Made in Blog

Política, curiosidades, notícias, entretenimento, blogosfera,

A fé dos malditos

organização maldita

Uma coisa que nunca devemos fazer é brincar com coisa séria, subestimar a crença das pessoas e, jamais, querer descobrir mistérios milenares proibidos.

Na Idade Média havia tudo isso, mistérios proibidos e verdades inconvenientes. As pessoas cultuavam os mortos e havia muita preocupação em levar a paz às almas penadas.

A maioria dos contos clássicos tem origem na Idade Média e até as histórias infantis, Branca de Neve, João e Maria e a Bela Adormecida, apresentam mensagens sublimares fortíssimas. A explicação para isso é simples, as outras histórias proibidas de terror foram adaptadas e tornaram-se historinhas para bebê dormir, deixando os leitores dessas histórias com a sensação de que não estão contando toda a verdade.

Tudo era baseado no sinistro e sobrenatural. Seguindo a minha velha teoria de que não há uma boa história que não tenha sido inspirada na vida real, apesar de poucos autores reconhecerem isso, devemos supor que muitos dos mistérios que tanto atormentam as almas de algumas pessoas, pode ter sua resposta na ficção, disfarçadamente é claro.

Os grandes conquistadores destruíram os impérios e queimaram os livros de muitas civilizações, enterrando para sempre suas culturas e tradições, mas será que queimaram tudo mesmo?

Adolf Hitler participava de algumas organizações secretas, entre elas, uma que achava que os germânicos eram descendentes dos povos de Atlantis. É claro que não dá para levar um maluco tão oportunista como Hitler a sério.

Hitler costumava ter um discurso pronto para os alemães, onde dizia que nenhum império que permitiu aos conquistados usarem armas, sobrevivera para contar a sua história. Por isso ele não permitia a ninguém usar armas, exceto os alemães.

Hitler também achava que sendo descendente do povo de Atlântida, os alemães tinham direito a toda a Europa.

Ora, para ter credibilidade entre toda a elite alemã, esses argumentos deveriam ser muito fortes, bem diferente da eugenia e da raça perfeita, um projeto secreto que complicou a vida de Hitler, principalmente quando ele decidiu exterminar pessoas doentes, epilépticos, loucos, etc.

Seria irônico, se não fosse trágico, um homem que admirava o império romano, exterminar os epilépticos, sabendo que o imperador romano Júlio César era epiléptico.

Outra organização que mantém segredos milenares do Egito, é a maçonaria.

Todos nós sabemos que o Egito possuía um sistema elitizado fortíssimo, que ia desde o escravo até o próprio deus.

Os conhecimentos mais importantes eram reservados para poucos, até porque disso dependia o controle do poder.

Eu penso que, assim como Hitler foi considerado o escolhido pelas sociedades secretas alemãs, os faraós já nasciam com o seu destino traçado, destinado a ser deus, com exceção do primeiro da dinastia, quem inventava toda essa mentira.

A Maçonaria possui uma hierarquia de fazer inveja até aos militares, que seguem o padrão de Genghis Khan. Os conhecimentos que eles tem, ninguém sabe, mas os políticos devem gostar muito.

Nem o sofrimento da escravidão foi suficiente para apagar a cultura africana, pelo contrário, parece que a sua religião fazia com que suportassem os maus tratos de seus senhores.

E foi graças a essa determinação, fé e coragem, que a cultura do povo africano sobreviveu a tudo o que passaram.

Apesar de muita gente associar a cultura do africano ao mal, sua cultura é como todas as outras, ou seja, tem o mal o bem. A magia branca e a magia negra são praticadas pelas boas pessoas e pelas más pessoas, nessa ordem.

A religião e a cultura africana é estritamente relacionada a música, a capoeira é um exemplo de cultura que sobreviveu ao preconceito.

O voodoo, vodu ou seja lá como isso se chame, possui um ritual que chega a dar calafrios.

Praticado por comunidades americanas e centro-americanas, utilizam a galinha preta e sangue da galinha em seus rituais, além da de uma dança que mostra pessoas que parecem estar em transe, mostrando um dos momentos mais obscuros da mente humana.

No Brasil, o caso mais famoso de magia negra foi o da morte de Daniela Peres, pelo seu parceiro de cena. Isso é incompreensível porque mesmo a magia negra não implica em sacrifício humano, o que nos leva a mais um grande mistério e a inevitável pergunta: Porque algumas pessoa são mortas nesses rituais? Seria a falta de controle de seus praticantes?

Apesar disso tudo, a magia branca é diferente e possui muitas divindades, sendo o momento mais importante dessa cultura, na minha opinião, o revelion de passagem de ano, onde são feitas muitas oferendas para os deuses da cultura africana, em nome da paz.

A Bahia talvez tenha uma das maiores culturas africanas do mundo, mas eu me impressionei com a comunidade de Jah, na América Central, até por ser tão atual.

Os políticos misturam um pouco dos protocolos do império romano e das próprias organizações secretas. No Brasil, a mais falada é a maçonaria, uma das organizações mais secretas do mundo mas, nos EUA, a mais famosa é a Skull e Bones.

Nos EUA ainda tem a Ku Klux Klan, uma organização que chega a dar arrepios e que também possui argumentos muito fortes que só os preconceituosos e racistas poderiam entender.

Essa é só uma pequena lista de pessoas em algo que nunca vamos saber exatamente o que é e, particularmente, eu nem quero.

As religiões cristãs são baseadas na história de Jesus Cristo, ou no que nos revelaram sobre a vida dele. Investigar sobre a vida de Jesus Cristo é aceitar os seus ensinamentos e seguir o que ele ensinou, mesmo com tantas perguntas sem respostas, ou sem respostas que tenhamos conhecimento.

Por mais que se tenha curiosidade sobre as religiões malditas, ligadas aos mais conhecidos, Diabo, Satã, etc., fica claro que, quanto mais se estuda, mais a pessoa se entrega a essas práticas acaba se entregando a um conhecimento proibido que nunca deveria ser estudado.

Por isso, eu conclui que é melhor nem querer saber quem é ou o que fazem.

By Jânio

maio 23, 2012 - Posted by | Reflexões | , , , , , ,

4 Comentários »

  1. A total ignorância nos leva a escolhas nem sempre corretas, ter algum conhecimento nos possibilita, pelo menos, ter a ideia do que fazer ou não.

    Comentário por marina | maio 24, 2012 | Resposta

    • Olá Marina:

      Você disse muito bem, conhecimentos e informações verdadeiras são muito importantes. Talvez seja por isso que fazem tanta questão de manter o povo completamente alheio das verdades inconvenientes.

      O jogo de interesse é um elemento difícil de ser combatido, algumas sociedades conseguem um certo controle, durante décadas e até séculos, mas chega uma hora que começa tudo de novo. Isso acontece até nas melhores sociedades.

      ABS

      Comentário por icommercepage | maio 24, 2012 | Resposta

  2. Você só pode ser adepto de alguma religião Afro-Ameríndia

    Comentário por Cácio | maio 24, 2012 | Resposta

    • Olá Cácio:

      Vamos dizer que eu esteja aprendendo muito com todas elas.

      Eu só estou momando um pouco de cuidado para não passar dos limites.

      ABS

      Comentário por icommercepage | maio 25, 2012 | Resposta


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: