Made in Blog

Política, curiosidades, notícias, entretenimento, blogosfera,

O escândalo das escutas telefônicas

Preço da vingança

Queima_de_Arquivo

Sean Hoare, jornalista do tabloide inglês News of the World, autor das recentes denúncias das escutas telefônicas de pessoas importantes da política britânica, sabia do perigo que corria ao fazer tais denúncias. Eu daria um doce para saber o diagnóstico do médico que o tratou, sabe-se que o tal médico teria dito “você já devia estar morto”, ao ver o estado de seu fígado.

O escândalo das escutas telefônicas, na Inglaterra, lembra-nos de outros acontecimentos escandalosos, recentes ou não. A morte da Princesa Diana nunca foi totalmente esclarecido de maneira convincente, mas o mais famoso, certamente, foi o de Jack, o estripador, justamente por ter entre os maiores suspeitos, alguém da realeza.

Perto dos antigos escândalos, eu não tenho dúvidas sobre a capacidade das autoridades britânicas, em abafar o caso.

O agravante, nesse caso, é a crise. Só a crise explica como práticas centenárias possam ter causado um escândalo.

Analisando o depoimento de Sean Hoare, lembrei-me da frase de um filme infanto-juvenil famoso: “Você não faz ideia do que uma amante é capaz, quando é traída.”

É bom lembrar, aqui, da diferença básica entre prostituta(o) e vagabunda(o): Prostituta é aquela profissional que tem preço fixo; vagabunda não tem preço, mas infernizará a pessoa o resto da vida.

Sean Hoare era um jornalista do tabloide inglês News of the World, sua função era se infiltrar entre celebridades, e quando essas estivessem no auge de suas viagens psicodélicas, obter o máximo de fofocas possíveis – Lembram daquela foto do jornalista Cabrini cheirando cocaína?

Sean Hoare bebia, fumava e cheirava, mas, ao contrário do que as autoridades britânicas querem fazer parecer, não mentia. Entre suas funções, fora treinado para executar escutas telefônicas, sobrou escutas até para o ex-primeiro ministro.

Depois de uma breve carreira perigosa, Sean Hoare viu sua saúde mostrar os resultados. O problema é que o seu chefe, Andy Carlson, ex-assessor do Primeiro Ministro David Cameron, o despediu.

Sendo Andy Carlson o mesmo que o havia usado durante o tempo em que acabou com sua saúde, Sean Hoare resolveu se vingar, contando sua triste história para o New York Times. Na história, Sean conta como estava iludido, ao lado de tanta gente famosa.

Segundo ele, depois de anotar o conteúdo das escutas, as gravações eram apagadas, para que a concorrência não tomasse conhecimento.

O tabloide News of the World é só fachada, como o Banco Panamericano, para obter informações importantes. Depois de um tempo, é só fechar a empresa, ou mudar a razão social, e sua história será apagada.

O problema são as vagabundas, digo, os jornalistas que continuam vivos. Quantas pessoas serão envolvidas no caso, quantas testemunhas serão chamadas a depor, isso determinará a extensão do escândalo.

Além de ser demitido, Sean foi convocado a depor, mas não como testemunha e sim como acusado.

Por trás do tabloide News of the World, estava o magnata Rupert Murdock. Ele jura que não sabia de nada, mas a Inglaterra não é o Brasil, toda a elite acabou envolvida.

Sean Hoare apareceu morto. Teria sido assassinado? – De que isso importa, o médico disse que ele já estava morto, a culpa disso tudo foi do médico.

Pedro Color de Mello recebeu o diagnóstico médico, pior para o ex-presidente Fernando Color de Mello. O ex-presidente chegou a afirmar que o irmão estava louco, e ele estava realmente louco de raiva, não perdoou nem a própria mãe.

PC Farias era a principal peça-chave, pior para ele. Na Inglaterra não foi diferente.

Murdoch ameaçou a concorrência: Eu não sou a única pessoa má nessa história, e Sean Hoare apareceu morto.

Sean Hoare havia se transformado de testemunha em acusado – isso acontece muito no Brasil – por isso, não pensou duas vezes e descarregou sua arma, antes de morrer. Definitivamente, estamos falando da Inglaterra, PC Farias virou uma alma penada, depois de morrer.

John Yates, comissário da Scotland Yard, enrolou-se no caso, ao transformar a testemunha em acusado, enquanto a própria Scotland Yard afirmava que a morte de Sean não estava sob suspeita de assassinato.

David Cameron afirmou que confia em seu ex-assessor, Andy Carlson, afirmando ser o amigo inocente até que provem o contrário.

Lista de culpados, até agora:

01 – Tabloide News of the World

02 – Andy Carlson

03 – Rebekah Brooks

04 – Sean Hoare

05 – David Cameron

06 – Rupert Murdoch

comissário da Scotland Yard, John Yates

É, meus amigos, o morto também é culpado.

– Está ouvindo, PC Faria? – Você também é culpado.

By Jânio

Anúncios

julho 21, 2011 - Posted by | Internacional | , , , , , , ,

3 Comentários »

  1. Saudações!
    Amigo JÂNIO:
    Eu acho que esse manancial de denúncias do caso em tela está somente no inicio do novelo. Até porque, um executivo dessa envergadura não coloca a carreira em cheque de forma gratuita. Quando ele resolveu colocar a boca no arame farpado é porque possivelmente tinha o aval de superiores. Possivelmente, eu acho, que o caso que veio a baila, deveria ser um grande projeto de poder. No momento, ainda é cedo para ter a dimensão exata desse panelaço de péssimos profissionais.
    Parabéns por mais um excelente Post!
    Abraços,
    LISON COSTA.

    Curtir

    Comentário por LISON COSTA | julho 21, 2011 | Responder

  2. Olá Lison:

    Eu também acho isso.

    A morte do jornalista mostra que a investigação poderia afetar muita gente grande, e conspirações assim não devem chegar ao conhecimento do povo, pelo menos na opinião deles.

    Resta saber até onde o Governo inglês levará essa investigação, já que a cúpula da polícia aparece envolvida também.

    Conspirações são todas iguais, tanto em países de terceiro mundo, como o Brasil, como no primeiro mundo, como a Inglaterra.

    ABS

    Curtir

    Comentário por Janio | julho 22, 2011 | Responder

  3. O Guardian faz exactamente o mesmo tedtulo, erobma de facto tenha uma notedcia associada. Mas apenas diz que para je1 ne3o e9 suspeita. E que se sentiu mal e foi ao me9dico. Pode-se especular… alie1s aqui os comentadores je1 o fazem. Mais uma teoria da conspirae7e3o.Pessoalmente acho o econf3mico muito pouco profissional. Repete a mesma coisa nas treas primeiras frases e de notedcia ne3o tem nada. Fraquinho e9 a favor. — JRF

    Curtir

    Comentário por Wissal | dezembro 11, 2014 | Responder


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Made in Blog

Política, curiosidades, notícias, entretenimento, blogosfera,

Marca Livro

A arte de criar histórias em prosa ou verso

bastet - protetora dos gatos

todos os animais merecem o céu e os gatos principalmente

Blog CIN 5018

Informatização de Unidades de Informação

The Promise Carrier

Ebrael's official website in English.

detudosobretudoblog

Este site vai aborda todos os temas voltado para as mulheres

Letícia Giacometti Ribeiro

O diário de uma estudante de Jornalismo

Caminho Alternativo

Geopolítica, atualidades e opinião

Escrita em Foto

Colunas, textos, fotografias; a vida de alguém que busca mais do que apenas viver.

%d blogueiros gostam disto: