Made in Blog

Política, curiosidades, notícias, entretenimento, blogosfera,

Oscar 2.017 – vencedores

Segundo mais indicado

Filme de Ficção

A 89.ª cerimônia de entrega dos Academy Awards (ou Oscars 2017) foi uma transmissão televisiva, produzida pela Academia de Artes e Ciências Cinematográficas, para premiar os melhores atores, técnicos e filmes de 2016.

A cerimônia, marcada para 26 de fevereiro de 2017, foi realizada no Teatro Dolby, em Los Angeles, Califórnia[1] e transmitida ao vivo pela emissora de televisão estadunidense ABC com sinal que chegou a emissoras de outros países. O anfitrião foi o comediante Jimmy Kimmel.[2]

Cronograma

Data Evento
12 de novembro de 2016 Entrega do “Governors Awards [3]
5 de janeiro de 2017 Início da votação para definir os indicados[3]
13 de janeiro de 2017 Término da votação para definir os indicados[3]
24 de janeiro de 2017 Anúncio dos indicados ao Oscar[3]
6 de fevereiro de 2017 Almoço oficial dos indicados[3]
11 de fevereiro de 2017 Entrega do “Scientific and Technical Awards”
13 de fevereiro de 2017 Início da votação para definir os ganhadores[3]
21 de fevereiro de 2017 Término da votação para definir os ganhadores[3]
26 de fevereiro de 2017 Cerimônia do Oscar 2017[3]

Nomeados

Os nomeados para a 89.ª entrega dos Academy Awards foram anunciados em 24 de janeiro de 2017 às 11h30 (BRT) no Samuel Goldwyn Theater em Beverly Hills, na Califórnia, pelo diretor Jason Reitman, pela presidente da Academia Cheryl Boone Isaacs, pelas atrizes Brie Larson, Marcia Gay Harden, Glenn Close e Jennifer Hudson, pelo ator Ken Watanabe, e pelo diretor de fotografia Emmanuel Lubezki.[4]Pela primeira vez na história os nomeados foram anunciados por streaming global pelos sites oficiais da Academia e por emissoras de TV[5]. No Brasil, a nomeação foi transmitida pelo canal TNT.

Rich Moore venceu o Oscar de Melhor Filme de Animação.

Filmes com mais nomeações

Nomeações Filme
14 La La Land
8 Arrival
Moonlight
6 Hacksaw Ridge
Lion
Manchester by the Sea
4 Fences
Hell or High Water
3 Hidden Figures
Jackie
2 En man som heter Ove
Deepwater Horizon
Fantastic Beasts and Where to Find Them
Florence Foster Jenkins
Kubo and the Two Strings
Moana
Passengers
Rogue One: A Star Wars Story

Prêmios honorários

A Academia entregou os Oscares Honorários a Jackie Chan, Anne V. Coates, Lynn Stalmaster e Frederick Wiseman.[6]

Apresentadores e performances

Durante a cerimônia, personalidades da indústria cinematográfica foram convidadas para apresentar as categorias e performar entre as condecorações.[7][8]

Apresentadores

Nome Papel
Randi Thomas Anunciará o início da cerimônia
Dwayne Johnson Anunciará a performance de “How Far I’ll Go
Mark Rylance Apresentará a categoria de melhor atriz coadjuvante
John Cho
Leslie Mann
Apresentarão a categoria de prêmio por realização técnica
Alicia Vikander Apresentará a categoria de melhor ator coadjuvante
Gael García Bernal
Jackie Chan
Apresentarão a categoria de melhor filme estrangeiro
SpongeBob SquarePants
Patrick Star
Apresentarão a categoria de melhor curta-metragem de animação
Homer Simpson
Marge Simpson
Bart Simpson
Lisa Simpson
Maggie Simpson
Apresentarão a categoria de melhor filme de animação
Alejandro G. Iñárritu
Ang Lee
Steven Spielberg
James Cameron
Martin Scorsese
Robert Zemeckis
Peter Jackson
Apresentarão a categoria de melhor diretor
Leonardo DiCaprio Apresentará a categoria de melhor atriz
Brie Larson Apresentará a categoria de melhor ator
Warren Beatty
Faye Dunaway
Apresentarão a categoria de melhor filme
Amy Adams
Riz Ahmed
Jennifer Aniston
Javier Bardem
Jason Bateman
Halle Berry
Sofia Boutella
Matt Damon
Jamie Dornan
Chris Evans
Michael J. Fox
Ryan Gosling
Salma Hayek
Taraji P. Henson
Cheryl Boone Isaacs
Samuel L. Jackson
Scarlett Johansson
Dakota Johnson
Felicity Jones
Shirley MacLaine
Kate McKinnon
Janelle Monáe
David Oyelowo
Dev Patel
Seth Rogen
Octavia Spencer
Hailee Steinfeld
Meryl Streep
Emma Stone
Charlize Theron
Vince Vaughn

Performances

Nome Papel Performance
Harold Wheeler Arranjo e condução Orquestral
Auli’i Cravalho
Lin-Manuel Miranda
Performance How Far I’ll Go” de Moana
John Legend Performance Audition (The Fools Who Dream)” e “City of Stars” de La La Land
Sting Performance The Empty Chair” de Jim: The James Foley Story
Justin Timberlake Performance Can’t Stop the Feeling!” de Trolls
Sara Bareilles Performance In Memoriam

Filmes lusófonos nos Oscars 2017

O Ministério da Cultura do Brasil submeteu o filme Pequeno Segredo[9] para a apreciação da Academia ao prêmio de melhor filme estrangeiro, enquanto que a Academia Portuguesa das Artes e Ciências Cinematográficas submeteu Cartas da Guerra.[10] A Academia também anunciou o filme brasileiro Menino 23 como um dos pré-indicados na categoria de melhor documentário[11] e o curta estadunidense Inner Workings, dirigido pelo brasileiro Leo Matsuda como um dos pré-indicados na categoria de melhor curta-metragem de animação.[12] Apesar disso, nenhuma produção lusófona conseguiu uma indicação ao Oscar 2017.

Ver também

Wikipedia

fevereiro 27, 2017 Posted by | Cinema | , , | Deixe um comentário

Globo de Ouro dá sete prêmios ao filme La La Land: Cantando Estações

la-la-land_1
José Romildo – Correspondente da Agência Brasil

O filme La La Land: Cantando Estações foi o grande vencedor do 74º Globo de Ouro, evento realizado ontem (8) à noite em Beverly Hills, no estado da Califórnia. O destaque da cerimônia foi a entrega de um prêmio a Meryl Streep. Ao receber o prêmio pelo conjunto de sua obra, a atriz fez críticas a Donald Trump e às forças culturais que levaram o bilionário à vitória nas eleições para presidente dos Estados Unidos.

O comediante Jimmy Fallon foi o anfitrião da cerimônia. O filme, um jazz musical sobre um pianista e uma aspirante a atriz que buscam o sucesso em Hollywood, ganhou nas sete categorias em que foi indicado, incluindo melhor roteiro, melhor diretor, melhor partitura original e melhor canção original.

As estrelas do filme, Emma Stone e Ryan Gosling, levaram os prêmios de melhor atriz e melhor ator por seus papéis.

La La Land: Cantando Estações superou, em número de prêmios, os clássicos Um Estranho no Ninho e O Expresso da Meia-Noite, que receberam seis prêmios cada.

Mesmo assim, o prêmio principal – melhor filme – foi para Moonlight. Dirigido por Barry Jenkins, o filme é uma história da luta de um jovem negro gay criado por uma mãe solteira drogada.

A francesa Isabelle Huppert foi a vencedora na categoria melhor atriz em filme de drama, pelo trabalho em Elle. A produção, dirigida por Paul Verhoeven, foi escolhida ainda o melhor filme estrangeiro. Isabelle superou Amy Adams (A chegada), Jessica Chastain (Miss Sloane), Ruth Negga (Loving) e Natalie Portman (Jackie).

Meryl Streep

A homenageada do Globo de Ouro 2017 foi Meryl Streep. A atriz recebeu o Cecil B. DeMille Award, prêmio pelo conjunto da obra. Ela fez um discurso emocionado, celebrando a presença de estrangeiros nos Estados Unidos e especialmente em Hollywood.

A cerimônia ainda contou com uma homenagem especial às atrizes Carrie Fisher e Debbie Reynolds, mãe e filha, que morreram no fim de dezembro, com apenas um dia de diferença. Elas foram lembradas em um clipe com cenas de seus filmes, ao som da canção You Made Me Love You, do musical Irene, cantada por Reynolds.

Edição: Graça Adjuto

janeiro 9, 2017 Posted by | Cinema | , , , , | Deixe um comentário

Globo de Ouro 2.016 – Vencedores da noite

 

revenant

Cinema

Melhor Filme de Drama

Carol
Mad Max – Estrada da Fúria
O Regresso – VENCEDOR
Room
Spotlight – Segredos Revelados

Melhor Filme de Comédia ou Musical

A Grande Aposta
Joy – O Nome do Sucesso
Perdido em Marte – vENCEDOR
A Espiã Que Sabia de Menos
Descompensada

Melhor Atriz Drama

Cate Blanchett – Carol
Brie Larson – Room – VENCEDORA
Rooney Mara – Carol
Saoirse Ronan – Brooklyn
Alicia Vikander – A Garota Dinamarquesa

Melhor Ator em Filme Drama

Bryan Cranston – Trumbo
Leonardo DiCaprio – O Regresso – VENCEDOR
Michael Fassbender – Steve Jobs
Eddie Redmayne – A Garota Dinamarquesa
Will Smith – Concussion – Um Homem Entre Gigantes

Melhor Atriz em Comédia ou Musical

Jennifer Lawrence – Joy – o Nome do Sucesso – VENCEDORA
Melissa McCarthy – A Espiã Que Sabia de Menos
Amy Schumer – Descompensada
Maggie Smith – A Senhora da Van
Lily Tomlin – Grandma

Melhor Ator em Comédia ou Musical

Christian Bale – A Grande Aposta
Steve Carell – A Grande Aposta
Matt Damon – Perdido em Marte – VENCEDOR
Al Pacino – Não Olhe Para Trás
Mark Ruffalo – Sentimentos Que Curam

Melhor Atriz Coadjuvante

Jane Fonda – Youth
Jennifer Jason Leight – Os 8 Odiados
Helen Mirren – Trumbo
Alicia Vikander – Ex Machina
Kate Winslet – Steve Jobs – VENCEDORA

Melhor Ator Coadjuvante

Paul Dano – Love & Mercy
Idris Elba – Beasts Of No Nation
Mark Ruffalo – Spotlight – Segredos Revelados
Michael Shannon – 99 Homes
Sylvester Stallone – Creed – Nascido para Lutar – VENCEDOR

Melhor Diretor

Todd Haynes – Carol
Alejandro Gonzales Inarritu – O Regresso – VENCEDOR
Tom McCarthy – Spotlight – Segredos Revelados
George Miller – Mad Max: Estrada da Fúria
Ridley Scott – Perdido em Marte

Melhor Roteiro

Emma Donaghue – Room
Tom McCarthy, Josh Singer – Spotlight – Segredos Revelados
Charles Randolph, Adam McKay – A Grande Aposta
Aaron Sorkin – Steve Jobs – VENCEDOR
Quentin Tarantino – Os 8 Odiados

Melhor Longa em Animação

Anomalisa
O Bom Dinossauro
Divertida Mente – VENCEDOR
Snoopy & Charlie Brown: Peanuts – o Filme
Shaun, o Carneiro

Melhor Filme em Língua Estrangeira

Le Tout Nouveau Testament (The Brand New Testament) – Bélgica, França
El Club (The Club) – Chile
Miekkailija (The Fencer) – Finlândia, Estônia, Alemanha
Mustang – França
Saul Fia (Son Of Saul) – Hungria – VENCEDOR

Melhor Trilha Sonora Original

Carter Burwell – Carol
Alexandre Desplat – A Garota Dinamarquesa
Ennio Morricone – Os 8 Odiados – VENCEDOR
Daniel Pemberton – Steve Jobs
Ryuichi Sakamoto, Alva Noto – O Regresso

Melhor Canção Original

“Love Me Like You Do” – Cinquenta Tons de Cinza
“See You Again” – Velozes e Furiosos 7
“One Kind Of Love” – Love & Mercy
“Simple Song #3” – Youth
“Writing’s On The Wall” – 007 Contra Spectre – VENCEDOR

TV

Melhor Série Dramática

Empire
Game Of Thrones
Mr. Robot – VENCEDOR
Narcos
Outlander

Melhor Série de Comédia ou Musical

Casual
Mozart in the Jungle – VENCEDOR
Orange Is The New Black
Silicon Valley
Transparent
Veep

Melhor Minissérie ou Filme para TV

American Crime
American Horror Story: Hotel
Fargo
Flesh & Bone
Wolf Hall – VENCEDOR

Melhor Atriz em Minissérie ou Filme para TV

Lady Gaga – American Horror Story: Hotel – VENCEDOR
Sarah Hay – Flesh & Bone
Felicity Huffman – American Crime
Queen Latifah – Bessie
Kristen Dunst – Fargo

Melhor Ator em Minissérie ou Filme para TV

Idris Elba – Luther
Oscar Isaac – Show Me A Hero – VENCEDOR
David Oyelowo – Nightingale
Mark Rylance – Wolf Hall
Patrick Wilson – Fargo

Melhor Atriz em Série Dramática

Caitriona Balfe – Outlander
Viola Davis – How To Get Away With Murder
Eva Green – Penny Dreadful
Taraji P. Henson – Empire – VENCEDOR
Robin Wright – House Of Cards

Melhor Ator em Série Dramática

Jon Hamm – Mad Men – VENCEDOR
Rami Malek – Mr. Robot
Wagner Moura – Narcos
Bob Odenkirk – Better Call Saul
Liev Schreiber – Ray Donovan

Melhor Atriz em Série de Comédia ou Musical

Rachel Bloom – Crazy Ex-Girlfriend – VENCEDOR
Jamie Lee Curtis – Scream Queens
Julia Louis-Dreyfus – Veep
Gina Rodriguez – Jane, the Virgin
Lily Tomlin – Grace And Frankie
Melhor Ator em Série de Comédia ou Musical

Aziz Ansari – Master Of None
Gael Garcia Bernal – Mozart In The Jungle – VENCEDOR
Rob Lowe – The Grinder
Patrick Stewart – Blunt
Jeffrey Tambor – Transparent

Melhor Atriz Coadjuvante em Série, Minissérie ou Filme para TV

Uzo Aduba – Orange Is The New Black
Joanne Froggat – Downton Abbey
Regina King – American Crime
Judith Light – Transparent
Maura Tierney – The Affair – VENCEDOR

Melhor Ator Coadjuvante em Série, Minissérie ou Filme para TV

Alan Cumming – The Good Wife
Damien Lewis – Wolf Hall
Ben Mendelson – Bloodline
Tobias Menzies – Outlander
Christian Slater – Mr. Robot – VENCEDOR

Textos relacionados:

Oscar 2.015

Globo de ouro 2.015

 

janeiro 11, 2016 Posted by | Cinema | , , , , , , | 1 Comentário

Ganhadores do Oscar 2.013

Oscar 2.013

Oscar 2.013

01 – Melhor filme

“Argo”

02 – Diretor

Ang Lee – As aventuras de Pi

03 – Ator

Daniel Day-Lewis – Lincoln

04 – Atriz

Jennifer Lawrence – O lado bom da vida

05 – Ator coadjuvante

Christoph Waltz – Django livre

06 – Atriz coadjuvante

Anne Hathaway – Os miseráveis

07 – Roteiro original

Quentin Tarantino – Django livre

08 – Roteiro adaptado

Argo

09 – Filme estrangeiro

Amor – (Áustria)

10 – Animação

Valente

11 – Curta-metragem de animação

Paperman

12 – Edição

Argo

13 – Fotografia

As aventuras de Pi

14 – Efeitos visuais

As aventuras de Pi

15 – Figurino

Anna Karenina

16 – Maquiagem e Cabelo

Os miseráveis

17 – Canção original

Adele – 007 Skyfall

18 – Trilha sonora original

Mychael Danna – As aventuras de Pi

19 – Mixagem de som

Os miseráveis

20 Edição de som

A hora mais escura

21 – Design de produção

Lincoln

22 – Curta-metragem

Curfew

23 – Documentário – longa

Searching for Sugar Man

24 – Documentário – curta

Inocente

fevereiro 27, 2013 Posted by | Cinema | , , , , , | Deixe um comentário

Vencedores do Globo de Ouro e indicados ao Oscar

Luxo Extraordinário

Historia da Facebook

Muita gente, assim como eu, não vê o OSCAR como o melhor cinema do mundo, nem poderia. O OSCAR é a visão do cinema, segundo os americanos, só tem filme dos EUA, além de alguns de outros paises que falam a língua inglesa, como Inglaterra, Austrália, etc.

Quando o Brasil já achava que estaria fora da competição, eis que surge um documentário para salvar a pátria, mesmo sendo co-produção com a Inglaterra, não é menos importante para o Brasil.

Quem não gosta nada disso é a burguesia brasileira, que já havia torcido a cara para “Cidade de Deus”, um filme que mostrava a miséria de maneira tão explicita e íntima que chegava a irritar os mais tradicionais.

Nunca foi fácil para a elite brasileira, viajar pelo mundo, carregando esse fardo nas costas.

Logo agora, quando eles torciam para o ufanista “Lula do Brasil”, eis que surge o tal de “Lixo Extraordinário”, mostrando a intimidade que o Brasil tem com a miséria.

Lixo extraordinário não concorre naqueles prêmios badalados, muito melhor, concorre na categoria de documentário, melhor, um longa metragem. Eu me surpreendi pelo fato de “Dançando com o Diabo” não ter feito o sucesso que deveria.

Esse longa, assim como “Cidade de Deus”, chega ao OSCAR  já com muitos prêmios internacionais, portanto não depende desse prêmio, já é sucesso no mundo inteiro. “Cidade de Deus” concorria em categorias badaladas, cobiçadas pelas estrelas de Hollywood, prêmios que eles não abrem mão, por isso o documentário brasileiro tem mais chance.

Outra boa surpresa, é a presença do filme mexicano “Biutiful”, concorrendo em duas categorias, ator e filme estrangeiro. A segunda maior população estrangeira, dentro dos EUA, vem mostrando sua força, primeiro com atrizes e diretores, agora são os próprios filmes que mostram que os EUA terão que aceitá-los.

As surpresas não são muitas, nem dá para se esperar muita coisa na premiação deste anos, mesmo assim, será um grande ano para a internet, o ano de  “A Rede Social”.

O filme sobre a Facebook, que já fez sucesso no Globo de ouro, a prévia do OSCAR, não vem apenas como uma surpresa para essa premiação, vem com uma grande produção para concorrer em várias categorias.

A internet nunca esteve tão bem representada nessa premiação, a rede sempre foi mostrada como vilã, perigosa, essa é a primeira vez que é mostrada com toda a sua força.

A Facebook, como nós sabemos, é a cara do capitalismo americano, e as empresas estão de olho nessa rede. Primeiro a Facebook tentou a Facebook Lite, para evitar tornar a rede muito chata, mas como prevíamos, os internautas carentes adoram um spam, adoram fazer uma amizade, mesmo que esse amigo tenha nome de empresa, e não me olhem com essa cara rsrsrs.

Nem mesmo a Orkut resistiu as ferramenta e campanhas – Para quem estava preocupada com a Twitter, a Facebook surpreendeu, não é mesmo?

Parece que Hollywood tinha uma certa mágoa da Google, isso não acontece com a Facebook, que não tem o objetivo de ferir os seus “Direitos autorais”, além de ser uma verdadeira rede social, eficiente, prática e capitalista.

Apesar de não ter visto nenhum filme de grandes qualidades, os EUA tem voltado suas atenções para os seriados de TV, tanto que até finais de novela já são inseridos, para prender o telespectador. No Brasil, a parceria entre o cinema e a tv não surtiu o efeito esperado, ao invés da TV se tornar cinematográfica, aconteceu o inverso, o cinema se tornou televisivo, perdendo totalmente sua qualidade, sua arte.

Para quem gostar de assistir novelas na telona, é só assistir um filme nacional. Cinema foi feito para mostrar verdades, mas para isso é preciso coragem, o que está faltando nos novos diretores.
GANHADORES DOS PRÊMIOS GLOBO DE OURO:

MELHOR ATOR COADJUVANTE

Indicados:

Andrew Garfield – A rede social

Geoffrey Rush – O discurso do rei

Jeremy Renner – Atração perigosa

Michael Douglas – Wall Street: o dinheiro nunca dorme

Ganhador do Prêmio:

Christian Bale – O vencedor

CANÇÃO ORIGINAL

Indicadas:

Bound to you – Burlesque

You haven’t seen the last of me – Burlesque – VENCEDORA

There’s a place for us – As crônicas de Narnia: a viagem do peregrino da alvorada

Coming home – Country strong

I see the light – Enrolados

Ganhadora do Prêmio:

You haven’t seen the last of me – Burlesque

TRILHA SONORA ORIGINAL

Indicadas:

127 horas

O discurso do rei

Alice no país das maravilhas

A origem

Ganhadora do Prêmio:

A rede social

MELHOR ANIMAÇÃO

Indicadas:

Meu malvado favorito

Enrolados

Como treinar o seu dragão

O mágico

Ganhadora do Prêmio:

Toy story 3

MELHOR ATRIZ DE MUSICAL OU COMÉDIA

Indicadas:

Anne Hathaway – O amor e outras drogas

Angelina Jolie – O turista

Julianne Moore – Minhas mães e meu pai

Emma Stone – A mentira

Ganhadora do Prêmio:

Annette Bening – Minhas mães e meu pai

MELHOR ROTEIRO

Indicados:

Danny Boyle e Simon Beaufoy – 127 hours

Stuart Blumberg e Lisa Cholodenko – Minhas mães e meu pai

Christopher Nolan – A origem

David Seidler – O discurso do rei

Ganhador do Prêmio:

Aaron Sorkin – A rede social

MELHOR FILME ESTRANGEIRO

Indicados:

Biutiful  – México

The concert – França

The edge – Rússia

I am love  – Itália

Ganhador do Prêmio:

In a better world  – Dinamarca

MELHOR ATRIZ COADJUVANTE

Indicadas:

Amy Adams – O vencedor

Helena Boham Carter – O discurso do rei

Mila Kunis – Cisne negro

Jacki Weaver – Animal kingdom

Ganhadora do Prêmio:

Melissa Leo – O vencedor

MELHOR DIRETOR

Indicados:

Darren Arronofsky – Cisne negro

Tom Hooper – O discurso do rei

Christopher Nolan – A origem

David O. Russell – O vencedor

Ganhador do Prêmio:

David Fincher – A rede social

MELHOR ATOR MUSICAL OU COMÉDIA

Indicados:

Johnny Depp – O turista

Johnny Depp – Alice no País das Maravilhas

Jake Gyllenhaal – O amor e outras drogas

Kevin Spacey – Casino Jack

Ganhador do Prêmio:

Paul Giamatti – Barney’s version

MELHOR ATRIZ DE DRAMA

Indicadas:

Halle Berry – Frankie and Alice

Nicole Kidman – Rabbit hole

Michelle Williams – Blue valentine

Jennifer Lawrence – Inverno da alma

Ganhadora do Prêmio:

Natalie Portman – Cisne negro

MELHOR FILME MUSICAL OU COMÉDIA

Indicados:

Burlesque

O turista

Red – Aposentados e perigosos

Alice no País das Maravilhas

Ganhador do Prêmio:

Minhas mães e meu pai

MELHOR ATOR DE DRAMA

Indicados:

Jesse eisenberg – A rede social

Jame Franco – 127 horas

Ryan Gosling – Blue Valentine

Mark Wahlberg – O vencedor

Ganhador do Prêmio:

Colin Firth – O discurso do rei

MELHOR FILME DE DRAMA

Indicados:

O cisne negro

O vencedor

O discurso do rei

A origem

Ganhador do Prêmio:

A rede social

__________________________

INDICADOS AO OSCAR 2.011

FILME:

A rede social

O discurso do rei

Cisne negro

O vencedor

A origem

Toy Story 3

Bravura indômita

Minhas mães e meu pai

127 horas

Inverno da alma

DIREÇÃO:

David Fincher – A rede social

Tom Hooper – O discurso do rei

Darren Aronofsky – Cisne negro

Joel e Ethan Coen – Bravura indômita

 David O. Russell – O vencedor

ATOR:

Jesse Eisenberg – A rede social

Colin Firth – O discurso do rei

James Franco – 127 horas

Jeff Bridges – Bravura indômita

Javier Bardem – Biutiful

ATRIZ:

Annette Bening – Minhas mães e meu pai

Natalie Portman – Cisne negro

Nicole Kidman – Rabbit hole

Michelle Williams – Blue valentine

Jennifer Lawrence – Inverno da alma

ATOR COADJUVANTE:

Mark Ruffalo – Minhas mães e meu pai

Geoffrey Rush – O discurso do rei

Christian Bale – O vencedor

Jeremy Renner – Atração perigosa

John Hawkes – Inverno da alma

ATRIZ COADJUVANTE:

Helena Bonham Carter – O discurso do rei

Melissa Leo – O vencedor

Amy Adams – O vencedor

Hailee Steinfeld – Bravura indômita

Jacki Weaver – Reino animal

ROTEIRO ORIGINAL:

Minhas mães e meu pai

O vencedor

A origem

O discurso do rei

Another year

ROTEIRO ADAPTADO:

A rede social

127 horas

Bravura indômita

Toy Story 3

Inverno da alma

DIREÇÃO DE ARTE:

Alice no País das Maravilhas

Harry Potter e as relíquias da morte – Parte 1

A origem

O discurso do rei

Bravura indômita

FOTOGRAFIA

Cisne negro

A origem

O discurso do rei

A rede social

Bravura indômita

FIGURINO:

Alice no País das Maravilhas

I am love

O discurso do rei

Bravura indômita

The tempest

DOCUMENTÁRIO LONGAMETRAGEM

Exit through the gift shop

Gasland

Inside job

Restrepo

Lixo extraordinário
EDIÇÃO

Cisne negro

O vencedor

O discurso do rei

127 horas

A rede social
FILME ESTRANGEIRO

Biutiful  – México

Dogtooth – Grécia

In a better world – Dinamarca

Incendies – canadá

Outside the law – Argélia
TRILHA SONORA ORIGINAL

Como treinar seu dragão –  John Powell

A origem – Hans Zimmer

O discurso do rei – Alexandre Desplat

127 horas – A.R. Rahman

A rede social – Trent Reznor e Atticus Ross

CANÇÃO ORIGINAL

Coming home – Country Strong

I see the light – Enrolados

If I rise – 127 horas

We belong together – Toy Story 3
EFEITOS ESPECIAIS

Alice no País das Maravilhas

Harry Potter e as relíquias da morte – Parte 1

Além da vida

A origem

O Homem de Ferro 2
MAQUIAGEM

Minha versão para o amor

Caminho da liberdade

O lobisomem

By Jânio

janeiro 28, 2011 Posted by | Cinema | , , , , , , , , , , , , , | 7 Comentários

   

Karmas e DNA.

Direitos autorais: Fernanda vaz.

Academia New Star Fitness

A fine WordPress.com site

Gramofone Lunar

Músicas, Versos e Outras Histórias

baconostropicos

Documentário "Baco nos Trópicos"

relutante

leve contraste do sentimentalismo honorário

entregue a solidão

é oque me resta falar e oque me sobra sentir

RB Solutions

Soluções em informática, comunicação e tecnologia

Bora' para Ireland

Smile! You’re at the best WordPress.com site ever

sarahrosalie

A topnotch WordPress.com site

Suburban Wars

"Let's go for a drive, and see the town tonight"

Made in Blog

Política, curiosidades, notícias, entretenimento, blogosfera,

%d blogueiros gostam disto: