Made in Blog

Política, curiosidades, notícias, entretenimento, blogosfera,

Santo de empresa também não faz milagres

expectativa de empreendedor

Mudança de Hábito

“Santo de casa não faz milagres” é um ditado popular, significa que não damos valor ao que temos. Por estarmos muito próximos, perdemos a fé nas pessoas e não percebemos nossas verdadeiras riquezas.

Nem todos são iguais, algumas pessoas estão sempre apaixonadas pela vida, motivadas e contagiam a todos.

Pessoas equilibradas sempre terão boa reputação, farão sucesso sem muito esforço por já serem esforçadas e sempre receberão bons conselhos de muitos amigos.

Apesar das empresas de cidades pequenas terem nomes de santos, santo de empresa também não faz milagre, é preciso trabalhar muito.

O planejamento ensinado pelo curso do SEBRAE, evita muitos erros e fracassos com procedimentos empreendedores simples.

Para quem não gosta de planejamento, isso pode ser uma tortura.

Alguns profissionais que decidem registrar firma, preferem entregar tudo nas mãos do contador e, mesmo assim, sentem-se mal até com atividades simples, como fazer notas, pagar contas, etc.

Mesmo com todo esse desconforto, pessoas mal organizadas não são iguais, algumas tem mais controle sobre o universo que as cercam.

Pessoas com mais contatos, famílias maiores, estudo, etc., tendem a ter mais vantagens em relação aos concorrentes.

Se uma pessoa tem um empreendimento em sua profissão, passou a vida pensando nisso, calculou cada detalhe, observou as pessoas, dificilmente terá problemas.

…mas algumas perguntas são fundamentais, como:

01) Quem serão os seus consumidores e qual a sua relação com eles.

02) Quem serão os seus fornecedores.

03) Qual o tempo de retorno do capital investido.

04) Como sua empresa estará daqui a x anos.

O que deixa as pessoas deprimidas, é a falta de planejamento. É preciso observar e planejar.

O sucesso pode estar em detalhes como:

01) Ponto de venda.

02) Reputação do vendedor.

03) Análise de mercado.

04) Comunicação, criatividade, etc.

Pessoas com habilidades e bom planejamento conseguem empreender sem dificuldades, já que tem um controle sobre quase tudo.

Mesmo tendo um relativo sucesso, algumas pessoas chegam a um ponto que se sentem desmotivadas, já que seus objetivos estão além das conquistas obtidas. Nesse caso precisam planejar ainda mais, apesar do medo.

Eu conheci um homem assim.

Ele era um bom profissional, juntou algumas economias mas não tinha coragem de começar. Acontece que sua mulher também era profissional, apesar de não exercer a profissão.

Depois de muito tempo de planejamento, veio a coragem. Abriu uma empresa, continuava trabalhando, enquanto sua esposa administrava a empresa.

Tudo ia bem, mas o lucro…

Nada havia mudado em sua vida, estava desmotivado, sabia que o lugar não oferecia muitas possibilidades, pelo menos não para pessoas honestas e sem interesse em atos ilícitos.

Foi então que começou a planejar sua mudança de cidade, dessa vez já tinha a experiência do primeiro empreendimento.

Demorou um pouco, mas conseguiu mudar a empresa de cidade.

Agora estava em um grande centro, só precisava se adaptar.

Sua adaptação foi rápida, tudo o que foi planejado foi alcançado.

Sentia-se motivado, realizado, apesar do público ser quase o mesmo.

Descobriu o que muita gente já dizia, mas que ele nunca havia analisado muito bem:

Santo de casa não faz milagres.

By Jânio

setembro 16, 2011 Posted by | Empreendedorismo | , , , , , , , | 1 Comentário

Resgate dramático de mineiros soterrados no chile

Expectativas no resgate

Nova Tragédia

O drama dos mineiros soterrados no Chile emociona o mundo inteiro, de um lado há pessoas que oram, rezam e pedem para que Deus olhe pelos homens soterrados no fundo da montanha, de outro há interesse de técnicos, cientistas e especialista interessados em oferecer algum tipo de tecnologia que possa tornar o trabalho de resgate mais eficaz.

Dezenas de trabalhadores de uma mina no Chile ficaram soterrados, perdidos em meio as montanhas, eles se alimentavam de restos de alimentos e água que encontravam nos carrinhos de transportes. Ao serem encontrados, depois de três semanas, estabeleceu-se um tipo de comunicação, mesmo que precária, por onde os mineiros se comunicam com seus familiares e com as pessoas responsáveis pelo resgate.

Segundo o Presidente do Chile Sebastián Piñera deu a entender, os mineiros deverão permanecer no interior da montanha, onde estão soterrados, por pelo menos mais três meses, além do tempo que já permaneceram perdidos no interior da montanha.

Segundo avaliações de pessoas responsáveis, os trabalhadores se encontram em boas condições de saúde,  físicas, o problema maior deverá ser psicológico, já que a alimentação e tudo o que os mineiros precisam está sendo enviado pelos canos de comunicação.

As máquinas deverão fazer uma perfuração menor até o onde os mineiros estão presos, em seguida a máquina criará uma passagem maior por onde será feito o resgate dos homens.

A maior preocupação  tem sido manter o ânimo dos mineradores, já que são homens com certa experiência em isolamento e com capacidade para suportar um tempo relativamente longo, como os três meses previstos pelos técnicos em perfuração.

Trabalhar numa mineradora no Chile, parece ser uma profissão de risco, já que o país sofreu com um terremoto recentemente. Os trabalhadores se encontram à 700 metros de profundidade, qualquer tremor de terra nessas montanhas, pode ser fatal.

Desejamos muita força para esses trabalhadores que certamente superarão essas dificuldades, já agradecendo a Deus por eles estarem bem de saúde.

Como tudo terminou:

https://icommercepage.wordpress.com/2010/10/14/mineiros-do-chile-sao-regatados-com-festa/

By Jânio

setembro 3, 2010 Posted by | Internacional | , , , , , | 15 Comentários

O Brasil faz a festa na Fórmula Indy 2.010

mulher ao volante

Bia Figueiredo

Em época de vacas magras na Fórmula Um, a segunda categoria de provas de automobilismo mais badalada do mundo, a Fórmula Indy, é uma alternativa para quem gosta de competitividade  e de torcer.

A Fórmula Indy é quase um jogo, todos usando o mesmo motor e chassis, motor, com as mesmas chances e sem a alta tecnologia da Fórmula Um, o que vale é o braço do piloto. Resumindo, todos tem chances iguais, pelo menos teoricamente.

Assim como na Fórmula Um, a Fórmula Indy foi conquistada pelo brasileiro Emerson Fittipaldi, o primeiro brasileiro a ganhar nas duas categorias. Apesar de serem muito parecidas, para quem não entende muito do assunto, suas diferenças são gritantes.

Na Fórmula Indy os brasileiros já fazem de tudo, temos pilotos, empresários, donos de equipe, mulheres no volante, etc.

A prova do Brasil tem um gostinho especial para os brasileiros, talvez esse seja o motivo do nervosismo dos brasileiros, já que os latinos são tão passionais.

Todos apostavam suas fichas em Tony Canaan, o piloto que tem uma equipe de ponta e é super arrojado, mas o melhor colocado acabou sendo Vitor Meira, um piloto que tem surpreendido tanto que nem é considerado surpresa, só para os comentaristas e narradores.

Apesar do fantástico pódio do piloto Vitor Meira, a maior vitória brasileira foi o quarto lugar de Raphael Matos, isso porque sua equipe pertence ao ex-campeão da categoria, o brasileiro Gil de Ferran. Nascido na França, Ferran mora no Brasil desde a época de berço.

A maior aposta, Tony Canaan, foi tocado e comprometeu sua prova, ficando fora do pódio. O piloto mostrou-se muito simpático, como sempre e estava satisfeito com a garra da equipe, segundo suas entrevistas.

A brasileira estreante, cujo empresário é André Ribeiro, Bia figueiredo fez uma excelente estréia, não tão boa como Raphael, mas mostrando que mulher também dirige bem. Ela largou em vigésimo segundo lugar no grid e terminou em décimo terceiro, grande Ana Beatriz, essa menina tem futuro.

Eu diria que a Fórmula Indy se parece mais com um jogo do que propriamente uma prova de corrida automobilística, isso porque tem muitas bandeiras amarelas, quando acontecem acidentes, hoje teve até uma bandeira vermelha devido a chuva, o que aumentou ainda mais a adrenalina dos pilotos e torcedores. Após a bandeira vermelha, a prova foi reiniciada sem problemas.

A prova mais tradicional, e mais perigosa também, da Indy, são as quinhentas milhas de Indianápolis, num circuito oval, os pilotos são testados até o seu limite, assim como seus carros e construtores. O lado mal desses ovais é que sempre acontecem acidentes graves, acidentes fatais não são raros.

Se nos Estados Unidos isso é visto como mais um atrativo, no resto do mundo essa violência acaba impedindo que a categoria se torne mais popular que a própria Fórmula Um, que entrou em crise justamente depois das mortes de Senna, onde houve uma outra morte na mesma prova.

Fora isso, para quem nunca viajou de carro pelas estradas do Brasil, portanto nunca sofreu um acidente, pode se divertir muito com esse espetáculo.

By jânio

março 15, 2010 Posted by | esportes | , , , , , , , , | 6 Comentários

   

Karmas e DNA.

Direitos autorais: Fernanda vaz.

Academia New Star Fitness

A fine WordPress.com site

Gramofone Lunar

Músicas, Versos e Outras Histórias

baconostropicos

Documentário "Baco nos Trópicos"

relutante

leve contraste do sentimentalismo honorário

entregue a solidão

é oque me resta falar e oque me sobra sentir

RB Solutions

Soluções em informática, comunicação e tecnologia

Bora' para Ireland

Smile! You’re at the best WordPress.com site ever

sarahrosalie

A topnotch WordPress.com site

Suburban Wars

"Let's go for a drive, and see the town tonight"

Made in Blog

Política, curiosidades, notícias, entretenimento, blogosfera,

%d blogueiros gostam disto: