Made in Blog

Política, curiosidades, notícias, entretenimento, blogosfera,

Skyline pigeon – Elton John

Anos 70

Música Romântica

Turn me loose from your hands
Let me fly to distant lands
Over green fields, trees and mountains
Flowers and forest fountains
Home along the lanes of the skyway

For this dark and lonely room
Projects a shadow cast in gloom
And my eyes are mirrors
Of the world outside
Thinking of the ways
That the wind can turn the tide
And these shadows turn
From purple into grey

For just a Skyline Pigeon
Dreaming of the open
Waiting for the day
He can spread his wings
And fly away again

Fly away, skyline pigeon, fly
Towards the dreams
You’ve left so very far behind
Fly away, skyline pigeon, fly
Towards the dreams
You’ve left so very far behind

Let me wake up in the morning
To the smell of new mown hay
To laugh and cry, to live and die
In the brightness of my day

I want to hear the pealing bells
Of distant churches sing
But most of all please free me
From this aching metal ring
And open out this cage towards the sun

For just a Skyline Pigeon
Dreaming of the open
Waiting for the day
He can spread his wings
And fly away again

Fly away, skyline pigeon, fly
Towards the dreams
You’ve left so very far behind
Fly away, skyline pigeon, fly
Towards the dreams
You’ve left so very, so very far behind

Tradução:

Liberte-me de suas mãos
Deixe-me voar para terras distantes
Sobre campos verdes, árvores e montanhas
Flores e fontes em florestas
Para casa, ao longo das raias do horizonte

Pois este quarto escuro e solitário
Projeta uma sombra lançada na escuridão
E meus olhos são espelhos
Do mundo lá fora
Pensando nas maneiras
Em que o vento pode virar a maré
E as sombras mudarem
De roxo para cinza

Simplesmente para o pombo do horizonte
Sonhando com o aberto
Esperando pelo dia
Que ele possa abrir suas asas
E sair voando novamente

voe longe, pombo do horizonte, voe
Em direção aos sonhos
Que você há muito deixou para trás
Saia voando, pombo correio, voe
Em direção aos sonhos
Que você há muito deixou para trás

Deixe-me acordar de manhã
Para o cheiro do feno recém-cortado
Para sorrir e chorar, para viver e morrer
Na claridade do meu dia

Eu quero ouvir os sinos ressonantes
Das igrejas distantes cantar
Mas, acima de tudo, por favor me livre
Destas algemas dolorosas
E abra esta gaiola em direção ao sol

Simplesmente para o pombo do horizonte
Sonhando com o aberto
Esperando pelo dia
Que ele possa abrir suas asas
E sair voando novamente

Voe longe, pombo do horizonte, voe
Em direção aos sonhos
Que você há muito deixou para trás
Voe longe, pombo do horizonte, voe
Em direção aos sonhos
Que você há muito, muito tempo deixou

letras.mus.br

live in concert

live in South Africa

video legendado

 

 

 

junho 17, 2018 Posted by | Música. | , , , , , , , | Deixe um comentário

Cry softly – Time is mourning

Cry softly

Anos 70

Fingers walk the edge of time
we don’t know just how to taste it.

Like a blue and wailing song our time runs in
And then runs out wasted.

Rubbing sleep out of your eyes
waking up to find me calling.

Let’s not wait or take too long
the castle you once built so strong isfalling

Cry softly time is mourning longing for you at the dawning.
Baby dreams will last forever.

Tell me your heart is burning
Knowing that the tide is turning
baby dreams will last forever
forever.

See the night pass in my eyes
feel the pain inside me crying.

Like a blue and wailing song out time runs in and then runs out dying.

Cry softly time is mourning . . .
Cry softly time is mourning . . .
Cry softly time is mourning . . .

Tradução:

Dedos caminham pela beira do tempo
Nós não sabemos como saboreá-lo

Como uma canção triste e cheia de lamentos
O nosso tempo entra correndo

E depois sai correndo desperdiçado.
Esfregando o sono para fora de seus olhos

Acordando para me encontrar chamando.
Não vamos esperar ou demorar muito

Choro suavemente, o tempo está em luto,Te desejando na alvorada
Meu bem, os sonhos durarão para sempre

Diga-me que seu coração está ardendo
Sabendo que a maré está mudando
Meu bem, os sonhos durarão para sempre
Para sempre

Vejo a noite passar em meus olhos
Sinto a dor dentro de mim chorando

Como uma canção triste e cheia de lamentos, o nosso tempo entra correndo e depois sai correndo morto

Choro suavemente, o tempo está em luto
Choro suavemente, o tempo está em luto
Choro suavemente, o tempo está em luto

letras.mus.br

Clipe traduzido

Clipe traduzido 02

Live in concert

março 31, 2018 Posted by | Música. | , , , , | Deixe um comentário

Ordinary world

Ordinary World

Anos 80

Came in from a rainy Thursday
On the avenue
Thought I heard you talking softly

I turned on the lights, the tv
And the radio
Still I can’t escape the ghost of you

What has happened to it all?
Crazy, some would say
Where is the life that I recognize?
Gone away

But I won’t cry for yesterday
There’s an ordinary world
Somehow I have to find
And as I try to make my way
To the ordinary world
I will learn to survive

Passion or coincidence
Once prompted you to say
Pride will tear us both apart
Well, now pride’s gone out the window
Cross the rooftops
Run away
Left me in the vacuum of my heart

What is happening to me?
Crazy, some would say
Where is my friend when I need you most?
Gone away

But I won’t cry for yesterday
There’s an ordinary world
Somehow I have to find
And as I try to make my way
To the ordinary world
I will learn to survive

Papers in the roadside
Tell of suffering and greed
Fear today, forgot tomorrow
Ooh, here, beside the news
Of holy war and holy need
Ours is just a little sorrowed talk

And I don’t cry for yesterday
There’s an ordinary world
Somehow I have to find
And as I try to make my way
To the ordinary world
I will learn to survive

Every world
Is my world (I will learn to survive)
Any world
Is my world (I will learn to survive)
Any world
Is my world

Tradução:

Vim de uma quinta-feira chuvosa
Pela avenida
Pensei ter ouvido você falando suavemente

Eu liguei as luzes, a TV
E o rádio
Ainda não consigo escapar de seu fantasma

O que aconteceu com isso tudo?
Loucura, alguns diriam
Onde está a vida que eu reconheço?
Foi embora

Mas eu não vou chorar pelo ontem
Há um mundo medíocre
De algum modo eu tenho de encontrar
E enquanto eu tento trilhar o meu caminho
Para este mundo medíocre
Eu aprenderei a sobreviver

Paixão ou coincidência
Certa vez induziu você a dizer
O orgulho destruirá nós dois em pedaços
Bem, agora o orgulho saiu pela janela
Cruzou os telhados
Fugiu
Me deixou no vácuo do meu coração

O que está acontecendo comigo?
Loucura, alguns diriam
Onde está meu amigo quando mais preciso de você?
Foi embora

Mas eu não vou chorar pelo ontem
Há um mundo medíocre
De algum modo eu tenho de encontrar
E enquanto eu tento trilhar meu caminho
Para este mundo medíocre
Eu aprenderei a sobreviver

Jornais ao lado da estrada
Contam sobre sofrimento e ganância
Temido hoje, esquecido amanhã
Ooh, aqui, ao lado das notícias
De guerra santa e necessidade santa
A nossa é apenas uma conversinha de mágoa

E eu não choro pelo ontem
Há um mundo medíocre
De algum modo eu tenho de encontrar
E enquanto eu tento trilhar o meu caminho
Por este mundo medíocre
Eu aprenderei a sobreviver

Todo o mundo
É meu mundo (eu aprenderei a sobreviver)
Qualquer mundo
É meu mundo (eu aprenderei a sobreviver)
Qualquer mundo
É meu mundo

letras.mus.br

video clipe

live in concert

 

março 27, 2018 Posted by | Música. | , , , , | Deixe um comentário

   

Karmas e DNA.

Direitos autorais: Fernanda vaz.

Academia New Star Fitness

A fine WordPress.com site

Gramofone Lunar

Músicas, Versos e Outras Histórias

baconostropicos

Documentário "Baco nos Trópicos"

relutante

leve contraste do sentimentalismo honorário

entregue a solidão

é oque me resta falar e oque me sobra sentir

RB Solutions

Soluções em informática, comunicação e tecnologia

Bora' para Ireland

Smile! You’re at the best WordPress.com site ever

sarahrosalie

A topnotch WordPress.com site

Suburban Wars

"Let's go for a drive, and see the town tonight"

Made in Blog

Política, curiosidades, notícias, entretenimento, blogosfera,

%d blogueiros gostam disto: