Made in Blog

Política, curiosidades, notícias, entretenimento, blogosfera,

Política do vale do rio doce

 

desastre do Rio Doce

Tragédia em Mariana

A tragédia de Mariana, MG, traz de volta a velha ladainha das maracutaias políticas e acordões políticos para financiar campanhas e livrar a cara dos donos da Vale do Rio Doce.

A Vale do Rio Doce nem sería citada na imprensa, já que é uma das maiores empresas do mundo e usa uma outra empresa para assumir os riscos, Samarco. Enquanto falam em dinheiro das multas, seus olhos brilham, afinal, essa é uma fonte de dinheiro que ninguém esperava. Ironicamente, o nome da Vale do Rio Doce dificilmente será dissociado da tragédia do Rio Doce, mesmo estando a multinacional blindada por outra empresa, a Samarco. O valor que a burguesia dá para a vida humana pode ser observado na cotação da bolsa de valores.

O desastre que começou em Mariana deve se estender por muitos quilômetros, matando rios e riachos, levando a extinção milhares de espécies da região. Em situações normais, uma pessoa que mata “UM” animal em risco de extinção, é presa sem direito a fiança. Nesse caso específico de Mariana, só se fala em multas, e o pior é que a cotação da vale nas bolsas sequer se alterou, deixando claro as regras do inferno Brasil.

O desastre das barragens, além das mortes e desabrigados, deve criar um deserto que durará décadas, talvez séculos para se recuperar, isso se recuperar.

Esse desastre deixa bem claro como as multinacionais tem liberdade para cometerem crimes no país, e quais as consequências e inconsequências.

Olhando mais para o futuro, penso que as pessoas devem avaliar muito bem o local onde moram, independente da responsabilidade do governo, já que essa inexiste. Lembrando que a privatização da Vale ocorreu no governo FHC e deu origem ao termo Privataria.

O controle acionário foi adquirido por 3,3 bilhões e em apenas alguns anos já valia mais de 190 bilhões de dólares e era uma das maiores do mundo, principalmente porque o Brasil possui uma das maiores reservas de ferro do mundo.

Para quem deseja a privatização da Petrobrás, fica o recado. Não é uma questão só de privatização, é uma questão de legislação arcaica elaborada pela constituição federativa militar do Brasil, ou seja, se você tem um poço de petróleo embaixo da sua casa, você não é dono porque o subsolo é do governo, e isso é privatizado também, passando para as multinacionais.

Quinhentas pessoas estão desabrigadas, mais de quinhentas mil estão sem água, dependendo exclusivamente da administração das multas do governo. Isso sem falar das mortes que não terão culpados, já que o maior desastre ambiental da história do país foi apenas um acidente para os magnatas corporativos.

By Jânio

Farsa da falsa democracia

Privataria tucana

Paraísos fiscais da máfia brasileira

novembro 24, 2015 Posted by | Política | , , | Deixe um comentário

   

Karmas e DNA.

Direitos autorais: Fernanda vaz.

Academia New Star Fitness

A fine WordPress.com site

Gramofone Lunar

Músicas, Versos e Outras Histórias

baconostropicos

Documentário "Baco nos Trópicos"

relutante

leve contraste do sentimentalismo honorário

entregue a solidão

é oque me resta falar e oque me sobra sentir

RB Solutions

Soluções em informática, comunicação e tecnologia

Bora' para Ireland

Smile! You’re at the best WordPress.com site ever

sarahrosalie

A topnotch WordPress.com site

Suburban Wars

"Let's go for a drive, and see the town tonight"

Made in Blog

Política, curiosidades, notícias, entretenimento, blogosfera,

%d blogueiros gostam disto: