Made in Blog

Política, curiosidades, notícias, entretenimento, blogosfera,

O maior prêmio pago do Brasil

história política

Sílvio Santos e Lula

Eu fiquei sabendo que o maior prêmio pago pela caixa foi de R$ 119.142.144,27, o problema é que esqueceram dos 4,5 bilhões de reais que o Sílvio Santos ganhou. Fazendo uma nova pesquisa, descobri que a caixa, assim como outras instituições públicas, estão investindo muito dinheiro fora do país.

Investir fora do país, será bom para eles, já que não será possível controlar ou administrar essas instituições.

A Caixa já tem filiais na Venezuela e Japão, e é tudo ideia do PT.

Quando Chavez e Morales privatizaram a Petrobrás de seus respectivos países, Venezuela e Bolívia, nessa ordem, o presidente Lula deixou bem claro que eles deveriam ter autonomia de seus países, para a ira da burguesia tucana, mesmo assim, continuaram investindo.

Voltando atrás no tempo, os militares investiram pesado em estatais, como forma financiar a infra-estrutura do país, e deu certo em partes. Logo ficou comprovado que essas instituições, administradas por compadres do poder, não estava atingindo seus objetivos, foi aí que começou a privataria tucana.

Quase todas as estatais criadas pelos militares foram vendidas, para que pudessem dar lucros, até então só davam prejuízo. Nenhuma auditoria foi feita e as empresas foram vendidas para quem pagasse mais.

Como poucos bilionários tinham condições de comprar tais estatais, essas empresas acabaram nas mãos de compadres dos políticos e até hoje ninguém sabe onde foi parar o dinheiro dessas compras. Há quem diga que esse dinheiro ia para os especuladores da bolsa.

Eu imagino que, agora, os compadres dos políticos estejam torcendo para o companheiro chavez dar um golpe na Venezuela, assim, eles teriam um lugar para morar o resto de suas vidas, condecorados como heróis, inclusive, depois de toda ajuda que deram ao presidente boliviano. Podem até ajudar a família Castro, através da Venezuela – a Bolívia já foi ajudada, com a estatização da Petrobrás.

É interessante porque eu imaginava esse mesmo caminho para o Battisti, não há a menor dúvida de que os caminhos da esquerda são diferente dos caminhos da direita.

Eu imagino os tempos em que Antônio Carlos Magalhães tinha uma equipe de espiões, ao lado de Arruda, e confiava tanto em sua “divindade” que acabou caindo. Enquanto isso, Jaime Lerner abria as portas para os infernos fiscais, através do Banestado, Banco Del Paraguai e Nova Iorque.

Maluf causava um rombo no Banespa, enquanto PC Farias comprava todos os políticos que o governo precisava. Chico lopes era o consultor do governo que vazava informações para os compadres dos políticos.

Não resta dúvidas que o PT é incompetente para roubar, mas deixar a Polícia Federal trabalhar ajudou a aumentar as reservas. A prisão dos doleiros encareceu a lavagem de dinheiro e surgiram, finalmente, os primeiros bilionários brasileiros, Made in Brasil, sem a ajuda da Suíça, Ilhas de Cayman, ou outros infernos fiscais.

… E o Brasil pagaria o maior prêmio da história…

O Chico da Fossa ganhou mais, mas foi parcelado. Foram vários prêmios, até somar mais de sete bilhões.

By Jânio
A política torta do Brasil

Eu não acredito em teoria da conspiração

Mortes misteriosas de celebridades

Presidentes do Brasil

A história de José Sarney

PT acerta o próprio pé

Políticos com problemas na justiça

O massacre do sítio caldeirão

A crise da PPP

Ficha Limpa

dezembro 28, 2011 Posted by | Política | , , , , , , , | 2 Comentários

Caso Panamericano começa a feder

Quem quer dinheiro

Ex-banqueiro

É, meus amigos, aconteceu o que todo mundo temia. Começaram a revirar o estrume do caso Panamericano, e encontraram o que procuravam.

Se 2,5 bilhões já era maior que o valor real do banco, descobriu-se que o rombo é maior, são quatro bilhões. Agora já não é uma questão de desconfiança, é uma realidade.

A busca agora é pelos laranjas: Auditores processados estrategicamente por Sílvio Santos; Venda estratégica do banco pelo Grupo Sílvio Santos – E eu fiquei sem entender nada.

Vejam bem: Sílvio Santos declarou pessoalmente que estaria processando os auditores e gerentes do Panamericano, sendo os auditores da iniciativa privada. Sílvio também disse para o povo brasileiro não se preocupar, suas empresas garantiriam o financiamento – Se o empresário está falido, como poderia garantir o financiamento?

O empréstimo veio de uma instituição privada,  mas quem arcará com essa conta?

Justamente quando descobriu-se que o valor é muito maior que 2,5 bilhões, o empresário anuncia que vendeu o banco. Segundo informações da imprensa, o BTG Pactual informou que teria pago cerca de 450 milhões, para ser sócio da Caixa Econômica –

Sendo assim, o maior perdedor foi a Caixa, o governo, contribuintes que pagam imposto; quem ganhou foi o Grupo Sílvio Santos, depois de conseguir um empréstimo bilionário do fundo privado, cerca de 2.5 bilhões – ou seriam quatro? – vendeu o banco e faturou mais 450 milhões.

só uma coisa eu não entendi: Se o empresário afirmou que havia garantido o empréstimo da empresa falida, com as outras empresas; se ele não pretende vender as outras empresas, como ficaria garantido o financiamento?

Aqui, o negócio começa a “feder”, tudo não passou de estratégia para ganhar tempo. Henrique Meirelles foi irônico, quando disse que a investigação foi dentro da lei, e que não concordava com a lei – A data dos acontecimentos, 11 de setembro, foi um aviso para bom entendedor.

As declarações de Sílvio Santos não poderiam ser mais desastrosas, patéticas, cretinas.

“A única coisa que foi vendida foi o banco, As minhas empresas que estavam como garantia foram liberadas.”

“O SBT que vocês jornalistas queriam comprar não está mais à venda”.

“Dois bilhões de dívidas, quatro bilhões de lucro, isso nada mais é do que zeros, que ficam à esquerda ou à direita”

“Eu fico muito contente que não dei prejuízo para ninguém. Tenho certeza que as ações do PanAmericano vão se valorizar.”

Não é à toa que o banco faliu. Na realidade, desde o início a falência era o principal objetivo.

O problema não começou no dia onze de setembro, tudo teve início muito antes, foi muito bem planejado, com muita gente envolvida.

O empréstimo do fundo privado poderia ser feito, visto que o Grupo Sílvio Santos controlava o banco, quem arcaria com o prejuízo, na realidade seria a Caixa, caso o banco fosse vendido – Foi o que aconteceu, os desvios do dinheiro público ficam cada vez mais sofisticados.

A Petrobrás é um bom exemplo de como lavar dinheiro no exterior. Investe o dinheiro público como se esse não tivesse dono, não se incomodando, quando Hugo Chavez ou Evo Morales estatiza tudo.

Qual é o sentido de uma empresa estatal, cujo objetivo deveria ser o desenvolvimento do país, investindo fora dele? – Foi como montar uma empresa para Chaves ou Morales, com um monte de brasileiro sem saber o que aconteceu.

Se a usina de Itaipu fosse em território estrangeiro, hoje estaria estatizada para aquele país também.

A explicação dada hoje é a de que um proer privado garantirá a dívida, ou seja, os cerca 450 milhões seriam utilizados para pagar quatro bilhões de dívidas.

Fechado o negócio, o BTG Pactual assumiria essa dívida para pagá-la até o ano de 2.028 – Para quem já comprou Baú da In(felicidade), sabe como funciona isso.

Veja como começou o escândalo do Panamericano:

https://icommercepage.wordpress.com/2011/01/09/as-moscas-do-panamericano/

By Jânio

fevereiro 2, 2011 Posted by | Política | , , , , , , , , , , | 7 Comentários

Sessenta ex-governadores causam um rombo de 31 milhões

excesso de gastos

Governadores Aposentados

O escândalo das aposentadorias poderá ser um dos fatos mais marcantes, transformadores, da política dos últimos dias ou semanas. Eu fico me perguntando como um fato tão corriqueiro – Vai dizer que você não sabia? – pode gerar tantos protestos.

Eu diria que a corrupção exige criatividade, depois de algum tempo, todos querem “beber” da fonte, encarecendo muito essa prática. Assim, uma lei é criada para acabar com a farra, forçando os mais criativos a procurar outra forma de desviar dinheiro público.

A aposentadoria vitalícia dos ex-governadores é uma dessas práticas obscuras das quais falamos.

No estado de Minas Gerais, por exemplo, essa forma de apropriação indevida do dinheiro público, começou em 1.957, criado pela lei 1.657.

A legislação brasileira proíbe a divulgação dessas  despesas, mas é uma legislação estadual, ou seja, cada grupo político é dono de seu “cocô”, eu quero dizer, crime. O mais interessante nessa lei, é que, proibindo essa divulgação de gastos públicos – Há muito mais gasto, pode ter certeza – essa lei vai contra a própria constituição de 1.988, que proíbe a prática de atos secretos – Esses atos secretos já estão sendo chamados de caixa preta.

Mas porque essas práticas “comuns” agora se tornam escandalosas? – Devem haver vários motivos, além dos motivos mais claros, aumento excessivo dos gastos – Engana-se quem pensa que são só os governadores, os beneficiados por essa prática ilegal. Há políticos (governadores e seus vices, suplentes, presidentes e seus vices, suplentes, deputados, etc.), militares, herdeiros, filhos e adoções obscuras de políticos, viúvas, etc – também há a síndrome do traído.

Já notaram que por trás de um crime político, sempre tem alguma pessoa traída? – Vamos fazer uma pequena retrospectiva:

01 – Palocci foi considerado um avarento que convenceu o Presidente a trancar a porta do cofre, com o objetivo de aumentar as reservas, que chegaram a 250 bilhões só no primeiro mandato. A oposição soube usar a inexperiência política do partido do Governo, para preparar uma armadilha com o caseiro, um “laranja” que nem sabia o que estava acontecendo, para derrubar o Ministro forte do Governo.

02 – PC Farias foi um generoso “empresário” que cuidava muito bem do Presidente Collor, alguns descuidos contábeis abriram a caixa de pandora, envolvendo toda a elite da política brasileira. Havia muita gente envolvida, portanto muitos traídos: Pedro Collor foi o primeiro a denunciar, depois de saber que iria morrer de um doença fatal, mas houve uma traição; a esposa de PC Farias sabia que era traída, mas amava o marido; tanto a família de collor, quanto a família do próprio PC e milhões de outros políticos, foram traídos por PC, sua esposa avisou em todas as mídias, que ele iria morrer, mas a perícia disse que foi suicídio, mesmo com dezenas de homens na segurança de PC, ninguém ouviu nada, nem é bom continuar.

03 – Genoíno, um herói da resistência à ditadura, caiu como um pato, quando avaliou empréstimo para publicitários lobistas, foi o início de uma lista de mensalões, além de uma guerra declarada contra a oposição, o que culminaria em um mensalinho.

04 – O Juíz Lalau foi traído pelo seu genro, que divulgou a foto de um de seus apartamentos de luxo. Lalau era apenas um Juiz traído, mas Luiz Estevam, o  político que organizava todo os desvio do dinheiro, para a construção do prédio público, ficou livre e teve que criar um time, Brasiliense, para melhorar sua imagem.

05 – Maluf é o maior corrupto da história desse país. Mesmo sem nunca ter passado pela presidência, pela suas mãos passaram todas as classes burguesas de São Paulo; até a seleção brasileira foi premiada com um fusca, depois de ganhar a copa. Seu sucessor, Pita, foi traído, alí terminavam os anos de vacas gordas, e suas tetas maravilhosas – No final da vida, Pita foi flagrado recebendo propinas, bem ao estilo José Roberto Arruda.

06 – José Roberto Arruda poderia entrar para o Guiness Book: Primeiro arrumou uma grande encrenca para um dos maiores coronéis que a política brasileira já teve, depois de Sarney, ACM,  enquanto ACM, traído na votação, por Heloisa Helena, partiu dessa para a pior, Arruda voltou triunfante, tornando-se Governador de Brasília, até Durval Barbosa traí-lo, ou será que foi o contrário?

07 – Antônio Carlos Magalhães e José Roberto Arruda foram traídos por Heloísa Helena, por isso disseram que ela era do terceiro sexo, mas, no calor da discussão, deixaram vazar que sabiam do voto da senadora. A denúncia da senadora, levou a uma investigação, descobrindo a quebra do sigilo dos votos por fraude eletrônica.

08 – O banqueiro Daniel Dantas ia muito bem, até que Chico lopes fosse acusado de vazar informações sigilosas, mostrando que os empresários emprestavam dinheiro do Governo para especular contra o governo, mas o pior estava nas fraudes contábeis dos bancos. Se não fosse a ajuda do STF, os banqueiros estariam todos presos – … mas Henrique Meirelles já avisou que tudo está na lei. Para quem será que nossos legisladores trabalham?

09 – Roberto Jefferson foi pego no flagra, alguém disse que era armação de José Dirceu, pronto, a oposição finalmente conseguia derrubar o todo-poderoso do PT.

10 – Lembram-se do mensalão? – Pois é, o PT também não esqueceu. Investigando a fundo, chegaram até o coordenador internacional de campanha, Duda Mendonça, confesso que senti que ele ia morrer.

 Bom, esse é apenas um pequeno resumo, para mostrar que sempre tem uma traição, para se descobrir um crime. Como vale tudo para chegar ao poder, isso desencadeia muitas traições, o que leva muitos políticos a abrirem a caixa preta e exporem os atos secretos dos Governos, uma das maiores organizações secretas do mundo.

Só no Paraná, o custo de aposentadorias chega a 4,5 milhões, com mensalidades de até 24 mil reais mensais para ex-políticos, até o dia de sua morte.

Você já fez festa, depois da morte de um político? – Eu também já – Como somos ingênuos.

Depois que o político aposentado morre, sua viúva, filhos, amantes, herdeiros adotados, todos recebem uma aposentadoria  de 50%, mesmo sem nunca terem contribuído.

Na Paraíba, a aposentadoria não é tão diferente do Paraná, com ceca de 20 mil reais mensais.  O estado do Rio Grande do sul gasta cerca de 200 mil mensais com aposentadorias, a prática é tão comum que até os políticos que nunca se envolveram com escândalo, aderiram a prática.

No Mato-Grosso do sul já há denúncias desde 2.007, quando um Juiz considerou a prática ilicita, parece que não mudou muito por lá não.

Cerca de 60 ex-governadores estão envolvidos nesse escândalo, envolvendo uma quantia de 31 milhões de reais. Até governadores que governaram apenas dez dias recebem o tal benefício – Pelo menos agora, eu sei porque alguns governadores do Paraná, em final de mandato, pediam afastamento, deixando alguém em seu lugar, garantindo-lhe uma boa aposentadoria.

Vale destacar aqui os políticos conhecidos como íntegros, esses políticos tentaram se esquivar da denúncia, recusando a aposentadoria, ou dizendo que esse dinheiro seria doado. Vejam bem: Se recusarem esse dinheiro, ele volta para o governo, sendo gasto em outras atividades; se forem doados, constitui-se crime, utilizando verba do governo.

Políticos atuantes,  além de seu salário, recebem aposentadoria do governo – Vamos deixar bem claro que esse não é, nem de longe, o maior rombo nas contas públicas, tem muito mais.

Obs: Eu sei o que você estava esperando – Uma lista – acontece que nenhum político vai querer ficar fora desse tipo de corrupção, se ainda não entrou, vai entrar – E não adianta falar que vai doar, ou recusar o dinheiro. Esse dinheiro é pedido por ordem judicial, e será através dela que a prática deve ser encerrada, de preferência com cadeia, mas isso já é um sonho.

By Jânio

janeiro 31, 2011 Posted by | Política | , , , , , , , , , , , , | 11 Comentários

   

Karmas e DNA.

Direitos autorais: Fernanda vaz.

Academia New Star Fitness

A fine WordPress.com site

Gramofone Lunar

Músicas, Versos e Outras Histórias

baconostropicos

Documentário "Baco nos Trópicos"

relutante

leve contraste do sentimentalismo honorário

entregue a solidão

é oque me resta falar e oque me sobra sentir

RB Solutions

Soluções em informática, comunicação e tecnologia

Bora' para Ireland

Smile! You’re at the best WordPress.com site ever

sarahrosalie

A topnotch WordPress.com site

Suburban Wars

"Let's go for a drive, and see the town tonight"

Made in Blog

Política, curiosidades, notícias, entretenimento, blogosfera,

%d blogueiros gostam disto: