Made in Blog

Divulgação, internet, downloads, blogs, web2.0

Qual é o significado dos sonhos

 

sonhos e pesadelos

Interpretação dos sonhos

Seguindo a análise do funcionamento do cérebro, vamos aos poucos passando para uma área muito sensível de nossa mente, o inconsciente (subconsciente). A grande realidade é que a mente, consciente ou não, é obscura; sob certos aspectos a consciência é mais obscura que a própria inconsciência, já que a inconsciência funciona naturalmente.

Em alguns casos, a psicanálise ameaça usar a hipnose para ajudar a desvendar os mistérios de nossa mente, o problema é que nem todos estão dispostos a abrir mão de sua privacidade. Se alguém entra em sua mente, invade o mais intimo de sua existência.

No mais tradicional processo da psicanálise, a pessoa conversa consigo mesma, vai se revelando aos poucos, enquanto o psicanalista  vai motivando, convencendo essa pessoa de que não há nada anormal em sua vida, tudo pode ser lembrado e resolvido, para que a consciência pare de ser incomodada pela inconsciência. A consciência pesada, aqui, seria o peso de algo que atormenta a pessoa, o processo da inconsciência para aliviar esse problema.

Conscientemente tudo pode ser (des)controlado, mas, inconscientemente, tudo é muito instável e natural, sem noção de tempo e espaço.

Durante os sonhos, essa instabilidade da inconsciência chega ao limite. Isso acontece porque tudo o que é reprimido pela consciência, sob pressão da sociedade ou autocensura, durante os sonhos é liberado.

Enquanto o cérebro mantém todo o corpo em repouso, durante o sono, a mente é liberada em todo o seu potencial, podendo resolver os problemas mais impossíveis. Aqueles problemas que a consciência  mantém reprimidos, nos sonhos, eles são manifestados em formas disfarçadas pelo super ego, num universo que só a inconciência entende o seu significado.

Nem todo sonho é disfarçado ou complexo, alguns são bem conhecidos das pessoas, comum a todos. Muita gente já sonhou que estava voando, esse sonho, segundo especialistas, leva a uma interpretação de que a pessoa é ambiciosa, sonhadora, mas, por associação poderia levar a interpretações de que essa pessoa deseja independência, liberdade, isso poderia ser revelado por qualquer amigo que a ouvisse, nem precisa ser um psicanalista.

A combinação do sonho de voar, com a queda, é uma manifestação clara dos riscos da ambição, liberdade e poder.

Na religião, José, no Egito, interpretava sonhos dos egípcios. Sua interpretação mais famosa foi para o faraó, o sonho das vacas gordas e das vacas magras.

“Haviam sete vacas gordas e sete vacas magras pastando no campo, de repente, as vacas magras e feias comeram as lindas vacas gordas.”

Nesse sonho, josé avisava ao faraó que deveria guardar mantimentos durante os sete anos de fartura (tempos de vacas gordas). Durante os sete anos de seca no Egito (tempos de vacas magras), o faraó teria mantimentos para saciar a fome do povo, não fica claro se havia a vontade de Deus, apenas implicitamente.

Essa é uma das tradições que bate de frente com a história de Moisés e do revolucionário Jesus Cristo: Segundo  Jesus, Deus sempre proverá seus filhos. Isso também ficou evidente no deserto, quando Moisés levou o povo para um lugar isolado, sem comida nem água.

Um homem muito rude que sonhe que é uma mulher, poderia significar sua busca de equilíbrio, uma nescessidade de compreender as pessoas frágeis, o oposto de si, algo que se mantém inconsciente, mas que conscientemente seria inaceitável.

Há pessoas que acreditam que o sonho é uma forma de prever o futuro, por isso sonhar com animais, para elas,   pode significar o que vai dar no “jogo do bicho”.

Sonhar que está caindo, poderia significar uma fobia de altura. Como nós dissemos no outro artigo, a fobia está relacionada a um evento  ao qual não queremos nos lembrar, encarando esses medos poderíamos nos lembrar de algo que não queremos.

Esse é um grande dilema: Como poderíamos saber o nível de gravidade daquilo que não queremos lembrar? – Será que vale a pena lembrar esse fato? – Se a fobia está se manifestando, inconscientemente, estamos tomando a decisão de que está na hora de enfrentarmos esses temores.

Quando passamos a sonhar que estamos caindo, seguidamente, todas as noites, então não devemos ser acordados, para que percamos o medo e estejamos preparados para enfrentar determinadas situação.

Segundo o site “O Guru”,  sonhar com corvo pode significar pessoas de olho no que é seu, querendo “infernizar sua vida”, mas também pode significar pureza do ambiente.

Como nós podemos notar no sonho do corvo, há dois níveis de sonho: Um mais vulgar e direto, e outro muito mais sofisticado e complexo, influenciado pelo nível de formação da pessoa.
 
http://www.oguru.com.br/sonhos/significados.php?busca=Voar

O sonho também pode ser uma simples realização de nossos desejos. Ao contrário de nossos pesadelos, nesse caso, nossa mente se encontra em total harmonia.

Sonhar com cobras, tanto pode significar nossa falta de confiança em um determinado grupo ao nosso redor, como poderia ser algo mais complexo, mas é preciso sonhar até o fim, para vencer esse medo.

Conclusão: O  mais importante não é necessriamente interpretar o sonho, mas sonhá-lo até o fim.

Principal fonte: Wikipedia

fevereiro 9, 2011 Posted by | Ciências | , , , , , , , , , , , , , , , , , , | 25 Comentários

O amigo da onça

vantagens_alternativas

Ajuda Inesperada

Há uns dois ou três anos atrás, postei a saga do “Amigo da Onça” no site icommercepage, o personagem é um dos grandes clássicos do folclore brasileiro.

Depois do último curso que eu fiz no SEBRAE, o “Amigo da Onça” me veio novamente à cabeça, por isso vou postá-lo no blog Madeinblog, dando ênfase ao tema empreendedorismo.

O período que antecede a abertura de uma empresa, é o mais importante na vida do empreendedor, é nessa fase que ele descobre que, muitas vezes, não está preparado para para abrir uma empresa.

Parece frustrante imaginar que o futuro empreendedor não tem contatos na área financeira, nem sequer conversou com um gerente  de banco para apresentar o seu plano de negócios, sem o qual é impossível contar com uma instituição bancária.

Através de um gerente de banco, é possível se atualizar sobre as linhas de crédito, taxas atuais de juros, oportunidades  em que uma empresa poderá contar com essa instituição para viabilizar futuros projetos.

Fora isso, há muitas outras perguntas que vão sendo feitas, nem sempre com uma resposta satisfatória, para quem pretende se tornar um bom empresário.

Veja a história:

Reza a lenda que um homem conversava com um amigo, daqueles que não pensa para falar e fala sem pensar.

Eles estavam numa região isolada, numa floresta, e o amigo perguntou:
 
 – Rapaz, que lugar perigoso esse, o que você faria se aparecesse uma onça agora?

 – Eu dava um tiro nela – Respondeu, também sem pensar, o rapaz.

 – E se você não tivesse nenhuma arma? – Perguntou novamente sem pensar o amigo.

 – Que pergunta, eu correria muito. Respondeu o rapaz.

 – E se a onça corresse mais que você? – Tornou a perguntar o amigo.

 – Hum … aí eu subiria na árvore mais próxima – Respondeu, já demonstrando um ligeiro estado de impaciência.

 – E se a onça também subisse na árvore? – perguntou o amigo, já forçando a amizade.

Foi nesse momento que o rapaz se viu sem saída, sem saber o que responder  e já com a paciência esgotada, respondeu.

 – Escuta … vem cá, você é meu amigo ou é amigo da onça?

Se você tem idéia de começar um empreendimento, lembre-se que negócio não é uma aventura. O Brasil não é um país que apóia os novos microempreendedores, não oferece infraestrutura adequada e as taxas de juros são altíssimas, assim como os impostos.

Nesse caso, é bom que você tenha um amigo da onça, ou vários.

Ter bons contatos é bom, desde que nas áreas certas.

O primeiro bom contato que você deverá ter acesso, é também o que mais terá interesse no seu negócio. Seu contador.

Seu contador deverá ser o seu primeiro amigo da onça, será ele o primeiro a testar sua paciência, e a fazer perguntas indiscretas mas oportunas. O contador tem acesso a informações que um empreendedor iniciante não fazia nem idéia que ele sabia.

Não estamos falando, aqui, de uma pessoa com formação em contabilidade, muito menos um contador de uma grande empresa ou instituição, estamos falando de um contador que presta consultoria para várias micro e/ou pequenas empresas, alguém que convive dia-a-dia com os problemas de microempreendedores.

Dependendo da microempresa, o contador poderá oferecer a assessoria para um bom plano de negócios. É claro que a responsabilidade será sempre sua, as respostas deverão ser respondidas por você, inclusive, o ideal é que todas as perguntas tenham sido respondidas antes da conversa com o contador.

Quanto mais experiente o contador, melhor, também é muito importante que esse contador não seja alguém desesperado para conseguir um cliente.

Na fase do plano de negócios, muitas perguntas surgirão. As perguntas chaves que deverão surgir na conversa com o gerente, poderão ser respondidas antecipadamente, com a ajuda dos contatos certos, evitando constrangimentos futuros.

Eu sempre digo que as atividades principais de um negócio, devem ser efetuadas pelo próprio empreendedor, já as atividades comuns a todos os empreendimentos, podem ser terceirizadas; desde contabilidade, pesquisas e possíveis consultorias, até atividades importantes que não comprometam o empreendimento.

As atividades principais, inclusive análise de trabalhos de terceiros, testes e aperfeiçoamentos do  plano de negócios, serão feitos diretamente pelo empreendedor.

É muito importante destacar que o empreendedor não vai redescobrir a roda, nem o fogo, ele deverá concentrar todo o seu esforço nas atividades principais, naquelas que o ajudarão a atingir os seus objetivos, e que ele deverá, mais do que ninguém, estar preparado para executá-las.

Vale relembrar sempre, que nem todos os empreendimentos são complexos; nem todos os empreendimentos exigem muitos empregados; nem todos os empreendimentos exigem conhecimentos técnicos; nem todos os empreendimentos estão sujeitos as altas taxas de impostos.

Leia jornais e colunas especializadas no assunto, esteja atento, para que no futuro você possa responder as perguntas dos amigos da onça.

E você, está preparado para seus amigos da onça?

By Jânio

setembro 18, 2010 Posted by | Empreendedorismo | , , , , , , , , , , , , , , | 8 Comentários

   

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 216 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: