Made in Blog

Política, curiosidades, notícias, entretenimento, blogosfera,

Top cidades digitais

cidades mais tecnológicas

Cidades Digitais

O Centro de Pesquisas e Desenvolvimento em Telecomunicações (CPqD) apresentou o resultado de uma pesquisa feita em 100 cidades brasileiras, onde a capital paranaense aparece no topo do ranking das cidades digitais. Essa pesquisa analisa o acesso a internet, cobertura, qualidade, etc.

Como eu publiquei uma lista ontem, eu achei curioso como a cidade de Vitória volta a figurar em mais uma lista de tecnologia relacionada a cidadania.

A região de São Paulo foi, é e sempre será a região mais culturalmente desenvolvida do país, por isso não dá para estranhar a quantidade de cidades paulistas no top 10. Curitiba, para quem não sabe, possui um dos maiores gênios do software livre.

… e mais uma vez eu chamo a atenção para um detalhe, a falta de educação adequada. O desenvolvimento educacional, filosófico, não tem acompanhado o desenvolvimento tecnológico e a inclusão digital, isso ajuda a explicar o caos e a violência pela qual passa a capital paranaense e a cidade de Vitória, dois dos maiores destaques da lista.

Na lista das cem cidades, Tauã-CE, apresenta o melhor acesso público.

O desenvolvimento do serviço de internet ficou em 22%, mas o melhor foi no quesito cobertura total, onde foi verificado um salto de 6% para 30%, nas cidades pesquisadas.

Veja o ranking:

01 – Curitiba – 423 pontos

02 – Rio de Janeiro – 407 pontos

03 – Belo Horizonte – 398 pontos

04 – Vitória – 396 pontos

05 – Campinas – 390 pontos

06 – Sorocaba – 388 pontos

07 – Anápolis – 388 pontos

08 – Porto Alegre – 387 pontos

09 – Jundiaí – 385 pontos

10 – Guarulhos – 382 pontos

Cidades com mais acesso a tecnologia da informação

Países com mais internautas

Texto: By Jânio

agosto 4, 2012 Posted by | internet | , , , , , , , | 1 Comentário

Internet popular será implantada em 31 de outubro

tecnologia estatal

Internet Populista

O socialismo é uma tendência de governo bem à brasileira.

Se fizermos uma boa pesquisa, descobriremos que o populismo já tem cerca de 500 anos, ou seja, desde que o Brasil foi descoberto.

É tudo muito confuso, desde o nome “Brasil” até a “Independência do Brasil”, vista sob ótica ufanista.

…e não para por aí, sempre houve o cuidado de apresentar uma boa história para o povo. Teríamos permanecido assim para sempre, mas até no Brasil o tempo muda, essa é uma lei elementar da física.

Eu não creio que fosse possível uma vitória da esquerda, sem a internet, não no Brasil. O fato é que a esquerda venceu justamente quando estava com a cara da direita, porque a direita também é socialista.

Até o governo militar, analisando o ufanismo da época, apresentava características populistas, como a insinuação de apoio a Hitler – Getúlio Vargas.

O Governo democrático de Jânio – meu xará – tinha relações suspeitas com o comunismo de Guevara, um escândalo para a época, normal nos dias de hoje.

“O caçador de Marajás” usou essa técnica de guerrilha para se eleger, mas foi o Ministro – FHC – de seu vice – Itamar Franco – quem levou o país definitivamente para o socialismo.

FHC criou cestas, bolsas, vales e outras maravilhas, capazes de deixar seu padrinho Fidel orgulhoso. Suas visitas ao Tio Fidel eram constantes.

Seu sucessor – Lula – seguiu à risca seus projetos, e melhorou/piorou muito, criando outros projetos similares. Lula foi o Presidente mais popular da época pós governo militar, o que não é pouca coisa, levando-se em conta o nível de informação das pessoas hoje.

O governo Lula foi o governo com mais escândalos, mas a Polícia Federal pôde finalmente trabalhar em paz – O problema agora é o STF.

Bom, pelo menos já sabemos quem são os bandidos, quem está roubando, quem tem força no congresso, quem protege os bandidos, redes de tvs suspeitas, etc., tudo graças a internet.

O inclusão digital é um grande desafio de governos populares, ou populistas, como sempre foi o caso do Brasil.

Nessa “queda de braço”, ninguém melhor que a socialista, Presidenta Dilma, para negociar com as mega empresas de telefonia, controladas por grupos estrangeiros capitalistas.

Parece que tudo já está praticamente certo, daqui a três meses, teremos finalmente a internet em Banda Larga, subsidiada pelo Governo Federal, num preço que é bastante atraente, 35 reais mensais.

Eu não sei quanto os grupos estrangeiros lucrarão com esse acordo, mas vale o ditado populista, digo popular.

Lembrando o próprio populismo: “Se está bom para o povo, então está bom para todos”.

Eu poderia sair elogiando o acordo desde agora, mas o plano precisa ser regulamentado. Isso deverá ocorrer até o dia 28 de Julho.

Como o acordo para internet móvel já foi regulamentado, fica claro que o Brasil dará um grande passo para a democratização da internet.

Esse fato será muito importante para a democratização da informação. Eu diria que o Estado já pode pensar em fornecer a parte teórica da educação pela internet, o que será uma economia muito grande.

Um megabite é uma Banda larga razoável, levando-se em conta que não será preciso mais pagar outros serviços de telefonia, como a linha telefônica, então a internet finalmente chegará ao povo.

Ninguém precisa mais do telefone. Com o uso de MSN e Skype, até a Banda Larga via rádio e via energia elétrica ameaçam o poderio das telefônicas.

Ronaldo Sardenberg já deu até o prazo para a implantação que deverá revolucionar os sistemas de informações brasileiros, 31 de Outubro.

Eu estou acreditando no PNBL – Plano Nacional de Banda Larga – afinal, Paulo Bernardo, encarregado de implantar a internet popular, é marido da nova Ministra da Casa Civil, Gleisi Hoffmann.

Paulo Bernardo, Ministro das Comunicações, acredita numa adesão de até 70% dos internautas que ainda não tem acesso a Banda Larga, e ele não está longe da realidade.

Isso afetará muitas organizações, principalmente o chamado Partido da Imprensa Golpista, ferramenta útil para a manipulação, durante séculos no Brasil.

Mais de 90% dos jornais e revistas passarão a ser eletrônicos, portanto, expostos ao júri popular, ou seria populista.

A manipulação continuará imperando, através do monopólio de grandes portais, sistemas de buscas, redes sociais, etc., mas quem dará a última palavra será o internauta, o povo.

Entre os grandes pensadores que não acreditavam na democracia, estava Platão, Aristósteles e outros. Eles achavam que o povo humilde e desinteressado no jogo sujo do poder, seriam presas fáceis para os corruptos, já que não tinham educação suficiente.

Esse será o momento da verdade.

By Jânio

julho 2, 2011 Posted by | Política | , , , , , , , , , , , | 3 Comentários

   

Karmas e DNA.

Direitos autorais: Fernanda vaz.

Academia New Star Fitness

A fine WordPress.com site

Gramofone Lunar

Músicas, Versos e Outras Histórias

baconostropicos

Documentário "Baco nos Trópicos"

relutante

leve contraste do sentimentalismo honorário

entregue a solidão

é oque me resta falar e oque me sobra sentir

RB Solutions

Soluções em informática, comunicação e tecnologia

Bora' para Ireland

Smile! You’re at the best WordPress.com site ever

sarahrosalie

A topnotch WordPress.com site

Suburban Wars

"Let's go for a drive, and see the town tonight"

Made in Blog

Política, curiosidades, notícias, entretenimento, blogosfera,

%d blogueiros gostam disto: