Made in Blog

Política, curiosidades, notícias, entretenimento, blogosfera,

Desemprego pelo Brasil

trabalho fora do brasil

trabalho fora do brasil

Daniel Mello – Repórter da Agência Brasil

A região metropolitana de Salvador registrou aumento de 0,4 ponto percentual na taxa de desemprego entre outubro e novembro. Segundo a Pesquisa de Emprego e Desemprego (PED)  divulgada hoje (22) pelo Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese), 19,6% da população economicamente ativa da capital baiana está sem trabalho. Em números absolutos, a quantidade de desempregados variou de 358 mil em outubro para 367 mil em novembro.

Na região metropolitana de Porto Alegre também houve uma elevação discreta do percentual de desempregados, de 10,1% em outubro para 10,2 % em novembro. O que significa, de acordo com a PED, um contingente de 189 mil pessoas sem trabalho.

Nas metrópoles de Fortaleza e São Paulo houve uma pequena redução do percentual de desempregados. Na Grande São Paulo, foi registrada queda de 0,2 ponto percentual, deixando o índice em 14,1% em novembro – 1,57 milhão de pessoas. Na capital cearense o percentual caiu de 9,4% em outubro para 9,2% em novembro, o equivalente a 169 mil desempregados. No Distrito Federal a taxa de desemprego ficou estável.

Salvador também foi a metrópole que registrou maior aumento no nível de ocupação, um crescimento de 1,3% no número de postos de trabalho. Em números absolutos, o maior crescimento foi no setor de serviços, com a abertura de 17 mil vagas. A indústria de transformação da capital baiana empregou mais 3 mil pessoas.

No Distrito Federal foi registrada uma elevação de 0,9% no nível de ocupação. O setor de serviços contribuiu com 18 mil novas vagas. A indústria de transformação registrou a abertura de mil novos postos.

Nas regiões metropolitanas de Fortaleza e Porto Alegre, o nível de ocupação caiu 1,1%. Em ambas capitais, a maior queda absoluta foi no ramo de comércio e reparação de veículos automotores. Na Grande Fortaleza, foram fechadas 13 mil vagas e em Porto Alegre, 14 mil. A indústria de transformação registrou ainda a perda de 9 mil postos na metrópole gaúcha e de 3 mil na cearense.

Em São Paulo, o nível de ocupação ficou praticamente estável, com crescimento de 0,1%. Na Grande São Paulo, o setor de serviços abriu 56 mil postos e o ramo de comércio e reparação de veículos automotores fechou 46 mil. 

Edição: Maria Claudia
Outras notícias
 

dezembro 22, 2015 Posted by | oportunidades | , , , | 1 Comentário

YHWH – Em nome de Deus

Santo Nome

Verbo

O tetragrama (do gregoτετραγράμματον, significando “(consistindo) de quatro letras”)[1] [2] é oteônimo hebraico יהוה, comummente transliteradoem letras latinas comoYHWH. É um dos nomes doDeus nacional dos Israelitasusado na Bíblia Hebraica.[3][4] [5] Uma vez que YHWH é a transliteração mais comum do tetragrama nos estudos acadêmicos em Inglês, as variações YHVH, JHVH e JHWH também são usadas.[6] [7

Os livros da Torá e do resto da Bíblia hebraica (exceto Ester) contêm a palavra hebraica יהוה. Com base nas letras hebraicas, sua pronúncia em hebraico seria algo como Yahweh. Judeusreligiosamente observantes são proibidos de pronunciar o nome de Deus, e ao ler o Tanakh eles usam a palavra Adonai (“Senhor”). Aqueles que seguem as tradições judaicas conservadoras não pronunciam יהוה, seja em voz alta ou para si mesmos em silêncio, nem leêm em voz alta formas inglesas transliteradas como Jehovahou yAHWEH. Em vez disso, a palavra é substituída por um termo diferente, quer usado para tratar ou para se referir ao Deus de Israel. Formas hebraicas comumente substituídas são hakadosh baruch hu(“O Bendito Santo”) ou Adonai (“O Senhor”) ou HaShem (“O Nome”).

O nome pode ser derivado de um verbo que significa “ser”, “existir”, “tornar-se”, ou “vir a passar”.

A forma da expressão ao declarar o nome de Elohim (senhor do céu) YHWH (ou Jeová na forma traduzida) deixou de ser utilizada há milhares de anos na pronúncia correta do Cananeu (linguá que da origem para o hebraico) original (que é declarada como uma língua quase que completamente extinta). As pessoas perderam ao longo das décadas a capacidade de pronunciar de forma satisfatória e correta, pois a língua precisaria se curvar (dobrar) de uma forma em que especialistas no assunto descreveriam hoje em dia como impossível.

Originariamente, em aramaico e hebraico, era escrito e lido horizontalmente, da direita para esquerda יהוה; ou seja, YHVH. Formado por quatro consoantes hebraicas — Yud י Hêi ה Vav ו Hêi ה ou יהוה,

Estudos revelam que apenas em cópias posteriores da SeptuagintaGrega, datadas do final do Século I d.C. em diante, os copistas começaram a substituir o Tetragrama YHWH por Kýrios, que significa SENHOR (em letras maiúsculas) e por Theós, que significa DEUS.[8]e por Theós, que significa Deus [9] Essa foi a razão de YHWH ter desaparecido graficamente do texto do Novo Testamento em algumastraduções bíblicas.

O Pai YHWH é deste modo identificado como a Divindade que causou o Dilúvio Bíblico. É o Pai de Adão, de Abel, de Enoque e de Noé. É o Criador do Universo e de todas as formas de vida na Terra. É também chamado por Adonai (Soberano Senhor), Elohim (O Pai, e não deuses, visto que trata-se de plural majestático[10] e cristãos têm afirmado que a forma plural teria o sentido de plural majestático[11] ),HaAdón (o [Verdadeiro] Pai), Elyón ( Altíssimo) e El-Shadai (Todo-poderoso).

Temerosos em transgredir a Lei.

Para alguns estudiosos da literaturajudaica, o nome do Eterno era impronunciável, e segundo a explicação científica dos judeus, passaram a não pronunciar o nome do Eterno Todo Poderoso porque sentiam-se temerosos em transgredir o terceiro mandamento do Eterno no Decálogo:

Não tomarás o nome de YHWH, em vão, pois YHWH não considerará impune aquele que tomar seu nome em vão.”Êxodo 20:7

Alguns exemplos do uso dos nomes próprios nas Escrituras Hebraicas:

Vaticano

Em uma carta datada de 29 de junho de 2008, o Vaticano emitiu uma nota oficial, orientando para que o nome de Deus deixe de ser utilizado no serviço litúrgico católico romano. A medida não afetaria significativamente a linguagem litúrgica, uma vez que o termo não consta das traduções oficiais dos missais romanos, mas implicaria na modificação de alguns hinários. O nome YHWH continuaria a ser utilizado na leitura do Lecionario e de Bíblias católicas romanas.[25][26] .

Você poderá ler o texto na íntegra: Wikipedia

Você poderá gostar de:

Cristo – A origem da palavra

Fundamentalismo – De volta às origens

 

 

dezembro 22, 2015 Posted by | Reflexões | , , | Deixe um comentário

   

Karmas e DNA.

Direitos autorais: Fernanda vaz.

Academia New Star Fitness

A fine WordPress.com site

Gramofone Lunar

Músicas, Versos e Outras Histórias

baconostropicos

Documentário "Baco nos Trópicos"

relutante

leve contraste do sentimentalismo honorário

entregue a solidão

é oque me resta falar e oque me sobra sentir

RB Solutions

Soluções em informática, comunicação e tecnologia

Bora' para Ireland

Smile! You’re at the best WordPress.com site ever

sarahrosalie

A topnotch WordPress.com site

Suburban Wars

"Let's go for a drive, and see the town tonight"

Made in Blog

Política, curiosidades, notícias, entretenimento, blogosfera,

%d blogueiros gostam disto: