Made in Blog

Política, curiosidades, notícias, entretenimento, blogosfera,

Quem roubar primeiro

Poder do Dinheiro

Poder do Dinheiro

Eu tenho lido muitas críticas ao capitalismo, sistema mais forte entre todos os que foram implantados nas últimas décadas. Sempre me vem uma pergunta perturbadora à cabeça: Capitalismo é um sistema político, social, econômico, ou seria uma mistura de tudo isso?

A terceira opção é a mais adequada mas não ajuda muito, ao invés disso, traz uma nova pergunta: Qual é o setor predominante no capitalismo?

A resposta é óbvia e está no próprio nome desse dito sistema econômico, portanto, a economia prevalece. É através desse sistema que os magnatas capitalistas conseguem privilégios, lucros, e poder, muito poder.

Entretanto, nem todos os países são iguais. Em países elitizados como o Brasil, os magnatas capitalistas decidem quem deve ser pobre, ser preso ou morrer.

Para protegê-los, um subsistema tem sido elaborado a perfeição, o sistema burocrático.

A burguesia também tem sido privilegiada por esse sistema burocrático, afinal, a maior parte do trabalho/crime, burocrático é executado por burgueses da Idade Contemporânea. É através desses trabalhos criminosos que o errado é visto como certo, sem que ninguém consiga provar o contrário.

Recentemente, houve muitas manifestações contra a censura na internet, a mídia com maior audiência do mundo. Apesar de ter a maior audiência, a internet não é considerada mídia de massa, já que é uma ferramenta pessoal, dividida por canais.

Muitos grupos financeiros tem se mobilizado em torno das principais ferramentas, com o intuito de transformar a internet em mídia de massa, mas ainda não conseguiram. A maioria das ferramentas são compradas, mas sempre tem uma que foge ao controle do dinheiro, já que é muito difícil saber qual vai se destacar.

No fundo, não são os direitos autorais que preocupam mais os capitalistas, é o monopólio da informação que encontrou um adversário a altura, apesar de a maioria dos internautas repetirem informações prontas.

Entretanto, o direito autoral é uma das vítimas da burocracia. É através da burocracia que o autor perde seus direitos para as empresas capitalistas, as mesmas que lutam para censurar a internet.

Essa prática não é nova, há muito tempo que autores consagrados da pintura, escultura, letras, músicas e outras áreas, tem morrido na miséria. Os próprios banqueiros Rothschilds, idealizadores do poder pelo capital, tem investido muito em obras de arte.

A maioria dessas práticas criminosas são legais e dificilmente um ladrão de composição musical irá para a cadeia, isso porque a arte é uma área extremamente lucrativa, não para o autor, mas para as empresas que se apropriam, adquirem dessas obras. Assim, ou o autor faz um acordo e aceita as migalhas, ou ficará sem nada.

Nesse mundo criminoso, tem surgido empreendedores especialistas em crimes burocráticos, como é o caso de Sílvio Santos, um empresário dono de uma das maiores redes de televisão do país e que conseguiu a façanha de dar um golpe de quatro bilhões e meio de reais nos cofres públicos.

Algumas pessoas se espantaram com o golpe do Grupo Sílvio Santos, mas não o suficiente para afetar a sua audiência.

O Caráter do empresário já poderia ser avaliado pela sua história. Começou como um camelô, tornou-se um apresentador de programas, dono de TV, rede e criou um sorteio/concurso para disfarçar o jogo que é ilegal no país, e que era monopolizado pela máfia dos políticos.

Entre seus famosos golpes, estava a extinta Rede Manchete que ousou desafiar o poderio da Rede Globo e pagou por isso. Muitas histórias em torno da transação foram veiculadas pela imprensa, numa época em que a Rede Globo praticamente detinha o monopólio da informação.

Segundo tais informações, a negociação da falência da Rede Manchete envolvia até presidente da república, mostrando a força da Rede Globo que, por sinal, foi responsável pela queda desse presidente.

A transação foi impugnada, a fumaça baixou e logo surgiram os boatos que um grupo estrangeiro havia comprado a Rede de TV. O conteúdo da TV, entretanto, estava nas mãos do empresário Sílvio Santos, que se faz de dissimulado quando a questão dos direitos autorais vem à tona.

A Rede Globo que via seu monopólio em risco, nem imaginava que uma nova ferramenta surgiria depois disso e que seria incontrolável, a internet.

A Rede Globo começou de forma obscura, cresceu, eliminou os concorrentes, com a ajuda de capital internacional, o que era proibido e fez alianças com políticos como Collor e Sarney, afiliados da rede, e com Ricardo Teixeira e família, com direito a João Havelange, FIFA e outros golpes.

No Paraná, uma pequena ideia se tornou um grande negócio, a lavagem de dinheiro.

A rede de bancos públicos do governo do estado do Paraná criou uma máfia de lavagem de dinheiro jamais vista no Brasil, talvez no mundo.

Jaime Lerner era o governador que atraía as empresas do mundo inteiro e tornava-se celebridade conhecida, o crime de lavagem de dinheiro era perfeito, já que envolvia toda a alta burguesia brasileira, desde políticos e empresários, até apresentadores de TV e jogadores de futebol, enviando dinheiro para infernos fiscais.

Uma coisa que nunca pode ocorrer em grandes organizações mafiosas é um erro, cálculo, logística, etc. Erros inevitavelmente atraem a atenção da polícia.

Foi isso o que aconteceu no Paraná, onde dois erros se destacaram. Um apresentador de sorteios que chamou até a atenção de Sílvio Santos, que deu o golpe nos sorteados e desapareceu, e as relações obscuras do governador Jaime Lerner e do presidente da Câmara dos Deputados, Aníbal Cury, com um empresário de desmanche de carros.

Esses dois erros atraíram a polícia que descobriu um gigantesco esquema de lavagem internacional, com direito a bancos no Paraguai e Nova Iorque.

Felizmente, para eles, não há justiça no país, ninguém foi preso e todos viveram felizes para sempre.

… menos o apresentador do sorteio que desapareceu e só PC Farias sabe onde foi parar.

By Jânio

Filosofia anti-democrática

Vendedoras de sonhos e pesadelos

Mapa dos ricos

Anúncios

maio 3, 2013 - Posted by | Política | , , , , , ,

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: