexual”;
  • Movimento Gnóstico Cristão Universal: sistema de magia sexual acentuadamente ascético fundado pelo neognóstico Samael Aun Weor

Thelema

Sistema criado por Aleister Crowley a partir do recebimento do “Liber AI Vel Legis” (“O Livro da Lei”). Trata-se do início de uma Nova Era (Aeon) de Aquário, onde o ser humano percebe-se como centro de seu próprio universo, assim divino. Thelema, em grego, significa “vontade”. Os axiomas mais importantes para os Thelemitas, constantes no “Livro da Lei”, são: “Faze o que tu queres que há de ser tudo da Lei” (Do what thou wilt shall be the whole of the Law) e “Amor é a lei, amor sob vontade” (Love is the law, love under will), que, diferentemente do que muitos interpretam, não significa “fazer o que quiser”, mas sim a realização daquilo que chamam de “Verdadeira Vontade”, sempre lembrando que isso é um ato de amor perante ahumanidade, mas um amor colocado sob domínio da vontade.

Gnosticismo Samaeliano

Samael Aun Weor, fundador do Movimento Gnóstico Cristão Universal, ensinou a magia sexual como um dos pilares fundamentais do que chamou Revolução da Consciência. Sua principal característica é o que o próprio autor chama de “ascese revolucionária da Era de Aquário”. Ainda de acordo com o autor, metafisicamente, seu processo consiste na “mescla inteligente da ânsia sexual com o entusiasmo espiritual”. Contudo, em termos que se atêm somente à fisiologia desta classe de magia sexual, esta consiste, em suma, na conexão dos órgão genitais masculinos e femininos (chamados pelos termos orientais Lingan e Yoni) evitando-se o orgasmo, tanto masculino quanto feminino, e a perda do sêmen.

O.T.O. (Ordo Templi Orientis)

A Ordo Templi Orientis, fundada por Theodore Reuss e Karl Kellner no princípio do século XX, baseou-se inicialmente na aplicação dos conhecimentos do tantra sobre o sistema da maçonaria. Quando o ocultista inglês Aleister Crowley passou a ter o controle da ordem, seus rituais e filosofia básica foram reformulados para serem interpretados e trabalhados sob a chamada Lei de Thelema. A O.T.O. acabou sendo a origem de diversas dissidências que adotaram diferentes visões sobre a magia. Dentre as dissidências que realizam um trabalho considerado sério, podemos citar a Ordo Templi Orientis Antiqua (O.T.O.A.) e a Tiphonian Ordo Templi Orientis (T.O.T.O.).

Magia Luciférica

Este sistema é desenvolvido por uma fraternidade chamada “Fraternitas Saturni”. É um sistema parecido com o da O.T.O., centralizando suas práticas em magia sexual (em especial nas práticas da “mão esquerda”) e em magia ritualística. A diferença principal em relação a O.T.O. é que, enquanto esta busca a fusão individuada com a energia criadora, porém sem uma representação central, a Fraternitas Saturni busca elevar o espírito humano a uma condição de divindade, representada por Lúcifer. O sistema possui 33 graus.

Magia Enoquiana

A magia enoquiana é um sistema simbolicamente complexo, que consiste na evocação de energias (também chamadas de entidades), e foi proposto pelo astrólogo e alquimista John Dee e por Edward Kelley. O sistema foi posteriormente estudado pela Golden Dawn e por Aleister Crowley.

Magia Musical

Criado por uma renomada ocultista, Juanita Wescott, estudiosa do sistema de Franz Bardon. O sistema de magia musical faz uso dos mais elevados ensinamentos do hermetismo e da cabala, do ponto de vista de Franz Bardon.

Magia Avaloniana

A magia avaloniana é uma forma de espiritualidade Celta, assim como o druidismo e a wicca. Visa principalmente à adaptação da espiritualidade europeia ao Brasil, local onde surge. São politeístas,animistas e creem na transmigração da alma. Trabalham comreconstrucionismo celta.

Wicca

Religião fundada por Gerald Gardner em 1951, resgatando práticas religiosas dos povos celtas. É uma religião voltada para os cultos à natureza, com politeísmo, magia e exoterismo.

Xamanismo

Sistema que deu origem a diversos cultos e religiões e cuja origem remonta à Idade da Pedra. O xamã é uma espécie de curandeiro, com poderes mágicos especiais.

Candomblé

É um sistema semelhante ao vodum, muito popular no Brasil. Consiste na invocação de orixás, voduns e inquices africanos, considerados ancestrais divinizados.

Vodu haitiano

É um sistema popular no Haiti. Assemelha-se ao candomblé e aovodum africano.

Vudu da Luisiana

O vudu da Luisiana é associado à tradição creole de Nova Orleans.

Umbanda

É uma fusão de várias religiões, notadamente a pajelança e ocatimbó, com predominância deste último. Na umbanda, há a invocação, geralmente, de caboclos e pretos-velhos, enquanto que, no candomblé, invocam-se os orixás.

Quimbanda

É um sistema de magia que trata da invocação de entidades chamadas Exus, podendo-se, com a ajuda dessas entidades, fazer tanto o bem quanto o mal.

Outros sistemas

Existem inúmeros outros sistemas místicos e/ou mágicos que possuem os mais diversos fundamentos. O ponto em comum desses diversos sistemas seria atingir um objetivo através do uso de meiossobrenaturais ou ocultos.

Fonte: Wikipedia

Você também pode gostar de:

O que é magia

Descobertas de Maria a judia

Seria Nostradamus um farsante

Celebridades ligadas às ciências ocultas

A evolução do ser humano

Tecnologias do Paquistão

 

julho 16, 2015 Posted by | Reflexões | , , , | Deixe um comentário

Virais que geram visitas

marketing viral

Gerando Visitas

Hoje, vamos discutir sobre uma forma polêmica de gerar tráfico para um site, o viral. É bom que se diga que o viral não é específico da internet, não é a primeira vez, nem será a última que trataremos desse assunto.

Um viral é uma forma autêntica e irreverente de publicidade, isso porque foge dos padrões normais de comunicação, conduta, comportamento, deixando os interlocutores sem saber o que fazer, já que não apresentam protocolos previamente estabelecidos.

Podemos notar os virais, em notícias, assim como podemos notar, também, mensagens subliminares e manipulação dessas notícias, o que exige até habilidades de comunicação institucional, quando se trata de mídia de massa.

Isso resolveria os problemas de um governo, se não fosse a internet, onde um simples comentário de blog pode ir parar no New York Time ou colocar todas as forças armadas em alerta máximo, deixando o governo mais poderoso do planeta numa situação constrangedora. Isso é um viral.

01) Morte – Por mais que eu tente evitar, vocês devem ter notado na nuvem de tags desse blog, a palavra morte está bem maior que a palavra vida, apesar de meus esforços em relacionar essas duas palavras.

Acontece que sistemas de buscas, como o Google, transformam as palavras do título do post, em tags. Como a palavra morte desperta mais curiosidade e mais cliques, a palavra morte acaba se destacando da palavra vida.

Quando uma celebridade morre, fazemos uma homenagem, falando de sua vida, mas a morte acaba se destacando das outras palavras.

A morte de Michael Jackson foi um dos primeiros posts a se destacar no site Made in Blog, a morte de Amy Winehouse foi um dos posts que se destacou no blog Buscando Mudanças.

Além da morte de Michael Jackson, outro post que se destacou no Made in blog, foi a guerra entre a Rede Globo e a Rede Record, isso tudo no início do Blog.

Assim, logo no início de minhas atividades, através do Made in Blog, eu pude notar a importância da polêmica na geração de tráfego.

02) Polêmica – É impossível esquecer a encrenca que a Geisy Arruda arrumou na Uniban, escancarando a hipocrisia da sociedade e da gestão educacional. Felizmente, para ela, tudo acabou bem – Eu pensei que ela seria queimada na fogueira.

Dependendo da forma como um assunto é tratado, pode-se tirar boas ou más lições. Aproveitadores de plantão sempre estão atentos, para usar determinados fatos, como forma de atingir ou derrubar o poder.

03) Sensacionalismo – Conteúdos sensacionalistas geram muito tráfego, mas podem cansar também. Nesse caso, as empresas de comunicação estão sempre atentas a audiência, ao menor sinal de queda, mudam suas estratégias imediatamente.

É possível observar boas lições e aprendizados em temas polêmicos, tratá-los de maneira sensacionalista, passa uma ideia de falta de inteligência, criatividade, sensatez.

04) Virais – Todos os temas que geram muita discussão, poderiam ser classificados como virais, mas alguns fatos mobilizam a opinião pública, ocupando todos os canais de comunicação, forçando os pensadores a queimarem seus neurônios para tirar algum proveito de ideias tão banais e populistas.

05) Temas Atuais – Não dá para subestimar notícias ou temas atuais, algumas notícias acabam surpreendendo nos buscadores, mostrando como a sociedade pensa e deixando claro o quanto pode ser perigoso lutar contra um sistema dominado, manipulado.

06) Minorias – Outros assuntos que podem render muita discussão, comentários e audiência, são os temas ligados às minorias. Enquanto a direita extremista conspira, criando uma guerra entre grupos organizados e legitimamente constituídos, é possível trabalhar os pensamentos em sentido contrário, pregando a liberdade, o amor e a tolerância, em busca da verdadeira democracia, vencendo a conspiração das elites.

07) Curiosidade – Alguns temas são contagiantes e curiosos, fazem parte de nosso cotidiano. Esses temas que despertam tanta curiosidade, são sempre bem aceitos e procurados pelos internautas, em agregadores e indexadores, além da internet, de um modo geral.

08) Cultura – Até a cultura, aparentemente tão distante do popular, pode ser transformado num viral. Isso pode acontecer, por exemplo, nas fronteiras de nosso conhecimento.

09) Criatividade – Alguns blogueiros costumam brincar: “Se você não é especializado em nada, não possui nenhuma informação, procure assuntos que ninguém conhece.”

10) Tecnologia – Na internet, Google, Facebook e twitter, são temas muito procurados e discutidos, apesar de a Twitter, hoje, não ser nem sombra da febre que já foi. A ideia de ficar sugerindo celebridades a serem seguidas, por exemplo, é anti-democrático, mas muita gente adora descobrir o Twitter dos famosos.

Não é só a Twitter que sugere. A Microsoft chegou ao cúmulo de colocar todas as suas ferramentas dentro do Hotmail.

As grandes redes estão desesperadas e sobra para os usuários. Falar do Page Rank já foi um dos temas favoritos dos blogueiros, já que ninguém nunca soube como isso funciona.

Observar no painel administrativo de plataformas como Blogger e WordPress, a demanda por conteúdos, é muito importante, assim como é muito importante observar o topo das buscas e rankings, como o ranking do Alexa. Isso nos dá uma idéia sobre o que os internautas gostam ou querem ler.

11) Listas – Afinal de contas, um viral é uma lista ou uma lista é um viral?

As top listas são o jeito favorito de se obter visitas, vão desde os dez santos mais populares até as dez manias mais bizarras, todas as categorias de blogs podem aproveitar. São muito utilizadas por blogueiros que não sabem ou não tem tempo de escrever, ou pelos blogueiros que querem aumentar suas visitas.

12) Fofocas – Se na categoria de tecnologia, Google, Facebook e Twitter, dominam a preferência, entre as celebridades estão: Lady Gaga, Justin Bieber, Charlie Sheen e vários outros.

13) Hype – Eu acho que todos os internautas já se depaparam, pelo menos uma vez, com alguma pegadinha, um título de post, imagem, ou vídeo, que fosse irresistível, levando a pessoa a clicar no link. Isso é conhecido como hype.

Usar uma técnica hype, combinada com um texto viral, é comum, mas abusar dessa técnica pode acabar com a reputação de um internauta ou blogueiro, por isso é bom moderar nas pegadinhas e nas chamadas para o texto.

14) Textos ideológicos e reflexivos – Esse é o tema favorito de blogueiros que querem formar opinião, demonstrar sua personalidade, etc.

Antes de publicar um texto para reflexão, é bom analisar os pensamentos do passado e optar por aquelas ideias que já foram expostos ou discutidas pelo menos uma vez. Autocrítica é fundamental, antes de postar um pensamento pessoal.

15) Mensagens – Esse território é muito fértil, recebemos mensagens o tempo todo, algumas geniais e que foram criadas justamente para serem espalhadas, por isso podemos unir o útil ao agradável.

16) Piadas – Piadas são muito bem aceitas em blogs de todo tipo, mas é bom lembrar as palavras do mestres do humor: “Não existe piada velha, o que existe é piada mal contada”.

17) Imagens e Vídeos – São alguns dos posts mais procurados pela internet, mas é preciso muito cuidado com os direitos autorais, caso seu blog seja muito importante para você. Vídeos amadores são copiados até pelas grandes redes de TVs.

18) Especulativo – Escrever sobre assuntos que você tem certeza que ninguém, mas absolutamente ninguém, domina, pode ser uma boa ideia, mas é bom consultar a Wikipédia para não correr riscos. Ex: A mente, page rank, vida depois da morte, etc.

19) Experiência – Não há um tema mais emocionante para se escrever, que os textos baseados em nossa própria experiência. Esses textos são inteligentes, interessantes, curiosos, e atraem pessoas assim também. Ex: política, profissão, saúde, filosofia, etc.

Combinar algumas formas citadas nessa lista, pode resultar em bons posts e melhorar nossa reputação na criação de conteúdo. Sempre teremos críticas inteligentes e idiotas, as mais perigosas serão a combinação desses dois tipos, portanto, não perca o sono.

By Jânio

agosto 5, 2011 Posted by | divulgação gratis | , , , , , , | 5 Comentários

Sistemas de Links

formas de agregadores

Tipos de Links

A porta de entrada para uma informação, depois da conexão à internet, são os links. Não há nenhuma informação na internet que não passe pelos links.

Desde Xanadu, onde o filósofo Ted Nelson imaginava o acesso gratuito e aleatório as informações, o hipertexto, ocorreram muitas mudanças.

Os links são a base para a reputação de um site; os backlinks, links recebidos, são a base para avaliação do page rank, utilizado pelo buscador Google para suas pesquisas.

Devido a sua importância, muitos blogueiros, webmaster, programadores e outros profissionais, tentam burlar esse sistema virtual.

A possibilidade de manipulação forçou a equipe do buscador Google a desenvolver mecanismos para combater esse ato ilícito. Durante algum tempo, as formas de combate a manipulação foram muito rígidas, ultimamente essa rigidez tem recuado um pouco.

Plataformas como Blogger e WordPress, apresentam em sua configuração inicial as opções follow e nofollow. Essa é uma forma de decidir se o administrador do site é responsável pelos links publicados.

Se a opção nofollow for a escolhida, no ato de criação e configuração inicial de um blog, o buscador não seguirá os links dos comentários, livrando o blog de uma futura responsabilidade pelos maus vizinhos.

A grande maioria dos blogueiros segue o padrão nofollow, impossibilitando a melhoria da reputação do blog em relação aos buscadores.

Uma das alternativas para melhorar o page rank e, consequentemente, a reputação nos buscadores são os pings. Os pings, aliás, não tem outra função imediata senão aumentar o número de backlinks de um site.

Não é só o valor de um link que passa a ser relevante em um site, mas a sua reputação. Se a reputação de um site não é boa, seus links não tem valor algum, nem para os buscadores, nem para futuros patrocinadores.

Se você tem um blog antigo, artigos antigos, com muitas visitas, sem nenhuma reclamação ou denúncias, essas páginas/artigos passam a ter preferência em relação a concorrência. Esse é o motivo de bons artigos novos não terem preferência nos buscadores, demora um tempo até vencerem os antigos.

Quem participa de indexadores e agregadores, passa a construir sua reputação, podendo ser boa ou má, dependendo de como se administra ela.

Eu notei que plagiadores e programadores que copiam textos, não tem boa reputação. Plagiadores utilizam artigos para conseguir visitas, em seguida apagam o artigo, eliminando as provas do crime.

O que poderia parecer um crime perfeito, complica-se, quando a quantidade de links quebrados aumentam. Ao apagar os artigos, os programadores se esquecem do cache, e é no cache que fica resgistrado seu crime.

A justiça no mundo virtual, assim como no mundo físico, é uma balança. Cada vez que algo de bom é feito, ganha-se pontos, quando se comete uma falha perde-se pontos.

Essa justiça é tão comprometedora que algumas vezes é melhor apagar o site e criar outro, devido a má-reputação desse site.

Um bom exemplo de avaliação da reputação é a punição do spammer em comentários, quando alguém publica sua url no texto, ao invés de publicá-lo no formulário, pode ser classificado como spammer.

Quando uma pessoa é classificada como spammer, entra imediatamente na lista negra. Se essa pessoa faz um comentário, publicando a url no formulário, sai da lista negra imediatamente, deixando de ser um spammer, desde que seu comentário seja aprovado, naturalmente.

A google aprovou o sistema de pings, também aprovou o sistema de patrocínio em forma de hipertexto/hiperlinks, mas é bom tomar cuidado com a reputação dos patrocinadores.

A plataforma de blogs da WordPress tem um sistema de tags ousado, cada tag lista o conteúdo de toda a comunidade, fazendo com que todos os blogueiros estejam ligados a todos por esses links.

No caso de liks patrocinados, há uma concorrência entre Mercado Livre, Submarino, Adsense e vários outros junto as bordas do post, enquanto os hiperlinks nos textos são disputados por Hotwords e adwords. entre outros.

Buscadores inteligentes/agregadores , podem não só mostrar a reputação de um artigo (quem lincou para o artigo), como podem, eventualmente, denunciar quem copiou, basta deixar um link oculto para pegar o chupa-cabras.

Sites de ego-searching são muito úteis para ver a reputação de um determinado usuário, através de seus links. A melhor ferramenta é a Collecta, mas ferramentas para Twitter é que não faltam.

É possível escolher na configuração inicial do blog, entre abrir página em uma nova janela, ou abrir na janela atual. Abrindo página em uma nova janela, evita a rejeição, além de facilitar a navegação através das guias do navegador.

A grande vantagem de alguns agregadores é o gerenciamento de links. Essa transparência permite que os links sejam apagados logo que o post seja apagado também, mas nem todos os agregadores oferecem essa opção.

Ter vários links em um mesmo site não resulta em vários backlinks, apenas um backlink é registrado para cada ip/site. Isso mostra a importância de se registrar pelo menos um link em cada agregador da internet, através de artigos.

Se antes os links dos buscadores eram importantes, hoje os links em redes sociais também são muito importantes para a reputação de um site.

Os links internos, linkando para o conteúdo do próprio site, são muito importantes, não só para organizar o conteúdo, mas para mostrar todo o conteúdo do site, como o site map faz.

O site map mostra todo o conteúdo de um site, no caso de sites temáticos, isso é muito bom, já no caso de sites de variedades, a organização do conteúdo, através de links, não é tão simples assim, é feito manualmente através de links internos.

By Jânio

maio 18, 2011 Posted by | internet | , , , , , , , , | 3 Comentários

Amnésia – A zona cega do cérebro

apagão cerebral

Perdido na Escuridão

Quando uma pessoa sofre distúrbio(s) na memória, pode perder a capacidade de reter informações novas ou evocar informações antigas.

Esses distúrbios podem ser provocados por traumas físicos (acidente, queda, pancada, derrames, envelhecimento, etc) ou psicológico (emoções fortes), recebendo o nome de amnésia.

Até há pouco tempo atrás, havia apenas a memória cerebral, hoje temos também a memória digital. Quanto mais analisamos a memória digital, mais ela se parece com a memória cerebral, inclusive na caso da perda de informações; isso nos passa uma ideia prática daquilo que seria apenas teórico.

Tudo o que os médicos estudam e tratam, é baseado nos relatos e informações fornecidas pelos próprios pacientes, dando um caráter teórico a esse processo. Já no caso da memória digital, isso é muito mais prático.

Isso já pôde ser verificado por Freud, ao hipnotizar sua paciente, ela jamais teria revelado espontaneamente suas relações incestuosas. Além disso, mesmo sob hipnose, as experiências podem não ter ocorrido, ficando apenas no imaginário, transe, sonho lúcido.

A perda da memória digital, lembra muito a amnésia, assim como a dificuldade de acesso a “arquivos” de informação.

Muita gente chega a dizer que o ser humano é uma máquina perfeita, devido a sua eficiência, tanto na funcionalidade dos órgãos, quanto no desenvolvimento para a proteção desses órgãos, como é o caso do cérebro.

A região onde está a memória, é uma das partes mais protegidas do cérebro, raramente é afetada totalmente. Quando isso ocorre, pode ocorrer a amnésia permanente ou temporária, mas a memória não deixa de funcionar.

A amnésia pode ser anterógrada, quando a pessoa não lembra de fatos recentes, após o trauma, lembrando dos fatos antigos.

No caso da amnésia retrógrada, a pessoa não consegue lembrar de fatos antigos, antes do trauma, lembrando dos mais recentes.

Há cinquenta anos atrás, um neurocirurgião americano fez uma cirurgia para retirar partes do cérebro de um paciente com convulsões, a cirurgia propiciou a cura que não era obtida pelos remédios, mas provocou uma amnésia anterógrada forte. Recentemente, foi inventado um dispositivo que ajuda a controlar a mente, objetivando o controle de algumas doenças.

Uma amnésia global ou transitória, pode durar de duas a vinte e quatro horas, depois desse tempo, ela se recupera, o indivíduo passa a ter um comportamento normal, permanecendo um espaço em branco nesse período – Isso é o que eu chamaria de desfragmentação do disco, quando o assunto é computação.

Esse tipo de amnésia é de difícil diagnóstico, por apresentar características tanto de amnésia anterógrada, quanto retrógrada. Acredita-se que possa ser ocasionada por baixo fluxo sanguíneo, seu diagnóstico pode ser complexo, mas a cura é simples.

Além da amnésia global transitória, há a amnésia global, esse caso não é tão simples, provoca a demência. Pode ser provocado por traumas graves, ou intoxicações por monóxido de carbono.

A amnésia psicogênica ocorre após traumas psicológicos, volta ao normal após alguns dias, mas pode apresentar falhas. Caso as falhas sejam comprometedoras, pode ser usado terapias cerebrais para a recuperação dessas informações.

Nesse tipo de amnésia, a própria mente pode criar obstáculos subconscientes, devido as emoções serem muito fortes. Sendo retrógrada e anterógrada, exige um tratamento adequado.

Síndrome de Korsakoff – Amnésia anterógrada grave provocada pelo alcoolismo crônico, o que leva a falta de vitamina B1 no cérebro. A pessoa lembra o que já aprendeu, mas tem dificuldade de coordenação e novos aprendizados, não sente os dedos dos pés ou das mãos.

Amnésia alcoólica – Ocorre quando a pessoa bebe demais ou em pessoas que bebem apenas socialmente. Nesse caso a pessoa permanece consciente, mas não se lembra de nada (quando estava alcoólica) depois que o efeito passa.

OBS: Apesar dos dados científicos aqui citados, esse texto não representa necessariamente a opinião do autor. Em casos como amnésia psicogência, por ser demasiadamente teórica, ou no caso do alcoolismo, onde eu tenho notado casos de lembranças claras.

Pessoas bêbadas preferem não se lembrar, mas há uma exceção, no caso de um amigo meu. Ele é um alcoólico assumido, além de ser muito bravo – Mexer com ele bêbado, pode trazer sérias consequências.

Há outros casos, mas esse eu estudei bem de perto.

Fontes:

Wikipedia

Brasil Escola

Texto: By Jânio

abril 21, 2011 Posted by | Ciências | , , , , , , | 7 Comentários

Para que serve o Dia do Beijo

histórias dos beijos

Imagens de Beijos

Vocês já repararam que sempre no Dia dos Namorados, ou no Dia do Beijo, estamos sozinhos? – Não? – Então é porque você está namorando – Não? – Então você é casado? – Não importa, eu não vou perder esse texto.

Quem não está namorando, ou não é casado, passa por um conflito psicológico – “Está vendo, você foi terminar tudo, agora está sozinho. Você poderia estar comemorando esta data, ao invés disso, está curtindo a fossa”.

Não é todo mundo que passa por esse conflito – Eu sei – algumas pessoas nem se importam em demorar para ter o(a) primeiro(a) namorado(a) – a a a – e eu até acredito nisso. É sério, algumas pessoas chegam aos 17, 19 anos, e não estão nem aí para a vida amorosa.

Algumas pessoas não dizem que o chocolate é o substituto natural para o amor? – Então! – Tem o substituto natural para o chocolate, o substituto para o chocolate.

Isso me lembra daquela piada do Maurício de Souza, quando o fumante depois de um longo e exaustivo tratamento, finalmente, ouve do médico. “Meu amigo, você está curado!”

O que ele fez em seguida? – Não, ele não chorou e agradeceu a Deus. Ele reuniu os amigos e deu uma festa, a festa começou na segunda, terça, quarta, quinta e sexta-feira, no sábado eles não tinham o que fazer, continuaram a festa, sábado e domingo. Na segunda-feira ele procurou o médico e disse: “Doutor, eu acho que eu me tornei alcoólico…”

Eu sei que é filosofia infantil, mas a vida é assim mesmo.

Eu creio que o Dia dos Namorados e o Dia do Beijo, foram criados somente para motivar as pessoas a procurarem seus parceiros, portanto uma forma diferenciada do cupido acertar o alvo.

…aí veio o cupido do mal, é, aquele que tem chifrinho, e criou o dia do sexo – Não! – Não me perguntem para que foi criado esse dia, isso é coisa de pervertido…

Os Melhores filmes de beijos de todos os tempos

As melhores cenas de beijos

Melhores Beijos Clássicos

Os Melhores Beijos Lésbicos

By Jânio

abril 14, 2011 Posted by | Piadas | , , , , , , , , , , , | 4 Comentários

Investigação de um cidadão acima de qualquer suspeita

Procurado pelo FBI

Suspeito de Terrorismo

A diferença entre um país e outro, quando se trata de violência, é grande.

A Inglaterra, por exemplo, chegou a matar um brasileiro inocente, numa época conturbada, sob ameaça terrorista.

Apesar disso, a Inglaterra é considerada uma nação rígida no cumprimento da lei, na manutenção da segurança. Locais de risco são constantemente vigiados por policiais sem armas de fogo, as prisões juvenis são uma realidade, inclusive para ricos, que pagam pela estadia “de luxo”, sendo obrigados a seguir uma disciplina rígida e de isolamento.

No território inglês não se nota a violência do resto do império britânico.

Eu tenho uma ideia de que a polícia deve prever as ações dos bandidos, colocando-se antecipadamente nos locais de maior risco, mantendo homens para vigiar aglomerações de suspeitos, enfim, a polícia deveria ser inteligente.

Num país como o Brasil, não é isso o que acontece, parece que quanto maior a miséria, mais as pessoas precisam das igrejas, políticos e polícia. Todo o sistema de nossa sociedade parece se beneficiar com a desgraça da população.

Se não houvessem tantos problemas sociais, talvez as pessoas não procurassem as igrejas, não vendessem os votos em troca de favores políticos.

Para a polícia que tem interesse em combater o crime, há duas linhas de investigação, segundo um seriado especialista no tema, baseado em arquivos da polícia federal americana, Arquivo X:

1 – Quando bandidos fazem ameaças, ou reivindicam, o propósito racional de darem essa informação, é para permitir que os impeçam. Seu objetivo é promover a si mesmo.

Segundo as estatísticas, há um padrão modelo para todos os casos, onde uma ameça faz com que o crime seja confirmado, e solucionado na maioria das vezes. Se não agirem rápidos, ignorando os dados estatísticos, a lógica, o óbvio, o crime não será solucionado, vidas estarão em risco.

2 – No caso do elemento surpresa, é diferente. Atos isolados, imprevisíveis, sem antecipar imprevistos, nem esperar nada num universo de possibilidades infinitas; pode-se ficar a mercê de qualquer fato ou ato, qualquer coisa que não possa ser programada, categorizada, ou facilmente consultada.

Nesse caso,  o que vale é o pressentimento, a capacidade de farejar e investigar, seguidos apenas pelo instinto e pelo ambiente em que se encontram.

No caso do filme “Suspeito Zero”, um ex-agente federal consegue se antecipar  em quase todos os crimes, numa capacidade de “farejar” inacreditável, até para a própria polícia, que o vê como suspeito desses crimes.

Sua capacidade de estar sempre no local do crime, no momento exato em que eles acontecem, é a principal prova que pode incriminá-lo.

O filme cria um clima de gato e rato, onde os culpados pelo crime são assassinados, mas os crimes continuam acontecendo,  o próprio policial dá sinais de insanidade, podendo ser o assassino.

Suspeito Zero – Segundo a teoria, criada pelo antigo agente, um assassino em série poderia atravessar todo o país sem ser pego, contrariando padrões e repetição de comportamento. A teoria supõe alguém sem padrões, uma máquina assassina aleatória que nunca deixaria pistas, nem agiria de acordo com o que a polícia pensa, não a polícia comum.

Suspeitos zero não obedeceriam as leis ou normas comuns, contrariamente, seguiriam o contraditório, aparecendo onde não deveria aparecer, fazendo o que não deveria fazer, agindo de maneira contrária ao esperado. Segundo a teoria do suspeito zero, o próprio criador dela poderia ser o assassino, ou seja o policial poderia ser o assassino.

Para saber se o policial é o assassino, a polícia tem de achá-lo primeiro.

O mais curioso nessa história, é que a polícia poderia resolver outros casos enquanto investiga esse, devido aos ambientes sórdidos, ao faro e a intuição para desvendar um crime, desenvolvido pelo criador dessa teoria.

By Jânio

agosto 27, 2010 Posted by | Cinema | , , , , , , , , , , , , , , | 5 Comentários

O desejo mórbido da pena de morte

pena capital

Pena de morte

A punição para um crime grave, sempre gerou polêmicas, pelo fato de revoltar a sociedade, ultrapassando os limites daquilo que se considera humano. Por outro lado, a mente doentia de alguns indivíduos e sua maldade sem limites, não tem solução, por isso a necessidade de erradicar esses excessos.

Ainda há controvérsias, sobre o que seja doença e o que é um crime frio e calculista, como é o caso da pedofilia, por exemplo. Algumas pessoas se negam a acreditar que o pedófilo seja doente, outras não tem dúvidas que o pedófilo é um fruto da própria sociedade, onde há hipocrisia e machismo, onde o rico tem uma justiça diferente do pobre, criando uma decadência sem fim, dentro do sistema judicial que conhecemos.

Algumas doenças não tem cura, é verdade, mas podem ser tratadas. O tratamento será contínuo, deverá ter a participação da  família e das autoridades envolvidas.

Para crimes que a sociedade não tolera, a justiça é aplicada com todo o rigor: pena máxima, pena capital ou pena de morte.

Na maioria dos países do mundo, a pena de morte não é mais aplicada, apesar de ainda estar prevista na constituição. A justiça não ousa aplicar a pena, por considera-la ultrapassada  e de uma responsabilidade acima do que a sociedade possa decidir.

Em países como a Argentina, a pena de morte está prevista, mas só em casos raríssimos, como crimes de guerra, essa raridade condicional prevalece em grande parte dos países que adotaram a pena de morte.

Os crimes sexuais deixam bem claro que o machismo social não é privilégio de países pobres, o crime considerado para o homem, raramente previsto para a mulher. Os Estados Unidos são um bom exemplo de aplicação da pena com o máximo rigor, para homens e mulheres, mas não deixa de ter seu lado machista. È dos Estados Unidos também, onde vem as maiores polêmicas em torno da pena de morte.

A pena de morte, mais do que uma decisão da justiça, ou o que é certo ou errado, é uma questão cultural. Muitos países islâmicos aplicam a pena de morte, relacionando-os a religião; são os países muçulmanos também, os menos tolerantes com as drogas.

Na China, a pena de morte é implacável, a questão política é a mais cogitada. Recentemente, foi o crime contra a saúde que decretou a morte do principal envolvido com a contaminação do leite, distribuído à sociedade, os outros dois pegaram prisão perpétua.

Notem a sutileza, enquanto o culpado morreu, os dois cúmplices vão passar o resto da vida contando a história.

A Rússia, outrora, com um regime rígido e implacável, há muito tempo não executa ninguém, mostrando o peso da política no julgamento.

A ONU, apesar de já não ter nenhuma autoridade no mundo, sua representatividade é muito importante, demonstrando o que o mundo pensa. O caso do Iraque é um exemplo, enquanto o mundo era contra a invasão, os EUA invadiram, contrariando as decisões tomadas e ainda condenaram o ditador a morte, sem melhorar em nada as condições daquele país, pelo contrário, aumentou o número de países com ódio capitalista e criação de grupos terroristas, como o Afeganistão.

O Brasil é o único país, em língua portuguesa, que prevê a pena de morte, mas apenas em casos de guerra, apesar disso, a polícia secreta do regime militar executou muitos manifestantes, contrários ao Governo.

Portugal foi um dos primeiros países da Europa a abolir essa lei. Além de Portugal, Angola, Moçambique, Guiné Bissau, Cabo Verde, São Tomé e Príncipe, todos esses países, de língua portuguesa aboliram a pena de morte.

No mundo todo, setenta e quatro países mantém a lei da pena capital ativa, o restante dos países, ou mantém essa lei inativa, ou aboliu definitivamente.

Segundo a Wikipedia, as formas de execução são as mais variadas:

Veja a lista, ao longo dos tempos:

Asfixia

Fogueira

Crucificação

Esmagamento

Esmagamento por elefante

Morte por mil cortes

Decapitação ( a espada ou machado)

Desmembramento

Afogamento

eletrocussão numa cadeira eléctrica

Desangrado

Fuzilamento

Garrote vil

Guilhotina

Câmara de gás

Forca

Empalamento

Injeção letal

Lapidação (Apedrejamento)

Estrangulamento

A Roda

Inanição

O serrote

Paredão

Precipitação

Tapocrifação

Touro de latão

Dos Estados Unidos vem as histórias de erros judiciais mais comuns, ironicamente, é o país onde mais se acerta, ou deveria se acertar as decisões judiciais. Há casos de inocentes que já estavam no corredor da morte, a questão do álibi aqui, é um fator de vida ou morte.

Na Inglaterra, a pena de morte chegou ao limite, quando executaram uma criança. Os britânicos continuam condenando as crianças à prisão perpétua, mas a pena de morte, para as crianças, foi forte demais até para seu rígido sistema.

Países mal estruturados, como o Brasil, a pena de morte está presente nas ruas, uma pessoa pode ser executada a qualquer momento. Curiosamente, os malandros e os políticos nunca são vítimas de balas perdidas ou de homicidas.

A pena de morte causa na sociedade uma sensação de estar punindo e erradicando a criminalidade, na verdade isso não passa de um desejo mórbido que precisa ser satisfeito de alguma maneira.

Os criminosos do Brasil, por exemplo, quando assaltam, alguns nem usam armas, tamanho o terror e medo de suas vítimas, outros pedem o dinheiro, antes de partir para a ação de fato. Detalhe: eles são menos propensos ao homicídio do que se pensa, mas são muito mais violentos, instáveis psicologicamente e, quando drogados, o que quase sempre acontece, reagem de maneira inesperada.

Esse tipo de pena de morte pode ser facilmente evitado:

Primeiro – Deixe que ele, o assaltante, tenha a sensação de controle da situação.

Segundo – Faça gestos lentos, se puder, avise o assaltante o que você vai fazer.

Terceiro – Não mexa no câmbio do carro ou algo que pareça uma arma, muita gente já morreu assim.

Quarto – Deixe algum trocado separado, em uma bolsa, bem a vista do bandido.

Quinto – Nos  primeiros trinta segundos, você está correndo altíssimo risco de vida, apesar de seu coração e cérebro ainda não sentirem o efeito. Nos próximos dois minutos, você corre risco moderado; a partir dos cinco minutos, será o bandido que estará correndo perigo em suas mãos, mantenha a calma.

Sexto – Não reaja em hipótese alguma, a maioria dos bandidos estudam as suas vítimas, outros atacam em grupo Você pode estar na mira, cuidado.

Sétimo – Evite regiões de alto risco, ou andar sozinho(a).

Oitavo – Não tenha trauma, avise a polícia, só assim você poderá evitar ser assaltado, novamente, pelo mesmo assaltante, além de contribuir para a estratégia da polícia.
A maior pena de morte, no mundo, ainda são originadas pela corrupção política.

By Jânio

janeiro 12, 2010 Posted by | Reflexões | , , , , , , | 12 Comentários

   

Karmas e DNA.

Direitos autorais: Fernanda vaz.

Academia New Star Fitness

A fine WordPress.com site

Gramofone Lunar

Músicas, Versos e Outras Histórias

baconostropicos

Documentário "Baco nos Trópicos"

relutante

leve contraste do sentimentalismo honorário

entregue a solidão

é oque me resta falar e oque me sobra sentir

RB Solutions

Soluções em informática, comunicação e tecnologia

Bora' para Ireland

Smile! You’re at the best WordPress.com site ever

sarahrosalie

A topnotch WordPress.com site

Suburban Wars

"Let's go for a drive, and see the town tonight"

Made in Blog

Política, curiosidades, notícias, entretenimento, blogosfera,

%d blogueiros gostam disto: