Made in Blog

Política, curiosidades, notícias, entretenimento, blogosfera,

O Cartunista Glauco é assassinado

Ultima homenagem

Homenagem ao cartunista

Como disse o Príncipe: “As pessoas só ficam famosas depois de mortas”, sou forçado a crer nessa dura realidade. Pelo menos esses foram os casos da Leila Lopes e do ET, dois exemplos de artistas da classe intermediária que se tornaram manchetes nos principais jornais com suas mortes.

Dessa vez foi o chargista Glauco. Todas as pessoas que lêem jornais, pelo menos uma vez, em momentos de completa ociosidade, parou para ler as tirinha de Geraldão ou algumas outras de autoria de Glauco.

Glauco tinha um estilo irreverente que estava a altura dos maiores chargistas do mundo. Quando vejo uma charge assim, sempre me lembro do Ziraldo, do Henfil, por isso não imaginava que o Glauco fosse tão jovem ainda.

A charge transforma um artista em celebridade muito rapidamente, foi isso que aconteceu com o Glauco. Ele era de uma cidade bem próxima a minha, Jandaia do Sul, terra de outros humoristas famosos, como o apresentador Ratinho e do companheiro do ET, o Rodolfo.

A morte de Glauco, portanto, passa para as estatísticas policiais como mais um crime bárbaro, que tem se tornado comum no mundo inteiro, influenciados pelos filmes de Hollywood, onde a vida não tem muito valor.

Mesmo não sendo rico, um artista famoso passa essa imagem para os leitores; induz as pessoas com patologias psicóticas a criarem fantasias em suas cabeças doentias.

Outra notícia que me chamou a atenção, foi a notícia de que Durval Barboza, aquele do mensalão de Brasília, estaria pedindo para entrar no serviço de proteção às testemunhas, devido a novas notícias bombásticas sobre o caso Arruda, ex-governador de Brasília e que se encontra preso.

Para não dizer que eu não falei das flores, a linha de sucessão presidencial do Presidente Lula pode virar a política de ponta cabeça, caso ele se licencie para ajudar na campanha de Dilma. Acontece que a maioria dos possíveis políticos que poderiam assumir, tem compromissos na próxima eleição, é o caso do vice-presidente, entre outros.

O único político que poderia assumir seria José Sarney, já que seu mandato está longe de terminar, mas ele adiantou que não vai aceitar. Sarney já aprendeu que ser Presidente é entrar na temporada de caça, sendo a caça, é claro.

Humor de luto

vitima da violência

By Jânio

março 13, 2010 Posted by | Policia | , , , , , , , | 5 Comentários

Após os quinze minutos de fama

enqunto durar o sucesso

maior o sucesso, maior o tombo

Depois da morte do ET, foi difícil evitar uma revisita ao tema “decadência de celebridades”.

Acompanhei algumas das últimas entrevistas do humorista, que não era humorista, chamado ET, muitas comparações e lembranças vieram a cabeça.

Recentemente, eu cheguei a dizer: “Se a  NASA usasse atores para o seu projeto de simulação de pessoas no espaço, seria um sucesso.”

No mundo do entretenimento, as pessoas se cansaram de ver atores, o que vale agora é a realidade. As novelas estão a um passo de perderem o topo das preferências para os realities, mas não são apenas os realities que ameaçam essa hegemonia.

Por mais que as grandes redes queiram evitar, o realismo ganha muita demanda na indústria do entretenimento, apresentadores que falam palavrões, improvisam, apresentam bizarrices.

Encontrar uma forma bizarra de animar o telespectador  é sinal de boa audiência.

A quinta maior rede de televisão do Brasil, encontrou um formato certo de audiência, capaz de incomodar a concorrência. Trata-se de um programa chamado Pânico, a melhor amostra do que atrai a audiência hoje-em-dia. O programa é uma mistura de Jackass, para ver quem é mais louco, com entrevistas cheias de improvisos, onde vale tudo até humilhar o entrevistado.

Esse tipo de programa sempre encontra seus personagens famosos, mas eles não são só famosos, são reais. Quanto mais exótica a pessoa, melhor, essa fórmula não é nova, já era muito usada no Nordeste.

O personagem da vez foi ET, assim como tantas outras celebridades que ganharam o país, passando longe dos quinze minutos de fama, como Leila Lopes, que, no mínimo, já tem até uma pequena biografia no Wikipedia, ou Pixote, que apesar de não ter conseguido o tão sonhado sucesso, ganhou até uma filme em homenagem póstuma.

Pouco antes de morrer, o exótico ET, pedia encarecidamente uma chance na TV, depois de der alcançado o sucesso e ser celebridade conhecida em todo o Brasil.

Certa vez, Rodolfo, seu descobridor, depois de vê-lo pela primeira vez, não conseguia mais parar de rir. Como Rodolfo estava com relativo sucesso na tv e via no homem esquisito uma chance que esperava, aproveitou o momento que o destino oferecia a ele. Após a sua morte, Rodolfo afirmou que ET era um humorista, não ele.

Acontece que ET foi um produto dessa geração, onde, quanto menos comum melhor, isso passa a idéia de realidade. O exótico ET era essa figura que a tv buscava, figuras que dominam a tv atualmente.

Como podemos analisar, alcançar o sucesso é fácil, difícil é manter se estranho por muito tempo.

A cantora Madonna é especialista em criar visuais chocantes, capazes de chamar a atenção até de quem nem sabe quem é ela, mesmo assim, seu comportamento é considerado normal para os padrões de hoje.

Algumas pessoas conseguem lidar bem com isso, outras tem sua vida transformadas em tragédia, como foi o caso de Leila Lopez.

O pequeno humorista que talvez tenha morrido sem saber o motivo de tanto sucesso, morreu no dia 02 de fevereiro de 2.010, sem nunca ter voltado aos dias de glória.

A vida não tem um manual, fazemos o melhor que podemos, mas no fim nem sempre somos recompensados por isso. A platéia pode querer mais, pode querer sangue, tragédia, desgraça …

As vezes eles conseguem.

By Jânio

fevereiro 11, 2010 Posted by | televisão | , , , , , , , , | 7 Comentários

   

Karmas e DNA.

Direitos autorais: Fernanda vaz.

Academia New Star Fitness

A fine WordPress.com site

Gramofone Lunar

Músicas, Versos e Outras Histórias

baconostropicos

Documentário "Baco nos Trópicos"

relutante

leve contraste do sentimentalismo honorário

entregue a solidão

é oque me resta falar e oque me sobra sentir

RB Solutions

Soluções em informática, comunicação e tecnologia

Bora' para Ireland

Smile! You’re at the best WordPress.com site ever

sarahrosalie

A topnotch WordPress.com site

Suburban Wars

"Let's go for a drive, and see the town tonight"

Made in Blog

Política, curiosidades, notícias, entretenimento, blogosfera,

%d blogueiros gostam disto: