Made in Blog

Política, curiosidades, notícias, entretenimento, blogosfera,

Argentina e Alemanha protagonizarão o maior clássico da Copa

Argentina x Alemanha

Clássicos da Copa

O domingo foi cheio de gols na África, apesar dos erros de arbitragens, foram dois grandes espetáculos.

A Argentina está provando que merece ganhar a taça, no jogo de hoje, o time de los hermanos teve uma ajudinha do juiz para desequilibrar o começo da partida, validando o gol em que Carlito tevez estava impedido. No final do jogo, Carlito Tevez ainda foi substituído, saindo com cara de poucos amigos.

Para quem acha que Maradona não é um bom técnico, a vitória sobre a seleção do México, por três a um, mostra que Maradona é um excelente preparador de jogadores, grande líder também.

Tirando Tevez, Maradona mostrou quem é que manda, isso deixa os jogadores mais confiantes com sua autoridade frente ao time.

Quando eu vejo a movimentação do ataque e meio de campo da Argentina, o único pensamento que me vem a cabeça é: “Eu queria ter um Brasil assim.”

Sem querer dizer que a Argentina é melhor que o Brasil é claro, os jogadores brasileiros tem suas próprias características e qualidades. Ter um bom conjunto, num jogo de retranca, pode não ser melhor que um time com grandes qualidades individuais.

Além disso, é preciso considerar o tempo e o espaço. Na copa de 90, por exemplo, quando Maradona humilhou o próprio Dunga, a Argentina tinha, além de qualidades individuais, um bom conjunto.

Contra um time como aquele, era preciso atacar muito, além de evitar que a bola chegasse aos pés de Canídia, Batistuta e do próprio Maradona.

Hoje, felizmente, os tempos são outros. O time brasileiro já goleou o time da Argentina na fase de eliminatórias para a copa, por isso, talvez Argentina não esteja assim tão a vontade contra o Brasil.

Ao golear a Inglaterra, por quatro a um, a Alemanha não prova muita coisa não. Tanto a Alemanha, quanto a Inglaterra, estavam desacreditados, o único detalhe que chama a atenção é o placar, mas até nisso o juiz ajudou a Alemanha.

O jogo entre Argentina e Alemanha, pelas quartas de final, pode até decidir quem será o próximo campeão do mundo. O grande obstáculo em seus caminhos já tem cinco taças na mão, e mesmo não jogando lá essas coisas, impõe respeito.

A questão do favoritismo conta muito nessa hora, o fato de o Brasil não precisar provar nada para ninguém também faz a diferença. Basta lembrar que as melhores seleções da história, que o Brasil já formou, deram vexame.

Na copa passada, por exemplo, se dependesse de um time perfeito, a taça era do Brasil; em 78 e 82, o Brasil era considerado um conjunto perfeito, quase invencível; se dependesse de espetáculo, o Brasil teria mais de dez copas.

O tempo de brincar acabou, brincar é para o Paulistão e Brasileirão, na copa, Robinho vai ser um bom menino, vai ficar quietinho cumprindo sua obrigação. Na copa não se pode enfeitar, porque não se pode errar na frente dos maiores jogadores do mundo.

É isso que faz do Brasil um dos países mais experientes do mundo, afinal as copas de 78 e 82, sem falar a de 2006, serviram para alguma coisa.

 

by Jãnio

junho 28, 2010 Posted by | esportes | , , , , , , , , , , | 2 Comentários

   

Karmas e DNA.

Direitos autorais: Fernanda vaz.

Academia New Star Fitness

A fine WordPress.com site

Gramofone Lunar

Músicas, Versos e Outras Histórias

baconostropicos

Documentário "Baco nos Trópicos"

relutante

leve contraste do sentimentalismo honorário

entregue a solidão

é oque me resta falar e oque me sobra sentir

RB Solutions

Soluções em informática, comunicação e tecnologia

Bora' para Ireland

Smile! You’re at the best WordPress.com site ever

sarahrosalie

A topnotch WordPress.com site

Suburban Wars

"Let's go for a drive, and see the town tonight"

Made in Blog

Política, curiosidades, notícias, entretenimento, blogosfera,

%d blogueiros gostam disto: