Made in Blog

Política, curiosidades, notícias, entretenimento, blogosfera,

Educação básica

Inteligência Básica

Inteligência Básica

Educar uma criança através de uma creche não é uma boa ideia, até mesmo o ensino básico, fundamental, apresenta problemas de gestão, até porque educação não se administra, educa-se.

Quando o pai e a mãe vão trabalhar, sem ter nenhuma meta financeira em mente, cometem um grande erro.

Se fosse feito uma pesquisa para saber qual o valor ideal para um orçamento básico, cada pessoa teria um valor em mente. Famílias que ganham dois mil, querem ganhar quatro; famílias que ganham quatro, querem ganhar oito, e assim por diante, até o controle de natalidade já é feito baseado na renda da família.

Notem que estamos falando da verdadeira educação básica, não daquela pedagógica, mas da verdadeira, daquilo que é necessário para a sobrevivência de uma pessoa.

A educação familiar sempre foi fundamental para a sociedade, não a pedagógica que desenvolve os conhecimentos técnicos, mas aquela que mantém a tradição.

Ensinamentos e culturas tradicionais são passados de geração para geração, a verdadeira evolução está na capacidade de se transmitir essas informações. Perto disso, a evolução das espécies, de Darwin, torna-se insignificante e pretensiosa.

Os maiores nomes da história tinham suas tradições e culturas que, apesar de serem muitas vezes ignoradas, foram os verdadeiros motivos de seu sucesso.

Júlio César – segundo o filme de mesmo nome, fazia questão de lembrar a todos que era descendente dos deuses, da casa de Júlio. De fato, conseguiu o seu intento de ser tratado como tal, mas pagou caro por isso.

Depois de sua morte, não foi o seu nome de família que ficou lembrado mas, sim, César, único no nome, mas aceito por todos os povos da época.

Alexandre Magno, o grande – considerado o maior conquistador da história, admirado até por Júlio César, serviu de inspiração e de escola para os novos conquistadores, mas a sua verdadeira educação pessoal era muito mais sofisticada que a educação para a guerra. Ele preferia construir as bibliotecas que César destruía.

Júlio César seguia a cartilha imperialista, disfarçada de república romana, onde toda cultura deveria ser destruída para que o povo deixasse de ser “bárbaro” e se tornasse romano.

Jesus Cristo – de acordo com a Bíblia, Jesus possuía duas tradições muito fortes. A tradição dos profetas, por parte de Maria e a tradição dos reis, por parte de José.

Isso faz sentido, afinal, numa cultura tão tradicional, seria normal que isso ocorresse, numa união de duas tradições de muito respeito.

Em culturas orientais, o dragão tem uma força tradicional muito grande, principalmente no Budismo. Na cultura ocidental, a aparência do feio e do monstro é diabólica, com raríssimas exceções.

A Bela e a Fera, e o Corcunda de Notre Dame são alguns exemplos de resistência ao mundo de aparências, um mundo que se tirássemos um raio-x, teríamos de ficar sozinhos para o resto da vida.

Nossa superstição é muito forte e pode comprometer a vida de muitas pessoas, mas sempre haverão pessoas dispostas a arriscar a vida para contrariar o sistema.

As crianças, naturalmente, são afetadas por essas idéias infantis dos adultos, onde o feio representa o mal. O próprio conceito de feio não passa de aparências.

O pior de tudo é que a intolerância passa através de muitas categorias e conceitos como: religião, sexualidade, direitos civis, conspiração separatista, interesses políticos e até mesmo simples maldade.

Em alguns casos, faz sentido dizer que “se a criança sobreviver a tudo isso até os dez anos de idade, será uma pessoa muito importante no futuro”.

By Jânio

Decadência da família brasileira

Consequências da gravidez na adolescência

Júlio César

Duvidosa teoria da evolução de Darwin

Teoria do cocô

Fantasias só para adultos

dezembro 20, 2012 - Posted by | Reflexões | , , , , ,

Nenhum comentário ainda.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: