Made in Blog

Política, curiosidades, notícias, entretenimento, blogosfera,

Her War: Women Vs. ISIS. Inside the training camp of an all-female Kurdish battalion.

Publicado em 15 de jun de 2015

RTD correspondents received an exclusive permission to spend three weeks in a training camp of the YPJ, the female division of the Kurdish People’s Protection Units fighting ISIS. The town of Serekaniye in Syria is the last major town bordering the “Islamic State”. The mainly Kurdish local population is determined to fight the murderous ISIS and prevent them from entering their town. Among the fighters are young women, who chose to defend themselves and their families from the belligerent invaders. 

SUBSCRIBE TO RTD Channel to get documentaries firsthand! http://bit.ly/1MgFbVy

FOLLOW US
RTD WEBSITE: https://RTD.rt.com/
RTD ON TWITTER: http://twitter.com/RT_DOC
RTD ON FACEBOOK: http://www.facebook.com/RTDocumentary
RTD ON DAILYMOTION http://www.dailymotion.com/rt_doc
RTD ON INSTAGRAM http://instagram.com/rt_documentary/
RTD LIVE https://rtd.rt.com/on-air/

julho 9, 2017 Posted by | english | , , , | Deixe um comentário

Occupy Tower: Living in the world’s tallest slum

Publicado em 31 de jul de 2015

More films about homelessness: https://rtd.rt.com/tags/homelessness/
An abandoned skyscraper in Caracas has become a shelter for many people with nowhere else to go. In less than 20 years, its residents created a fully-functioning ‘state inside the state’, with its own infrastructure, taxes and even an elected president. Despite the difficult living conditions, those moving out into proper apartments are nevertheless nostalgic about their experience of living in the 45-storey skyscraper. 

SUBSCRIBE TO RTD Channel to get documentaries firsthand! http://bit.ly/1MgFbVy

FOLLOW US
RTD WEBSITE: https://RTD.rt.com/
RTD ON TWITTER: http://twitter.com/RT_DOC
RTD ON FACEBOOK: http://www.facebook.com/RTDocumentary
RTD ON DAILYMOTION http://www.dailymotion.com/rt_doc
RTD ON INSTAGRAM https://www.instagram.com/rtd_documen…
RTD LIVE https://rtd.rt.com/on-air/

julho 9, 2017 Posted by | english | , , | Deixe um comentário

العراق.. تحديات ما بعد الموصل

Publicado em 9 de jul de 2017

وصلت معركة تحرير الموصل في قبضة تنظيم داعش الى نهايتها.. عادت المدينة الى حضن العراق بعد ثمن باهض دفعه أبناؤها وأبناءُ بلاد الرافدين خلال السنوات الثلاث الماضية من حكم داعش.. آلاف القتلى والجرحى وأكثر من تسعمئة الف مشرد، وخراب طال كل شيء في المدينة ولم يستثني حتى آثارها ومعالمَها التاريخية .. فصل جديد يفتح اليوم بتحقيقِ النصر في معركة دامت نحو تسعةِ أشهر.. ويطرح تساؤلات كثيرة حول مستقبل الحرب ضد تنظيم داعش وإعادة إعمار الموصل…

الاشتراك في فيديوهات قناة “RT” من خلال اليوتيوب:
https://www.youtube.com/user/RTarabic…

موقع قناة RTarabic:
http://arabic.rt.com/
يمكنكم متابعتنا على التويتر:
https://twitter.com/RTarabic
صفحة RT على الفيسبوك:
http://www.facebook.com/rtarabic.ru

قناة “RT” الفضائية هيئة إخبارية إعلامية ناطقة باللغة العربية تابعة الى مؤسسة “تي في — نوفوستي” المستقلة غير التجارية. يتضمن برنامج بث القناة أخبارا سياسية واقتصادية وثقافية ورياضية وجولات في الصحافة وبرامج دورية وأفلاما وثائقية وتحقيقات مصورة. تبث القناة 24 ساعة يوميا خلال سبعة أيام في الأسبوع.

julho 9, 2017 Posted by | Arabic | , , , , , | Deixe um comentário

نفط القطب الشمالي

Publicado em 8 de ago de 2016

الاشتراك في فيديوهات قناة “RT” من خلال اليوتيوب:
https://www.youtube.com/user/RTarabic…

موقع قناة RTarabic:
http://arabic.rt.com/
يمكنكم متابعتنا على التويتر:
https://twitter.com/RTarabic
صفحة RT على الفيسبوك:
http://www.facebook.com/rtarabic.ru

قناة “RT” الفضائية هيئة إخبارية إعلامية ناطقة باللغة العربية تابعة الى مؤسسة “تي في — نوفوستي” المستقلة غير التجارية. يتضمن برنامج بث القناة أخبارا سياسية واقتصادية وثقافية ورياضية وجولات في الصحافة وبرامج دورية وأفلاما وثائقية وتحقيقات مصورة. تبث القناة 24 ساعة يوميا خلال سبعة أيام في الأسبوع.

julho 9, 2017 Posted by | Arabic | , , | Deixe um comentário

مئات الآلاف من الأتراك يتظاهرون في إسطنبول احتجاجا على الاعتقالات التي أعقبت محاولة الإنقلاب

Transmitido ao vivo há 7 horas

تجمع مئات الآلاف في مدينة اسطنبول اليوم، في ختام مسيرة انطلقت منذ 25 يوما، احتجاجا على حملة الاعتقالات الحكومية بعد الانقلاب الفاشل، الذي وقع في يوليو الماضي.
للمزيد: https://ar.rt.com/j0zn

الاشتراك في فيديوهات قناة “RT” من خلال اليوتيوب:
https://www.youtube.com/user/RTarabic…

موقع قناة RTarabic:
http://arabic.rt.com/
يمكنكم متابعتنا على التويتر:
https://twitter.com/RTarabic
صفحة RT على الفيسبوك:
http://www.facebook.com/rtarabic.ru

قناة “RT” الفضائية هيئة إخبارية إعلامية ناطقة باللغة العربية تابعة الى مؤسسة “تي في — نوفوستي” المستقلة غير التجارية. يتضمن برنامج بث القناة أخبارا سياسية واقتصادية وثقافية ورياضية وجولات في الصحافة وبرامج دورية وأفلاما وثائقية وتحقيقات مصورة. تبث القناة 24 ساعة يوميا خلال سبعة أيام في الأسبوع.

julho 9, 2017 Posted by | Arabic | , , , , , , , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

El circo político estadounidense

Transmitido ao vivo em 8 de jul de 2017

En este episodio de Keiser Report desde Ciudad de México, Max y Stacy hablan de ciertos miembros del Partido Demócrata que presionan en favor del programa de Trump. En la segunda parte Max entrevista al economista y periodista Guillermo Barba sobre el bitcóin, el oro y la economía mexicana.

Suscríbete para no perderte nuestros eventos en vivo: https://goo.gl/qFPG81

RT en español en vivo.

Vea nuestra señal en vivo: http://actualidad.rt.com/en_vivo

RT EN ESPAÑOL: DESDE RUSIA CON INFORMACIÓN

julho 9, 2017 Posted by | Espanhol | , , | Deixe um comentário

Vladímir Putin hace un balance de la cumbre del G20 en Hamburgo

Transmitido ao vivo em 8 de jul de 2017

Suscríbete para no perderte nuestros eventos en vivo: https://goo.gl/qFPG81

RT en español en vivo.

Vea nuestra señal en vivo: http://actualidad.rt.com/en_vivo

RT EN ESPAÑOL: DESDE RUSIA CON INFORMACIÓN

julho 9, 2017 Posted by | Espanhol | , , | Deixe um comentário

Autoteste de HIV estará disponível nacionalmente até o fim de julho em farmácias

Vinícius Lisboa – Repórter da Agência Brasil
Rio de Janeiro - Embalagem do autoteste para detecção rápida do vírus HIV vendido em farmácias (Tomaz Silva/Agência Brasil)
Embalagem do autoteste para detecção rápida do vírus HIV vendido em farmácias Tomaz Silva/Agência Brasil

O autoteste para detectar a presença do vírus HIV no organismo deve estar disponível em farmácias de todo o país até o fim do mês. Nesta semana, o primeiro teste desse tipo a ser vendido no Brasil começou a chegar às farmácias do Rio de Janeiro. O produto, que custa entre R$ 60 e R$ 70, pode ser comprado semreceita médica, e a testagem produz resultado 10 minutos após o sangue entrar em contato com o reagente.

O Brasil é o primeiro país da América Latina e Caribe a disponibilizar o autoteste em farmácias. Para a diretora do Departamento de DST, Aids e Hepatites Virais do Ministério da Saúde, Adele Benzaken, o produto é uma ferramenta importante para aumentar a capacidade de diagnóstico do vírus. Identificar a presença do HIV em 90% das pessoas infectadas é uma das metas da Organização das Nações Unidas (ONU) para 2020.

“Advogamos tanto com relação ao autoteste porque acreditamos que ele amplia e muito a cobertura diagnóstica. Têm pessoas que não querem ir à unidade de saúde para fazer o teste do HIV”, pondera ela, que alerta que o resultado positivo no autoteste não é um diagnóstico. Para tal, é preciso confirmação de outros exames e acompanhamento de profissionais de saúde. “O teste da farmácia não é confirmatório. Com o autoteste positivo, deve-se buscar imediatamente a unidade de saúde para fazer novos testes confirmatórios”, explica.

Segundo a diretora, o produto não será comprado pelo ministério para ser disponibilizado em unidades de saúde por causa do seu preço. “Sob o ponto de vista financeiro, ele está muito caro para adotarmos. Hoje, o Ministério da Saúde adquire o teste rápido por R$ 2. Nesse momento, achamos que o mais vantajoso é continuar comprando o teste rápido que já compramos e distribuímos”.

Janela

Segundo a farmacêutica Orange Life, que produz o kit no país, a distribuição será levada a São Paulo e Espírito Santo na semana que vem, para depois expandir-se para o restante do território nacional. Os primeiros 10 mil kits de testagens foram distribuídos para algumas redes de farmácias no estado do Rio ao longo da última semana.

A responsável técnica da Orange Life, Larissa Lima, afirma que o teste tem 99,9% de precisão, mas só detecta a presença do HIV ao menos 30 dias após a relação sexual em que houve a transmissão. Antes disso, o organismo do indivíduo ainda não produziu anticorpos –  e são eles que apontam a presença do vírus durante o teste. Caso o resultado seja negativo, é recomendável repetir o teste mais vezes, 30 dias depois, 60 dias depois e 90 dias depois, segundo Larissa. Além dos instrumentos para a realização do teste, a embalagem do  teste contém os contatos do Disque Saúde (136) e um número da própria empresa farmacêutica, que também prestará informações ao usuário gratuitamente.

Tratamento

A diretora do Instituto Nacional de Infectologia Evandro Chagas da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), Valdiléa Veloso, acredita que o teste será importante para que os soropositivos possam começar o tratamento mais cedo, o que permite uma melhor qualidade de vida: “Se forem diagnosticadas e tratadas precocemente, a expectativa de vida [das pessoas com HIV] é semelhante à da população em geral. Então, é importante que elas se testem”.

A pesquisadora acredita que a possibilidade de o teste ser feito em casa é uma ferramenta para levar a testagem a pessoas de grupos vulneráveis, que têm receio de buscar o serviço de saúde. “Essa disponibilização na farmácia é uma oportunidade para que as pessoas que não se sentem bem no serviço de saúde possam comprar o teste, se testarem e ter o seu resultado de forma reservada”.

Para Valdiléia, a chegada do autoteste e a adoção da profilaxia pré-exposição, tratamento em que remédios consumidos regularmente reduzem a chance contágio, completam o leque de prevenção ao HIV no país. “As barreiras ainda continuam sendo o preconceito e a discriminação, e isso faz com que as pessoas não se abram para conversar sobre risco, prevenção. Isso principalmente com o retardo do diagnostico”.

Estigma

Ativista pela prevenção ao HIV, Josimar Pereira da Costa é membro da secretaria-executiva do Fórum de ONGs/AIDS e colaborador do Grupo Pela Vida. Ele concorda que mais possibilidades de testagens são bem vindas, mas vê com preocupação os testes feitos em casa. Josimar pede mais campanhas de conscientização para quebrar preconceitos contra a população soropositiva e desmistificar o que é viver com o vírus, para que a pessoa que tiver um resultado positivo no autoteste esteja mais preparada.

“O Brasil é um país em que há um grande estigma contra o HIV, e a pessoa tem medo de se revelar, medo de se expor, por conta de toda essa questão. Existe um preconceito que vê a pessoa como sendo intocável. Ela é rotulada como promíscua”, diz ele. “É preciso dar muito apoio a essa pessoa, que testou sozinha em casa e descobriu que tem uma doença sem cura contra a qual ainda existe um estigma muito grande”.

Costa vive com HIV há 27 anos e também acredita que as unidades básicas de saúde precisarão ter portas de entrada bem preparadas para atender os que realizaram o teste em casa. “Na clínica da família, por exemplo, tem que estar preparado desde o agente de saúde que vai receber essa pessoa”.

A diretora do Ministério da Saúde afirma que a pasta realiza campanhas para combater a discriminação e destaca que a experiência dos países em que o teste foi disponibilizado é positiva. “O autoteste já é uma realidade fora do Brasil há mais de uma década e não temos nenhuma evidência de que isso provoca algum tipo de dano para a pessoa que é autotestada positivo. Ela não difere das outras [que testaram em outros locais]”, aponta.

Edição: Amanda Cieglinski
 
Agência Brasil
 
 

julho 9, 2017 Posted by | Saúde | , , | Deixe um comentário

Dores crônicas atingem 37% dos brasileiros, segundo pesquisa

Ciclo da vida

O início e o fim

Camila Maciel – Repórter da Agência Brasil

A dor crônica é relatada por 37% dos brasileiros, aponta pesquisa da Sociedade Brasileira para Estudo da Dor (SBED). Os dados desse estudo foram debatidos no 4º Congresso da Sociedade Brasileira de Médicos Intervencionistas em Dor (Sobramid), que terminou hoje (9) em Campinas, no interior paulista. Métodos inovadores como uso de estímulos elétricos com tecnologia sem fio também estiveram na pauta do encontro, que reuniu mais de 200 profissionais especializados no tratamento deste tipo de dor que persiste por, no mínimo, três meses.

O anestesiologista Charles Amaral de Oliveira, presidente da Sobramid, aponta que a dor aguda, que ocorre de forma pontual, não deve ser negligenciada, pois é dela que se formam os casos crônicos. “A dor aguda acusa a pessoa de que algo de errado está no corpo e isso é um sinal de alerta. A dor crônica deixa de ser um sinal e passa a ser a própria doença. E ela vai levando a um desdobramento, que é estresse, ansiedade e depressão, que agravam a dor”, explica. “A dor, por sua vez, piora os quadros depressivos. Você entra nesse ciclo vicioso, que precisa ser interrompido.”

A pesquisa mostra que a faixa etária média de ocorrência da dor é 41 anos. Em relação ao sexo, as mulheres são maioria entre os relatos de dores crônicas na maior parte das regiões. Apenas na Região Nordeste este quadro se inverte: os homens representam 52% e as mulheres 42%. A intensidade da dor relatada foi maior de 6 (em uma escala 1 a 10) em todas as regiões do país. Esse nível é considerado moderado e suficiente para interferir nas atividades diárias.

O estudo foi apresentado pela primeira vez no Brasil no Sobramid. Os dados foram divulgados em um congresso no Japão em formato de pôster ciêntífico (uma ilustração resumida da pesquisa mostrada em encontros e conferências). Foram entrevistadas 919 pessoas de todas as regiões do país, respeitando a densidade demográfica e a heterogeneidade da população apontadas pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Além da SBED, estiveram envolvidos no trabalho as instituições Hospital Universitário da Universidade Federal de Santa Catarina, Aliviar Medicina da Dor e Centro de Ensino e Treinamento Integrado de Medicina do ABC Paulista.

Inovação

Uma das técnicas de tratamento discutidas no congresso foi a neuromodulação com uso de tecnologia wireless. A estimulação elétrica para tratamento da dor já é conhecida, mas a possibilidade de não usar fios para acionar os eletrodos traz praticidade e qualidade de vida para os pacientes, segundo Oliveira. “A corrente elétrica trafega por vias de condução muito rápida e a dor vem por estradas muito lentas. Somente entende-se que é dor quando essa informação chega ao cérebro. Se a gente compete com uma corrente elétrica, colocando energia estimulando aquele nervo, ela satura a rodovia, e a dor, que vai a passos de tartaruga, não chega”, diz.

O anestesiologista explica que esse método reduz o uso de medicamentos orais, que produzem efeitos colaterais e, depois de um tempo, pode não apresentar resultados. No método convencional, o eletrodo é inserido na coluna vertebral e a bateria é fixada superficialmente no final da coluna, similar a um marcapasso. Já os impulsos pela tecnologia sem fio são emitidos por um gerador acoplado a um cinto externo, que é posicionado sobre uma pequena antena implantada no corpo dos usuários. Outra vantagem, segundo Oliveira, é que exames de ressonância magnética, comumente requeridos para esses pacientes podem ser feitos sem contraindicação.

Prevenção

O uso de celulares e tablets pode ser um fator que contribua para o aumento de dores crônicas. “A cabeça na posição ereta e vamos falar que está a 0º, ela pesa 7 quilos no adulto. A cabeça na posição de 60º, cabeça passa a pesar 27 quilos. Estamos falando de maus hábitos que a tecnologia trouxe para a população”, alertou o médico.

Práticas saudáveis, como boa alimentação e atividade física regular são medidas de prevenção para esse tipo de dor. Oliveira reforça a necessidade de procurar um profissional, quando a dor persiste. “A gente tem que não negligenciar a dor aguda. Automedicação todo mundo faz, mas não se pode fazer automedicação por um tempo prolongado. Se essa dor vai perpetuando por um tempo mais longo, é motivo de se procurar a ajuda”, apontou.

Edição: Fábio Massalli
 
Agência Brasil
 
 

julho 9, 2017 Posted by | Saúde | , , , | Deixe um comentário

   

Karmas e DNA.

Direitos autorais: Fernanda vaz.

Academia New Star Fitness

A fine WordPress.com site

Gramofone Lunar

Músicas, Versos e Outras Histórias

baconostropicos

Documentário "Baco nos Trópicos"

relutante

leve contraste do sentimentalismo honorário

entregue a solidão

é oque me resta falar e oque me sobra sentir

RB Solutions

Soluções em informática, comunicação e tecnologia

Bora' para Ireland

Smile! You’re at the best WordPress.com site ever

sarahrosalie

A topnotch WordPress.com site

Suburban Wars

"Let's go for a drive, and see the town tonight"

Made in Blog

Política, curiosidades, notícias, entretenimento, blogosfera,

%d blogueiros gostam disto: