Made in Blog

Política, curiosidades, notícias, entretenimento, blogosfera,

Impeachment para barrar Lava a Jato

agosto 12, 2016 Posted by | Política | , , , | Deixe um comentário

A trágica história de Joaquim

Menino Diabético

Vítima Social

A nova novela policial é a triste história de Joaquim Ponte Marques, menino de apenas 3 anos que é a nova vítima de nossa sociedade cruel. Mais uma vez eu tenho que repetir a mesma ladainha: Joaquim só morreu como um anjo porque lhe negaram a chance de crescer, mas que educação ele poderia ter desses pais, caso não tivesse morrido?

Quem irá contar a história para os descendentes será o seu irmão, que talvez tenha mais sorte, agora que os pais estão presos.

Os cronistas se lembraram de Isabela Nardoni, outro escândalo que já demonstrava a decadência da família brasileira pela mídia. Desta vez houve mais participação de celebridades, apesar do caso ter se resolvido mais rapidamente.

A história da tragédia: A psicóloga Natália Mingoni Ponte, 29 anos, conheceu o técnico em informática, Guilherme Raymo Longo, 28 anos, numa clínica de recuperação em Ipuã. Depois de algum tempo, a psicóloga se juntou com o paciente, técnico em informática.

Ela já começou demonstrando falta de ética, uma psicóloga não pode se relacionar com um paciente – qualquer semelhança com aquele filme de Ian Mckellen, Asyllum, como um médico de um hospital para doentes mentais, não é mera coincidência.

Além disso, o laudo do paciente mostra que ela é uma péssima psicóloga. Sua possível responsabilidade e participação no crime, compromete ainda mais sua péssima carreira de psicóloga. A educação no Brasil realmente deixa muito a desejar, tanto a educação familiar, quanto a universitária.

Segundo a psicóloga, ela queria se separar do antigo paciente, quando soube que ele voltara a consumir drogas. Guilherme tornara-se violento, ameaçando agredir o próprio bebê do casal.

Quando Joaquim, irmão de Vitor Hugo, desapareceu, houve uma preocupação muito grande, já que o menino era diabético e necessitava de cuidados especiais. A história mobilizou anônimos e famosos, até que a polícia encontrasse o corpo em um rio.

Agora a história se repete: Descobrir o assassino, se é que foi um assassinato, já que a polícia descobriu através de exames que o menino já estava morto quando foi jogado no rio.

O escândalo começou quando o pai verdadeiro de Joaquim denunciou o desaparecimento e o comportamento violento do padrasto.

O que se sabe até agora, é que todos são culpados, inclusive a própria sociedade que os condena.

O mal exemplo da justiça política, deixando a ideia de que ninguém vai preso no país, combinado com a falta de investimentos em cadeias e penitenciárias, sem vagas para os criminosos que aumentam a cada dia, pioram a situação.

O pior de tudo é imaginar democraticamente esses malditos políticos nos representam e que eles são o nosso reflexo.

Resta-nos saber se nosso grito será ouvido e, mesmo que não seja, nós cometemos um erro e está na hora de corrigir esse erro.

By Jânio

Caso Isabela Nardoni dirtorce a realidade

Família de PMs é assassinada

Menino atira na professora e se mata

A morte da princesa

Decadência da família brasileira

Solução para os problemas sociais

novembro 19, 2013 Posted by | Policia | , , , , | 2 Comentários

   

Karmas e DNA.

Direitos autorais: Fernanda vaz.

Academia New Star Fitness

A fine WordPress.com site

Gramofone Lunar

Músicas, Versos e Outras Histórias

baconostropicos

Documentário "Baco nos Trópicos"

relutante

leve contraste do sentimentalismo honorário

entregue a solidão

é oque me resta falar e oque me sobra sentir

RB Solutions

Soluções em informática, comunicação e tecnologia

Bora' para Ireland

Smile! You’re at the best WordPress.com site ever

sarahrosalie

A topnotch WordPress.com site

Suburban Wars

"Let's go for a drive, and see the town tonight"

Made in Blog

Política, curiosidades, notícias, entretenimento, blogosfera,

%d blogueiros gostam disto: