Made in Blog

Política, curiosidades, notícias, entretenimento, blogosfera,

Setor turístico cresce na China e já movimenta mais de 10% da economia

Ana Cristina Campos – Enviada especial da Agência Brasil
O turismo na China tem crescido tanto nas viagens internacionais quanto dentro do próprio país
O turismo na China tem crescido tanto nas viagens internacionais quanto dentro do próprio paísFoto: Xinhua/Xu Congjun

O turismo doméstico e internacional tem aumentado entre os chineses, impulsionando a economia e a geração de empregos. Em 2016, a indústria turística chinesa contribuiu com 10,26% do PIB (Produto Interno Bruto, soma de todos os bens e serviços produzidos no país). As informações são do diretor-geral adjunto do Departamento de Marketing e Cooperação Internacional da Administração Nacional de Turismo da China, Feng Litao.

No ano passado, cerca de 122 milhões de chineses viajaram ao exterior, um aumento de 12% comparado com 2015. Em 2016, a China recebeu 138 milhões de visitantes estrangeiros, um crescimento de 3,8% em relação ao ano anterior.

Segundo Feng Litao, em 2016 o turismo doméstico registrou 4,4 bilhões de viagens, o que significa que cada chinês fez, em média, três viagens por ano dentro do país. A população chinesa ultrapassa a marca de 1,3 bilhão de habitantes.

De acordo com dados da Organização Mundial de Turismo (OMT), desde 2012 o consumo dos turistas chineses em viagens ao exterior ocupa o primeiro lugar em âmbito global, alcançando US$ 109,8 bilhões no ano passado. Ainda segundo a OMT, a China contribui com mais de 13% das receitas turísticas mundiais e a indústria do turismo é responsável por 16% dos postos de trabalho na economia chinesa.

O maior apetite chinês por viagens pode ser atribuído ao aumento da renda da classe média urbana. Em 2016, o PIB per capita chinês correspondeu a US$ 8.866. Os destinos preferidos dos chineses no exterior estão no entorno asiático, como Hong Kong, Macau, Japão, Coreia do Sul e Tailândia.

Escritório no Brasil

Para atrair mais visitantes latino-americanos para a China, a Administração Nacional de Turismo do país planeja abrir um escritório em São Paulo, ainda sem data definida. Será a primeira representação da agência estatal na América Latina.

Para que mais chineses visitem o continente sulamericano, Feng Litao sugeriu que as agências de turismo preparem guias turísticos que falem mandarim e planejem itinerários que atravessem diversos países da região.

*A repórter está em Pequim a convite do Centro de Imprensa China-América Latina e Caribe

Edição: Augusto Queiroz
 
Agência Brasil
 

julho 2, 2017 Posted by | Internacional | , , | Deixe um comentário

PF prende ex-ministro do Turismo Henrique Eduardo Alves

Felipe Pontes – Repórter da Agência Brasil
Polícia Federal
De acordo com a PF, o caso é consequência da análise de provas colhidas em várias etapas da Operação Lava Jato  Arquivo/Agência Brasil

A Polícia Federal (PF) prendeu na manhã de hoje (6), em Natal, durante a Operação Manus, o ex-ministro do Turismo Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN), suspeito de corrupção e lavagem dinheiro por participar de desvios nas obras de construção da Arena das Dunas, sede da Copa do Mundo de 2014 na capital potiguar. As fraudes somariam R$ 77 milhões.

Outras quatro pessoas tiveram mandados de prisão preventiva expedidos, incluindo o deputado cassado Eduardo Cunha (PMDB-RJ), que já está preso no Complexo Médico de Pinhais, em Curitiba, no âmbito da Operação Lava Jato.

Brasília - O ministro do Turismo, Henrique Eduardo Alves, fala sobre os Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016, no Palácio do Planalto (Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil)
O ex-ministro do Turismo, Henrique Eduardo Alves, é alvo de dois mandados de prisãoFabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

Alves é alvo também de um outro pedido de prisão, feito pelo Ministério Público Federal do Distrito Federal (MPF-DF), por suspeita de ocultar outros R$ 20 milhões em contas no exterior. Os recursos seriam provenientes da atuação de um grupo liderado por Eduardo Cunha, responsável por irregularidades nas vice-presidências de Fundos e Loterias e de Pessoas Jurídicas da Caixa Econômica Federal.

Os casos são consequência da análise de provas colhidas em várias etapas da Operação Lava Jato, principalmente as decorrentes das quebras dos sigilos bancários e fiscais do envolvidos e dos depoimentos de delatores da empreiteira Odebrecht, homologados em janeiro pelo Supremo Tribunal Federal (STF).

“Foram identificados diversos valores recebidos como doação eleitoral oficial, entre os anos de 2012 e 2014, que, na verdade, consistiram em pagamento de propina. Identificou-se também que os valores supostamente doados para a campanha eleitoral em 2014 de um dos investigados foram desviados em benefício pessoal”, informou a PF.

“No caso de Henrique Eduardo Alves, por exemplo, há relatos da existência de movimentação financeira externa entre os anos de 2011 e 2015, período em que teriam ocorrido os desvios de recursos do FI-FGTS por parte da organização criminosa”, diz uma outra nota, divulgada pela Procuradoria da República do Distrito Federal, que trabalhou em parceria com a Procuradoria da República do Rio Grande do Norte.

Em junho do ano passado, Henrique Eduardo Alves se tornou o terceiro ministro em pouco mais de mês do governo Michel Temer a entregar o cargo após denúncias relacionadas à Lava Jato.  À época, ele havia sido citado na delação premiada de Sérgio Machado, ex-presidente da Transpreto, uma das subsidiárias da Petrobras.

O nome da Operação Manus faz referência ao provérbio latino Manus Manum Fricat, Et Manus Manus Lavat, que significa “uma mão esfrega a outra; uma mão lava a outra”.

Edição: Talita Cavalcante
 
Agência Brasil
 

junho 6, 2017 Posted by | Política | , , , | Deixe um comentário

Renuncia el tercer ministro del presidente Temer

Henrique Eduardo Lyra Alves ocupó la presidencia de la Cámara de Diputados de Brasil hasta el 16 de abril del 2015, cuando fue nombrado ministro de Turismo por Dilma Rousseff durante la presidencia interina de Michel Temer.

Leer más

Aunque se desconocen aún los motivos de su renuncia, el ministro había sido acusado por recibir 1,55 millones de dólares en sobornos entre 2008 y 2014, informa el diario Estadao.

El titular junto con el presidente interino Michel Temer, fueron implicados en la trama de corrupción por Sergio Machado, un ex ejecutivo de Transpetro, una compañía subsidiaria de la petrolera estatal.

Alves es el tercer ministro del Gobierno interino de Temer que abandona su cargo, después de que lo hiciera el titular de Transparencia, Supervición y Control, Fabiano Silveira, y el ministro de Planificación, Presupuesto y Gestión, Romero Jucá.

Artículo en português

junho 16, 2016 Posted by | Espanhol | , , , | Deixe um comentário

Outro ministro de Temer na mira da justiça

suspeito de corrupção no turismo

Ministro Investigado

A lista de funcionários envolvidos em supostos casos de corrupção na presidência interina de Michel Temer continua a aumentar, agora é a vez do nome de Henrique Eduardo Alves, atual chefe do Turismo, a quem as autoridades judiciais do Brasil anunciaram um inquérito sobre supostos atos de corrupção.

O procurador-geral Rodrigo Janot, citado pela agência Reuters , encaminhou as denúncias ao Supremo Tribunal Federal do Brasil para sustentar uma investigação contra Alves, a quem se  atribuiu manobras relacionadas com a empresa OAS Engenharia, ligada à Petrobras, em troca de recursos para campanhas políticas de seu partido, o PMDB, que foi partido do  governador do Rio Grande do Norte em 2014.

As acusações da promotoria não só apontam Alves, mas também o presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha, o principal responsável pela empresa de engenharia, Leo Pinheiro, bem como o próprio Michel Temer e seu secretário de Governo, Geddel Viera Lima.

Sobre os supostos recebimentos de propinas, o ministro da área turística de Temer negou as alegações. Alves é o último ministro de Temer a ser denunciado como suspeito por sua conduta antes de ser nomeado ao ministério.

Tão rápido como foi sua chegada ao Palácio do Planalto,  envolvido em controvérsia , o ministro de Michel Temer faz parte de um grupo de ministros que tem  ligações com vários atos suspeitos de corrupção.

Apenas alguns dias depois de sua nomeação, o primeiro ministro a cair foi Romero Jucá, responsável pelo ministério do planejamento e Fabiano Silveira, ministro da transparência, supervisão e controle, que tem sido associado aos  esforços para barrar os processos de investigação da Petrobras, conhecido como “Operação Lava Jato ‘.

Além desses, há pelo menos cinco ministros de Temer que estiveram envolvidos de alguma forma ou de outra aos esquemas de corrupção na Petrobras e outros casos investigados.

Vieira Lima, Mendonza Filho, Raul Jungmann, Bruno Araújo e Ricardo Barros são alguns dos nomes envolvidos nas investigações, segundo a Telesur, sobre o colapso sistemático do governo de Temer,  acusados por atos de corrupção.

RT-TV

junho 7, 2016 Posted by | Política | , , , , , , | 1 Comentário

Cinco países com policiais desarmados

Baixa Criminalidade

Policiais Desarmados

Os policiais do Reino Unido, Islândia, Nova Zelândia, Irlanda e Noruega, não carregam armas de fogo no serviço. Todos esses países têm taxas de criminalidade mais baixas que os EUA, que conta com uma das policias mais bem armadas do mundo.

A sociedade americana já se acostumou com policiais armados, inclusive usando tais armas. No entanto, há países ocidentais mais seguros onde esta prática é considerada uma provocação e uma violação da lei, segundo o ‘The Washington Post’.

Um terço da população da Islândia possui rifles de caça, o que não significa que a polícia permita o porte de armas de fogo. Em 2013 foi registrado o primeiro caso de morte de um cidadão islandês, morto por um polícial, segundo o “Christian Science Monitor”.

O serviço de patrulha desarmada é uma realidade para os oficiais britânicos em todo o país, exceto na Irlanda do Norte. Em 2013, enquanto os policiais cometeram 461 “homicídios justificados” nos EUA, no Reino Unido não havia sido registrado nenhum caso semelhante.

Países Violentos

Países Tranquilos

A maioria dos policiais da Irlanda nem sequer são treinados com armas de fogo: Apesar disso, o país tem índices de criminalidade muito mais baixos do que os EUA.

Na Nova Zelândia “apenas cerca de doze policiais, todos sênior, federais, tem o direito de portar armas de fogo em qualquer ocasião”, segundo Philip Alpers, Professor na Escola de Saúde Pública, em Sydney. No entanto, neste país “é mais perigoso ser agricultor do que ser um policial”.

Os assassinatos são extremamente raros na Noruega. Embora a sociedade deste país escandinavo tenha sido desmoralizada após o ataque do nacionalista Anders Breivik, que matou 77 pessoas em 2011, a tradição de patrulhas policiais sem armas foi preservada neste estado, um dos mais seguros do mundo.

Fonte – RT-TV

O primeiro país só de milionários

Psicopata extremista de direita

Melhores países para viver segundo o IDH 2,013

Melhores cidades para ricos

 

fevereiro 21, 2015 Posted by | curiosidades, Migração | , , , , , , | Deixe um comentário

Top 10 cidades mais odiadas pelos turistas

paris

Eleitas as dez cidades mais odiadas pelos turistas.

A classificação foi elaborada pelo site de viagens bajainsider.com.

Tijuana ocupa o primeiro lugar nesta polêmica lista onde se encontram também cidades famosas e conhecidas, como Paris, Los Angeles, Lima, Ontário, Sidney, entre outras.

A violência gerada pelos cartéis de narcotraficantes, altos impostos e o mal estado das ruas, fizeram com que a cidade de Tijuana ficasse em primeiro lugar, entre os lugares mais odiados pelos turistas de todo o mundo. O segundo lugar ficou entre as duas cidades australianas, Sidney e Melbourne, cidades muito parecidas segundo os turistas, que não conseguiram escolher entre as duas. Cidades australianas tem sido criticadas pela “antipatia”, “intolerância” e as multas aplicadas pelas leis rígidas do país.

As cidades australianas não são a única polêmica da lista, por incrível que possa parecer, Paris, considerada por alguns a cidade mais romântica do mundo, ocupa o terceiro lugar no ranking. Entre os inconvenientes da capital francesa, estão as quatro horas de espera para subir a torre Eiffel e do frio para se sentar nas diferentes plataformas da estrutura, junto com o número de artistas de rua que incomodam os turistas para desenhar o seu retrato.

Em quarto lugar está a cidade de Timbuctú, em Mali, “A cidade dos 333 santos” é considerada pelos turistas “um monte de prédios em ruínas, no meio da areia”.

O quinto lugar é de Los Angeles, a maior cidade da Califórnia. Muitos turistas tem reclamado da cidade, estão decepcionados com as farsas de Hollywood: Terremotos, distúrbios raciais e sirenes constantes também foram citados entre os aspectos negativos da cidade da Califórnia.

Em seguida vem Lima, capital do Peru, Jacarta, capital da Indonésia, Nova Deli, principal cidade da Índia, Cairo, no Egito e, finalmente, Belize, cujo país da América Central tem o mesmo nome da cidade.

Fonte: RT-TV

junho 17, 2012 Posted by | curiosidades, Migração | , , , , , | 6 Comentários

   

Karmas e DNA.

Direitos autorais: Fernanda vaz.

Academia New Star Fitness

A fine WordPress.com site

Gramofone Lunar

Músicas, Versos e Outras Histórias

baconostropicos

Documentário "Baco nos Trópicos"

relutante

leve contraste do sentimentalismo honorário

entregue a solidão

é oque me resta falar e oque me sobra sentir

RB Solutions

Soluções em informática, comunicação e tecnologia

Bora' para Ireland

Smile! You’re at the best WordPress.com site ever

sarahrosalie

A topnotch WordPress.com site

Suburban Wars

"Let's go for a drive, and see the town tonight"

Made in Blog

Política, curiosidades, notícias, entretenimento, blogosfera,

%d blogueiros gostam disto: