Made in Blog

Política, curiosidades, notícias, entretenimento, blogosfera,

A música e a poesia de Peninha

Amor e paixão

Música romântica

Na década de 70 eu era tão pequeno que nem podia chegar perto dos aparelhos eletrônicos, lembro-me de pouca coisa dessa época.

Esta música do Peninha, por exemplo, eu achava que era de 79 ou 80, isso explicaria sua semelhança com o Bee Gees nessa época, mas parece que é bem anterior.

Apesar dessa década ser muito criticada, alguns compositores mostraram seu talento e são lembrados até hoje.

Esse é o caso de Peninha, um compositor que nunca parou de compor, apesar de não aparecer tanto como cantor.

SONHOS

Tudo era apenas

Uma brincadeira

E foi crescendo

Crescendo, me absorvendo

E de repente eu me vi assim

Completamente seu…

Vi a minha força

Amarrada no seu passo

Vi que sem você não tem caminho

Eu não me acho

Vi um grande amor

Gritar dentro de mim

Como eu sonhei um dia…

Quando o meu mundo

Era mais mundo

E todo mundo admitia

Uma mudança muito estranha

Mais pureza, mais carinho

Mais calma, mais alegria

No meu jeito de me dar…

Quando a canção

Se fez mais forte

E mais sentida

Quando a poesia

Fez folia em minha vida

Você veio me contar

Dessa paixão inesperada

Por outra pessoa…

Mas não tem revolta não

Eu só quero

Que você se encontre

Ter saudade até que é bom

É melhor que caminhar vazio

A esperança é um Dom

Que eu tenho em mim

Eu tenho sim

Não tem desespero não

Você me ensinou

Milhões de coisas

Tenho um sonho em minhas mãos

Amanhã será um novo dia

Certamente eu vou ser mais feliz…

Quando o meu mundo

Era mais mundo

E todo mundo admitia

Uma mudança muito estranha

Mais pureza, mais carinho

Mais calma, mais alegria

No meu jeito de me dar…

Quando a canção

Se fez mais forte

E mais sentida

Quando a poesia realmente

Fez folia em minha vida

Você veio me contar

Dessa paixão inesperada

Por outra pessoa…

Mas não tem revolta não

Eu só quero

Que você se encontre

Ter saudade até que é bom

É melhor que caminhar vazio

A esperança é um Dom

Que eu tenho em mim

Eu tenho sim

Não tem desespero não

Você me ensinou

Milhões de coisas

Tenho um sonho em minhas mãos

Amanhã será um novo dia

Certamente eu vou ser mais feliz…(2x)
(Peninha)

agosto 21, 2010 Posted by | Música. | , , , , , , , , , , | 15 Comentários

As melhores músicas de 007 – Décadas de 90 e 2.000

canções de james bond

Músicas de 007

O eterno James Bond, ou 007, mistura de aventura e policial, pode ser visto com uma bela fórmula de se ganhar dinheiro fazendo um bom filme:

1 – Um bom argumento baseado em um bom livro;

2 – Grandes atores ou atrizes, interpretando eternos vilões ou vilãs;

3 – Cantores ou cantoras famosos interpretando grandes clássicos da música pop.

Uma produção que tenha o privilégio de chamar o ex-beatle Paul Mcartney para compor uma canção especialmente para o filme – “Live and Let Die” – é uma produção que sabe o que está fazendo, tem o controle da produção, como obter o retorno financeiro.

Para completar, precisavam de uma imagem que pudesse vender o filme, uma vendedora de sabonetes. Assim nasceram as bond-girls, as mulheres mais belas das telas do cinema; Ursula Andress foi a primeira e a melhor, assim como o primeiro ator a interpretar o personagem, Sean Connery, nunca uma atriz chegou à altura da bela e única bond-girl.

Hoje estaremos encerrando a trilogia de artigos sobre 007, com as últimas canções da série.

Desde 1.962, a série já perdeu muito a força, mas é grande o número de atores e diretores que sonham em serem imortalizados na maior série de filmes da história.

Ter uma música na série, também não é nada mal, como já vimos nas duas primeiras sequências de vídeos.

O último ator da série foi muito criticado pelos fãs, a responsabilidade é muito grande, apesar disso, quem não quer ser lembrado para sempre, não é mesmo?

com vocês a última sequência de clips by 007.

1.989 – Licence to Kill – Permissão para matar – Gladys Knight

1.995 – Golden eye – 007 contra Golden Eye – Tina Turner

1.997 – Tomorrow Never Die – O Amanhã Nunca Morre – Sheryl Crowl

1.999 – World Not Enough – o Mundo não é o Bastante – Garbage

2.002 – Die Another Day – Um Novo Dia Para Morre – Madonna

2.006 – Cassino Royale – Casino Royale – Chris Cornell

2.008 – Quantun of Solace – Quantun of Solace – Alicia Keys

Décadas de 80 e 70:

By Jânio

maio 30, 2010 Posted by | Música. | , , , , , , , , , , , | 10 Comentários

007 As melhores canções das décadas de 70 e 80

Melhores músicas

Música no Cinema

Como dissemos no artigo de ontem, 007, a série mais longa da história, tem como principal qualidade sua produção. A produção de 007 vai desde recursos técnicos, passando pela escolha cuidadosa dos atores que farão o papel principal.

A música de John Barry divide com as belas canções, ao longo de cinquenta anos, o requinte e o bom gosto do que se vê nas telas. Todos os cantores que tiveram o talento para participar de uma produção de 007, serão lembrados para sempre, nas enciclopédias e publicações especializadas em cinema.

Desde os primeiros filmes, com temas ligados à guerra fria, houve uma evolução, o tema passou pela choque da chegada da AIDs, mas a doença não chocou tanto quanto a saída dos astros famosos. Sem a guerra fria, as histórias perderam a grandiosidade de se ter um maluco comunista querendo dominar o mundo.

Inevitavelmente, as histórias passaram, de vez, para o campo da ficção, James Bond continuará tentando evitar que o mundo se acabe, mas agora não é mais culpa da União Soviética.

A única coisa que não vai mudar nunca, são as belas músicas que continuarão emocionando mais que as próprias histórias. Eu continuo achando a abertura dos filmes a melhor parte.

No artigo passado nós postamos os seguintes video clipes:

https://icommercepage.wordpress.com/2010/05/08/007-a-maior-producao-da-historia-do-cinema/

01 – Moscou contra 007 (From Rússia with love) – Canção cantada por Matt Monro.

02 – 007 contra Goldfinger (Goldfinger) – Shirley Bassey

03 – 007 contra a chantagem atômica (Thunder Ball) – Tom Jones

04 – Com 007 só se vive duas vezes (You only live twice) – Nancy Sinatra

05 – Cassino royale (Cassino Royale) – Herb Alpert and The Tijuana Brass

06 – 007 a serviço de Sua Majestade (On her Majesty Secret Service) – Louis Armstrong
07 – 007 Os diamantes são eternos (Diamonds Are Forever) – Shirley Bassey

08 – Com 007 viva e deixe morrer ( Live and let die) – Paul McCartney and The Wings

09 – 007 Contra o homem da pistola de ouro (Man With the Golden Gun) – Lulu

10 – 007 – O espião que me amava (The Spy Who Loved Me) – Carly Symon

11 – 007 Contra o foguete da morte (Moonraker) – Shirley Bassey

12 – 007 Somente para seus olhos (For Your Eyes Only) – Sheena Easton

13 – 007 contra Octopussy (Octopussy) – Rita Coollidge

14 – Nunca mais outra vez (Never Say Never Again) – Lani Hall

15 – 007 Na mira dos assassinos (A View to a Kill) – Duran Duran

16 – 007 Marcado para a morte (The Living Daylights) – A-Ha

17 – 007 Permissão para matar (Licence to Kill) – Gladys Knight

By Jânio

Músicas de 007 décadas 90 e 2000

maio 9, 2010 Posted by | Música. | , , , , , , , | 20 Comentários

   

Karmas e DNA.

Direitos autorais: Fernanda vaz.

Academia New Star Fitness

A fine WordPress.com site

Gramofone Lunar

Músicas, Versos e Outras Histórias

baconostropicos

Documentário "Baco nos Trópicos"

relutante

leve contraste do sentimentalismo honorário

entregue a solidão

é oque me resta falar e oque me sobra sentir

RB Solutions

Soluções em informática, comunicação e tecnologia

Bora' para Ireland

Smile! You’re at the best WordPress.com site ever

sarahrosalie

A topnotch WordPress.com site

Suburban Wars

"Let's go for a drive, and see the town tonight"

Made in Blog

Política, curiosidades, notícias, entretenimento, blogosfera,

%d blogueiros gostam disto: