Made in Blog

Política, curiosidades, notícias, entretenimento, blogosfera,

Segundo turno das eleições ao vivo

outubro 30, 2016 Posted by | Política | , , , , | Deixe um comentário

Sessão deliberativa da PEC 241

outubro 25, 2016 Posted by | Política | , , , , | Deixe um comentário

Votação da PEC 241 em segundo turno

outubro 25, 2016 Posted by | Internacional | , , , , | Deixe um comentário

Votação da PEC 241 em segundo turno

outubro 25, 2016 Posted by | Política | , , , , | Deixe um comentário

Eleições 2.016 – Prefeitos já eleitos nas capitais

Mariana Jungmann e Iolando Lourenço

A principal mudança que se observa no primeiro turno das eleições municipais de 2016 em comparação a 2012 foi o desempenho do PT, que desta vez não conseguiu polarizar com o PSDB nas capitais do país. Este ano, entre os candidatos petistas, apenas Marcus Alexandre conseguiu se reeleger em primeiro turno em Rio Branco (AC). O PT também conseguiu enviar João Paulo para o segundo turno no Recife (PE).

eleições municpais 2016
Ao todo, oito capitais tiveram as eleições definidas em primeiro turnoArquivo Agência Brasil

Os tucanos, no entanto, não só conseguiram manter o mesmo número de candidatos disputando o segundo turno, oito nas capitais, como aumentou a quantidade de prefeitos eleitos em primeiro turno. Este ano, além de conquistar a maior capital do país, elegendo João Dória em São Paulo, o PSDB também reelegeu Firmino Filho em Teresina (PI).

Em 2012, os dois partidos rivalizavam. Cada um tinha eleito um prefeito em capital eleito em primeiro turno e obtido resultados próximos no número de candidatos no segundo turno: seis do PT e oito do PSDB. Além disso, há quatro anos petistas e tucanos disputaram a capital paulista, com vitória para Fernando Haddad (PT) no segundo turno contra José Serra (PSDB). Desta vez, o atual prefeito sequer conseguiu levar a disputa contra João Dória para o próximo dia 30 e perdeu para o tucano em primeiro turno.

O PMDB teve queda no desempenho no primeiro turno este ano em relação a 2012 nas capitais. Há quatro anos, o maior partido do país tinha conquistado, em primeiro turno, o segundo maior colégio eleitoral – o Rio de Janeiro, com a reeleição de Eduardo Paes – e eleito Teresa Surita prefeita de Boa Vista (RR). Desta vez, conseguiu apenas reeleger Teresa em primeiro turno. No entanto, seis candidatos do partido vão disputar o segundo turno este ano. Em 2012 foram apenas três peemedebistas no segundo turno das eleições municipais.

Ao todo, oito capitais tiveram as eleições definidas em primeiro turno. Além de PT, PSDB e PMDB, também elegeram candidatos hoje PDT, com Carlos Eduardo em Natal (RN); PSB, com Carlos Amastha em Palmas (TO); DEM, com ACM Neto em Salvador (BA); e PSD, com Luciano Cartaxo em João Pessoa (PB).

O segundo turno vai ser disputado em 18 capitais com candidatos de 16 partidos. Estarão em campanha este mês os candidatos de PT, PMDB, PSDB, PR, PDT, PSB, REDE, PSD, PP, PTB, PCdoB, PMN, PSOL, PHS, PPS, e SD. No segundo turno das eleições, os partidos que mais vão se enfrentar são PMDB e PSDB. Eles disputam em Porto Alegre (RS), Maceió (AL) e Cuiabá (MT).

Mais votada

A única mulher eleita em primeiro turno, Teresa Surita (PMDB), foi também a candidata com a maior votação proporcional do país. Ela teve 79% dos votos válidos em Boa Vista (RR), onde foi reeleita. Para ela, um dos fatores que colaboraram para o seu desempenho foi a redução no custo das campanhas eleitorais proporcionado pela nova lei aprovada no ano passado.Teresa Surita disse que a nova lei eleitoral a ajudou a ser reeleita

“A nova lei eleitoral, que diminui o custo das campanhas, ajudou porque colocou os candidatos em condição igualitária. Por exemplo, nós não tivemos que adesivar carros, ou outros gastos grandes com esta parte”, explicou.

Para a prefeita, a crise econômica que afeta todo o país e a consequente necessidade de fazer corte de gastos na prefeitura não prejudicou seu desempenho eleitoral. Segundo Teresa Surita, o empenho com o ajuste fiscal em Boa Vista aumentou a confiança dos eleitores em suas propostas.

“Tudo que nós suspendemos, ou [obras] que atrasamos a entrega, foi acompanhado pelas pessoas. Um exemplo: fizemos concurso público e não pudemos chamar todas as pessoas porque eu não podia comprometer a folha [de pagamento municipal], mas isso passou credibilidade”, disse. “Não propus coisas que não pudesse cumprir”.

Agência Brasil

outubro 3, 2016 Posted by | Política | , , , , , , | Deixe um comentário

Relação de Governadores eleitos

politicos eleitos

Beto Richa

As eleições brasileiras foram destaque no mundo inteiro, Marina Silva, considerada a pessoa mais influente do Brasil, foi citada na maioria das reportagens.  A análise internacional, evidentemente, é feita de uma maneira geral, política.

Marina Silva é considerada uma peça chave no segundo turno das eleições, mostrando a importância do meio ambiente, bandeira que sempre foi levantada pela candidata do PV. Nuestros muy amigos y hermanos argentinos, destacaram a eleição de Tiririca.

Uma incógnita que surge agora é: Marina Silva irá apoiar Dilma ou Serra?

Estrategicamente, Marina chamava a atenção dos eleitores para a possibilidade de uma disputa entre mulheres, num possível segundo turno. Levando-se em conta que Gabeira, fundador do PV, também é fundador do PT, podemos ter uma ideia dos rumos de Marina Silva; político de esquerda sempre será de esquerda, exceto Sarney.

Aliás, o Maranhão deverá ter a filha de Sarney como Governadora.

Em Minas, a tradição também falou mais forte, mesmo com a tragédia da morte do pai de Aécio Neves, ele foi eleito com mais votos que o próprio candidato ao Governo de Minas, que por sinal ele também ajudou a eleger. A família Neves é muito forte nas urnas, mas tem o coração fraco – É, talvez Tancredo não tenha sido assassinado, pelo menos não diretamente.

Depois da desistência do candidato Roriz, o homem, Roriz, a mulher, conseguiu votação para ir para o segundo turno. Só faltou explicar essa confusão para o sistema eletrônico que, inocentemente, mostrou a cara de Roriz, o homem, para seus eleitores.

…mas algum de seus eleitores acabou denunciando o erro do sistema. Brasília mostra que o câncer da corrupção não é tão fácil de ser extirpado.

Fernando Collor mostrou que já não é tão forte nas urnas, gerenciar investimentos do PAC parece não ser bom negócio também.

José Genoíno também deixa de ser uma pedra no sapato do PT, agora só ficaram Calheiros, Sarney …

No ceará, uma nova força política vem se consolidando, depois de ameaçar uma candidatura para a presidência, assustando o PT, Ciro Gomes viu outro Gomes vencer as eleições em seu estado, Cid Gomes, do partido que mais cresce no país, PSB. Pior para o PSDB que perdeu um grande candidato, Tasso Jereissati, depois de ver o fraco desempenho de seu partido, anunciou sua aposentadoria precoce.

As baixas foram grandes: Cesar Maia, no Rio de janeiro; Arthur Virgílio, no Amazonas, Marcos Maciel de Pernambuco…

No Paraná, a ideia de mudar de lado e de opinião, foi o grande responsável pela derrota de Osmar Dias, da família Dias.

Depois de ver Requião chamando a atenção para o valor das terras da família Dias, numa das cidades que mais cresceu no Brasil, Maringá, coincidentemente, cidade dos “Dias”. A mudança de lado dos Dias, que foram os maiores algozes do PT, no processo do mensalão e na demissão de Palocci, onde Álvaro  dias chegou a interrogar um doleiro preso, provocando uma grande polêmica.

Enquanto a família Dias se unia ao PT, Requião se unia aos seus opositores, mas Requião teve mais sorte e foi eleito juntamente com a candidata do PT ao senado.

Requião tentou consertar sua estratégias, sobre as terras da discórdia, mas Beto Richa, Filho de José Richa, fundador do PSDB, gostou da estratégia e usou as “fazendas milionárias” para derrubar o adversário.

O número de governadores só deverá ser decidido no segundo turno, já que esses números deverão mudar no segundo turno. O PSDB tem mais chances, o que não quer dizer que ganhe, como podemos comprovar na lista abaixo.
ACRE – Porcentagem de Votos

Tião Viana (PT) – 50,56

Tião Bocalom (PSDB) – 49,13

ALAGOAS –  Vai para o Segundo turno 

Teotônio Vilela (PSDB) 39,62 

Ronaldo Lessa (PDT) – 29,19
AMAPÁ – Vai para o Segundo Turno

Lucas Barreto (PTB) – 28,93 

Camilo Capiberibe (PSB) – 28,69  

Jorge Amanajás (PSDB) – 28,23 

AMAZONAS 

Omar Aziz (PMN) – 63,79 

Alfredo Nascimento (PR) – 25,90

BAHIA 

Jacques Wagner (PT) – 63,88 

Paulo Souto (DEM) – 16,09

CEARÁ 

Cid Gomes (PSB) – 61,28 

Marcos Cals (PSDB) -19,51

DISTRITO FEDERAL – Vai para o Segundo turno

Agnelo Queiroz (PT) – 48,41 

Weslian Roriz (PSC) – 31,50 

ESPÍRITO SANTO 

Renato casagrande (PSB) – 82,30

Luiz Paulo Velloso (PSDB) – 15,50

GOIÁS –  Vai para o segundo turno

Marconi Perillo (PSDB) – 46,33 

Iris Rezende (PMDB) – 36,38

MARANHÃO 

Roseana Sarney (PMDB) – 50,08

Flávio Dino (PCdoB) – 29,49

MATO GROSSO 

Silval Barbosa (PMDB) – 51,13

Mauro Mendes (PSB) – 31,91

MATO GROSSO DO SUL 

André Puccinelli (PMDB) – 56,00

Zeca do PT (PT) – 42,50

MINAS GERAIS 

Antonio Anastasia (PSDB) – 62,73

Helio Costa (PMDB) – 34,16

PARÁ – Vai para o segundo turno 

Simão Jatene (PSDB) – 49,10

Ana Júlia Carepa(PT) – 35,89

PARAÍBA – vai para o segundo turno

Ricardo Coutinho (PSB) – 49,74

José Maranhão (PMDB) – 49,30

PARANÁ 

Beto Richa (PSDB) – 52,44

Osmar Dias (PDT) – 45,63

PERNAMBUCO 

Eduardo Campos (PSB) – 82,81

Jarbas Vasconcelos (PMDB) – 14,08

PIAUÍ  – Vai para o segundo turno 

Wilson Martins (PSB) – 46,30

Sílvio Mendes (PSDB) – 30,25

RIO DE JANEIRO 

Sérgio Cabral (PMDB) – 66,08 

Fernando Gabeira (PV) – 20,68

RIO GRANDE DO NORTE 

Rosalba Ciarlini (DEM) – 52,47

Iberê Ferreira (PSB) – 36,19

RIO GRANDE DO SUL

Tarso Genro (PT) – 54,35

José Fogaça (PMDB) – 24,74

RONDÔNIA – Vai para o segundo turno

Confúcio Moura (PMDB) – 44,07

João Cahulla (PPS) – 37,16

RORAIMA – Vai para o segundo turno 

Neudo Campos (PP) – 47,66 

José de Anchieta (PSDB) – 44,96

SANTA CATARINA 

Raimundo Colombo (DEM) – 52,72

Angela Amin (PP) – 24,91

SÃO PAULO 

Geraldo Alckmin (PSDB) – 50,64

Aloizio Mercadante (PT) – 35,22

SERGIPE 

Marcelo Déda (PT) – 52,08

João Alves (DEM) – 45,20

TOCANTINS 

Siqueira Campos (PSDB) – 50,53

Carlos Gaguim (PMDB) – 49,48

GOVERNADORES ELEITOS NO SEGUNDO TURNO:

https://icommercepage.wordpress.com/2010/11/01/dilma-rousseff-e-eleita-presidenta-do-brasil/

 By Jânio

outubro 5, 2010 Posted by | Política | , , , , , , , , , , , , | 9 Comentários

   

Karmas e DNA.

Direitos autorais: Fernanda vaz.

Academia New Star Fitness

A fine WordPress.com site

Gramofone Lunar

Músicas, Versos e Outras Histórias

baconostropicos

Documentário "Baco nos Trópicos"

relutante

leve contraste do sentimentalismo honorário

entregue a solidão

é oque me resta falar e oque me sobra sentir

RB Solutions

Soluções em informática, comunicação e tecnologia

Bora' para Ireland

Smile! You’re at the best WordPress.com site ever

sarahrosalie

A topnotch WordPress.com site

Suburban Wars

"Let's go for a drive, and see the town tonight"

Made in Blog

Política, curiosidades, notícias, entretenimento, blogosfera,

%d blogueiros gostam disto: