Made in Blog

Política, curiosidades, notícias, entretenimento, blogosfera,

Suecia suspende la causa contra Julian Assange

Publicado em 19 de mai de 2017

Assange se encuentra refugiado en la embajada de Ecuador en Londres desde junio de 2012, cuando Quito le proporcionó asilo político. Más información: https://es.rt.com/54av

¡Suscríbete a RT en español!
http://www.youtube.com/user/Actualida…

RT en Twitter: https://twitter.com/ActualidadRT
RT en Facebook: https://www.facebook.com/ActualidadRT
RT en Google+: https://plus.google.com/+RTenEspanol/…
RT en Vkontakte: http://vk.com/actualidadrt

Vea nuestra señal en vivo: http://actualidad.rt.com/en_vivo

RT EN ESPAÑOL: DESDE RUSIA CON INFORMACIÓN

maio 19, 2017 Posted by | Espanhol | , , , | Deixe um comentário

Prisão do hacker mais famoso do mundo não calará a internet

hacker famoso

Prision Julian Assange

Julian Assange deverá, mesmo, ser extraditado para a Suécia, onde responde por crime de sedução de menor.

Pelo que o dono do Wikileaks está dizendo, não é do crime na Suécia que ele tem medo, mas de ser extraditado para os Estados Unidos, onde, segundo ele, poderia ser executado por atividades anti-americanas.

Eu achei um exagero, ele achar que poderia ser extraditado para os Estados Unidos, mais exagero ainda, dizer que seria executado naquele país.

Vamos por partes:

O Wikileaks se tornou um dos sites mais importantes do mundo, nos últimos meses. É o site mais importante, em matéria de denúncias, e ajudou a desestruturar os ditadores e criminosos políticos do mundo inteiro.

Até mesmo executivos de bancos da Suiça se renderam à reputação do Wikileaks, confiando-lhe documentos sigilosos de transações financeiras suspeitas.

A prisão de Julian Assange não deverá calar o site Wikileaks, site que já se tornou o porta-voz número um, daqueles que lutam por mudanças, ou esperam por informações que não sejam manipuladas pelas mídias de massa.

Tornando-se uma grande empresa, com uma pessoa que sabe como lidar com a imprensa e com a política internacional – além de internet, é claro – o Wikileaks está pronto para seguir, mesmo sem o seu dono diretamente ligado ao comando do site.

Não. Os americanos não poderiam matar Julian Assange, pelo menos não agora que ele já expôs essa possibilidade em público.

Além disso, a Suécia não é como o Brasil, ou países subdesenvolvidos de terceiro mundo, onde a justiça não passa de utopia. Na Suécia, a justiça é uma coisa séria, e é por isso que ele está sendo solicitado, junto às autoridades inglesas, para pagar por um crime que seria curriqueiro, em países mal estruturados.

A Suécia sabe muito bem da importância de seu prisioneiro ilustre, assim como os Estados Unidos sabem que não vão parar o site Wikileaks, matando o seu dono.

Antes do Wikileaks, todo o jornalismo da internet era ameaçado pelos políticos do mundo inteiro, mas agora não há mais como. Barrar essas informações, seria descer ao nível de países imperialistas, como a China, Irã ou Coréia do Norte.

Hoje, as pessoas já se comunicam mais pelo mundo virtual, do que pelos meios tradicionais, barrar a internet seria como costurar seus lábios, proibílos de falar.

Ao contrário do que diz a burguesia, não é preciso ser estudado, para se criar um blog ou expor sua opinião, mas é preciso ter noções de justiça.

By Jânio

fevereiro 25, 2011 Posted by | Internacional | , , , , , , , , , , , | 24 Comentários

   

Karmas e DNA.

Direitos autorais: Fernanda vaz.

Academia New Star Fitness

A fine WordPress.com site

Gramofone Lunar

Músicas, Versos e Outras Histórias

baconostropicos

Documentário "Baco nos Trópicos"

relutante

leve contraste do sentimentalismo honorário

entregue a solidão

é oque me resta falar e oque me sobra sentir

RB Solutions

Soluções em informática, comunicação e tecnologia

Bora' para Ireland

Smile! You’re at the best WordPress.com site ever

sarahrosalie

A topnotch WordPress.com site

Suburban Wars

"Let's go for a drive, and see the town tonight"

Made in Blog

Política, curiosidades, notícias, entretenimento, blogosfera,

%d blogueiros gostam disto: