Made in Blog

Política, curiosidades, notícias, entretenimento, blogosfera,

Dado Dolabella vence em A Fazenda

quase real

quase real

Contrariando todas as expectativas, Dado Dolabella vence a final do reality da record.

Esse foi o primeiro reality “A Fazenda” no Brasil, pelo jeito a TV Record começou muito mal, contrariando todas as expectativas em relação ao vencedor, não o IBOPE.

Como eu disse na final do Big Brother Brasil, os realities surgiram como uma forma de trazer mais realismo as tvs, no mundo inteiro.

Atualmente há reality show para todos os gostos, inclusive plágios dos próprios reality. Temos Ídolos, Astros, Troca de Famílias, O aprendiz, A fazenda, No Limite, o mais conhecido de todos Big Brother Brasil, e mais uma infinidades deles.

Para quem acha os realities de muito mal gosto, é bom saber que o programa surgiu de experiências sérias de cientistas da NASA, numa simulação de vida fora da Terra,

Não, a experiência não deu certo, foi uma frustração muito grande, e o melhor que se pode tirar dessa experiência, foi o comportamento bizarro que o homem adquire fora de seu habitat natural, quando submetido a situações adversas.

A única maneira aceitável de ver um reality show, é como uma comédia, uma sátira da sociedade, principalmente da classe média, os únicos capazes de manter as aparências, evitando que o show fique real, acima do recomendado para o horário nobre.

Na final do Big Brother Brasil, a ideia de que teria havido um empate, foi contestada por especialista, aumentando ainda mais as suspeitas e descontentamento com o resultado.

A primeira vista, tem-se a impressão de que há interesses na manipulação de resultados, para que se possa aproveitar esses futuros ex-integrantes na própria emissora, o que depende muito da aceitação do público.

Na fazenda, o favorito era “O Mendigo” do programa Pânico, não exatamente porque era do programa, mas porque tinha uma história dramática de morador de rua e FEBEM. Caiu nas graças do público.

Pela primeira vez, na história dos realities, os famosos e anônimos, não só opinaram, como concordaram que “O Mendigo”, ou Carlinhos, tinha que ganhar, ele não chegou nem na final.

Quem venceu foi o bad-boy Dado Dollabela. como um dos coordenadores do reality, homens por trás das câmeras, era Alexandre Frota, o eterno bad-boy brasileiro, isso começa a fazer sentido.

A verdade é que o reality show, apesar de uma bela sátira da sociedade, nunca satisfaz o público plenamente.

Já havia, a exemplo do último Big Brother Brasil, uma suspeita de quem seria o vencedor, mas o povão continuava votando contra. É preciso entender que o reality, para dar certo, não pode ser muito real, para ganhar, a pessoa, além de não poder ser muito verdadeira, tem que suportar a pressão.

O jogo é meio psicológico, o prêmio em dinheiro é grande, motivo suficiente para as pessoas jogarem de acordo com o jogo.

O SBT, depois de ver “A Fazenda” vencendo a Globo no Ibope, chegou a admitir a possibilidade de reativar “A Casa dos Artistas”, um reality que não deu muito certo, assim como “A Fazenda” era um plágio do Big Brother, apesar de “A Fazenda” ser uma franquia de “The Farm”, sucesso mundial.

Se nem os cientistas conseguiram tirar bom proveito da exposição, pessoas normais, além de tempo, terão que ter muita paciência para ficar sem fazer nada, assistindo várias pessoas a não fazer nada o tempo todo.

Tem que ser psicologicamente muito forte.

By Jânio.

agosto 25, 2009 Posted by | televisão | , , , , , | 14 Comentários

Globo X Record – Quem levará a melhor?

guerra de verdades

guerra de verdades

A falta de um ponto de referência, no Brasil, em termos de confiabilidade, propiciou aos telespectadores brasileiros uma cena pastelão entre os políticos do senado, com troca de ofensas de toda parte.

Agora chegou a vez da sinceridade chegar as emissoras de TVs.

As duas maiores redes de televisão do Brasil começaram uma guerra sem fim, pelo que parece, vai sobrar para os dois lados. No Brasil, é muito comum o uso da imprensa, manipulando a opinião pública,  para que a sociedade force as leis burocráticas a tomarem um rumo determinado.

Essa briga serve para reforçar o fato de que não são só os políticos que estão queimados, vítimas de seus atos e passado suspeito, mas também as empresas de comunicação.

Assim como na política, fica evidente que essa história não vai dar em nada, não dá para se levar a sério  o fato de que duas empresas, de tamanho porte, poderiam ser condenadas por uma justiça ineficiente como a nossa.

De um lado uma emissora que proibiu um vídeo da BBC, “Muito além de um Cidadão Kane”, onde toda a sua estratégia, em era de ditadura, era contada nos mínimos detalhes, esse vídeo pode ser encontrado, facilmente, pela internet, através de buscadores de vídeos.

Do outro lado está uma emissora que usa a forma mais eficaz de se ganhar dinheiro no pais, depois da política, a religião. Brincar com os sentimentos dos outros não é ético, mas com jeitinho pode se conseguir tudo, tanto na política, quanto na religião.

Acredito que a emissora do Bispo está em desvantagem, apesar da maioria das empresas de Telecomunicações se posicionarem neutras, até por questões estratégicas, a Globo, Folha de S. Paulo e a revista Veja, assumiram a linha de frente nesta guerra. A briga pode render, além de audiência, muitas verdades que deverão aparecer em meio a toda essa sujeira.

Como a Record não tem muita experiência nessa área, ao contrário da Globo, ela deverá ser a maior prejudicada, mesmo assim, a julgar pelo perfil de seus seguidores, não me surpreenderia se o número de adeptos aumentasse.

A Globo, como eu disse, tem muita história, mas a justiça proibiu a sua veiculação, a Record tem que assumir provas concretas, videos que a Globo registrou, impossíveis de serem contestados. O Pastor Edir Macedo não parece nem um pouco preocupado, se fazendo de vítima, passa uma imagem de mártir, o que só deverá aumentar sua credibilidade, frente aos fiéis.

E o povo assiste a tudo, sem ter a menor noção do que está acontecendo. Foi preciso que ocorresse o advento da internet, para que uma visão imparcial dos fatos viessem a tona, a internet é a única forma de abrir os olhos das pessoas, onde quer que seja, ricos ou pobres.

Assim como em brigas políticas, não se negam os fatos, apenas  se vê ataques de ambas as partes, ataques que não levarão a nada.

A Globo ainda possui muita força, é o que mostram os processos que envolvem o nome da emissora, como processos da Xuxa contra órgãos da imprensa, capaz de fazer as pessoas pensarem mais antes de exibir fotos comprometedoras da apresentadora. Outro fato que chama a atenção, é o fato do vídeo proibido da Globo permanecer sob proteção da lei, depois de tanto tempo, demonstrando, claramente, um ato que fere o direito da liberdade de imprensa, de uma fonte tão importante como a BBC.

Isso pode nos levar a uma conclusão, não é só dinheiro, a Record já atingiu 174 países,  não é só poder, a BBC, certamente, poucas vezes se viu numa situação dessas. O que podemos presumir, é que há muita negociação por trás disso, e que o mundo dos ricos ainda apresenta muitos mistérios dos quais nós ainda não podemos desvendar.

O mais interessante nisso tudo, é que tanto a Globo quanto a Record, são internacionalizadas, mas essas empresas não apresentam lá fora a postura que apresentam aqui, aqui, é a maior fonte de captação de recursos de ambas as Empresas.

Segundo a Gobo, o Pastor Edir Macedo é um bilionário, com um capital de bilhões de dólares, isso aconteceu com outro Pastor da LBV, que ficou um bom tempo fora de cena, voltando a pouco tempo. Confundir o patrimônio da igreja com o patrimônio pessoal é um erro grave, cometido pelos novos ricos, é preciso criar fundações, como a Globo, Bill Gates…

By Jânio.

agosto 16, 2009 Posted by | televisão | , , , , | 10 Comentários

Karmas e DNA.

Direitos autorais: Fernanda vaz.

Academia New Star Fitness

A fine WordPress.com site

Gramofone Lunar

Músicas, Versos e Outras Histórias

baconostropicos

Documentário "Baco nos Trópicos"

relutante

leve contraste do sentimentalismo honorário

entregue a solidão

é oque me resta falar e oque me sobra sentir

RB Solutions

Soluções em informática, comunicação e tecnologia

Bora' para Ireland

Smile! You’re at the best WordPress.com site ever

sarahrosalie

A topnotch WordPress.com site

Suburban Wars

"Let's go for a drive, and see the town tonight"

Made in Blog

Política, curiosidades, notícias, entretenimento, blogosfera,

%d blogueiros gostam disto: