Made in Blog

Política, curiosidades, notícias, entretenimento, blogosfera,

Investigação de um cidadão acima de qualquer suspeita

Procurado pelo FBI

Suspeito de Terrorismo

A diferença entre um país e outro, quando se trata de violência, é grande.

A Inglaterra, por exemplo, chegou a matar um brasileiro inocente, numa época conturbada, sob ameaça terrorista.

Apesar disso, a Inglaterra é considerada uma nação rígida no cumprimento da lei, na manutenção da segurança. Locais de risco são constantemente vigiados por policiais sem armas de fogo, as prisões juvenis são uma realidade, inclusive para ricos, que pagam pela estadia “de luxo”, sendo obrigados a seguir uma disciplina rígida e de isolamento.

No território inglês não se nota a violência do resto do império britânico.

Eu tenho uma ideia de que a polícia deve prever as ações dos bandidos, colocando-se antecipadamente nos locais de maior risco, mantendo homens para vigiar aglomerações de suspeitos, enfim, a polícia deveria ser inteligente.

Num país como o Brasil, não é isso o que acontece, parece que quanto maior a miséria, mais as pessoas precisam das igrejas, políticos e polícia. Todo o sistema de nossa sociedade parece se beneficiar com a desgraça da população.

Se não houvessem tantos problemas sociais, talvez as pessoas não procurassem as igrejas, não vendessem os votos em troca de favores políticos.

Para a polícia que tem interesse em combater o crime, há duas linhas de investigação, segundo um seriado especialista no tema, baseado em arquivos da polícia federal americana, Arquivo X:

1 – Quando bandidos fazem ameaças, ou reivindicam, o propósito racional de darem essa informação, é para permitir que os impeçam. Seu objetivo é promover a si mesmo.

Segundo as estatísticas, há um padrão modelo para todos os casos, onde uma ameça faz com que o crime seja confirmado, e solucionado na maioria das vezes. Se não agirem rápidos, ignorando os dados estatísticos, a lógica, o óbvio, o crime não será solucionado, vidas estarão em risco.

2 – No caso do elemento surpresa, é diferente. Atos isolados, imprevisíveis, sem antecipar imprevistos, nem esperar nada num universo de possibilidades infinitas; pode-se ficar a mercê de qualquer fato ou ato, qualquer coisa que não possa ser programada, categorizada, ou facilmente consultada.

Nesse caso,  o que vale é o pressentimento, a capacidade de farejar e investigar, seguidos apenas pelo instinto e pelo ambiente em que se encontram.

No caso do filme “Suspeito Zero”, um ex-agente federal consegue se antecipar  em quase todos os crimes, numa capacidade de “farejar” inacreditável, até para a própria polícia, que o vê como suspeito desses crimes.

Sua capacidade de estar sempre no local do crime, no momento exato em que eles acontecem, é a principal prova que pode incriminá-lo.

O filme cria um clima de gato e rato, onde os culpados pelo crime são assassinados, mas os crimes continuam acontecendo,  o próprio policial dá sinais de insanidade, podendo ser o assassino.

Suspeito Zero – Segundo a teoria, criada pelo antigo agente, um assassino em série poderia atravessar todo o país sem ser pego, contrariando padrões e repetição de comportamento. A teoria supõe alguém sem padrões, uma máquina assassina aleatória que nunca deixaria pistas, nem agiria de acordo com o que a polícia pensa, não a polícia comum.

Suspeitos zero não obedeceriam as leis ou normas comuns, contrariamente, seguiriam o contraditório, aparecendo onde não deveria aparecer, fazendo o que não deveria fazer, agindo de maneira contrária ao esperado. Segundo a teoria do suspeito zero, o próprio criador dela poderia ser o assassino, ou seja o policial poderia ser o assassino.

Para saber se o policial é o assassino, a polícia tem de achá-lo primeiro.

O mais curioso nessa história, é que a polícia poderia resolver outros casos enquanto investiga esse, devido aos ambientes sórdidos, ao faro e a intuição para desvendar um crime, desenvolvido pelo criador dessa teoria.

By Jânio

agosto 27, 2010 - Posted by | Cinema | , , , , , , , , , , , , , ,

5 Comentários »

  1. […] * Publicado no MadeInBlog […]

    Curtir

    Pingback por Ver! | Blog | Investigação de um cidadão acima de qualquer suspeita | agosto 27, 2010 | Responder

  2. Meu caro amigo Jânio, bom dia!!!
    Nos países mais desenvolvidos a violência é tratada e julgada com muito afinco e cuidado… nesta questão o nosso país deve estar na idade da pedra… não sei se lascada ou lascados…
    Os maiores culpados disso tudo com certeza são os problemas sociais e a miséria, mas não são os únicos culpados… impunidade… interesses sociais… entre outros.
    Parabéns pelo excelente texto!
    Abraços e muita paz!!!

    Curtir

    Comentário por Pirollo | agosto 27, 2010 | Responder

  3. Olá Luis:

    Em meus tempos de escola, numa época muito longíqua, costumávamos dizer, é tudo culpa do governo.

    Naquele tempo, o governo era militar, todo mundo criticava. Minha professora, certa vez, depois de ouvir muitas críticas, me disse: “Se os militares te pegam falando isso, você está perdido.”

    Eu não tinha nada contra o governo militar, mas lembrava sempre que o governo militar tinha ficado muito tempo no governo.

    Numa coisa o governo estava certo: Quando dizia que o Brasil é um país do futuro.

    O futuro é da educação, nunca tivemos educação suficiente para crescer, e eu estou falando de todos os tipos de educação: Escola, trabalho, família, sociedade, política, religião, etc.

    O problema é que essa educação era manipulada pelas grandes empresas de comunicação. Esperamos que isso mude, que o povo possa escolher o que quer…e isso só virá com uma boa educação, levará tempo, e teremos que ter certeza que ensinamos direito.

    Um grande abraço.

    Curtir

    Comentário por Jânio | agosto 28, 2010 | Responder

  4. Eu sempre fui contrário a essa visão de que o que gera crime é miséria. Observe o exemplo do crime no Rio de Janeiro. A coisa desandou quando a população das favelas começou a ganhar mais dinheiro. Isso combinado a ausência de poder público e políticas DELIBERADAS tomadas em favorecimento do crime organizado pelo SR. LEONEL BRIZOLA, transformou as favelas num verdadeiro caos.

    Isso pode ser observado atualmente no Nordeste do país. O Nordeste vem vivendo um surto de prosperidade e junto com isso vem o crime, que está em proporções alarmantes nas principais capitais(Fortaleza, Recife, Maceió).

    Curtir

    Comentário por Carlos | fevereiro 8, 2012 | Responder

    • Eu concordo com você, em partes.

      Numa sociedade decadente, não há dinheiro que resolva o nosso problema, por exemplo, se você tiver um ataque cardíaco e não conseguir entrar no Sírio Libanês ou no Albert Einstein, estará condenado a morte.

      Eu já vi muita gente morrer em hospitais públicos, sem pronto socorro.

      A informação tem despertado a ambição do pobre, e isso proporcionado um aumento muito grande no crime.

      A gente não quer só dinheiro, isso é coisa de político mau caráter.

      ABS

      Curtir

      Comentário por icommercepage | fevereiro 9, 2012 | Responder


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Karmas e DNA.

Direitos autorais: Fernanda vaz.

Academia New Star Fitness

A fine WordPress.com site

Gramofone Lunar

Músicas, Versos e Outras Histórias

baconostropicos

Documentário "Baco nos Trópicos"

relutante

leve contraste do sentimentalismo honorário

entregue a solidão

é oque me resta falar e oque me sobra sentir

RB Solutions

Soluções em informática, comunicação e tecnologia

Bora' para Ireland

Smile! You’re at the best WordPress.com site ever

sarahrosalie

A topnotch WordPress.com site

Suburban Wars

"Let's go for a drive, and see the town tonight"

Made in Blog

Política, curiosidades, notícias, entretenimento, blogosfera,

%d blogueiros gostam disto: