Made in Blog

Política, curiosidades, notícias, entretenimento, blogosfera,

Sistemas de magia

Conhecimento Antigo

Magia do Egito

Sistemas de magia

Magia Contemporânea e Teosofia

A magia contemporânea encontra raízes no trabalho de iniciados como Eliphas Levi e Papus. A teosofia, ou a moderna teosofia, tem, como um de seus fundadores, Helena Petrovna Blavatsky, que foi buscar, no oriente, a fonte de seu importante sistema filosófico. Este sistema não se apresenta exatamente como os sistemas utilizados pelos estudiosos de magia, mas, antes, pretende transmitir o conhecimento esotérico universal que estaria contido em toda e qualquer tradição filosófica ou religiosa. Blavatsky considera, por exemplo, que todos os homens são magos no sentido último da palavra, pois todos podem utilizar o divino poder criador, seja através do pensamento, palavra ou ação.

Magia Universal

A magia universal pode ser definida como: ato de manipular energias espirituais, utilizando-se de toda e qualquer forma de magia existente, independente de sua origem, através de objetos de qualquer natureza, ações ou reações, com objetivo de alcançar desejos próprios ou de terceiros.

  • Objetivos na magia universal de acordo com seus seguidores: autoconhecimento, autocontrole, elevação espiritual e intelectual, equilíbrio social e emocional, domínio do próprio destino, tanto nomundo carnal quanto no futuro mundo espiritual;
  • Código de Ética da Magia Universal: sinceridade, verdade, humildade, respeito aos seus fundamentos e práticas religiosas e aos demais segmentos religiosos independente de sua origem, respeito à todo ser humano ou espiritual independente de sua posição social, raça ou crença; proteger os fundamentos secretos da magia universal e a todos ligados a ela, direta ou indiretamente quando assim solicitarem sigilo; não influenciar terceiros em sua decisão de iniciar-se ou não na magia universal;

Sempre que citamos o sujeito como masculino, também nos referimos ao feminino, ou seja: qualquer degrau da magia universal pode ser ocupado tanto por homens quanto por mulheres, independente de sua cor, raça, ocupação social ou orientação sexual.

Nesta doutrina, os adeptos são conhecidos como:

  • Mestre: aquele que é chefe de seu clã, ou seja, o mago;
  • Discípulos: aqueles que seguem as orientações e ensinamentos de seu mestre.

O mestre chama todos os integrantes de seu clã de discípulos, jamais chama-os de “filhos”. Os discípulos chamam o mago do clã de mestre, jamais de pai ou mãe; Não existem padrinhos ou madrinhas, apenas testemunhas de ritual; Não existem beijos nas mãos como “pedido de benção”: a forma de saudação entre os integrantes, independente de seu degrau, é um aperto de mão estendido, ou seja, a mão de um aperta o antebraço do outro; Em virtude de não haver o tratamento e simbolismo de “família” dentro da magia universal, podem existir relações de qualquer natureza entre seus integrantes, tanto de discípulos com discípulos quanto de discípulos com mestre;

Magia sexual

Agrupam-se, neste item, diversos sistemas (Thelemita, gnóstico etc.) que representam uma versão ocidental da Tantra. A base destes sistemas é a concepção que o sémen do homem e a vulva da mulher são sagrados.

A magia sexual divide-se em diversos sistemas diferentes e conflitantes, a maioria deles derivados do sistema originalmente desenvolvido por Paschal Beverly Randolph e depois por Theodore Reuss na Ordo Templi Orientis (O.T.O.) Podemos considerar os diversos sistemas de magia sexual:

  • Ansariético: criado pelos Ansarichs ou Aluítas (em inglês: Ansaireth ou ainda Nusairis) na Síria antiga
  • Eulis: criado por Pascal Beverly Randolph, um iniciado entre os Aluítas;
  • Sistema da 0. T. 0.: sistema de magia sexual que foi a base daTantra ocidental;
  • Sistema da Fraternitas Saturni: é derivado da O.T.O.;
  • Sistema Maatiano: criado por dissidentes da O.T.O.;
  • Sistema da 0. T. O. A.: derivado da O.T.O., faz uso de práticasastrais de magia sexual;
  • Caos: sistema mágico baseado em “automagia sexual”;
  • Movimento Gnóstico Cristão Universal: sistema de magia sexual acentuadamente ascético fundado pelo neognóstico Samael Aun Weor

Thelema

Sistema criado por Aleister Crowley a partir do recebimento do “Liber AI Vel Legis” (“O Livro da Lei”). Trata-se do início de uma Nova Era (Aeon) de Aquário, onde o ser humano percebe-se como centro de seu próprio universo, assim divino. Thelema, em grego, significa “vontade”. Os axiomas mais importantes para os Thelemitas, constantes no “Livro da Lei”, são: “Faze o que tu queres que há de ser tudo da Lei” (Do what thou wilt shall be the whole of the Law) e “Amor é a lei, amor sob vontade” (Love is the law, love under will), que, diferentemente do que muitos interpretam, não significa “fazer o que quiser”, mas sim a realização daquilo que chamam de “Verdadeira Vontade”, sempre lembrando que isso é um ato de amor perante ahumanidade, mas um amor colocado sob domínio da vontade.

Gnosticismo Samaeliano

Samael Aun Weor, fundador do Movimento Gnóstico Cristão Universal, ensinou a magia sexual como um dos pilares fundamentais do que chamou Revolução da Consciência. Sua principal característica é o que o próprio autor chama de “ascese revolucionária da Era de Aquário”. Ainda de acordo com o autor, metafisicamente, seu processo consiste na “mescla inteligente da ânsia sexual com o entusiasmo espiritual”. Contudo, em termos que se atêm somente à fisiologia desta classe de magia sexual, esta consiste, em suma, na conexão dos órgão genitais masculinos e femininos (chamados pelos termos orientais Lingan e Yoni) evitando-se o orgasmo, tanto masculino quanto feminino, e a perda do sêmen.

O.T.O. (Ordo Templi Orientis)

A Ordo Templi Orientis, fundada por Theodore Reuss e Karl Kellner no princípio do século XX, baseou-se inicialmente na aplicação dos conhecimentos do tantra sobre o sistema da maçonaria. Quando o ocultista inglês Aleister Crowley passou a ter o controle da ordem, seus rituais e filosofia básica foram reformulados para serem interpretados e trabalhados sob a chamada Lei de Thelema. A O.T.O. acabou sendo a origem de diversas dissidências que adotaram diferentes visões sobre a magia. Dentre as dissidências que realizam um trabalho considerado sério, podemos citar a Ordo Templi Orientis Antiqua (O.T.O.A.) e a Tiphonian Ordo Templi Orientis (T.O.T.O.).

Magia Luciférica

Este sistema é desenvolvido por uma fraternidade chamada “Fraternitas Saturni”. É um sistema parecido com o da O.T.O., centralizando suas práticas em magia sexual (em especial nas práticas da “mão esquerda”) e em magia ritualística. A diferença principal em relação a O.T.O. é que, enquanto esta busca a fusão individuada com a energia criadora, porém sem uma representação central, a Fraternitas Saturni busca elevar o espírito humano a uma condição de divindade, representada por Lúcifer. O sistema possui 33 graus.

Magia Enoquiana

A magia enoquiana é um sistema simbolicamente complexo, que consiste na evocação de energias (também chamadas de entidades), e foi proposto pelo astrólogo e alquimista John Dee e por Edward Kelley. O sistema foi posteriormente estudado pela Golden Dawn e por Aleister Crowley.

Magia Musical

Criado por uma renomada ocultista, Juanita Wescott, estudiosa do sistema de Franz Bardon. O sistema de magia musical faz uso dos mais elevados ensinamentos do hermetismo e da cabala, do ponto de vista de Franz Bardon.

Magia Avaloniana

A magia avaloniana é uma forma de espiritualidade Celta, assim como o druidismo e a wicca. Visa principalmente à adaptação da espiritualidade europeia ao Brasil, local onde surge. São politeístas,animistas e creem na transmigração da alma. Trabalham comreconstrucionismo celta.

Wicca

Religião fundada por Gerald Gardner em 1951, resgatando práticas religiosas dos povos celtas. É uma religião voltada para os cultos à natureza, com politeísmo, magia e exoterismo.

Xamanismo

Sistema que deu origem a diversos cultos e religiões e cuja origem remonta à Idade da Pedra. O xamã é uma espécie de curandeiro, com poderes mágicos especiais.

Candomblé

É um sistema semelhante ao vodum, muito popular no Brasil. Consiste na invocação de orixás, voduns e inquices africanos, considerados ancestrais divinizados.

Vodu haitiano

É um sistema popular no Haiti. Assemelha-se ao candomblé e aovodum africano.

Vudu da Luisiana

O vudu da Luisiana é associado à tradição creole de Nova Orleans.

Umbanda

É uma fusão de várias religiões, notadamente a pajelança e ocatimbó, com predominância deste último. Na umbanda, há a invocação, geralmente, de caboclos e pretos-velhos, enquanto que, no candomblé, invocam-se os orixás.

Quimbanda

É um sistema de magia que trata da invocação de entidades chamadas Exus, podendo-se, com a ajuda dessas entidades, fazer tanto o bem quanto o mal.

Outros sistemas

Existem inúmeros outros sistemas místicos e/ou mágicos que possuem os mais diversos fundamentos. O ponto em comum desses diversos sistemas seria atingir um objetivo através do uso de meiossobrenaturais ou ocultos.

Fonte: Wikipedia

Você também pode gostar de:

O que é magia

Descobertas de Maria a judia

Seria Nostradamus um farsante

Celebridades ligadas às ciências ocultas

A evolução do ser humano

Tecnologias do Paquistão

 

julho 16, 2015 Posted by | Reflexões | , , , | Deixe um comentário

A magia infantil

brincadeiras adultas

Aprendizes de Feiticeiros

Há uma época na vida em que tudo é possível, tudo é permitido. Nessa época que o tempo não pode apagar, há vestígios de nossa história obscura, fontes para uma investigação sobre o passado mágico do homem.

Eu concordo no fato de não vivermos no passado, olharmos sempre para o futuro. No caso de um passado recente, isso pode ser mais traumatizante, optamos por esquecer.

A maturidade social, assim como a formação de opinião, só é possível se analisarmos e avaliarmos o presente e o passado.

Nessas avaliações, é muito importante não mantermos o foco na ponta de nosso próprio nariz, quanto mais abrangente a nossa visão, melhores os resultados.

O império romano, por exemplo, só será citado por políticos, aristocratas ou pessoas com pensamentos imperialistas muito atrasados em relação ao nosso tempo.

Precisamos de idéias inteligentes, desenvolvidas e dinâmicas, pois no nosso tempo tudo muda rapidamente.

Em meio a esse maremoto de informações, conhecimentos, técnicas e teorias, há um grupo de pessoas alheias a tudo isso, pessoas com uma visão ingênua dos fatos, mas nem por isso menos importantes ou inteligentes, as crianças.

Para as crianças tudo será permitido, menos a convivência com temas mais adultos, como a violência e a vida sexual. Temas como esses, só deverão ser tratados na presença de pessoas preparadas e responsáveis pela sua educação.

Nem por isso devemos considerar as crianças menos corajosas e capazes de enfrentar conflitos e filosofias necessários a nossa vida.

Há casos em que a maioria dos adultos não estão preparados para enfrentar, visto que são temas os quais deveriam ter sido desenvolvidos na infância. Se a pessoa não teve uma boa infância, também não terá condições de resolver esses conflitos.

É correta também a necessidade de as pessoas estarem atentas aos vários pontos de vista, inclusive ao ponto de vista de uma criança, sem os quais muitos de nossos conflitos jamais poderão ser resolvidos.

Recentemente, houve uma polêmica em torno do filme “Fantasia” da Walt Disney, onde Mickey Mouse era um aprendiz de feiticeiro.

Na época, eu não me interessei muito. Idéias de conspiração, mensagens subliminares, normalmente são mostradas de forma sensacionalista pelas mídias de massa, o que ironicamente não deixa de ser uma forma de conspiração.

De certo, o que eu sei é que temas infantis devem ser tratados por crianças, ou por adultos, mas sob uma ótica infantil.

A mitologia está sempre muito presente na vida das crianças. A vida do Rei Arthur, reino de Camelot, cavaleiros da távola redonda, dragões e princesas, nada escapa ao olhar “crítico” dos pequenos.

Entre os contos de fadas, a história de Chapéuzinho Vermelho, lobo mau e os três porquinhos, branca de neve e os sete anões e até a bizarra história da bela adormecida, estão entre os contos favoritos das crianças. Das estórias infantis, ainda podemos destacar o saci pererê, curupira e tantos outros.

Algumas dessas histórias são da idade média, outras são ainda mais antigas. Para serem publicadas, tiveram de ser adaptadas, já que os tempos mudaram, mas a sua essência obscura continua presente, sendo muito bem resolvida e aceita pelas crianças.

Tudo acaba sendo uma questão de adaptação e estilo, não é mesmo?

Histórias de vampiros, lobisomens e assombrações, são muito procuradas por adolescentes, usá-las para assustar as criancinhas, para torná-las carentes, tímidas e inseguras, é uma tremenda covardia.

Durante nossa infância, podemos ser heróis e bandidos, e devemos ser orientados a decidir o lado certo.

O termo brincar, curiosamente é utilizado também para designar “interpretar” (play), na língua inglesa, portanto, devemos deixar a imaginação dos pequenos fluir e estar atentos a ela.

A magia das crianças é pura ficção, não tem um tempo determinado. Pode ser na idade média, antiga, pré-história, podendo até negar a pré-história.

Uma história infantil também pode apresentar falhas, erros, como nas super-produções de Hollywood.

Crianças tem uma visão além do pré-conceito de certo e errado, podem ser excelentes atores e atrizes da vida real, sem contudo tomar decisões incorretas, desde que bem orientadas.

Crianças poderão ser excelentes adultos, desde que os adultos tenham as respostas certas para as suas perguntas.

Por quê? Por quê? Por quê? Por quê? Por quê? Por quê? Por quê? Por quê? Porquê? Por quê? Por quê? Por quê? Por quê?…

By Jânio

abril 25, 2011 Posted by | Reflexões | , , , , , , | 8 Comentários

   

Karmas e DNA.

Direitos autorais: Fernanda vaz.

Academia New Star Fitness

A fine WordPress.com site

Gramofone Lunar

Músicas, Versos e Outras Histórias

baconostropicos

Documentário "Baco nos Trópicos"

relutante

leve contraste do sentimentalismo honorário

entregue a solidão

é oque me resta falar e oque me sobra sentir

RB Solutions

Soluções em informática, comunicação e tecnologia

Bora' para Ireland

Smile! You’re at the best WordPress.com site ever

sarahrosalie

A topnotch WordPress.com site

Suburban Wars

"Let's go for a drive, and see the town tonight"

Made in Blog

Política, curiosidades, notícias, entretenimento, blogosfera,

%d blogueiros gostam disto: